Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!

Vereadores criticam cobranças abusivas da empresa responsável por gerenciar zona azul de Juazeiro

Edis criticaram política da Sinal Park sobre a zona azul (Foto: Ascom)

Os vereadores de Juazeiro (BA) não estão satisfeitos com o sistema de zona azul da cidade. Vice-presidente da Casa Aprígio Duarte, Anastácio de Assis (PC do B) criticou o modelo abusivo que hoje existe no município durante a sessão de terça-feira (30) passada.

“Quando a zona azul foi implantada em nossa cidade, foi para oferecer vagas no centro comercial. Mas todos os dias nós nos deparamos com vídeos de abusos da zona azul. A gente observa funcionários quando muitas vezes o proprietário do veículo vai chegar ao parquímetro e já foi multado”, disse o vereador.

LEIA MAIS

Vereadores de Juazeiro engrossam cobranças ao Governo da Bahia a respeito de investimentos na saúde pública

Vereadores cobraram mais recursos para a Maternidade, UPA e SOTE de Juazeiro (Foto: Arquivo)

A saúde de Juazeiro foi o principal tema debatido pelos vereadores nessa semana. Eles aproveitaram a passagem do secretário de Saúde da Bahia para cobrar melhorias no Hospital Maternidade e na Unidade de Pronto Atendimento (UPA).

Neguinha da Santa Casa (MDB) criticou a Rede PEBA, que segundo ela “é peba mesmo”. A vereadora se revoltou com uma colocação do secretário Fábio Vilas-Boas, a respeito dos gastos com a maternidade local e o chamou de “frio” por ver o descaso do Governo do Estado e não buscar soluções.

“A gente vê que não tem o mínimo de interesse de resolver as coisas das pessoas que estão lá na ponta, os pacientes. Quando eu vejo o secretário de Saúde do Estado dizer que se resolve os problemas da saúde com R$ 600 mil reais. Cadê a responsabilidade, cadê a humanização? Eu peço que peguem esses R$ 600 mil para ele gerenciar a Maternidade de Juazeiro, com a quantidade de partos que tem na nossa cidade. São pacientes de 55 municípios e se ele tiver condições de gerenciar a maternidade com R$ 600 mil ele é o cara”, ironizou.

LEIA MAIS

Vereadores de Juazeiro homenageiam mulheres com Comenda Ana Oliveira

Vereadoras foram homenageadas por colegas (Foto: Ascom/CMJ)

A sessão de terça-feira (19) na Casa Aprígio Duarte foi de homenagens a elas. Mulheres escolhidas pelos vereadores e vereadoras receberam a Comenda Ana Oliveira, em alusão ao Dia Internacional da Mulher, celebrado no dia 8 desse mês.

Isabel Ane dos Santos Cruz, Luzinete Dias da Costa e Lucinha Mota, foram as escolhidas pelos edis para receber a Comenda. Em discurso na Tribuna Livre, Lucinha que é mãe de Beatriz Angélica Mota se emocionou e lembrou a luta por justiça.

Além dos vereadores, das homenageadas e suas famílias, a sessão foi acompanhada de perto por membros da sociedade. Ana Oliveira, que dá nome a Comenda, foi a primeira vereadora de Juazeiro e primeira deputada da região.

Vereador de Juazeiro cobra família e escola mais presentes na vida de estudantes, após jovem planejar suposto ataque em colégios da região

Trabalho da polícia também foi elogiado (Foto: Ascom/CMJ)

O suposto ataque planejado nas redes sociais contra escolas de Juazeiro e Petrolina ainda repercute nos dois municípios. Na sessão de hoje (19) na Câmara de Petrolina o vereador Gilmar Santos (PT) abordou o tema sob a ótica das políticas públicas voltada a saúde dos jovens.

Em discurso durante a sessão de ontem (18) à noite na Câmara de Juazeiro o vereador Aníbal Araújo (PTC) também cobrou mais atenção aos jovens. “Está faltando políticas públicas voltada às crianças”, disse vereador ao utilizar a Tribuna Livre.

LEIA TAMBÉM:

Petrolina: rondas da Polícia Militar são intensificadas no entorno da Escola Humberto Soares; Polícia Civil investiga suposto ataque

Polícia Militar mantém policiais fardados e à paisana no Colégio Modelo, Civil já identificou responsáveis por ameaças

Para o edil a participação dos pais na vida dos filhos também é imprescindível. “Nós precisamos ter o diálogo, dialogar com nossos filhos. A escola também precisa parar um pouco e dialogar, se a gente tem discussões desse tipo, aqueles alunos [mortos em Suzano] talvez voltassem para casa”, disse.

LEIA MAIS

Vereador pede audiência pública para discutir atual situação do Hospital Regional de Juazeiro

Na segunda sessão ordinária de 2019, realizada na tarde de segunda-feira (25) os vereadores de Juazeiro (BA) apresentaram algumas demandas da população. Aproveitando o momento de cobranças o edil Charles Leal (PDT) que é primeiro secretário na Mesa Diretora propôs a realização de uma audiência pública para debater a situação do Hospital Regional da cidade.

Segundo Leal, a situação atual da unidade requer um diálogo com todos os municípios que utilizam do serviço prestado. “São 120 leitos e 21 UTIs, pouca coisa para Juazeiro com mais de 250 mil habitantes e 53 municípios (da Rede PEBA). É preciso mais uma vez da união de todos os políticos, agora que nós temos o deputado Roberto Carlos, o deputado Zó, o ex-prefeito Isaac Carvalho e outros tantos deputados, nós, Casa Legislativa, para que a gente possa fazer uma audiência pública para discutir a demanda do Hospital Regional”, afirmou em discurso na Tribuna Livre.

Para o vereador, com essa realidade o HRJ não “dá pra atender Juazeiro” e isso é consequência da falta de estrutura dos municípios vizinhos, os quais não têm exames básicos e acabam por superlotar a unidade de Juazeiro. “Por isso é preciso que a gente discuta, chamando esses municípios para a discussão”, finalizou.

“O ano de 2019 é um ano promissor”, afirma Paulo Bomfim

(Foto: Ascom)

Passado o recesso de final de ano e o carnaval antecipado, os vereadores de Juazeiro (BA) voltaram as atividades na semana passada. Como de praxe a sessão foi aberta com a participação do prefeito Paulo Bomfim (PCdoB) e além de destacar a parceria com o Poder Legislativo, o gestor também comentou sobre o cenário político nacional.

LEIA TAMBÉM:

Em discurso de abertura do ano legislativo, prefeito destaca avanços em Juazeiro

“Agora é um novo governo, do Jair Bolsonaro em curso. Espero e torço que ele seja o presidente dos sonhos para quem o elegeu e para os que também não votaram nele. A economia brasileira começou com um movimento positivo e o ano de 2019 promete”, afirmou Bomfim.

Acreditando na melhora da economia, o prefeito se disse animado e que 2019 será um excelente ano para a cidade. “O ano de 2019 é um ano muito promissor, estou muito motivado para trabalhar ainda mais pela cidade de Juazeiro. Que Deus nos abençoe e seja um bom ano de trabalho”, disse o gestor.

Em discurso de abertura do ano legislativo, prefeito destaca avanços em Juazeiro

(Foto: Ascom)

Os trabalhos legislativos em Juazeiro (BA) foram iniciados na terça-feira (19) com a presença do prefeito Paulo Bomfim (PCdoB). O gestor, como manda a tradição, leu uma mensagem aos edis e à nova Mesa Diretora do biênio 2019/2020.

Bomfim esteve em Salvador durante a manhã e retornou à cidade no final da tarde. Para chegar ao prédio da Casa Aprígio Duarte ele enfrentou uma maratona, em consequência da manifestação na Ponte Presidente Dutra e lembrou que era necessário sua presença na Câmara. “Essa Casa merece respeito, os senhores merecem respeito e eu não podia não me fazer presente nesse momento”, discursou o prefeito.

Em seguida o gestor apresentou ações do município nos dois primeiros anos do seu mandato, como o avanço do IDEB, construções de creches e investimentos na infraestrutura, através do programa Toda Sexta tem Obra. “Temos muita coisa a comemorar e eu não podia deixar de agradecer a essa Casa pela nossa parceria. Tudo de bom que está acontecendo nessa cidade tem envolvimento dessa Casa”, afirmou Bomfim.

Nova Mesa Diretora da Câmara de Juazeiro tomará posse no dia 1º

(Foto: Ascom)

No primeiro dia de janeiro a Casa Aprígio Duarte empossa a nova Mesa Diretora para o biênio 2019/2020. O atual presidente da Câmara de Juazeiro, Alex Tanuri permanecerá no cargo e será acompanhado por Anastácio José de Assis, Charles Leal e Aníbal Pereira de Araújo.

Eles foram eleitos em março de 2018 para os cargos de presidente, vice, primeiro secretário e segundo secretário, respectivamente. A posse está marcada para 14h, no Plenário da Casa.

O Presidente Alex Tanuri destacou que o poder Legislativo “é essencial para o exercício da democracia” e convidou a população para a cerimônia de posse.

Vereadores de Juazeiro aprovam LOA de 2019 na última sessão do ano

(Foto: Ascom)

Depois de aprovar as contas do ex-prefeito Misael Aguiar na segunda-feira (10), a Câmara de Vereadores de Juazeiro (BA) votou e aprovou na terça-feira (11) o orçamento de 2019, na última sessão de 2018. O projeto de lei nº 3.440/2018 encaminhado pelo Poder Executivo fixa a despesa municipal na Lei Orçamentária (LOA).

Pelo texto aprovado,  a despesa fixada em 2019 é de R$ 690.000.000,00. Dos recursos, R$ 179.674.367,26 serão utilizados para o Fundo Municipal de Saúde e 181.680.000,00 ao Fundo Municipal de Educação. O Executivo também encaminhou outros projetos na sessão de ontem.

“Pacotão” do Executivo

O PL nº 3.453/2018 cria o Serviço Transporte Público Alternativo e Complementar para se juntar ao já vigente Sistema Municipal de Transporte Público Coletivo e Individual. Dessa forma haverá uma organização das atividades prestadas no município.

Outras matérias em pauta foram o PL 3.454/2018 que institui o Programa de Estimulo à Regularização Cadastral e de Débitos (PROEFIS) com o Serviço de água e Saneamento Ambiental (SAAE); PL 4.555/2018 criando cargos e vagas para integrar o quadro permanente de pessoal do SAAE para atender às demandas de projetos estratégicos de melhoramento na autarquia que cuida da prestação dos serviços de água e saneamento ambiental; PL 4.456/2018 que cria o Conselho Municipal de Desenvolvimento Econômico; PL 3.457/2018 cria o Prêmio Juazeiro Nota 10 para professores; PL 3.204/2015 que redenomina nome de ruas e avenidas públicas do município.

Legislativo tem uma matéria

Também foi analisado e votado um projeto do vereador Charles Leal (PDT), instituindo o programa Primeiro Emprego Juventude Cidadã com o principal objetivo de promover a inserção de jovens no mercado de trabalho e sua escolaridade.

Indiretas marcam sessão sem projeto na Câmara de Vereadores de Juazeiro

Sessão tranquila deu espaço para demandas dos edis (Foto: Blog Waldiney Passos)

Sem projetos de lei na pauta da sessão de ontem (27) os vereadores de Juazeiro aproveitaram o tempo vago na Casa Aprígio Duarte para apresentar suas demandas na Tribuna Livre. Os temas variaram entre falta d’água, problemas na saúde e atendimento na Casa de Apoio a pacientes em Salvador.

Primeiro a discursar, Domingão da Aliança (PRTB) teceu críticas à Câmara por aprovar projetos enviados pelo Executivo sem discussão e com ampla manifestação contrária da comunidade, como aconteceu no dia 19. Contrário às matérias, o edil justificou seu posicionamento e alfinetou os colegas da bancada governista.

“A forma que foi colocado aqui, queriam botar de goela abaixo. A gente tem que votar o que é bom para a sociedade. O que for bom a gente aprova, o que não for a gente não aprova”, disse o edil.

Situação responde

Membro da base governista, Anderson da Iluminação (PP) subiu à Tribuna para rebater a postura de alguns colegas da oposição que usam seus discursos para tecer críticas e não apresentar soluções à gestão municipal. O edil aproveitou e rebateu a fala de Domingão.

“Não é empurrar de goela abaixo não, é só olhar o Regimento [Interno] direitinho que eu tenho certeza que vossa Excelência fará um mandato descente”, finalizou o ex-secretário no governo de Paulo Bomfim (PC do B).

Dia da Capoeira é celebrado em Juazeiro com sessão itinerante no Arco da Ponte

(Foto: Ascom)

A noite de sexta-feira (23) foi marcada por muita festa no Arco da Ponte, em Juazeiro (BA). A Câmara de Vereadores promoveu uma sessão itinerante para celebrar o Dia da Capoeira. O evento faz parte da programação da Semana da Consciência Negra do município e reuniu políticos e comunidade.

A solenidade foi presidida pelo vereador Jean Gomes (PT) e secretariada por Anderson da Iluminação (PP). Capoeiristas estiveram na solenidade e comemoraram a homenagem. O mestrando em capoeira, Alabah destacou a importância do evento.

“Somos detentores de um conhecimento riquíssimo, mas poucas pessoas conhecem. Muitos usam a capoeira como marketing em datas festivas, mas a capoeira quer o seu valor e esse valor vem dos mestres mais antigos, chamados os anciões, que dedicam sua via a essa arte, mas no final são esquecidos. A capoeira não dá só um sentido de força e libertação, mas ela leva paz e cultura viva, onde todos são iguais”, disse.

Ao final da sessão os edis homenagearam alguns mestres com placas comemorativas em alusão ao Dia da Capoeira. O primeiro foi Ivaldirene Diogo da Silva, o mestre Faísca. A segunda foi prestada a mestre Jô, Joselita Pereira de Oliveira. Em seguida o mestre Gentil, Wandenberg Ferreira do Nascimento, que foi representado pelo Mestrando Alabah, e por último foi concedido ao mestre Tronco, Josemar Ferreira do Nascimento.

Vereador de Juazeiro rebate críticas à aprovação de projetos e afirma que população foi “massa de manobra”

Edil citou confusão com eleitor dentro do Plenário (Foto: Reprodução/Internet)

Um dia após a aprovação das polêmicas matérias enviadas pelo Poder Executivo à Casa Aprígio Duarte a sessão de terça-feira (20) foi mais tranquila em Juazeiro. Sem demandas dos edis na ordem do dia o tempo foi utilizado pelos edis na Tribuna Livre.

LEIA TAMBÉM:

Em meio a insatisfação popular, Câmara de Vereadores de Juazeiro aprova projetos do Poder Executivo Municipal

O destaque foi a participação do vereador Florêncio (PDT). Ele utilizou seu tempo para rebater as críticas da população e pediu respeito dentro da Câmara. As matérias da considerada “pauta bomba” foram aprovadas em uma sessão tumultuada, classificada pelo edil como show de horrores. “O que eu vi aqui ontem foi um show de horrores, coisas que eu não gostaria de ter visto nesta Casa. Foi um desrespeito mútuo entre nós vereadores e a plateia e eu venho aqui pedir desculpas”, disse.

LEIA MAIS

Protesto deve marcar sessão na Câmara de Vereadores de Juazeiro nesta segunda-feira (19)

A sessão desta segunda-feira (19) na Câmara de Vereadores de Juazeiro (BA) deve ser marcada por protestos da comunidade. Isso porque três projetos de lei do Executivo podem ser analisados pelos edis e são considerados “pautas bomba”.

As matérias tratam da terceirização de serviços, empréstimo junto à Desenbahia e aumento do imposto aos servidores municipais. Os projetos deram entrada na Casa Aprígio Duarte na semana passada e foram classificadas como “Pauta do Fim do Mundo” pelo grupo Movimento Brasil Livre (MBL).

O MBL municipal utilizou suas redes sociais para convidar os juazeirenses à Câmara fiscalizar o trabalho dos edis. O grupo argumento que os projetos são “absurdo” e “preocupante”. A sessão na Casa Aprígio Duarte está marcada para 17h de amanhã.

Sessão na Câmara de Vereadores de Juazeiro é suspensa após decreto de luto por morte de funcionária

Margarida Carvalho. (Foto: Reprodução/Redes Sociais)

Em homenagem à Margarida Maria da Silva Carvalho, colaboradora da Câmara de Vereadores de Juazeiro (BA) que morreu no final de semana, a Mesa Diretora da Casa Aprígio Duarte decretou luto oficial de três dias. Dessa forma, as sessões ordinárias de hoje (1º) e terça-feira (2) estão suspensas.

LEIA TAMBÉM:

Câmara de Vereadores de Juazeiro emite nota de pesar pelo falecimento da colaboradora, Margarida Maria da Silva Carvalho

Margarida foi sepultada na tarde de ontem, sob forte comoção de amigos, familiares e colegas de trabalho.  “Margarida era uma funcionária exemplar, dedicou grande parte de sua vida à Câmara, atendia a todos, visitantes, funcionários e vereadores com atenção e delicadeza, merece nossas condolências”, destacou o presidente da Câmara, Alex Tanuri.

Diferentemente de Petrolina, as sessões na Câmara de Juazeiro acontecem sempre às segundas e terças-feira, no final da tarde. Não foi informado se esses encontros serão retomados ainda nessa semana, ou ficarão para depois da eleição.

Câmara de Juazeiro fará homenagem a empresário pioneiro na comercialização de EPI

Vereador Anderson da Iluminação comemorou aprovação da matéria (Foto: Ascom)

A sessão de terça-feira (25) na Casa Aprígio Duarte, em Juazeiro (BA) terminou com a aprovação do Projeto de Resolução 010/2018, de autoria do vereador Anderson da Iluminação (PP). Na matéria, Anderson solicitava a concessão do Título de Cidadão a José Bosco Reis Farias Junior, mais conhecido como Bosco da Dupont.

O empresário nascido na capital baiana tem 50 anos e foi um dos pioneiros na venda de equipamentos de proteção individual (EPI), reconhecido como o maior vendedor da marca no Vale do São Francisco durante 21 anos. Bosco também tem serviço prestado na agroindústria local.

“Bosco representa o pioneirismo, a necessidade de renovação e a disposição de envolver-se com a melhoria da produtividade respeitando trabalhadores e o meio ambiente. Fez por merecer esse título”, justificou Anderson ao pedir a aprovação da matéria, aprovada por unanimidade.

12