Agrovale emite nota de esclarecimento sobre acidente envolvendo caminhões entre Juazeiro e Curaçá

Um dos caminhões ficou completamente destruído.

Após o acidente que aconteceu nessa quarta-feira (24) envolvendo dois caminhões na na BA-210, que fica entre Juazeiro e Curaçá, a Agrovale decidiu se manifestar sobre boatos que afirmavam que a fumaça que provocou o acidente seria de responsabilidade da empresa.

Na oportunidade, moradores da localidade informaram que o acidente havia acontecido devido a uma grande quantidade de fumaça que invadiu a pista. Pequenos focos de incêndios foram vistos ao longo das laterais da rodovia.

De acordo com a Agrovale, “a área em questão é de colheita mecanizada, sem emprego de fogo, e a sobra da palhada de cana está no cronograma de enfardamento para posterior doação aos pequenos agricultores rurais da região”.

LEIA MAIS

Artistas de Juazeiro e Petrolina fazem live solidária próximo domingo (24)

Uma live em solidariedade à classe artística do Vale do São Francisco reunirá os talentos musicais de Targino Gondim, Desejo de Menina, Vitor Fernandes, Matheus Torres, Lenno e Alan Cleber.

A ‘Pernalive’, com o grande show de atrações, será transmitido no próximo domingo (24), a partir das 14h pelo YouTube do Perna–longa Entretenimento: www.youtube.com/pernalongashows.

LEIA MAIS

Fake News: Agrovale desmente áudio sobre suposta contratação de funcionários do Ceará

(Foto: ASCOM)

A Agrovale emitiu uma nota nessa quarta-feira (22) para desmentir um áudio que circula nos grupos de WhatsApp. A empresa desmente a informação de que teria contratado cortadores de cana do Ceará e classifica o boato como fake news.

Segundo a nota, a empresa está atendendo todas as regras do Ministério da Saúde durante a pandemia do coronavírus. “A Agrovale, além dos procedimentos médicos como os exames admissionais previstos em Lei, vem adotando ainda o monitoramento constante através da aferição da temperatura corporal e anamnese de saúde dos empregados”, explica.

Leia a seguir a íntegra da Nota de Esclarecimento:

LEIA MAIS

Mais de 5 mil trabalhadores serão vacinados em Juazeiro-BA

Começou nesta terça-feira (7) e prossegue até meados do mês de maio uma campanha da Agrovale para vacinação de 5 mil trabalhadores contra a gripe Influenza A (H1N1). A vacina contém a nova composição de CEPA pandêmica (H1NI) e sazonal atualizada pela Organização Mundial de Saúde (OMS) e Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA) para o ano de 2020.  A vacinação também será disponibilizada gratuitamente para todos os trabalhadores que serão contratados pela empresa visando a safra 2020.

Acontecendo nas dependências da própria empresa, a vacinação dos trabalhadores, segundo o diretor Agrícola da Agrovale, Cid Porto Filho, preserva a saúde e garante um ambiente de trabalho saudável, seguro e produtivo. “Realizamos uma parceria com o SESI/DR/BA e fizemos um investimento de R$ 210 mil tendo em vista que a gripe é uma doença altamente contagiosa que atinge em média, 10% dos adultos”, ressaltou o diretor, lembrando ainda que a vacinação tem uma eficácia de até 95% no combate à doença.

Covid – 19  

A Agrovale, em atendimento às orientações do Ministério da Saúde, vem tomando os cuidados necessários para a proteção e o bem-estar dos trabalhadores, com a adoção de uma série de medidas preventivas no combate à pandemia do Coronavírus (Covid-19). A primeira iniciativa foi o afastamento das atividades dos empregados que se enquadram no grupo de risco: pessoas acima de 60 anos de idade, gestantes, portadores de doenças crônicas.

Para evitar aglomerações, a empresa está limitando o número de trabalhadores em áreas como o restaurante e vestiários. Nestes espaços e também no acesso ao registro de ponto, foram feitas marcações nos pisos a fim de que se mantenha a necessária distância entre as pessoas.

Desde o início da pandemia a Agrovale está efetuando, de forma rigorosa, a higienização de áreas comuns, incluindo os ônibus, com substâncias desinfetantes, além da distribuição de álcool em gel em diversos pontos da empresa. Outras iniciativas que também vem obtendo bons resultados são as palestras educativas e de conscientização com a distribuição de panfletos contendo orientações para enfrentamento ao Covid – 19.

Mais de 5 mil trabalhadores serão vacinados em Juazeiro-BA

(Foto: Ascom/Agrovale)

Começou nesta terça-feira (07) e prossegue até meados do mês de maio uma campanha da Agrovale para vacinação de 5 mil trabalhadores contra a gripe Influenza A (H1N1). A vacina contém a nova composição de CEPA pandêmica (H1NI) e sazonal atualizada pela Organização Mundial de Saúde (OMS) e Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA) para o ano de 2020. A vacinação também será disponibilizada gratuitamente para todos os trabalhadores que serão contratados pela empresa visando a safra 2020.

Acontecendo nas dependências da própria empresa, a vacinação dos trabalhadores, segundo o diretor Agrícola da Agrovale, Cid Porto Filho, preserva a saúde e garante um ambiente de trabalho saudável, seguro e produtivo. “Realizamos uma parceria com o SESI/DR/BA e fizemos um investimento de R$ 210 mil tendo em vista que a gripe é uma doença altamente contagiosa que atinge em média, 10% dos adultos”, ressaltou o diretor, lembrando ainda que a vacinação tem uma eficácia de até 95% no combate à doença.

Covid – 19

(Foto: Ascom/Agrovale)

A Agrovale, em atendimento às orientações do Ministério da Saúde, vem tomando os cuidados necessários para a proteção e o bem-estar dos trabalhadores, com a adoção de uma série de medidas preventivas no combate à pandemia do Coronavírus (Covid-19). A primeira iniciativa foi o afastamento das atividades dos empregados que se enquadram no grupo de risco: pessoas acima de 60 anos de idade, gestantes, portadores de doenças crônicas.

Para evitar aglomerações, a empresa está limitando o número de trabalhadores em áreas como o restaurante e vestiários. Nestes espaços e também no acesso ao registro de ponto, foram feitas marcações nos pisos a fim de que se mantenha a necessária distância entre as pessoas.

Desde o início da pandemia a Agrovale está efetuando, de forma rigorosa, a higienização de áreas comuns, incluindo os ônibus, com substâncias desinfetantes, além da distribuição de álcool em gel em diversos pontos da empresa. Outras iniciativas que também vem obtendo bons resultados são as palestras educativas e de conscientização com a distribuição de panfletos contendo orientações para enfrentamento ao Covid – 19.

Petrolina  e Juazeiro recebem doação de 20 mil litros de álcool 70

(Foto: ASCOM)

A prefeitura de Petrolina recebeu nesta sexta-feira (27), um reforço considerável no enfrentamento ao Coronavírus (Covid -19). A empresa sucroalcooleira, Agrovale, que fica em Juazeiro (BA), fez a doação ao município pernambucano de 10 mil litros de álcool 70.

Destinado à higienização e assepsia dos profissionais de saúde e demais colaboradores das unidades e serviços de atenção ao usuário do Sistema Único de Saúde (SUS de Petrolina), o álcool 70, segundo o prefeito do município, Miguel Coelho, chegou em boa hora.

LEIA MAIS

Agrovale vai doar solução de álcool 70 para unidades de saúde

(Foto: Marcello Casal Jr/Agência Brasil)

A Agro Indústrias do Vale do São Francisco S.A (Agrovale) decidiu doar ao sistema público de saúde, através do Governo do Estado de Bahia, a solução de álcool 70 para a produção de álcool em gel, com o objetivo de contribuir com o combate à disseminação do novo coronavírus (Covid-19).

Para a doação, que também vai contemplar os municípios de Juazeiro e Petrolina, a empresa já iniciou as tratativas com a prefeitura da cidade pernambucana e procederá os encaminhamentos com o executivo municipal de Juazeiro.

LEIA MAIS

Bombeiros são acionados para combater incêndio próximo a Agrovale, em Juazeiro

Equipes tiveram trabalho na tarde de ontem (Foto: Corpo de Bombeiros Militar)

O Corpo de Bombeiros Militar da Bahia atendeu duas ocorrências de incêndio em Juazeiro na tarde de quinta-feira (30). Segundo o 9º Grupamento, a primeira ação foi registrada na tarde de ontem, na BR-235, na entrada principal da Agrovale. Equipes relataram fogo em uma roça de coco.

As chamas foram combatidas com êxito. Já no final da tarde, no bairro Country Club, por trás do colégio GEO um novo foco de incêndio. O 9º Grupamento relatou que o fogo foi provocado por populares, mas devido à rápida reação das equipes não houve prejuízos à unidade e população local.

Nas duas ocorrências as equipes não relataram feridos. Caso a população necessite dos serviços dos Bombeiros, pode acioná-los através do número 193.

Natal Solidário da Agrovale beneficia nove instituições do Vale do São Francisco

(Foto: Divulgação)

O Natal Solidário da Agrovale, edição 2019, fez a alegria de crianças e idosos em nove instituições nas cidades de Juazeiro (BA) e Petrolina (PE). As instituições beneficiadas foram EMEI Edivânia Santos Cardoso (bairro João XXIII), EMEI – Gentil Damásio do Nascimento (bairro Alto da Aliança), Flores do Amanhecer (bairro Argemiro,) Escola Municipal De Educação Infantil Antônio Guilhermino (bairro Antônio Guilhermino), EMEI Vanda Guerra (bairro João Paulo II) e EMEI Manoel Alves da Mota (Distrito de Maniçoba), Lar São Vicente de Paulo, APAE de Juazeiro e APAMI.

Tradicionalmente, o Natal Solidário da Agrovale distribuiu guloseimas, kits de higiene pessoal e brinquedos. No total, foram entregues às crianças cerca de dois mil presentes, entre brinquedos e kits de guloseimas. Tudo com a presença do palhaço ‘Paçoquinha’ que divertiu a criançada com apresentações teatrais e brincadeiras.

LEIA MAIS

Agrovale ajuda Juazeiro a ser cidade mais empregadora da Bahia

Agrovale é destaque em geração de empregos.

A Agrovale foi um dos grandes destaques de geração de emprego, segundo os dados divulgados pelo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), do Ministério do Trabalho e Emprego. A empresa foi a que mais contribuiu para que Juazeiro (BA) ficasse com o primeiro lugar na Bahia.

Os números foram anunciados na última quarta-feira (27) e de um total de 4.273 empregos de carteira assinada o segmento da agricultura, a Agrovale responde com 1.757, ficando a indústria em segundo com 1.510 e a área de serviços com 1.127.

Ampliando sua participação, ano a ano, no saldo de contratações com carteira assinada, a Agrovale teve relevante contribuição na geração de empregos e renda para a região em 2019, especificamente entre os meses de janeiro a outubro.

LEIA MAIS

Agrovale conquista selo e prêmio estadual de Boas Práticas de Aprendizagem Profissional

(Foto: Divulgação)

A Agrovale recebe nesta terça-feira (5), em Salvador (BA), duas importantes condecorações. O Prêmio Reconhecimento das Boas Práticas da Aprendizagem Profissional, concedido pelo Fórum Baiano de Aprendizagem Profissional – FOBAP e o Selo das Boas Práticas da Aprendizagem Profissional conferido pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Rural – SENAR-BA. A solenidade de entrega acontece no Teatro Castro Alves durante a III Feira de Aprendizagem Profissional da Bahia.

Escolhida entre empresas selecionadas em todo Estado, a Agrovale vem desenvolvendo um projeto de qualificação profissional onde os funcionários e colaboradores são incentivados na busca constante de aprendizagem e de autodesenvolvimento. De acordo com a gestora de Recursos Humanos (RH) da Agrovale, Roberta Santos, a conquista do prêmio e do selo é o resultado do trabalho diário de uma equipe dedicada e bastante afinada.

LEIA MAIS

Ronaldo Silva critica clima “político” contra Agrovale: “Sempre trouxe a prosperidade para nossa cidade”

Ronaldo Silva defendeu Agrovale (Foto: Blog Waldiney Passos)

Para o vereador Ronaldo Silva (PSDB) a população petrolinense está sendo injusta com a Agrovale. O edil citou as recentes queixas de petrolinenses na imprensa local, criticando a presença de fuligem em suas residências. Para Ronaldo, essa onda de manifestação é política.

LEIA TAMBÉM:

Incêndio destrói 7,14 hectares de cana-de-açúcar da Agrovale; empresa afirma que ação foi criminosa

“Quando cheguei aqui em 87 foi a Agrovale que me acolheu me dando oportunidade para que eu pudesse trabalhar e construir uma família. Meu sogro foi um dos primeiros gerentes. Hoje a Agrovale emprega mais de 5 mil funcionários direto, mais de 20 mil funcionários indiretos. A Agrovale joga na economia da nossa região mais de R$ 200 milhões em salário”, destacou o edil.

LEIA MAIS

Incêndio destrói 7,14 hectares de cana-de-açúcar da Agrovale; empresa afirma que ação foi criminosa

(Foto: Ilustração)

Um incêndio de grandes proporções devastou 7,14 hectares de cana-de-açúcar da Agrovale, em Juazeiro (BA), na noite do último sábado (19). Segundo informações da empresa, a área atingida pelo fogo fica no lote 12 do Campo São Carlos, uma das partes do canavial mais próximas das cidades de Juazeiro e Petrolina (PE).

“A direção da empresa tomou uma série de providências logo que detectou o sinistro e após o registro de um Boletim de Ocorrência (BO), junto à delegacia de Polícia Civil, em Juazeiro, informou o ocorrido também aos órgãos ambientais de competência, INEMA e o IBAMA”, diz um trecho da nota da Agrovale divulgada há pouco.

LEIA MAIS

Escola municipal de Juazeiro recebe doação para criação de horta comunitária

(Foto: Divulgação)

Cerca de 390 alunos da Escola Municipal Prefeito Aprígio Duarte, no Residencial Juazeiro I, que atende alunos também dos residencias Juazeiro II e III, em Juazeiro -BA, tiveram uma grata surpresa  na manhã desta sexta-feira (6).

Em meio ao anúncio do início dos trabalhos para implantação de uma horta comunitária, a criançada vibrou com a chegada dos equipamentos que vão permitir o cultivo de hortaliças, legumes e ervas medicinais nas dependências da escola.

A ação, que mobilizou os estudantes da Educação Infantil e Fundamental I, com idades entre 3 e 9 anos, faz parte do projeto ‘Horta na Escola’, desenvolvido pela Agrovale que pretende implantar mais três unidades em Juazeiro e Petrolina (PE), até o final deste ano.

LEIA MAIS

“Adubo doce”, melaço da cana-de-açúcar eleva produtividade agrícola no Vale do São Francisco

(Foto: Ascom)

O melaço da cana-de-açúcar tem permitido o aumento da produtividade na região do Vale do São Francisco. O produto obtido através da mistura de sacarose e sais minerais está sendo utilizado nos pomares de uva, resultando no crescimento de 15% na produtividade local.

A mistura é aplicada na agricultura por meio da fertirrigação – para cada 200 litros de água é adicionado 5 litros do produto – o fertilizante natural multiplica os microorganismos do solo, melhora a coloração das folhas e dos frutos e dá mais qualidade na vida das plantas com o uso recomendado em praticamente todas as culturas. Geralmente são aplicados 25 litros por hectare durante uma safra.

Apelidado de “adubo doce”, o melaço garante também economia ao agricultor. “Quando utilizado juntamente com um agente de controle de pragas o melaço aumenta a eficiência gerando economia para o produtor”, explicou o engenheiro agrônomo e consultor agrícola, Pedro Ximenes.

LEIA MAIS
123