Juazeiro: Câmara encerra trabalhos de 2019 com recordes de sessões

2019 teve recorde de projetos (Foto: Blog Waldiney Passos)

O ano legislativo em Juazeiro (BA) foi concluído na terça-feira (10), quando os edis promoveram a última sessão ordinária de 2019. A avaliação da Câmara é que houve um recorde nos encontros e em número de proposições apresentadas.

De 18 de fevereiro a 10 de dezembro foram realizadas 63 sessões ordinárias, três extraordinárias e 26 sessões especiais, solenes e Audiências Públicas. “Foram convocações à participação da sociedade, com resultados positivos, discussões acaloradas que mostram a força da Câmara e da sociedade civil organizada“, lembrou o presidente da Câmara, Alex Tanuri.

140 projetos foram discutidos no ano, sendo 57 do Poder Executivo, sem contar as Indicações e Requerimentos ordinários de cada vereador. A Casa Aprígio Duarte é composta por 21 membros, dos quais a ampla maioria é da Situação. As sessões podem ser acompanhadas pelas redes sociais, sempre às segundas e terça-feiras, a partir das 17h.

Juazeiro: Câmara promove audiência pública para discutir Plano Municipal de Educação

Os vereadores de Juazeiro (BA) discutirão na tarde dessa terça-feira (26) o Plano Municipal de Educação (PME) 2015/2025. A Audiência Pública está marcada para 17h, na Casa Aprígio Duarte. O momento servirá para apresentação da prestação de contas de como as políticas públicas municipais.

O Plano foi elaborado por equipes do Governo Municipal, com apoio da sociedade civil. Na audiência serão apresentadas as 20 metas estabelecidas pelo PME e os avanços que já foram alcançados na Educação do município, de 2015 a 2019. Quem não puder ir à Câmara poderá acompanhar a audiência ao vivo pelo Facebook do Poder Legislativo.

Juazeiro: Allan Jones denuncia péssimas condições de trabalho dos servidores do SAMU

Vereador cobrou melhores condições de trabalho aos servidores

O vereador Allan Jones (PTC) usou a Tribuna Livre da Casa Aprígio Duarte nessa semana, para denunciar os problemas enfrentados no SAMU de Juazeiro. O vereador disse ter recebido denúncias de servidores do próprio Serviço e relatou o caos na unidade.

“Na semana passada, uma pessoa que resolveu não se identificar expôs as condições indignas, deploráveis, humilhantes, desgovernamentais em que os servidores do SAMU continuam trabalhando. Estou falando não como vereador de Oposição e sim como médico servidor, que poderia estar trabalhando nesse SAMU”, disse o edil.

Para Allan, os problemas enfrentados pelos servidores incidem diretamente no atendimento ao público. “Barata dentro de água é condição digna, se colchões rasgados sem ao menos ter um forro é condição digna; quarto com infiltração é condição digna? Como eu como gestor, prego nos quatros cantos da cidade que a saúde vai bem?”, questionou.

O edil chamou atenção dos colegas e solicitou uma visita da Comissão de Saúde no SAMU da cidade, a fim de apurar as denúncias e montar um relatório, cobrando melhorias de trabalho e na estrutura.

Câmara de Juazeiro homenageia professor Rivas e Graciosa Xavier

Diploma reconhece servidos prestados na educação (Foto: Ascom/CMJ)

Os vereadores de Juazeiro (BA) prestaram uma merecida homenagem ao professor Rivadávio Espínola Ramos, o professor Rivas e à ex-secretária de Educação e diretora da antiga DIREC-15, Graciosa Xavier. A dupla recebeu o Diploma do Mérito Educativo Professora Judith Leal Costa.

A cerimônia aconteceu na noite de sexta-feira (8), propostas pelo vereador Allan Jones e aprovadas por unanimidade no plenário da Câmara. “Esta homenagem é altamente justa e é preciso que a gente faça as homenagens às pessoas em vida por que a gente demonstra a nossa gratidão, respeito e além de tudo, o nosso reconhecimento”, destacou Jones.

Amigos, familiares e autoridades do município marcaram presença na sessão solene. O prefeito Paulo Bomfim foi representado pela secretária de Ação Social, Cida Gama.

Às vésperas de votar Orçamento de 2020, Charles Leal desabafa: “Muitas vezes nossas Indicações não têm efeito nenhum”

Vereador cobrou cumprimento das emendas por parte da Prefeitura de Juazeiro

Charles Leal (PDT) está na bronca com os colegas de Casa Aprígio Duarte e com a Prefeitura de Juazeiro (BA). Na sessão de terça-feira (5) o edil usou a Tribuna Livre para cobrar aos colegas que se unam e passem a exigir da do Poder Executivo o cumprimento das emendas anuais, mas com apoio de uma lei municipal.

“Nós precisamos verdadeiramente de nos unir pra que a gente possa ter as emendas impositivas. Não tenho dúvidas que se nós mesmos colocarmos aqui [um projeto de lei] e aprovamos aqui nessa Casa, o Governo aceitará porque nós somos parceiros“, disse Charles.

O edil, que é primeiro-secretário, foi além e alfinetou a Prefeitura. “Se nós somos parceiros para votar nos projetos importantes, o Governo vai entender que nós precisamos de ter as emendas impositivas para atender nosso povo. Muitas vezes nossas Indicações não têm efeito nenhum, a gente se debruça em cima do orçamento e não vale de nada porque o Governo não atende”, continuou.

LEIA MAIS

TCM aprova contas da Câmara de Vereadores de Juazeiro

O Tribunal de Contas dos Municípios da Bahia (TCM-BA) aprovou a prestação de contas da Câmara de Vereadores de Juazeiro, referente ao ano de 2018. A decisão do TCM veio na tarde de terça-feira (5) e diz respeito à gestão do atual presidente da Casa, Alex Tanuri.

Tanuri acompanhou a votação no Tribunal e celebrou a aprovação, destacando que o parecer do TCM reforma o “esforço de transparência, austeridade e seriedade no trato com os recursos da Câmara de Juazeiro”.

De acordo com a Câmara de Juazeiro, uma ressalva apontada pela instituição está sob análise da Assessoria Jurídica e será contestada.

Vereador Anastácio cobra mais educação dos juazeirenses na preservação dos espaços públicos

Vereador cobrou a participação da população na conservação do município

Os juazeirenses precisam fazer a parte deles para manter a cidade limpa. Esse foi o recado do vereador Anastácio (PCdoB) na Tribuna Livre da Casa Aprígio Duarte. O vice-presidente da Câmara cobrou educação e conscientização dos moradores para manter a organização no município.

“Uma cidade limpa é boa de se morar”, destacou o edil no começo de sua fala. Mas para Anastácio, deixar Juazeiro organizado não é dever único e exclusivo do Poder Executivo. “Isso é uma obrigação nossa, é uma obrigação também da população. Muitas das vezes a gente observa o calçadão de Juazeiro com jarros quebrados, luminárias quebradas. A gente não pode permitir isso, nós temos que nos educar“, continuou.

Em seguida o edil cobrou a participação dos empresários, proprietários de bares. “A gente observa situações onde seria necessário que nós tivéssemos também donos de bares na Orla, que se conscientizassem da necessidade do bem estar. Não é só visar lucros. Nós precisamos de bares bem organizados“, concluiu.

Sessão na Câmara de Juazeiro homenageará vereador Joseilson Marcelino

Joseilson morreu semana passada, vítima de um câncer (Foto: Ascom/CMJ)

A sessão dessa segunda-feira (14) na Câmara de Vereadores de Juazeiro (BA) será marcada por homenagens a Joseilson Marcelino, edil que morreu na semana passada aos 58 anos, vítima de um câncer. A Mesa Diretora prepara um momento especial, para destacar o legado do edil.

LEIA TAMBÉM:

Câmara de Petrolina presta homenagem a vereador juazeirense que morreu vítima de câncer

Luto: vítima de câncer, vereador de Juazeiro vem a óbito

Segundo o presidente da Casa Aprígio Duarte, Alex Tanuri “é importante essa lembrança e homenagem a um vereador que se destacou na luta em defesa da saúde”. A sessão está marcada para 17h e é aberta a todos os juazeirenses. Quem não puder ir à Câmara poderá acompanhar a sessão ao vivo via Facebook.

“A gente pode pintar a cidade de ouro que a Oposição desqualifica”, afirma vereador Anderson da Iluminação

Vereador criticou grupo político da Oposição juazeirense (Foto: ASCOM)

Na opinião do vereador Anderson da Iluminação (PP), a Oposição de Juazeiro não sabe reconhecer os avanços da cidade na gestão de Paulo Bomfim (PC do B). Em discurso na Tribuna Livre na sessão de terça-feira (8), o edil que já foi secretário de Obras destacou o avanço da cidade.

“Eu vejo a nossa Oposição, que alguns colocam tudo de pior para a nossa cidade. Quando tem uma coisa boa, vocês não comentam. Somos a melhor educação da Bahia, nós temos que nos orgulhar disso. Esses dias coloquei aqui, que alguns companheiros da Oposição estavam comemorando da educação na nossa vizinha Petrolina que tinha climatizado 28 escolas, mas em Juazeiro nós já climatizamos 120, para a Oposição parece que não serve”, discursou.

Crítica ao grupo da Oposição

Em seguida ele dirigiu sua fala ao companheiro de Casa Aprígio Duarte, Allan Jones (PTC) – único da Oposição – e mandou um recado a ele. “Esse grupo ajudou Juazeiro a ficar inadimplente, isso lá atrás e eles não podem falar nada. A Prefeitura Municipal não tinha crédito para comprar uma meia. Juazeiro hoje tem comando, tem um nome bom e tem um nome limpo. Nós temos um Governo que tem responsabilidade e compromisso. A gente pode pintar a cidade de ouro que a Oposição desqualifica a cidade que mora em nome da política”, concluiu.

Luto: vítima de câncer, vereador de Juazeiro vem a óbito

O Blog Waldiney Passos lamenta a morte do parlamentar e presta seus pêsames à família e amigos de Joseilson.

Faleceu na noite dessa quarta-feira (09), o vereador de Juazeiro (BA) Joseilson Marcelino (PTB), de 58 anos, vítima de câncer. A informação foi confirmada pela assessoria da Câmara de Vereadores do município.

O parlamentar estava internado há cerca de uma semana devido a complicações da doença. Joseilson foi eleito no último pleito com 1.533 votos, sendo o 16º mais votado. De acordo com a assessoria da Câmara, em seu lugar assume o Pastor Roberto (PSC).

LEIA MAIS

Juazeiro: reassumindo mandato como vereador, Tiano Felix destaca ações na ADEAP

Vereador voltou ao Legislativo na sessão de terça-feira (9)

De volta à Casa Aprígio Duarte, o vereador Tiano Félix (PT) destacou suas ações enquanto membro do Poder Executivo. Por mais de dois anos ele se licenciou do cargo no Legislativo para atuar na Agência de Desenvolvimento Econômico, Agricultura e Pecuária (ADEAP).

LEIA TAMBÉM:

Vereador Florêncio Galdino se despede e Tiano Felix reassume vaga na Câmara Municipal de Juazeiro

“A tarefa foi nos dada e confiada pela experiência que a gente já tinha no Mercado do Produtor. Com muito zelo e dedicação conduzimos uma equipe que hoje toca a Agência. Juazeiro virou referência do FIDA. Fizemos o amparo e o fortalecimento, Juazeiro continuou sendo referência na geração de emprego”, destacou o edil.

Afirmando ter a sensação de “dever cumprido”, Tiano deixou claro como será o seu final de mandato na Câmara de Vereadores. “É um momento de fazer uma reflexão, de comparar a nossa história. Viemos fazer o novo debate depois de ter passado pelo Executivo e continuar cumprindo com o povo juazeirense, fazendo melhor e vamos debater projetos que achamos importante”, finalizou.

Após seu discurso, Tiano foi saudado pelos colegas de Câmara que elogiaram o trabalho do edil na ADEAP. Com o retorno do petista, Florêncio Galdino retornou à suplência em Juazeiro.

Câmara de Juazeiro suspende sessão após morte da mãe do vereador Bené Marques

(Foto: Blog Waldiney Passos)

Os trabalhos na Casa Aprígio Duarte, em Juazeiro (BA) nessa terça-feira (1°) foram suspensos. A decisão veio da Presidência, após a morte da mãe do vereador Bené Marques. Em nota, o presidente Alex Tanuri também manifestou pesar pelo óbito.

A mãe do edil morreu na manhã de hoje. Deuzelite Magalhães Marques será sepultada às 17h dessa terça, no Cemitério do João Paulo II, no mesmo horário que começaria a sessão. Confira a seguir a nota da Câmara de Vereadores:

LEIA MAIS

Vereadores de Juazeiro aprovam homenagem a Negão do Edson

(Foto: Ascom/CMJ)

Os vereadores de Juazeiro (BA) aprovaram na sessão de segunda-feira (23) três projetos de Lei: dois do Legislativo e um do Executivo. As matérias resultarão na denominação da praça localizada na Orla II de Juazeiro, que se chamará Professor Negão do Edson.

Já o Centro Gastronômico será chamado de Vila Bossa Nova. Por fim, o Executivo solicitou alteração dos dispositivos da Lei Nº 2.714/2019 que dispõe sobre alíquotas relativas ao custo suplementar para amortização do déficit atuarial. Esta alteração tem o objetivo de adequar a Lei em questão com o plano de custeio do Regime Próprio de Previdência do Município, assegurando a manutenção do seu equilíbrio financeiro.

Na tarde dessa terça-feira (24) os vereadores voltam a se reunir para debater as demandas populares. Os juazeirenses podem acompanhar a sessão ao vivo via Facebook.

Vereadores criticam cobranças abusivas da empresa responsável por gerenciar zona azul de Juazeiro

Edis criticaram política da Sinal Park sobre a zona azul (Foto: Ascom)

Os vereadores de Juazeiro (BA) não estão satisfeitos com o sistema de zona azul da cidade. Vice-presidente da Casa Aprígio Duarte, Anastácio de Assis (PC do B) criticou o modelo abusivo que hoje existe no município durante a sessão de terça-feira (30) passada.

“Quando a zona azul foi implantada em nossa cidade, foi para oferecer vagas no centro comercial. Mas todos os dias nós nos deparamos com vídeos de abusos da zona azul. A gente observa funcionários quando muitas vezes o proprietário do veículo vai chegar ao parquímetro e já foi multado”, disse o vereador.

LEIA MAIS

Vereadores de Juazeiro engrossam cobranças ao Governo da Bahia a respeito de investimentos na saúde pública

Vereadores cobraram mais recursos para a Maternidade, UPA e SOTE de Juazeiro (Foto: Arquivo)

A saúde de Juazeiro foi o principal tema debatido pelos vereadores nessa semana. Eles aproveitaram a passagem do secretário de Saúde da Bahia para cobrar melhorias no Hospital Maternidade e na Unidade de Pronto Atendimento (UPA).

Neguinha da Santa Casa (MDB) criticou a Rede PEBA, que segundo ela “é peba mesmo”. A vereadora se revoltou com uma colocação do secretário Fábio Vilas-Boas, a respeito dos gastos com a maternidade local e o chamou de “frio” por ver o descaso do Governo do Estado e não buscar soluções.

“A gente vê que não tem o mínimo de interesse de resolver as coisas das pessoas que estão lá na ponta, os pacientes. Quando eu vejo o secretário de Saúde do Estado dizer que se resolve os problemas da saúde com R$ 600 mil reais. Cadê a responsabilidade, cadê a humanização? Eu peço que peguem esses R$ 600 mil para ele gerenciar a Maternidade de Juazeiro, com a quantidade de partos que tem na nossa cidade. São pacientes de 55 municípios e se ele tiver condições de gerenciar a maternidade com R$ 600 mil ele é o cara”, ironizou.

LEIA MAIS
123