Cães e gatos aguardam adoção no Controle de Zoonoses de Petrolina

O CCZ conta com diversos cães e gatos para adoção, são filhotes e cães adultos que são recolhidos nas ruas, tratados e colocados para adoção responsável. (Foto: Blog Waldiney Passos)

Para garantir o bem-estar de animais e da população petrolinense a secretaria de saúde, através do Centro de Controle de Zoonoese (CCZ), atua no controle de doenças que podem ser transmitidas de animais para seres humanos. Entretanto, nem todo mundo entende qual é o real papel da instituição para o município.

O CCZ ganha maior visibilidade durante o período de campanha de vacinação contra a raiva, quando percorre a cidade vacinando cães e gatos. Porém, como muitas pessoas deixam de vacinar seus animais durante a ação, ao final da campanha a vacina fica disponível no prédio do Centro de Zoonoses.

Em 2016, cerca de 37 mil animais – cães e gatos – foram vacinados em Petrolina e ainda estão disponíveis cerca de 2.000 doses da vacina para quem procurar o centro e tiver interesse em vacinar seu animal de estimação.

O local conta com cães e gatos disponíveis para adoção, e com consultas com médicos veterinários de maneira gratuita às quartas-feiras. Esta iniciativa não é função da instituição, mas o trabalho acontece para evitar o abandono de cães doentes nas ruas.

“O centro faz primeiramente o trabalho de zoonoses e depois dá esse apoio aos animais. Estamos oferecendo consultas às quartas-feiras porque antigamente as pessoas não queriam mais o cão, ligavam para o CCZ e ele era recolhido, agora não é mais dessa forma. Se for necessário o animal fica, mas 99% dos casos não precisa. Na medida do possível tentamos ajudar, mas essa não é a nossa função”, explica o médico veterinário do CCZ, Washington Luiz.

LEIA MAIS

Neste sábado Associação Proteger realiza nova feira de adoção de animais em Petrolina

adoção cães e gatosA Associação Proteger, realiza neste sábado (3), a partir das 9h30, um anova feira de adoção de animais. O evento vai acontecer na praça da Academia das Cidades (antiga Praça da Sementeira). Todos os animais disponibilizados para adoção são castrados e vermifugados.

Para adotar um animal, é necessário apresentar CPF, RG (Identidade) e comprovante de residência. É obrigatório ser maior de idade ou estar acompanhado de um responsável. No ato da adoção, o (a) candidato (a) passa por uma entrevista para confirmar se está apto (a) a ter um animal de estimação.

LEIA MAIS

Associação Proteger realiza nova feirinha de adoção no próximo sábado

feirinha16A Associação Proteger, ONG que atua em prol da proteção dos animais na região, realizará, no próximo sábado (3), mais uma Feirinha de Adoção de Animais em Petrolina (PE). O evento tem início a partir das 9h30 e acontece na praça da Academia das Cidades (antiga Praça da Sementeira).

Cães e gatos castrados, vacinados contra raiva (com exceção dos filhotes) e vermifugados estarão disponíveis para adoção. Para adotar um animal, é necessário apresentar CPF, RG (Identidade) e comprovante de residência. É obrigatório ser maior de idade ou estar acompanhado de um responsável. No ato da adoção, o (a) candidato (a) passa por uma entrevista para confirmar se está apto (a) a ter um animal de estimação.

Além das adoções, voluntários da associação estarão vendendo lanches no local. Durante o evento serão comercializados produtos pet, como roupinhas, coleiras, lacinhos e gravatas. A ONG vai receber doações de ração, material de limpeza, medicamentos veterinários, produtos pet, lençóis e toalhas velhas, entre outros.

LEIA MAIS

‘Papai Noel dos Correios’ já está com cartas para serem adotadas, em Petrolina

Agência dos Correios com presentes para o Natal. (Foto: Reprodução EPTV)

(Foto: Ilustração)

As crianças já começaram a enviar suas cartas para o Papai Noel com seus pedidos de natal e a campanha nacional ‘Papai Noel dos Correios’ já está recebendo os padrinhos para a adoção das cartas. Aqueles que tiverem o interesse de tornar real os pedidos dessas crianças em Petrolina (PE) podem ir a uma agência dos Correios até o dia 20 de dezembro e escolher uma ou mais cartas para realizar o desejo dos jovens.

A entrega dos presentes devem ser feitas pelos padrinhos durante o mês de dezembro, na própria agência. Segundo o supervisor de uma das unidades de Petrolina, Sérgio Mafra, a participação da sociedade é crucial para o sucesso do programa. “Ano passado, mais de 3.700 cartas foram disponibilizadas aqui na cidade. Dessas, cerca de 1.200 foram adotadas”, disse.

LEIA MAIS

Giovana Ewbank rebate críticas após adoção da pequena “Titi”

-bruno-gagliasson_ Giovana ewbank

Giovanna Ewbank resolveu se manisfestar sobre a ação de Titi no instagram./ Foto: instragram

O casal Bruno Gagliasson e Giovana Ewbank tem sido vítimas de comentários negativos nas redes sociais após a adoção da pequena Chissomo, de 2 anos, nascida no Malauí, na África.

As opiniões se dividem: de um lado, pessoas que aprovam a atitude do casal e acham que foi uma atitude nobre; do outro, há quem condene os atores e afirme que aqui no Brasil existem milhares de crianças que poderiam ser escolhidas por eles.

Após a repercussão, Giovanna Ewbank resolveu se manisfestar sobre a ação de Titi, apelado dado à criança, e disparou: “Amor não tem endereço”. A declaração foi divilgada pelo jornal “O Globo”.

Feira de adoção de animais será realizada neste sábado

cão

A expectativa é que o maior número de adoções seja de animais adultos./ Foto: assessoria

Será realizado no próximo sábado (09),  a II Feira de Adoção de Animais no Centro de Controle de Zoonoses de Petrolina (CCZ). Em média, 40 animais, entre cães e gatos, estarão disponíveis. A expectativa é que o maior número de adoções seja de animais adultos.

Para adotar é preciso levar um documento de identificação (RG ou CPF) e um comprovante de residência. O evento acontecerá a partir das 13h na sede do CCZ, localizado na Rua Pedra do Bode, s/n, Jatobá (próximo ao Clube Sindsemp).

No próximo sábado acontece a II Feirinha de Adoção de Cães e Gatos do Centro de Controle de Zoonoses em Petrolina

cães

Procura-se um dono de estimação. (Foto: Ilustração)

No próximo sábado (9), a partir das 13h, acontece em Petrolina a II Feirinha de Adoção de Cães e Gatos do Centro de Controle de Zoonoses, no próprio Centro de Controle de Zoonoses (CCZ). O evento disponibiliza cães e gatos achados na rua para adoção. Todos os animais são devidamente tratados ao chegarem no CCZ, recebendo vacinas, e alguns passam pelo processo de castração.

Segundo a veterinária Aline Constatino, uma das responsáveis pela organização da feira, as adoções permitem, além de achar um lar para o animal, aumentar a captação do CCZ, dessa forma mais cães e gatos encontrados nas ruas podem ser tratados no Centro. Além disso, segundo a veterinária, o encontro é uma oportunidade para a população conhecer as instalações do CCZ e conhecer o trabalho que eles desenvolvem com os animais.

Quem for à feira e quiser adotar algum cão ou gato, deverá apresentar uma cópia do RG, CPF ou outro documento de identificação, e um comprovante de residência. Ao fazer a adoção o adotante preencherá uma ficha de cadastro e poderá levar o seu animal de estimação para casa.

Após a adoção haverá um acompanhamento para se verificar como anda os cuidados com bicho e havendo uma resposta positiva quanto ao zelo do animal, o proprietário receberá um desconto no IPTU, concedido pela Prefeitura.

 

Ampliação de licença paternidade é publicada no Diário Oficial

licenca paternidade

De acordo com o decreto, a licença-paternidade ampliada será concedida ao servidor público que pedir o benefício no prazo de dois dias úteis após o nascimento ou a adoção da criança.

O governo federal publicou nesta quarta-feira (04), no Diário Oficial da União (DOU) a ampliação da licença-paternidade no serviço público. Decreto assinado pela presidente Dilma Rousseff e o ministro do Planejamento, Valdir Simão, institui o Programa de Prorrogação da Licença-Paternidade para os servidores regidos pela Lei nº 8.112, de 11 de dezembro de 1990.
De acordo com o decreto, a licença-paternidade ampliada será concedida ao servidor público que pedir o benefício no prazo de dois dias úteis após o nascimento ou a adoção da criança e terá duração de quinze dias, além dos cinco dias já concedidos. Nos casos de adoção, o decreto considera criança a pessoa de até 12 anos de idade incompletos.
O beneficiado pela prorrogação da licença-paternidade não poderá exercer qualquer atividade remunerada durante a prorrogação da licença-paternidade podendo ter o benefício cancelado.

Desafios da adoção serão debatidos em curso promovido pela Vara da Infância e Juventude de Petrolina

A sala de estudos do Sindicato dos Servidores Municipais de Petrolina (Sindsemp) será palco nesta terça (12) e quarta (13) para a realização do 8º Curso de Pretendentes à Adoção, promovido pela Vara da Infância e Juventude. Trinta e nove candidatos habilitados ao processo irão receber orientações sobre aspectos como motivações psicológicas para adoção, preconceitos, educação das crianças, dentre outros. O curso terá início às 8h.

“O curso vai poder orientar melhor os futuros pais e mães sobre os desafios e as especificidades do ato de adotar”, pontua a psicóloga que coordena o núcleo psicossocial da Vara da Infância e Juventude de Petrolina, Andrea de Góis.

Durante os dois dias de curso, os candidatos serão orientados sobre os aspectos jurídicos, psicológicos, sociais e pedagógicos que envolvem a adoção e o exercício da parentalidade. A defensora pública Carolina Izidoro também vai participar do evento pontuando informações jurídicas.

Centro de Zoonoses de Petrolina promove 1ª Feira de Adoção

feira de adoção ccz

Será realizada nesse domingo (10) a 1ª Feira de Adoção do Centro d Zoonoses d Petrolina.  A feirinha começa às 09h e vai até às 11h30. De acordo o CCZ, os animais adultos foram castrados, entretanto, os filhotes não, devido a idade. Masquando atingirem a idade de oito meses, pode retornar a unidade que serão castrados gratuitamente.

Para adotar um animal, basta ser maior de 18 anos e comparecer ao CCZ, portando RG, CPF e comprovante de residência.

O Centro fica localizado após o condomínio Portal das Águas, ao lado do depósito da Polícia Civil na mesma rua do Matadouro Municipal de Petrolina.

Outras informações, ligue 3867 4774

STF decide que servidoras públicas que adotam tem direito de 6 meses de licença

bebe

O Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu hoje (10) estabelecer prazo de 180 dias de licença-adotante remunerada para servidoras públicas com filho adotado. Com a decisão, a Corte igualou a regra válida para os casos de licença-maternidade para servidoras gestantes. A decisão abrange somente servidoras que são regidas pela Lei 8.112/1990, conhecida como Estatuto do Servidor Público Federal.

A partir de agora, servidoras poderão pedir licença-adotante de 120 dias, prorrogáveis por mais 60. Antes da decisão do Supremo, as adotantes tinham direto a 30 dias de licença, prorrogáveis por mais 15. A decisão não vale para pais adotivos.

A Corte julgou o recurso de uma servidora pública que não conseguiu obter licença de 180 dias após ter adotado uma criança menor de um ano. Ao julgar o caso, o ministro Luís Roberto Barroso, relator do recurso, entendeu que a legislação não pode estabelecer prazos diferentes para licença de mães adotantes e gestantes

“Se quanto maior é a idade, maior é a dificuldade de adaptação da criança à nova família, e se o fator mais determinante da adaptação é a disponibilidade de tempo dos pais para a criança, não é possível conferir uma licença-maternidade menor para o caso de adoção de crianças mais velhas.”, disse o ministro.

A ministra Rosa Weber, que é adotante, também votou para igualar as regras de licença-maternidade e licença-adotante, por entender que negar o direito aos prazos iguais significa discriminar a criança adotada.

“Ao Estado, enquanto comunidade, interessa a formação de um ser humano saudável, e, nisto, é insubstituível o papel da mãe, especialmente nos primeiros meses, seja um filho natural ou não”, disse a ministra.

Também votaram a favor dos prazos iguais para os dois tipos de licença os ministros Edson Fachin, Teori Zavascki, Luiz Fux, Dias Toffoli, Cármen Lúcia e Ricardo Lewandowski. Marco Aurélio rejeitou o recurso por questões processuais.

12