Pernambuco recebe mais 150 mil vacinas da AstraZeneca

Fotos: Miva Filho/SES-PE

Uma remessa com 150.750 doses da AstraZeneca/Oxford/Fiocruz chegaram a Pernambuco na noite de quarta-feira (9). Segundo o Governo do Estado, a quantidade destinada aos municípios já foi separada e deve chegar às cidades ainda nesta quinta-feira (10).

“Na última terça-feira o Estado recebeu vacinas da Pfizer. Hoje foi a vez de chegar mais um lote da AstraZeneca, totalizando mais de 250 mil doses somente esta semana. É importante que esse fluxo seja mantido, para que possamos avançar na vacinação, protegendo e garantindo a saúde da população de Pernambuco o quanto antes”, afirmou o governador Paulo Câmara (PSB).

Antes, o Estado já havia sido contemplado com doses da Pfizer. Somando as vacinas recebidas nesta semana, Pernambuco totaliza 4.520.100 doses para imunização contra a Covid-19. Desse total, 2.319.920 são da AstraZeneca/Oxford/Fiocruz, 1.959.160 da Coronavac/Butantan e outras 241.020 doses são da Pfizer/BioNTech.

Pernambuco recebe novas doses de vacina contra covid

(Foto: Miva Filho/SES-PE)

A quarta-feira (26) foi movimentada em Pernambuco. O estado recebeu novas doses de vacinas contra a covid-19. O lote mais recente continha o imunizante Pfizer/BioNTech e desembarcou no Recife durante a tarde. Mais 24.570 doses ficarão disponíveis aos municípios, para imunização das grávidas e puérperas.

Distribuição

A logística de distribuição para as 12 sedes das Gerências Regionais de Saúde (Geres) será iniciada nesta manhã refrigerado. “É importante que cada município faça um mapeamento bem planejado das suas gestantes e puérperas e as direcione para o agendamento e encaminhamento aos locais de vacinação. Precisamos garantir que esse público seja imunizado com brevidade, e nosso objetivo é alcançar todas as pernambucanas, nas diversas regiões do Estado“, afirmou o governador Paulo Câmara.

Mais de 240 mil doses da AstraZeneca

Durante a manhã de ontem, mais 241.750 novas doses da vacina da Astrazeneca/Oxford/Fiocruz também chegaram a Pernambuco. Este lote será exclusivamente à aplicação de primeira dose das pessoas com deficiência permanente, pessoas com comorbidades, além das forças de segurança e salvamento.

Confira os locais para se vacinar com a 2ª dose da AstraZeneca em Petrolina

(Foto: CASSIANO ROSÁRIO/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO)

Os idosos que estão com agendamento para a aplicação da 2ª dose da vacina AstraZeneca/Oxford nesta semana, em Petrolina, já podem se organizar para receber a vacina. Basta procurar um dos pontos, das 8h às 17h, munido de documento de identificação com foto e cartão de vacinação.

Onde se vacinar?

Polos Fixos

  • IGEPREV, Centro;
  • Centro de Convivência do Idosos Mimi Cruz, Alto do Cocar;
  • Escola Municipal Nossa Senhora Rainha dos Anjos (CAIC), Cohab Massangano;
  • Escola Professor José Joaquim, José e Maria.

Drive-thru

  • Avenida da Integração, em frente à loja Lucia Gomes;
  • estacionamento do River Shopping;
  • próximo do supermercado Bontempo, Cohab VI.

Estudo afirma que vacinas da Pfizer e AstraZeneca são eficazes contra variante indiana

(Foto: CASSIANO ROSÁRIO/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO)

Um estudo divulgado pela Agência Pública de Saúde da Inglaterra (PHE) chegou a conclusão que as vacinas da Pfizer/BioNTech e da AstraZeneca/Oxford são quase tão eficazes contra a variante indiana, quanto foram em relação a variante britânica.

A pesquisa foi feita entre 5 de abril e 16 de maio e obteve os seguintes números. A vacina Pfizer/BioNTech mostrou-se 88% eficaz contra a forma sintomática da variante indiana duas semanas após a segunda dose e 93% em relação à inglesa.

Nesse mesmo intervalo, a vacina AstraZeneca apresentou uma eficácia de 60% contra a indiana e 66% contra a inglesa. Os números podem ser um alento, já que a maior preocupação mundial no momento é a possível 3ª onda, provocada justamente pela variante indiana.

Governo de Pernambuco decide descentralizar imunização de grávidas com vacina da Pfizer

(Foto: Heudes Regis/SEI)

Pernambuco recebeu mais 26.910 doses da vacina da Pfizer/BioNTech na terça-feira (18) e anunciou uma novidade na imunização das grávidas e puérperas. Agora será possível descentralizar a distribuição. Ou seja, todos os municípios serão contemplados com a vacina.

Segundo o Estado, a distribuição já será feita a partir desta quarta-feira (19), de acordo com a demanda de cada município. A vacina da Pfizer poderá ficar armazenada entre 2° C e 8° C, mas somente por, no máximo, cinco dias. Após aberto o frasco, com seis doses, deve ser utilizado em um prazo de seis horas.

“Agora, damos mais um passo para diminuir as distâncias e levar o insumo para mais próximo dessas mulheres. O Programa Estadual de Imunização e as Geres continuarão dando o apoio técnico para que os gestores municipais realizem suas ações e possam proteger nossas gestantes e puérperas contra a Covid-19“, afirmou o secretário estadual de Saúde, André Longo.

Pernambuco também recebeu mais 255.100 doses da Astrazeneca/Fiocruz. Esse imunizante será utilizado para a primeira dose da população com comorbidades e das pessoas com deficiência cadastradas no BPC, além da segunda dose de idosos entre 60 e 69 anos.

Juazeiro também suspende uso de AstraZeneca em grávidas

(Foto: Ascom/PMJ)

A Secretaria de Saúde de Juazeiro (SESAU) emitiu uma nota, na manhã desta terça-feira (11), suspendendo a aplicação da vacina AstraZeneca/Oxford em grávidas. A justificativa para essa decisão, é a recomendação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

“A suspensão segue a recomendação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), que emitiu nota técnica, e da Secretaria de Saúde da Bahia (Sesab). A nota técnica da Anvisa é que a indicação da bula da vacina da AstraZeneca seja seguida pelo Programa Nacional de Imunização (PNI)”, diz a Prefeitura.

Puérperas podem se vacinar

Apesar da suspensão da imunização de grávidas, a SESAU informou que as puérperas serão imunizadas sim com a AstraZeneca. “A vacina AstraZeneca/Fiocruz permanece para o grupo de puérperas (mulheres com até 45 dias pós parto)“, explica.

Pernambuco segue orientação da Anvisa e suspende vacinação com AstraZeneca de grávidas e puérperas

(Foto: Dado Ruvic/Reuters)

A Secretaria Estadual de Saúde de Pernambuco (SES-PE) comunicou que a vacinação nas grávidas e puérperas (mulheres que deram a luz até 45 dias), com a vacina AstraZeneca/Oxford, está suspensa a partir desta terça-feira (11). O Governo Estadual segue a orientação da Agência de Vigilância Sanitária (Anvisa).

Em nota, a SES-PE informa que a vacinação desses grupos fica suspensa enquanto o estado “aguarda orientação oficial do Ministério da Saúde (MS) sobre o assunto”. Portanto, as mulheres desse grupo somente serão imunizadas, até segunda ordem, com CoronaVac/Butantan e Pfizer/BioNTech.

O que originou a decisão?

Na segunda-feira (10), o Ministério da Saúde informou que investiga o caso de uma gestante que morreu no Rio de Janeiro, após ter sido imunizada com a vacina AstraZeneca. Em nota enviada à Folha de São Paulo, a pasta ainda diz que “reavalia a imunização no grupo de gestantes sem comorbidades.”

Covid-19: chegam ao Brasil 3,8 milhões de doses da vacina AstraZeneca

O lote faz parte da remessa de 4 milhões de doses dos imunizantes previstos para maio.

O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, e a representante da Organização Pan-Americana da Saúde (Opas) no Brasil, Socorro Gross, receberam hoje (2), em Guarulhos, São Paulo, mais um lote de doses da vacina AstraZeneca, adquiridas pelo governo brasileiro por meio do consórcio Covax Facility. No total, neste domingo, foram entregues 3,8 milhões de doses.

O Covax Facility é uma aliança internacional da Organização Mundial da Saúde (OMS) que tem como principal objetivo acelerar o desenvolvimento e a fabricação de vacinas contra a covid-19 e garantir acesso igualitário à imunização.

Terceiro lote

O terceiro lote, contendo 2.025.600 doses de vacinas contra a covid-19, chegou hoje (2), por volta das 16h20, no Aeroporto Internacional de Guarulhos, em São Paulo, em uma aeronave proveniente de Amsterdã.

LEIA MAIS

Vacinas da Pfizer serão aplicadas na capital, afirma secretário de Saúde de Pernambuco

Foto: Helia Scheppa

Além das doses de CoronaVac e AstraZeneca, Pernambuco contará com o reforço da Pfizer na luta contra a covid-19. Apesar da boa notícia, as 17 mil doses previstas ao estado serão destinadas a capital, conforme acordo prévio com o Ministério da Saúde.

LEIA TAMBÉM

Covid-19: Pernambuco inicia vacinação de pessoas com comorbidades, gestantes e puérperas

O secretário estadual de Saúde de Pernambuco, André Longo explicou que no estado, haverá uma ação especial. “Em Pernambuco fizemos uma pactuação, a gente faria uma divisão entre Recife, Olinda e Jaboatão dos Guararapes“, disse na coletiva de quinta-feira (29). Por conta do abastecimento com a Pfizer, essas três cidades receberam um quantitativo menor na entrega de ontem das duas vacinas já utilizadas.

LEIA MAIS

Curaçá já vacinou mais de 1.200 pessoas contra a Covid-19

(Foto: Ascom/PMC)

A secretaria de Saúde do município de Curaçá recebeu na última semana 380 imunizantes contra a Covid-19, sendo deste total 160 doses da vacina CoronaVac e 220 doses da vacina Astrazeneca.

As 160 doses da vacina CoronaVac vieram destinadas para a aplicação da segunda dose nos idosos acima de 90 anos. Já as doses da vacina Astrazeneca foram designadas para a continuação da primeira dose dos trabalhadores da saúde e dos idosos acima de 80 anos.

LEIA MAIS

Pernambuco receberá na próxima semana mais 400 mil doses da vacina contra a Covid-19

Paulo Câmara participa de reunião por teleconferência com o Ministro Pazuello. (Foto: Heudes Regis/SEI)

O anúncio foi feito na tarde desta quarta-feira (17), após o governador Paulo Câmara e o secretário estadual de Saúde, André Longo, participarem,  de uma reunião virtual com os demais gestores estaduais do País e o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, que sinalizou com a entrega de novas doses de vacina aos Estados na próxima semana.

O Ministério da Saúde deverá repassar dois milhões de doses da AstraZeneca/Fiocruz, importadas da Índia, e 8,2 milhões do imunizante CoronaVac/Butantan, produzidos no Brasil. A expectativa é que Pernambuco receba pelo menos mais 400 mil doses – sendo 320 mil da CoronaVac e 80 mil da Astrazeneca.

LEIA MAIS

Petrolina vai disponibilizar vacina contra Covid-19 para idosos acima de 85 anos

(Foto: Jonas Santos/PMP)

A partir da próxima quinta-feira (4) a Secretaria de Saúde de Petrolina irá disponibilizar a vacina contra a Covid-19 para idosos com idade acima de 85 anos de idade. Esse público deverá ir ao Centro de Convivência do Idoso Vó Pulú, que fica na rua Sizenando Nunes Amorim, número 30, na Vila Eduardo, para receber a primeira dose do imunizante. O horário de atendimento será das 8h às 16h. A ação continuará até a próxima segunda-feira (8).

De acordo com a prefeitura, caso os idosos não compareçam para receber a primeira dose, durante os próximos cinco dias, as vacinas serão remanejadas para outro público prioritário. Na última semana, a prefeitura abriu seis pontos estratégicos de vacinação na zona urbana, durante três dias.

LEIA MAIS

Dormentes: mais de 80% das doses disponíveis da vacina contra Covid-19 já foram aplicadas em idosos

(Foto: Ascom/PMD)

A vacinação nos idosos com mais de 85 anos de idade começou nesta quinta-feira (28). Mesmo assim, a Secretaria de Saúde de Dormentes, no Sertão de Pernambuco, garante que já aplicou 81,25% das doses disponíveis para o público-alvo neste primeiro dia.

Para garantir que todos sejam vacinados com segurança, os funcionários da prefeitura está realizando a vacinação de porta em porta. Segundo a Secretaria, Dormentes recebeu no fim da tarde desta quarta-feira (27) 160 doses do imunizante do laboratório da AstraZeneca em parceria com a Universidade de Oxford.

LEIA MAIS

Bodocó: vacinação em idosos começa hoje em formato drive thru

(Foto: CASSIANO ROSÁRIO/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO)

Assim como Petrolina, Bodocó (PE) recebeu novas doses da vacina contra a covid-19 e inicia hoje (28) a imunização dos idosos com idade igual ou superior a 85 anos. Eles receberão a vacina de Oxford/AstraZeneca. O cronograma da Secretaria de Saúde começa às 9h, na Unidade Básica de Saúde 11 (UBS 11), na Rua José Alberto Silva, no Claranã.

LEIA TAMBÉM

Bodocó anuncia novas medidas para conter avanço da covid e proíbe consumo de bebidas alcóolicas em bares

A imunização será em formato drive thru, para garantir a segurança dos idosos. As doses de hoje serão aplicadas até 16h. Quem não tiver condição de se deslocar em carros precisa solicitar a vacinação em domicílio. Ontem também chegaram mais 90 doses da CoronaVac, que será aplicada nos profissionais da saúde.

“Estamos seguindo todas as orientações da Secretaria Estadual de Saúde e ampliando a abrangência da campanha de acordo com a chegada dos novos lotes“, destaca a secretária de saúde do município, Lidiane Nobre.

Brasil deve receber 10 milhões da vacina de Oxford em fevereiro

(Foto: CASSIANO ROSÁRIO/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO)

10 milhões de doses da vacina de Oxford/AstraZeneca, negociadas com o Instituto Serum da Índia devem chegar ao Brasil em fevereiro. A informação é da CNN Brasil. O imunizante foi um dos aprovados pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e no país será produzida em parceria com a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz).

“As negociações estão acontecendo e em um estágio avançado. E estou confiante que em um curto período de tempo nós vamos providenciar a quantidade que o Brasil precisar”, disse Suresh Jadhav, um dos diretores-executivo do Instituto.

Apenas dois imunizantes têm uso emergencial autorizado pela Anvisa. Além da vacina de Oxford, a CoronaVac também recebeu aval da instituição. Essa última é produzida pelo laboratório chinês SinoVac com o Instituto Butantan.

12