Colombianos são presos em Petrolina na Operação Medellim

(Foto: Polícia Civil/Divulgação)

Três homens foram presos nessa quarta-feira (24) durante a “Operação Medellim”, deflagrada pela Polícia Civil de Petrolina. A ação coordenada pela 214ª Delegacia de Polícia Civil, sob o comando dos delegados Daniel Moreira e Gregório Ribeiro, buscava reprimir associações criminosas formadas por indivíduos de origem colombiana, voltadas para agiotagem e lavagem de dinheiro.

Segundo a polícia, as prisões foram em flagrante, cumprindo mandados expedidos pela 2ª Vara Crime da Comarca de Petrolina. Wbeimar Guillermo Zuluga Castano (vulgo Francisco), Leon Ospina (vulgo Diego) e Jader Andres Montoya serão encaminhados à audiências de custódia.

Grupo tinha dólares

Com o trio a polícia apreendeu cerca de oito mil reais e 400 dólares, além de centenas de cartões de visitas voltados para a prática de empréstimo com pagamento diário a cerca de 20% de juros e ainda vários cadernos de anotação, onde constam transações realizadas pelo grupo.

Atuação interestadual

De acordo com a Polícia Civil, o grupo atua a nível interestadual. Além de Petrolina eles agem nos municípios baianos de Juazeiro, Remanso, Casa nova e Sobradinho, tendo mais de 600 clientes. Todos confessaram os crimes e apontaram Wbeimar como líder do bando. A Operação foi deflagrada a nível nacional.

Homem forja sequestro e é preso pela polícia de Petrolina

Um homem foi preso em Petrolina na quarta-feira (17), após forjar seu sequestro. Segundo a Polícia Civil, Servulo Augusto Almeida Pereira teria sido raptado no último dia 15 e os supostos bandidos exigiram a família da falsa vítima pagamento de R$ 5 mil como resgate.

No entanto, durante as investigações realizadas pela 214ª Delegacia de Polícia Civil, foi descoberta a farsa. Ontem equipes da polícia participaram de uma operação que visava identificar e prender os sequestradores, libertando a suposta vítima.

Depois de vários contatos via telefone entre os falsos sequestradores e a família de Servulo, o pagamento do resgate foi feito mediante acompanhamento da polícia. Ao se aproximarem dos sequestradores a Polícia Civil abordou o próprio Servulo e Valdemario da Silva Almeida, com o envelope contendo os R$ 5 mil.

Segundo a polícia, a falsa vítima queria na verdade extorquir seus pais. Ele e seu comparsa confessaram a ação. A dupla foi presa em flagrante pelo crime de extorsão em concurso de pessoas. Durante a ouvida na delegacia, Servulo ainda se negou a entregar um veículo utilizado por ele que pertenceu a seus pais.

Polícia Civil cumpre mandado de prisão preventiva contra acusado de roubar clínica oftalmológica em Petrolina

(Foto: Divulgação/Polícia Civil)

A Polícia Civil de Petrolina cumpriu nessa terça-feira (29) um mandado de prisão preventiva contra Jefferson Henrique de Brito Lino. Ele é acusado de roubar uma clínica oftalmológica em agosto de 2018, com ajuda de um menor de idade.

LEIA TAMBÉM:

Dupla responsável por roubo em clínica de Petrolina é presa

As investigações foram realizadas na 214ª Delegacia, sob o comando dos delegados Daniel Moreira e Gregório Ribeiro. Em novembro passado o menor – que já tinha passagem pela polícia – apontado como comparsa de e o próprio Jefferson haviam sido detidos.

O menor havia sido encaminhado à FUNASE. Hoje, Jefferson foi encaminhado à Penitenciária Dr. Edvaldo Gomes, onde ficará à disposição da Justiça. Eles são acusados de levar mais de R$ 2.700, entre bens das vítimas e dinheiro da clínica.