Diretoria da CDL se confraterniza com a imprensa

GEDSC DIGITAL CAMERA

Manoel Vilmar / Presidente da CDL de Petrolina

As tradicionais confraternizações de final de ano já começaram a movimentar a cidade de Petrolina. Ontem (04) foi a vez da Câmara de Dirigentes Logistas (CDL) reunir a imprensa para apresentar um balanço das atividades realizadas em 2015 e divulgar o planejamento para o ano vindouro.

GEDSC DIGITAL CAMERA

A grande novidade foi divulgada pelo secretário extraordinário de Habitação, Ednaldo Lima, ao anunciar parceria com os logistas para consolidação de um programa habitacional, que deverá ser lançado já nos próximos 15 dias, para beneficiar os trabalhadores no comércio da cidade.

Uma segunda proposta é fazer com que a própria CDL seja gestora de um programa que vai garantir moradia aos trabalhadores no comércio local a preço de custo.

Na oportunidade o diretor presidente da CDL, Manoel Vilmar, agradeceu a todos da imprensa, ressaltando a importância dessa parceria.

CONFRATERNIZAÇÃO CDL

 

 

Assassinos usam moto para cometer mais um crime em Petrolina

A vítima foi um adolescente de 17 anos que foi atingido por vários disparos de arma de fogo na madrugada deste sábado (05) no bairro Dom Avelar. Ele estava na calçada de um bar conversando com a namorada quando foi atingido no abdômen, pescoço e braço, não resistindo aos ferimentos e morrendo no local. O menor cumpriu pena de cinco meses de reclusão na Fundação de Atendimento Socioeducativo (Funase).

Recadastramento do Bolsa Família é prorrogado até dia 11 de dezembro

BOLSA FAMILIAO prazo para  recadastramento obrigatório de atualização do Programa Bolsa Família, foi prorrogado até o dia 11 de dezembro/2015.A data para atualização estipulada pelo Ministério do Desenvolvimento Social (MDS), era até dia 04/12 (sexta-feira), o nosso município tem 35 mil famílias beneficiadas.
O MDS , entendeu que muitos beneficiários deixaram de atualizar seus dados e resolveu esticar a data. A atualização dos dados deverá ser feito em qualquer uma  das Unidades dos CRAS, como também Secretaria Municipal de Cidadania (SEDESC). A secretaria de Cidadania informa  que devem comparecer aos postos  de atendimento apenas os beneficiários que recebem avisos no extrato de recebimento do Bolsa Família, os que não atualizam seus dados no Cadastro Único (CADúnico) há mais de dois anos.
A prefeitura de Petrolina, na gestão Julio Lossio, tem dado atenção especial ao programa , fazendo capacitações com os digitadores e entrevistadores, bem  como investimentos no espaço físico das  instalações do programa. O numero de  Centros  de Referencia em Atendimento Social (CRAS) somam 10 no município e se tornaram a porta de entrada para  atender melhor os beneficiários.
Locais de atendimento
SEDESC Rua Santa Cecília, nº 85, vila Mocó
CRAS Rio Corrente/Praça do CEU
CRAS N-7/Rua C, Nº 146, Vila Velha
CRAS João de Deus/Rua 12, S/N João de Deus
CRAS Rajada/Rua Vaz Filgueira, S/N
CRAS José e Maria/Av. Principal S/N –
CRAS Fernando Idalino /Rua 05, nº 70
CRAS Dom Avelar/Av. do Sentimento, nº 121
CRAS Uruás/Av. Principal, s/n
CRAS Izacolândia/Rua da Caixa d’agua, s/n
CRAS Agrovila Massangano/Rua da Esperança, nº 180
Documentos  necessários
Responsável Legal: RG, CPF e Título de Eleitor; Carteira de Trabalho; Comprovante de residência (pode ser recibo de água, luz, telefone, ou correspondência recebida pelo correio); Demais pessoas da casa: Carteira de identidade e Título de eleitor para maiores de 18 anos; Carteira de identidade e/ou certidão de nascimento e atestado de frequência escolar para menores de 18 anos; Carteira de Trabalho (para todos os maiores que possuam). Em caso de falecimento de algum dos dependentes, levar certidão de óbito. Para os menores de até 6 anos: Cartão de vacinação atualizado. (Com informações da Ascom)

Presidente da Cubape responsabiliza prefeito Júlio Lóssio por arrombamento de prédio da associação do Pedra linda

Ilma e Pedro Caldas

O presidente da Central Única dos Bairros de Petrolina (CUBAPE), Pedro Caldas, lamentou na manhã desta sexta-feira (4), em entrevista ao programa Bom Dia Vale, Rádio Jornal FM, a atitude da secretaria extraordinária de Ordem Pública de ter invadido, sem ordem judicial, o prédio onde funciona a associação de moradores do bairro Pedra Linda prejudicando 67 famílias carentes, que recebem 7 litros de leite por semana do Programa Leite para Todos do Governo do Estado, além de várias crianças e adolescentes que são beneficiadas com aulas de reforço, aulas de capoeira e hip hop.

“Se até domingo o prefeito não devolver os equipamentos da associação (geladeira, freezer e outro) nós vamos levar as famílias carentes do programa Leite Para Todos para o gabinete dele” pontou Caldas.

O presidente da Cubape responsabilizou inclusive o prefeito Júlio Lossio (PMDB) pela ação. “Qualquer secretário de Petrolina age em conformidade com as ordens do prefeito, infelizmente Júlio Lóssio autoriza a secretaria a tirar da comunidade o único espaço utilizado para realização de muitos programas sociais”, disse.

Acompanhado Pedro Caldas a presidente da associação Ilma Ferreira Silva,  acrescentou estranhar a ação da Ordem Pública uma vez que o prédio em questão sequer pertence à prefeitura. “O prédio foi edificado na época da construção da estrada da Banana pela Codevasf e depois cedido a comunidade. No setor de patrimônio não tem nenhuma documentação comprovando que o imóvel pertence ao município” registrou.

O blog da Cubape informa que ainda nesta sexta-feira (04) Ilma Ferreira estará impetrando uma ação na justiça contra o secretário Jota Santos por invasão de imóvel sem ação judicial e por danos morais e materiais.

Adiada votação dos projetos do PPA e da LOA

IMAGEM ALEPE

Prevista para ocorrer nesta quinta (3), em Discussão Única, a votação dos relatórios finais dos projetos do Plano Plurianual do Estado (PPA) 2016-2019 e da Lei Orçamentária Anual (LOA) 2016 foi adiada para a próxima quarta-feira (9). O adiamento foi motivado por uma questão de ordem formulada, no início da Reunião Plenária, pelo deputado Romário Dias (PTB), sobre a verba para implantação do canal da TV Alepe.

Sub-relator dos capítulos referentes ao Orçamento do Poder Legislativo, Dias foi à tribuna para defender a emenda apresentada por ele e aprovada por unanimidade, na quarta (2), na Comissão de Finanças. A alteração impede a redução dos recursos destinados à TV. A ideia era transferir para o setor de Informática da Casa parte da verba que já havia sido destinada à Comunicação. No discurso, o deputado indicou que a proposição não teria sido publicada no relatório final da LOA, cuja redação seria votada na Reunião Plenária desta quinta.

“A emenda de minha autoria busca apenas alocar dinheiro suficiente para a televisão e a rádio da Assembleia funcionarem, e as pessoas do mais longínquo Interior poderem ouvir as palavras dos deputados desta Casa. Não podemos cercear o direito da população de saber o que a gente pensa, diz e faz”, ressaltou Dias, fazendo um apelo para que o Orçamento não fosse votado sem a matéria proposta por ele.

Também no Plenário, o presidente da Comissão de Finanças, deputado Clodoaldo Magalhães (PSB), alegou que a emenda apresentada por Romário Dias foi publicada no Diário Oficial. Entretanto, segundo ele, por “problemas técnicos no âmbito da Secretaria de Planejamento e Gestão (Seplag), não teria sido lançada no e-Fisco”, sistema do Estado responsável pelas áreas de planejamento, orçamento e execução financeira. “Estamos aguardando esse lançamento para efetivamente trazer o relatório aprovado por unanimidade”, salientou o socialista. Até o fim da Ordem do Dia, os parlamentares decidiram, por meio de acordo, adiar a votação das peças orçamentárias para a próxima quarta.

Micro e pequenos empreendedores ganham mais agilidade na dispensa de licenciamento ambiental

????????????????????????????????????

Micro e pequenos empreendedores que exercem atividades sem impacto ao meio ambiente poderão obter a isenção de licenciamento ambiental de forma facilitada. Acordo de cooperação assinado nesta quinta-feira (3), no auditório da Junta Comercial de Pernambuco (Jucepe), entre o secretário da Micro e Pequena Empresa, Trabalho e Qualificação, Evandro Avelar e a diretora presidente da Agência Estadual de Meio Ambiente (CPRH), Simone Souza, vai permitir a emissão do documento de dispensa da licença, através de portal eletrônico, em prazo imediato.

O acordo prevê a conversão dos códigos das atividades e empreendimentos licenciados pela CPRH para as classes e subclasses da Classificação Nacional de Atividades Econômicas (CNAE). Ao todo, cerca de 5 mil atividades passíveis de dispensa do licenciamento foram pesquisadas, atualizadas e revisadas pelo Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae). A tabela resultante será utilizada como base para desenvolvimento de sistema que vai emitir a declaração de isenção.

Segundo Simone Souza, o sistema entrará em funcionamento em março de 2016 e vai proporcionar mais agilidade operacional para o órgão. Atualmente, a consulta é feita de forma manual e a emissão da dispensa ocorre num prazo de até 60 dias. “O interessado vai entrar no site do CPRH, colocando o CNPJ e o código da atividade para o qual ele quer saber se é passível de dispensa, e emitirá a declaração”, afirmou.

A solenidade ocorreu durante a reunião plenária do Fórum Estadual das Microempresas e Empresas de Pequeno Porte de Pernambuco​ (Fempe-PE), que demandou, através do Comitê de Desoneração e Desburocratização, a implementação da mudança junto às entidades-membros. “Esta é uma ação aparentemente simples, mas que vai facilitar enormemente processos como a contratação de financiamentos e terá uma ampla repercussão para as micro e pequenas empresas”, avaliou o secretário Evandro Avelar.

Comissão da CNBB diz que processo de impeachment ameaça ditames democráticos e causa instabilidade

conselho-cnbb-2A Comissão Brasileira Justiça e Paz, da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), criticou hoje (3) o presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), que autorizou a abertura de processo de impeachment da presidenta Dilma Rousseff. Em nota, a CNBB questiona os motivos que levaram Cunha a aceitar o pedido de abertura do processo.

Manifestando “imensa apreensão”, a comissão da CNBB diz que a atitude de Cunha “carece de subsídios que regulem a matéria” e que a sociedade está sendo levada a crer que “há no contexto motivação de ordem estritamente embasada no exercício da política voltada para interesses contrários ao bem comum”. Para a CNBB, Cunha agiu por interesse pessoal.

A entidade disse hoje que “o impedimento de um presidente da República ameaça ditames democráticos, conquistados a duras penas”. “[…] Que autoridade moral fundamenta uma decisão capaz de agravar a situação nacional com consequências imprevisíveis para a vida do povo? […] É preciso caminhar no sentido da união nacional, sem quaisquer partidarismos, a fim de que possamos construir um desenvolvimento justo e sustentável”, acrescenta a comissão da CNBB.

O anúncio da aceitação do pedido de abertura do processo de impeachment foi feito no fim da tarde de ontem (2)  por Cunha. Poucas horas depois, Dilma fez pronunciamento no qual disse que não tem contas no exterior, nem participa de “barganhas” com o Congresso.

Vereador Pérsio Antunes não poupa críticas ao secretário de planejamento Geraldo Júnior

PÉRSIO ANTUNES 02

Na sessão de ontem  (03), da Câmara Municipal de Petrolina, o vereador Pérsio Antunes (PMDB) voltou a bater forte no secretário de  Planejamento, Orçamento e Gestão, Geraldo Junior, que usou a imprensa para afirmar que iria caçar o mandato do edil por quebra de decoro parlamentar.

A troca de farpas entre os dois começou com o pronunciamento de Pérsio na sessão da última terça-feira (01) levantando suspeitas sobre as reais motivações nos arrombamentos de equipamentos públicos em Petrolina. Referindo-se ao último caso de arrombamento no prédio da Agência de Meio Ambiente de Petrolina (AMMA), o vereador chegou a afirmar existir uma “catita, ratazana que só trabalha à noite, querendo arrombar a agência para tirar documentos, papeis”, sugerindo em seguida para que a Polícia Civil instaure a operação Catita em Petrolina para investigar quem está por trás desses delitos.

Ontem, Pérsio, voltou a alfinetar o secretário na Casa Plínio Amorim afirmando que o mesmo é grande no tamanho mas pequeno nas ações e que ao invés de vereador ele deveria mesmo era caçar tatu, peba ou as catitas que estão comendo os papeis da AMMA.

Procurado por nossa reportagem o secretário Geraldo Júnior afirmou ter solicitado da presidência da Câmara as informações oficiais sobre os procedimentos para abertura de processo de cassação de vereador por decoro parlamentar.

PPA, LOA e projeto que transforma EPTTC em autarquia são retirados de pauta na Câmara Municipal

CAMARA MESA DIRETORA

Várias matérias que constavam da pauta para votação na sessão da Câmara Municipal de Petrolina desta quinta-feira (03) foram retirados a pedido do líder da bancada da situação vereador Elismar Gonçalves (PMDB).

Segundo o edil os projetos que tratam  da transformação da Empresa Petrolinense de Trânsito e Transporte Coletivo (EPTTC) em Autarquia, que estima a receita e fixa a despesa do município de Petrolina (LOA) para o exercício financeiro de 2016 e que dispõe sobre a revisão do Plano Plurianual (PPA), são matérias que merecem  maior discussão antes de irem a plenário para votação.

Por outro lado, foram aprovados os projetos que concede a Medalha de Honra ao Mérito Legislativo Dom Malan ao radialista Waldiney Bezerra Passos e  a senhora Maria Lopes, que  denomina o prédio público da AME na Vila Mocó Amália Granja de Alencar e que institui no calendário oficial de festas e eventos do município o Dia Municipal dos Povos de Terreiros e o Dia Municipal das Sementeiras.

Já o veto parcial nº 222/2015 referente ao projeto de lei nº 049/2015, que institui a autorização da inclusão da Língua Brasileira de Sinais (Libras), no currículo escolar no âmbito do município de Petrolina, foi mantido por 09 (nove) votos contra e 6 (seis) a favor, com abstenção do vereador Adalberto Bruno – Betão (PSL), não obtendo, portanto, os 10 (dez) votos necessários para sua rejeição (maioria absoluta).

 

Governador de PE nega participação em nota de apoio a Dilma

PAULO CAMARA

O governador de Pernambuco, Paulo Câmara (PSB), negou, ontem, que tenha assinado manifesto intitulado “Nota Governadores do Nordeste” no qual os gestores da região Nordeste declaram apoio à presidente Dilma Rousseff (PT) rechaçando o pedido de impeachment deflagrado pelo presidente da Câmara Eduardo Cunha (PMDB-RJ). A manifestação de repúdio à decisão de Cunha foi divulgada pelo governador da Bahia, Rui Costa (PT), em nome dos gestores nordestinos. Segundo o governador socialista, a nota divulgada não teve a sua participação.

“Gostaria de registrar, para esclarecimento, o meu entendimento a respeito do momento político que vive o Brasil. Não houve tempo, de minha parte, de conversar sobre esta nota que está circulando como sendo a posição dos Governadores do Nordeste. A nota divulgada, a qual respeito, não teve minha participação. E, por isso, gostaria de externar minha posição”, assinala o governador.

Apesar de negar consentimento com a nota, o governador reforça que não há condições para o impedimento da presidente e que Cunha tem sua legitimidade comprometida na condução da Câmara. “Entendo que não existe, até aqui, as condições para o impedimento da presidente da República. Mas há agora um fato consumado: foi aberto o processo de impeachment, para o qual, no meu entender, o presidente Eduardo Cunha tem sua legitimidade comprometida na condução da Câmara dos Deputados. Ele precisa deixar a presidência da Casa. Diante do fato consumado, espero que possamos superar esse impasse político”.

No final, o socialista, que rompeu com o Planalto no final de 2013 e trilhou um caminho independente, reafirma que não votou na presidente Dilma e nem no comandante da Câmara, Eduardo Cunha. “Nosso partido não votou nem na presidente da República e nem no presidente da Câmara dos Deputados. Trilhamos nosso próprio caminho. Essa postura continuará, defendendo as instituições e o respeito à Constituição do País.”

Polícia Civil firma acordo com governo do Estado e decreta fim do estado de greve

SINPOL

Desde a última sexta-feira (27/11) que os policiais civis de Pernambuco encontravam-se em estado de greve reivindicando melhorias para a categoria que reclamava da falta de sensibilidade por parte da atual gestão com os problemas que afetam não só o classe mas, principalmente a população.

O Sinpol (Sindicato dos Policiais Civis de Pernambuco) conseguiu nesta noite (03) firmar acordo com o governo do Estado e a categoria conquistou a criação de um Grupo de Trabalho para discutir e elaborar em 90 dias uma reformulação do Plano de Cargos, Carreiras e Vencimentos (PCCV),  progressão de 1,5% em dezembro, retroativo a março deste ano, auxílio transporte de R$ 350,00 para todos os policiais civis da ativa no Estado,  alteração no percentual do PCCV de 1,5% para 2% a partir de abril de 2016 para toda a categoria, ativos e aposentados e a devolução dos descontos das faltas dos plantões decorrentes do abandono do Programa de Jornada Extra da Segurança (PJES).

Para Áureo Cisneiros, presidente do Sinpol, a elaboração da Lei Orgânica será uma oportunidade de melhorar e modernizar a polícia civil, melhorar o atendimento à população e promover o trabalho de investigação.

Já a elaboração do PCCV será realizada com a presença de cinco membros do Sinpol e três membros do Governo e, já agora em dezembro, será discutido. “Esse é o documento da valorização do policial. Precisamos sair da pecha de ter a o pior salário de polícia civil do Estado”, disse.

“É um acordo firmado com o Governo do Estado. Melhorou o PCCV da gente, mas está aquém. Só que em um momento de uma conjuntura difícil, foi o que deu para negociar com o Governo do Estado. Esperamos que em 2016 a coisa melhore para todo mundo, para todos os trabalhadores”, afirmou Áureo Cisneiros.

Comunitária presta queixa contra a Ordem Pública por invadir prédio da associação de moradores do Pedra Linda

ILMA 02

A comunitária presidente Linda, Ilma Ferreira Silva, informou a nossa reportagem que a secretaria de Ordem Pública cumpriu a notificação e invadiu o prédio sede da Associação de Moradores do Bairro Pedra na manhã desta quinta-feira (03) recolhendo freezer, geladeira, cadeiras, mesas, os livros dos alunos da aula de reforço e impedindo o acesso aos banheiros dos motoristas e cobradores das empresas de ônibus que fazem linha naquele bairro.

Indignada com a postura da Ordem Pública Ilma Ferreira registrou um boletim de ocorrência na delegacia da polícia civil do Ouro Preto e procurou a justiça para como está o tramite do processo que analise a legitimidade da eleição da referida associação.

O OUTRO LADO

Socorro e DomingosNa manhã desta quinta-feira (03) em entrevista ao programa Bom Dia Vale da Rádio Jornal, a presidente da Federação das Associações de Petrolina (FEAMUP), Socorro Neto, acompanhada do presidente do Conselho Comunitário, Domingos Libório, informou não ter nada haver com a notificação da Ordem Pública e que o prédio em questão não será revertido para a federação.

Domingos afirmou que Ilma Ferreira não representa mais a comunidade, pois quem está legitimado para responder pelo bairro é o Conselho Comunitário que preside. “O mandato dela terminou no dia 5 de dezembro de 2013”, pontuou.

Cappellaro busca unidade para enfrentar Dhoni Amorim em Lagoa Grande – PE

Vilmar Cappellaro 02

Candidato a vice-prefeito na última eleição em Petrolina – PE na chapa encabeçada pelo deputado estadual Odacy Amorim (PT), que ficou em terceiro lugar no pleito, Vilmar Cappellaro (PPS), parece está decidido a alçar voos mais altos em 2016.

Bastante conhecido em Lagoa Grande – PE, devido ao seu trabalho na fruticultura irrigada, Cappellaro é um dos nomes cogitados para unir as oposições em torno de uma candidatura única a prefeito para enfrentar o atual gestor Dhoni Amorim (PSB), candidato a reeleição, que tem perdido muitos aliados nos últimos dias.

Embora negue esta pretensão, Cappellaro tem sido visto com frequência conversando com eleitores e lideranças políticos do município.