Segurança pública e educação são destaques na Casa Plínio Amorim nessa terça-feira

Requerimento foi novamente derrubado (Foto: Blog Waldiney Passos)

Os vereadores de Petrolina estão reunidos nesse momento na Casa Plínio Amorim, para mais uma sessão ordinária de 2019. Na pauta dessa terça-feira (12), não há projetos de lei em votação, porque às 10h será realizada uma Audiência Pública na Camara.

Mesmo assim, os edis apresentarão suas solicitações via Indicações e Requerimentos. Hoje os destaques são o pedido para segurança no Residencial Vivendas, feito pelo vereador Gilberto Melo (PR)ao  5° BPM.

Da Oposição, Gilmar Santos (PT) pede a realização de uma audiência pública para debater os precatórios da Educação municipal. Para isso acontecer, a Situação precisa aprovar o pedido no Plenário da Casa.

Dia das Crianças é celebrado em Petrolina pelo 5º BPM

acao-social

Foi realizada nesta segunda-feira (17) no Clube  da Associação dos Empregados da Codevasf (ASSEMCO) um evento alusivo ao Dia das Crianças que foi promovido pelo 5ºBPM, sediado em Petrolina (PE).

acao-social-jpg-2

O evento foi voltado aos filhos dos Policiais Militares do 5º BPM. A ocasião contou com brinquedo inflável, cama elástica, banho de piscina, palhaço, distribuição de lanches, picolés, sorvetes,  iogurtes, além de sacolinhas de guloseimas.

acao-social-3

Durante o dia, as crianças aproveitaram para valorizar a criatividade, com brincadeiras, descontração, socialização e integração, havendo o fortalecimento de vínculos familiares.

Petrolina pode ganhar Patrulha Maria da Penha

palestra

A patrulha realiza atividades de policiamento ostensivo e preventivo, direcionadas ao acompanhamento das mulheres vítimas de violência doméstica. Foto: Ascom

Foi realizada nesta terça-feira (14) uma palestra com o tema “Proteção às mulheres vítimas de violência doméstica”, ministrada por integrantes da Secretaria da Mulher do Estado de Pernambuco, Michele Colto, Lívia Arruda, e pelos policiais Ilçara e Assunção .
O 5° BPM irá realiza um estudo para a implantação da Patrulha Maria da Penha na cidade e já está viabilizando um atendimento qualificado neste tipo de ocorrência. A patrulha realiza atividades de policiamento ostensivo e preventivo, direcionadas ao acompanhamento das mulheres vítimas de violência doméstica e à fiscalização do cumprimento das Medidas Protetivas de Urgência por parte dos agressores.

“Efetivo não é fator que vai prejudicar nosso trabalho. Buscar parcerias é a grande solução”, afirma comandante do 5º Batalhão da PM, em Petrolina

"Polícia tem que estar junto do povo, da sociedade,participando de reuniões, indo para as escolas, escolhendo territórios mais sensíveis", destaca tenente coronel Ricardo Peres/Foto: Blog WP

“Polícia tem que estar junto do povo, da sociedade,participando de reuniões, indo para as escolas, escolhendo territórios mais sensíveis”, destaca tenente coronel Ricardo Peres/Foto: Blog WP

À frente do comando do 5º Batalhão da PM desde novembro de 2015, o tenente coronel Ricardo Peres conhece bem os mecanismos que fazem o setor da segurança pública ter resultados positivos. Em quase uma década atuando especificamente em áreas do sertão, o comandante tem a ciência de que traçar parceria e estimular seus comandados ainda é a melhor fórmula para superar os desafios e reduzir os índices de violência. “O gestor tem que ter estratégia, metodologia e trabalhar com os recursos humanos que tem em mãos. Fazer a coisa fluir e acontecer. Precisamos sempre analisar os contextos sociais e , em cima disso, viabilizar o trabalho, porque tem variantes, crise financeira. Efetivo não é fator que vai prejudicar nosso trabalho. Buscar parcerias é a grande solução, promover o envolvimento de todos os poderes”, avalia Peres.

O tenente coronel recebeu nossa reportagem esta semana para um bate papo sobre demandas sugeridas por nossos leitores e internautas. Confira agora a entrevista na íntegra:

Blog Waldiney Passos – O 5º Batalhão da PM está inserido numa área de reconhecido dinamismo e desenvolvimento sócio-econômico. Isso interfere, de certa forma, na segurança pública. Em patamares atuais, qual o perfil da violência em Petrolina?

Comandante Ricardo Peres – Uma boa pergunta porque nos dá a oportunidade de esclarecermos  aspectos do nosso trabalho. Já próximos de findar esse primeiro  semestre e podemos dizer que tivemos várias etapas diferenciais da violência. No primeiro trimestre verificamos um aumento considerável dos crimes de proximidade, ou seja, conflito na comunidade, crimes afetivos, familiares. Casos bem característicos na região, emblemáticos, porque em sua maioria são crimes que ocorrem dentro de casa. Já a partir de abril vimos este cenário mudar, intensificamos ações preventivas e observamos mais os crimes ocorridos na zona rural, em áreas de projetos, com atuação de grupos; também de adolescentes com práticas criminosas, enfim, já colocamos estes números em seus patamares e tivemos essas evidências.

Blog WP- Petrolina, por si só, já é uma cidade que apresenta várias demandas. Além dela, o 5º BPM atua ainda em  Dormentes e Afrânio. O efetivo é um grande desafio para a realização das atividades cotidianas?

Peres – Olha, essa discussão não considero justa. Há oito anos trabalho no Sertão, entre idas e vindas, e a gente já verificou várias coisas. Não concordo com esse discurso. É necessário investir na inteligência, na qualidade da formação, no preparo do nosso policial, ver como integrar com outros parceiros como Policia Federal, Guarda Municipal, Polícia Rodoviária Federal, Justiça, Polícia Civil; acredito que a integração das forças é que faz ações eficientes. Porque às vezes você pode ter material humano em quantidade, mas não em qualidade ou com pouca produtividade. E um profissional motivado vale por dez. Acredito que o gestor tem que integrar forças, motivar. Várias vezes que passei por aqui, dificilmente você vai me ver apontar para efetivo ou logística como sendo causas para atingirmos ou não os objetivos propostos. O gestor tem que ter estratégia, metodologia e trabalhar com os recursos humanos que tem em mãos. Fazer a coisa fluir e acontecer. Precisamos sempre analisar os contextos sociais e , em cima disso, viabilizar o trabalho, porque tem variantes, crise financeira. Efetivo não é fator que vai prejudicar nosso trabalho. Buscar parcerias é a grande solução, promover o envolvimento de todos os poderes.

LEIA MAIS

Em ação conjunta, policiais militares de Petrolina e Juazeiro localizam homem com prisão preventiva decretada

Uma ação conjunta entre equipes Malhas da Lei, do 5º Batalhão da PM em Petrolina, com policiais militares da Bahia resultou, nesta quinta (14), na prisão de Uendel de Jesus Nascimento, 25. Contra ele havia em aberto um mandado de prisão preventiva. Os policiais chegaram até o acusado após vários dias de monitoramento.

Uendel foi localizado e capturado na residência de uma tia, em Juazeiro. A ocorrência foi registrada da delegacia da Polícia Civil do vizinho município baiano.

Com informações do 5º BPM.