Bodocó confirma 4º óbito por covid-19

O número de mortes provocadas pelo novo coronavírus subiu para quatro em Bodocó (PE). A nova vítima é uma idosa de 70 anos, cujo óbito foi registrado na sexta-feira (3).

Ela tinha doença cardíaca e era obesa. A paciente estava internada no Hospital Santa Maria, em Araripina (PE).

O boletim de ontem também registra 40 casos confirmados, dos quais 15 já estão clinicamente curados. Outros 30 pacientes permanecem em investigação.

Nessa semana o prefeito Túlio Alves anunciou medidas mais restritivas no comércio da cidade, com a intenção de conter a disseminação do vírus.

Bodocó e Ipubi confirmam mais óbitos por covid-19

Vírus segue se espalhando pelo interior (Foto: Freepik/Banco de Imagens)

Bodocó e Ipubi, no Sertão de Pernambuco, atualizaram o número de óbitos provocados pelo coronavírus nos boletins de terça-feira (30). Em Bodocó foi confirmada a terceira morte. Trata-se de um paciente de 37 anos, com duas comorbidades: cardiopatia congênita e hipertensão pulmonar.

Ele estava internado em Ouricuri (PE) e morreu no sábado (27). A confirmação veio através de exame, cujo resultado saiu ontem. Bodocó soma ainda 32 pacientes infectado, 15 recuperados, 78 descartados e 50 em investigação.

No município de Ipubi a Prefeitura confirmou a 10ª morte. A Secretaria de Saúde não forneceu mais detalhes sobre o paciente. São 90 casos confirmados, 62 recuperados e três em investigação. O índice de isolamento social caiu de 39% para 34%.

Bodocó antecipa feriado da Consciência Negra e limita funcionamento do comércio

Prefeito criticou bodocoenses que descumpre orientações sanitárias

Bodocó, no Sertão de Pernambuco, terá medidas mais restritivas ao funcionamento do comércio a partir desta quarta-feira (1°). O prefeito Túlio Alves afirmou que as restrições seguirão até o dia 05/07. A Prefeitura justifica ser ser importante essa redução para reduzir a curva de contágio do novo coronavírus.

O decreto municipal também determina a antecipação do feriado do “Dia da Consciência Negra”, a ser celebrado nesse ano em 6 de julho. “A situação na nossa região do Araripe se agravou, novos óbitos e novos casos. Entendo o plano de retomada da economia do Governo do Estado, até hoje seguimos a risca todos os decretos, mas hoje vamos na contramão do Estado. As pessoas acharam que o vírus estava indo embora, passaram a ignorar o uso obrigatório da máscara, passaram a realizar festas e isso pode agravar a situação“, justificou o prefeito.

Como fica o comércio

Com o decreto municipal fica proibido o funcionamento de todas as atividades comerciais, industriais ou prestação de serviços, sejam elas públicas ou privadas. Os serviços considerados essenciais poderão abrir da seguinte forma:

  • Mercados (das 7h às 13h);
  • Verdurões (das 7h às 13h);
  • Frigoríficos e Açougue (das 7h às 13h);
  • Padarias (1º turno: das 5h às 9h / 2º turno: das 16h às 19h);
  • Farmácias veterinárias (das 7h às 13h);
  • Lojas de ração animal (das 7h às 13h);
  • Casas lotéricas (das 7h às 13h – com limite de atendimento de 50 pessoas por dia para público do Bolsa Família e Auxílio Emergencial);
  • Bancos (deverão funcionar com redução de funcionários, horários e serviços);
LEIA MAIS

Bodocó registra segundo óbito por Covid-19

(Foto: Divulgação)

O município de Bodocó registrou, nessa quarta-feira (24), o segundo óbito pelo novo Conoravírus. Segundo informações da prefeitura, o paciente tinha 76 de anos de idade, era diabético e estava internado no Hospital Regional Fernando Bezerra, em Ouricuri (PE).

De acordo com a atualização do último Boletim da Secretaria Municipal de Saúde, Bodocó tem 77 casos notificados, dos quais são: 16 casos confirmados, destes, 08 recuperados, 45 descartados, 16 casos em investigação e 02 óbitos.

Bodocó confirma 1ª morte por covid-19

Idoso de 68 anos com histórico de doenças é a primeira vítima (Foto: Ascom)

Bodocó, no Sertão de Pernambuco, confirmou a primeira morte provocada pelo novo coronavírus. A Prefeitura informou no boletim de segunda-feira (22) que o paciente é um homem de 68 anos. Ele estava internado em uma unidade hospitalar do Crato (CE), onde fazia tratamento para doença nos rins.

O óbito foi registrado no último sábado (20), mas somente confirmado à Prefeitura ontem. Por ser um paciente originário de Bodocó, o casos entrou nas estatísticas da cidade. “A gestão municipal solidariza-se com a perda do paciente e reforça que o isolamento social é a melhor prevenção para o enfrentamento da pandemia”, lamentou a Prefeitura.

Dados atualizados

Segundo o boletim de ontem Bodocó tem 60 casos notificados, 14 confirmados, oito recuperados, 27 descartados, 19 em investigação e agora uma morte.

PM dispersa participantes de evento na zona rural de Bodocó

Organizador foi levado à Delegacia (Foto: Polícia Militar/Divulgação)

A Polícia Militar segue realizando ações para fiscalizar o cumprimento dos decretos estaduais no Sertão de Pernambuco. E na noite de domingo (14) equipes do 7º BPM frustraram a realização de um evento no Sítio Pau Ferro, zona rural de Bodocó.

Os policiais chegaram ao local e flagraram várias pessoas se aglomerando para um evento festivo denominado “Bolão da Vaquejada”. Os participantes foram alertados sobre a necessidade de se respeitar o distanciamento social e foram dispersados do local.

Segundo a PM, o organizador do evento foi conduzido à Delegacia de Polícia Civil de Ouricuri onde foi lavrado um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO).

Homem é detido em Bodocó por uso de paredão de som em via pública

(Foto: Polícia Militar)

Por volta das 22h30 desta quinta-feira (11), a Polícia Militar de Bodocó, no Sertão do Araripe pernambucano, foi acionada por moradores para coibir o uso de som ligado em via pública em volume que perturbava a vizinhança.

A equipe Guarnição Tática Rural, com apoio da Guarnição Tática de Bodocó, foi até a Vila São Francisco, local indicado pelos denunciantes e lá encontraram a pessoa de iniciais L.G.N., 28 anos, fazendo uso de 01 paredão de som em volume ensurdecedor.

Ele e equipamento apresentados na delegacia de Polícia Civil em Bodocó para adoção das medidas legais.

Bodocó ganhará 11 leitos especializados no tratamento da covid-19

Bodocó (PE) já confirmou seis casos positivos de coronavírus e está intensificando as ações para atender os pacientes na cidade. Nessa segunda-feira (25) a Prefeitura anunciou a implantação de 11 leitos especializados na covid-19, que funcionarão no Hospital Municipal Eulina Silva Lócio de Alencar.

Os leitos estão em fase de finalização e em breve atenderão os novos pacientes. No final de semana o prefeito Túlio Alves visitou a unidade para acompanhar a evolução do trabalho. Serão oito leitos de retaguarda disponíveis também a moradores de cidades vizinhas.

Os três restantes serão destinados a pacientes em isolamento, exclusivo a casos suspeitos. “Até o próximo dia 31 todos os equipamentos, a exemplo de três respiradores, devem chegar ao município para que os leitos estejam completamente prontos“, pontua a gestão.

Prefeitura de Bodocó implanta barreiras sanitárias fixas nas principais entradas da cidade

(Foto: Ascom/PMB)

Com 6 casos confirmados do novo coronavírus, a Secretaria de Saúde do Município de Bodocó implantou barreiras sanitárias fixas nas principais entradas da cidade nesta quinta-feira (21).

A ação integra as medidas de segurança e de enfrentamento à pandemia da Covid-19. Funcionários do setor de Vigilância em Saúde, com a ajuda de servidores de outras secretarias municipais, estão identificando o fluxo de visitantes e sua origem, fazendo orientações sobre o combate à Covid-19, monitorando o uso de máscaras, fazendo avaliação clínica de condutores e passageiros, identificando casos suspeitos e encaminhando essas pessoas para unidades de saúde, se for preciso.

O período de atuação desta fase seguirá até o próximo dia 05 de junho, podendo ser prorrogada.

De acordo com a atualização do último Boletim Epidemiológico, além dos 6 casos confirmados, o município registra o total de 15 casos notificados sendo que 5 estão em investigação, 4 foram descartados e 5 já tiveram cura clínica diagnosticada.

Prefeitura de Bodocó estabelece medidas de segurança para funcionamento da Feira do Queijo

Em virtude da pandemia da Covid-19, a Prefeitura de Bodocó estabeleceu novas medidas e normas para a realização da Feira do Queijo na cidade.

Nesta segunda-feira (18) a feira contou com a instalação de lavatórios para higienização das mãos; aferição de temperatura; monitoramento para uso obrigatório de máscara, cadastro dos produtores e compradores, como também o isolamento do local para controle do fluxo de veículos.

As ações foram realizadas pela Secretaria de Agricultura, como forma de maior prevenção frente à pandemia.

Bodocó registra primeiros casos positivos de Covid-19

(Foto: Prefeitura de Bodocó)

Até esta quinta-feira (14), o município de Bodocó (PE) contava apenas com casos suspeitos do novo coronavírus, mas nesta sexta-feira (15) veio a notícia que ninguém gostaria de divulgar. A secretaria da saúde informou que os exames de três pacientes deram positivo para a Covid-19.

A pasta no entanto, não informou se as pessoas contaminadas são do sexo masculino ou feminino, ou se estão internadas. Informou apenas que o município tem mais 7 casos suspeitos e 2 descartados.

Confira o valor que cada município do Sertão de Pernambuco receberá no enfrentamento ao coronavírus

Veja o valor que cada município receberá durante a pandemia do covid-19 (Foto: Cadu Rolim/FotoArena/Estadão Conteúdo)

O Senado Federal aprovou no final de semana um auxílio aos estados e municípios brasileiros durante a pandemia do coronavírus. O Programa Federativo de Enfrentamento ao Coronavírus prevê apoio de R$ 125 bilhões.

LEIA TAMBÉM

Senado aprova ajuda a Estados durante pandemia do coronavírus

Nesse primeiro momento a União repartiu R$ 25 bilhões aos 26 Estados, além do Distrito Federal. O valor que cada cidade recebeu é calculado de acordo com a população. Veja a seguir o valor que cada município da região receberá do Governo Federal:

LEIA MAIS

Prefeitura de Bodocó intensifica ações no combate à dengue e outras doenças

(Foto: Ascom/PMB)

A ação lembra a higienização por causa do novo coronavírus, mas não é. A Prefeitura de Bodocó, através da Secretaria de Saúde, está intensificando ações de combate ao Aedes Aegypti, mosquito transmissor da dengue, zika e chikungunya e febre amarela.

Sob a supervisão da Coordenação de Vigilância Ambiental, mais de 40 ruas e avenidas da cidade já receberam o bloqueio contra o mosquito, que é realizado através da borrifação.

Nessa terça-feira (28) o bloqueio foi realizado na Avenida Manoel Pereira Horas e nas Ruas Vicente Bezerra Horas e Josefa Rita de Jesus, localizadas na Várzea do Meio.

“Mesmo com a nossa atenção voltada ao enfrentamento da Covid-19, não podemos esquecer dos cuidados necessários para evitarmos os casos de doenças transmitidas pelo mosquito, por isso a borrifação é uma importante ferramenta de estratégia neste combate”, destaca o prefeito Túlio Alves.

Uma profissional da saúde é o primeiro caso suspeito do novo coronavírus em Bodocó

(Foto: Freepik/Banco de Imagens)

A prefeitura de Bodocó (PE) anunciou na tarde desta quinta-feira (16), que o município registrou o primeiro caso suspeito do novo coronavírus. A pessoa com os sintomas é uma profissional da área de saúde, que reside em Bodocó, mas trabalha no Hospital Regional Fernando Bezerra, em Ouricuri.

A paciente foi notificada e registrada pelo Hospital Regional e está aguardando resultado da testagem. Ela encontra-se em sua casa, cumprindo isolamento social. A prefeitura informou ainda que dará maiores detalhes após o resultado do teste.

Justiça eleitoral cobra transparência de 38 municípios pernambucanos durante pandemia do coronavírus

Serra Talhada é um dos 38 municípios listados pela Justiça Eleitoral (Foto: Blog Waldiney Passos)

A Justiça Eleitoral está de olho em 38 municípios de Pernambuco. Os promotores fizeram uma série de recomendações a prefeitos, secretários municipais e vereadores para que não cometam transgressões à lei eleitoral em razão da calamidade pública no Estado.

Entre as cidades listadas estão Araripina, Bodocó, Exu, Floresta, Granito, Parnamirim e Serra Talhada. A Justiça quer transparência nos decretos de calamidade e pede informação sobre os valores a serem distribuídos a famílias carentes através de programas sociais.

A Portaria proíbe gestores de criarem qualquer agenda política com o setor social. Ou seja, quem o fizer e se intitular “pai” de algum auxílio poderá ser punido com multa, que varia de R$ 5 mil a R$ 106 mil, e à cassação do registro ou diploma dos candidatos beneficiados pelas práticas irregulares.

Confira a seguir a lista dos municípios listados pela Justiça de Pernambuco:

Ipojuca, Igarassu, Araçoiaba, Itamaracá, Itapissuma, Serra Talhada, Pesqueira, Poção, Afogados da Ingazeira, Iguaracy, Paulista, Goiana, Carnaíba, Quixaba, Solidão, Arcoverde, Camocim de São Félix, Sairé, São Joaquim do Monte, Venturosa, Alagoinha, Iati, Araripina, Surubim, Casinhas, Vertente do Lério, Sertânia, Garanhuns, Exu, Moreilândia, Bodocó, Granito, Olinda, Parnamirim, Terra Nova, Vertentes, Floresta e Moreno.

123