Inquérito sobre morte de Alice Rodrigues deve ser concluído até amanhã

Nielton foi preso e não confessou crime, apesar das provas encontradas (Foto: Polícia Civil/Divulgação)

Nessa quinta-feira (24) completa uma semana da morte da jovem Alice Nilza Rodrigues, de 19 anos. Ela foi encontrada já sem vida nas proximidades do campus da Universidade do Estado da Bahia (UNEB) e o crime, segundo a Polícia Civil foi elucidado com a prisão de Nielton Gonçalves Soares.

Ele é o principal suspeito de cometer o crime, tendo como motivação o fato de a vítima não aceitar ter um relacionamento amoroso com ele. Na residência de Nielton a polícia encontrou roupas sujas de sangue e o celular da vítima.

LEIA TAMBÉM:

Polícia Civil prende acusado de matar Alice Rodrigues em Juazeiro

Jovem é encontrada morta próximo ao campus da Uneb em Juazeiro

Procurada pelo Blog Waldiney Passos a delegada Lígia Nunes Sá, coordenadora da 17ª, o inquérito policial sobre o caso deve ser concluído ainda nessa semana. “Nós temos o prazo de até 10 dias para concluir o inquérito. Como é um caso cheio de detalhes, devemos estar concluindo o caso até amanhã”, disse à nossa produção.

Questionada sobre a classificação do caso, a delegada afirmou que até o momento a morte de Alice é tratada como feminicídio e não como homicídio comum, já que envolve o motivo do crime envolve a chamada relação de gênero.

Inquérito sobre morte de Alice Rodrigues deve ser concluído em breve, acusado permanece preso

Vítima tinha 19 anos e foi morta na tarde de quinta-feira, próximo a UNEB (Foto: Facebook)

Depois da prisão de Nielton Gonçalves Rodrigues, a Polícia Civil de Juazeiro (BA) espera concluir nessa semana o inquérito sobre a morte de Alice Nilza Rodrigues, de 19 anos. A jovem foi morta na quinta-feira (17), próximo ao campus da Universidade do Estado da Bahia (UNEB), por ter negado a se relacionar com o acusado.

O inquérito deve chegar ao Ministério Pública da Bahia (MPBA) nos próximos dias. Na sexta-feira (18) o Tribunal de Justiça (TJBA) decretou a prisão preventiva de Nielton, que teria matado Alice a pedradas e fugiu. Na casa do principal suspeito a polícia encontrou roupas sujas de sangue e o celular da vítima. Ele negou o crime.

LEIA TAMBÉM:

Tribunal de Justiça da Bahia afirma que Nielton Gonçalves Soares já havia sido preso por agredir uma ex-namorada

Polícia Civil prende acusado de matar Alice Rodrigues em Juazeiro

Jovem é encontrada morta próximo ao campus da Uneb em Juazeiro

“Eles, anteriormente, mantinham um relacionamento esporádico. Como se diz, de ficantes […] A família contou que existia esse homem [Nielton] que ameaçava ela”, conta a delegada Lígia Nunes, coordenadora da 17ª Coorpin.

Nossa produção apurou juntamente ao TJ que Nielton já respondia a um processo por violência contra a mulher, em 2018. Nesta segunda-feira (21) familiares de Alice voltarão a ser ouvidos pela polícia.

Com informações do Correio da Bahia

Justiça de Juazeiro decreta prisão preventiva de Nielton Soares

Vítima tinha 20 anos e foi morta na tarde de quinta-feira (Foto: Facebook)

A Audiência de Custódia de Nielton Gonçalves Soares terminou agora pouco no Fórum de Juazeiro (BA) com o pedido de prisão decretada. Ele é acusado pela Polícia Civil de assassinar Alice Nilza Rodrigues na tarde de quinta-feira (17), nas imediações da Universidade do Estado da Bahia (UNEB).

LEIA TAMBÉM:

Polícia Civil prende acusado de matar Alice Rodrigues em Juazeiro

Jovem é encontrada morta próximo ao campus da Uneb em Juazeiro

Nielton foi preso ainda ontem, quando a polícia encontrou roupas sujas de sangue e o celular da vítima em sua posse. Ele nega a autoria do crime. O acusado foi encaminhado ao Conjunto Penal de Juazeiro, onde aguardará julgamento.

Mais cedo a irmã da vítima havia feito um pedido ao Poder Judiciário de acatar o pedido de prisão preventiva. “Que mantenha ele preso”, disse em entrevista a Rádio Tropical Sat, de Juazeiro. O Blog entrou em contato com o Tribunal de Justiça da Bahia (TJBA) em busca de novas informações a respeito do processo contra Nielton e sobre a previsão de quando ele será julgado pelo feminicídio. Estamos aguardando um retorno.

Polícia Civil prende acusado de matar Alice Rodrigues em Juazeiro

(Foto: Polícia Civil/Divulgação)

A Polícia Civil prendeu o acusado de assassinar a jovem Alice Nilza Rodrigues, de 20 anos, na tarde dessa quinta-feira (17), em Juazeiro (BA). A polícia chegou até o suspeito, identificado como Nielton Gonçalves Soares, após levantamento feito no local do crime.

A equipe policial foi até a residência da vítima, onde colheu informações e chegou ao nome do acusado, que foi localizado no bairro Castelo Branco. Nielton foi conduzido para a delegacia e negou a autoria do crime. A polícia encontrou as roupas utilizadas pelo autor do crime sujas de sangue, além do aparelho celular da vítima. As provas foram apreendidas e devem ser submetidas à perícia.

LEIA TAMBÉM:

Jovem é encontrada morta próximo ao campus da Uneb em Juazeiro

Motivo do crime

A polícia afirmou que o suspeito não aceitava o relacionamento de Alice com outra pessoa. Nielton teria ameaçado a vítima chegando, inclusive, a constrangê-la, afirmando que iria divulgar imagens íntimas da jovem nas redes sociais, caso ela não ficasse com ele.

Alice teria se negado a ficar com o acusado, fato que teria motivado o crime.  O acusado foi autuado em flagrante e levado à Audiência de Custódia, que acontece nesse momento na cidade baiana. O feminicídio, ainda segundo a Polícia Civil teria acontecido nas imediações da Universidade do Estado da Bahia (Uneb), às margens do rio São Francisco e não dentro do campus.

Família da vítima espera justiça

Em entrevista a rádio Tropical Sat de Juazeiro, uma irmã de Alice se disse aliviada pela prisão de Nielton e aguarda justiça. “Que o judiciário brasileiro seja justo, mantenha ele preso”, afirmou. O corpo da vítima ainda está sendo necropsiado, portanto não é possível confirmar se Alice teria sido abusada sexualmente.