Estudo indica que Ararinha-azul, encontrada em Juazeiro e Curaçá, está provavelmente extinta da natureza

A ararinha azul ganhou fama internacional com o filme Rio. (Foto: Internet)

Um estudo divulgado pela organização ambiental BirdLife Internacional revelou que oito espécies de pássaros estão extintas ou com alta probabilidade de terem sido extintas da natureza.

Quatro dessas espécies de aves são brasileiras, sendo a ararinha-azul (Cyanopsitta spixii), o limpa-folha-do-nordeste (Philydor novaesi), o trepador-do-nordeste (Cichlocolaptes mazarbarnetti) e o caburé-de-pernambuco (Glaucidium mooreorum) – que é uma coruja.

Para o estudo, foram analisadas 51 espécies apontadas com risco de extinção a partir dos seguintes fatores: intensidade das ameaças e confiabilidade dos registros.

Encontrada nos municípios de Juazeiro e Curacá, ambos na Bahia, a Ararinha-Azul é uma espécie de aproximadamente 57 centímetros com plumagem em tons de azul. Segundo alguns dados, as últimas espécies vivendo em liberdade foram identificadas até 2001.

No entanto, especialistas informam que a Ararinha-Azul é um tipo de ave com “perigo de extinção”. Há informações não confirmadas da existência dela em Pernambuco e no Piauí.

LEIA MAIS

Dona de cadela nega agressões a animal em Juazeiro

Cadela foi atendida após ser resgatada pelo grupo “SOS Defesa Animal”.

Em contato com o blog Waldiney Passos, a dona da cadela que sofreu maus tratos em Juazeiro (BA) afirmou que não foi a responsável pelas agressões. De acordo com a mulher, que preferiu não se identificar, o animal sempre foi bem tratado.

“Eu não espanquei ela. Fui trabalhar e quando cheguei achei ela nesse estado. Eu nunca dei um tapa nela. Ela é como uma filha para mim, dormia em minha cama e vivia na minha porta. Eu dava comida e água, nunca deixei ela abandonada”.

Ela disse ainda desconhecer quem teria agredido a cadela. “Quando eu cheguei de noite foi que meu neto a achou sem andar. Eu fique muito triste por terem judiado dela”, disse.

O animal foi resgatado pelo grupo “SOS Defesa Animal”. Segundo exames feito em uma clínica veterinária, os maus tratos foram confirmados. A cadela ainda tem a chance de voltar a andar.

Grupo “SOS Defesa Animal” resgata cadela vítima de maus tratos e solicita ajuda para custear tratamento

Animal agonizou bastante antes de ser resgatada.

A cadela que foi vítima de maus tratos na manhã desta terça-feira (07), em Juazeiro (BA), foi resgatada pelo grupo “SOS Defesa Animal” após denúncia no nosso blog. Depois de socorrerem o animal, o grupo levou a cadela até uma clínica veterinária particular para que recebesse os cuidados necessários.

LEIA TAMBÉM

Denúncia: Mulher agride cadela com paulada e animal fica sem andar em Juazeiro; imagens fortes

Após análise inicial, a veterinária que atendeu o animal constatou os maus tratos. A cadela ainda passou por um raio-x para saber se o golpe causou prejuízos mais graves a sua coluna. Segundo o exame, foi constatada compressão medular e uma fratura na bacia. A depender do organismo, a cadela poderá voltar a andar.

O grupo precisa agora de doações para que seja feito o custeio do tratamento do animal. O valor total da consulta, exames e demais despesas ficou R$ 415,00 e pode ser depositado em favor de:

  • PET LIFE CENTRO DE SAÚDE ANIMAL
    AG: 6794
    CONTA: 10101-1
    BANCO ITAÚ

Além disso, a cadela precisará de um novo lar. Os interessados em adotá-la pode entrar em contato com o nosso blog por meio do telefone (87) 98816-1881, ou através do e-mail [email protected]

Matéria atualizada 07/08/2018, às 20h51 

Denúncia: Mulher agride cadela com paulada e animal fica sem andar em Juazeiro; imagens fortes

Uma grave denúncia foi enviada ao nosso blog na manhã desta terça-feira (07). Uma mulher teria agredido uma cadela com uma paulada nas costas. O ataque foi tão brutal que, aparentemente, fraturou a coluna do animal, já que a cadela não consegue mais se locomover.

Um vídeo gravado pelo denunciante mostra o sofrimento do animal que foi jogado próximo a um ponto de mototáxis na Travessa Bento Gonçalves, Alto da Aliança, em Juazeiro (BA). A cadela ainda está no local agonizando, segundo a denúncia.

O leitor que entrou em contato conosco ligou para a prefeitura e foi informado que o órgão não se responsabiliza por casos de maus tratos a animais. O denunciante, que preferiu não se identificar, tentou contato com a Polícia Civil, mas não obteve êxito.

Maus tratos a animais

Praticar ato de abuso, maus-tratos, ferir ou mutilar animais silvestres, domésticos ou domesticados, nativos ou exóticos é crime. A pena é de detenção e pode variar de três meses a um ano, e multa.

Caso o ato resulte na morte do animal, a pena é aumentada de um sexto a um terço.

Campanha de Vacinação Antirrábica Animal têm início em Juazeiro

Durante a campanha, o Núcleo de Combates a Endemias estará aberto aos sábados no horário de 08h às 12h.

A Campanha de Vacinação Antirrábica Animal, que objetiva prevenir a ocorrência de casos de transmissão da raiva do animal para o homem, já foi iniciada em Juazeiro (BA).

Inicialmente o município dispõe de 12 mil doses para realizar a vacinação. A Secretaria informa que todos os animais, de estimação ou de rua, precisam ser vacinados uma vez que a doença é transmissível ao ser humano através da mordida do animal infectado que pode até levar a óbito.

A Sesau convida os donos de animais de estimação residentes na área central a levá-los à sede do Núcleo de Combate às Endemias, localizada na Rua Visconde do Rio Branco, nº 06, no Centro de Juazeiro.

A vacinação nos bairros da cidade está acontecendo nas associações de moradores e na zona rural, a vacinação acontecerá a domicílio.  O horário de vacinação é de segunda à sexta, das 08h às 12h e das 14h às 17h.

LEIA MAIS

Acidente termina com um morto em Floresta

(Foto: WhatsApp)

Na noite dessa segunda-feira (18), um acidente entre um carro, uma motocicleta e um animal terminou com um morto e outro ferido em Floresta (PE), na PE-360.

Após o acidente, o motorista do carro, identificado como Luiz Tumaz de Lima, foi socorrido para o Hospital Coronel Álvaro Ferraz. O piloto a motocicleta não resistiu aos ferimentos e veio a óbito.

Cadela atropelada na Orla de Petrolina morre após ser socorrida

(Foto: Facebook)

Uma cadela que foi atropelada nesta sexta-feira (23), na Orla de Petrolina (PE), não resistiu aos ferimentos e morreu na manhã de hoje (24). Após o acidente, uma pessoa protetora de animais pediu ajuda à Polícia Militar, que fez o resgata do animal para ser socorrido.

A cadela estava com o focinho dilacerado e sem conseguir andar. Um vídeo feito durante o resgate foi postado na página do Facebook Proteção Animal Vale do São Francisco. Veja abaixo.

Petrolina: Jacarés não oferecem perigo à população, afirma Zootecnista

Jacaré aparece na porta de uma residência após chuvas em Petrolina. (Foto: Arquivo)

Após o atropelamento de um jacaré na Avenida Sete de Setembro, em Petrolina (PE) na noite dessa quarta-feira (21), muito se comentou sobre os perigos que o animal poderia trazer à população. Vistos constantemente em lagoas de estabilização da cidade, os répteis vivem em busca de um local para viver após ações do homem interferirem em seu habitat.

Segundo o Zootecnista Luís Fernando Bezerra, o que acontece especificamente na Avenida Sete de Setembro é que a lagoa de estabilização foi construída em um local onde era um riacho contínuo que os animais utilizavam para seguir para o rio. “Os animais tinham livre acesso do rio para chegar a esse riacho e vice-versa. Eles sempre faziam esse percurso, principalmente no período das chuvas, para encontrar mais abundância de alimentos, um abrigo melhor para se proteger. O fato dos jacarés aparecerem nas redondezas, é porque o animal está procurando essa rota, esse caminho”.

LEIA TAMBÉM

Petrolina: jacaré é atropelado na Avenida Sete de Setembro

A respeito do risco que o animal poderia oferecer à população, Luís Fernando explica que é muito difícil um animal como o jacaré atacar uma pessoa e quando acontece, o que é raro, é somente para se defender de ataques humanos. “Uma coisa é o animal oferecer risco, outra é o animal causar perigo. Ele nunca vai sair do seu local para atacar o ser humano, pois ele só está em busca de alimento, que nunca vai ser uma pessoa. O animal não oferece risco algum, se você não interferir na vida dele”, afirmou.

O zootecnista esclareceu ainda que a população não deve matar o animal por medo, basta tomar algumas medidas para preservar a vida do bicho, que é, na verdade, vítima da ação humana. “Quando a gente diz que o animal causa um perigo para a população, causa uma visão ruim do animal. Na primeira oportunidade que a população tiver de sacrificar um animal desse, ela vai fazer isso, o que é errado. Por isso é necessário esclarecer essa situação”, afirmou.

Cachorro é abandonado e corre atrás do carro do dono em Recife

Em um vídeo que está circulando nas redes sociais é possível identificar um cachorro, que supostamente teria sido abandonado, correndo atrás do carro de sua dona em Recife (PE). O animal se esforça o máximo possível mas não alcança o veículo e toma outro rumo.

Segundo a TV Jornal, a motorista entrou em contato e informou que não se tratava de abandono. Segundo ela, sua cadela estava no carro e no cio, o que teria atraído o cachorro que aparece nas imagens vídeo.

Crime

O abandono e os maus-tratos a animais é crime previsto em lei e passível de pena. Quem cometer o ilícito pode pagar até R$15 mil em multa.

Petrolina: homem morre após colidir com animal na Tapera

Frente da moto ficou destruída com o impacto. (Foto: WhatsApp)

Um homem veio a óbito após colidir com uma vaca na estrada da Tapera, em Petrolina (PE). O acidente aconteceu na noite dessa quinta-feira (18), por volta das 21h.

De acordo com informações, o motoqueiro bateu no animal, não resistiu aos ferimentos e veio a óbito. Ainda segundo informações, a vítima residia no povoado Sítio São João, vizinho à Tapera, e era conhecido como “Negão”.

Após colisão com cavalo, homem morre em Araripina

(Foto: WhatsApp)

Neste domingo (7), dois homens em uma motocicleta colidiram com um cavalo na BR-316, no Sítio São Miguel, zona rural de Araripina, no Sertão do Araripe pernambucano.

Após o acidente, uma das vítimas, identificada como Luiz Alves Feitosa Filho, de 50 anos, não resistiu aos ferimentos e veio a óbito no local.

O outro homem, segundo informações da Polícia Militar, foi encaminhado para uma unidade hospitalar da cidade. O estado de saúde da vítima não foi revelado.

Moradores reclamam de animal preso no sol no bairro São Gonçalo, em Petrolina

(Foto: WhatsApp)

Um leitor entrou em contato com o nosso blog nesta segunda-feira (25) e reclamou da situação em que se encontra um cavalo no bairro São Gonçalo, em Petrolina (PE). De acordo com a denúncia, vários moradores do local notaram que todos os dias o animal fica preso sem ter acesso a nenhuma sombra.

Aparentemente o cavalo estava amarrado a algumas proteções de um canal que atravessa o bairro. Os moradores não souberam informar se o animal estava sem água e sem comida.

Petrolina: animal é deixado diariamente amarrado em lugar sem sobra e moradores do Jardim São Paulo ficam indignados

(Foto: Bocão)

Os moradores do bairro Jardim São Paulo, em Petrolina (PE), estão indignados com uma situação que tem se repetido diariamente: um cavalo é deixado amarrada sem água, sem comida e sem sombra em um terreno, em frente a rua 9 da comunidade.

As pessoas que passam pelo local já denunciaram o caso, mas ainda assim a cena se repete. Segundo informações, o dono tem conhecimento das reclamações, mas pouco se importa.

Outubro Rosa: você sabia que cães e gatos também podem ter câncer de mama?

Cães e gatos também pode apresentar câncer de mama. (Foto: Internet)

De acordo com a veterinária e coordenadora do Centro de Controle de Zoonoses, em Petrolina, Graziella Correia, três fatores podem estar envolvidos no aparecimento desses tumores: genético, ambiental e hormonal. “O uso de anticoncepcionais é um importante fator de risco associado à ocorrência dos tumores de mama, então é importante evitar”, frisou.

Segundo a veterinária, a castração precoce, antes do primeiro cio, é o procedimento mais indicado na prevenção da doença, aumentando em quase 100% as chances do animal não desenvolver a câncer de mama. “Além disso, ao castrar precocemente, previne-se a ocorrência de outros tumores relacionados ao sistema reprodutor, assim como muitas doenças típicas em animais que receberam aplicações de hormônios anticoncepcionais”, ressaltou.

Assim como nos humanos, a identificação pode ser por meio da observação visual ou através do toque periódico das mamas. “Aproveite o momento do carinho na barriga para a avaliação, apalpando as mamas uma por uma e entre elas. Se notar nódulos, diferença de tamanho entre as mamas, aumento de volume ou algum tipo de secreção, é necessário levar o animal ao médico veterinário para a confirmação do diagnóstico, por meio de exames clínicos e laboratoriais”, explicou.

Família procura cachorro desaparecido no Jardim Imperial, em Petrolina

Cachorrinho sumiu há dois dias.

Quem ama seus animais de estimação sabe com é o desespero quando eles fogem. Uma família está a procura do seu cachorro, que sumiu no bairro Jardim Imperial, em Petrolina (PE).

Scooby, como é chamado o animal, tem dois anos, é marrom e é da raça Dachshund, mais conhecida como salsicha.

Aqueles que tiverem notícias do cachorro podem entrar em contato com os números (87) 9 8828-4464, (87) 9 8828-1638 ou (87) 9 9661-1895. Os donos do animal residem na rua 7, nº 3, do bairro Jardim Imperial.

12