Fantástico deste domingo abordará caminhada dos pais de Beatriz cobrando justiça

O primeiro Fantástico de 2022 terá uma reportagem especial sobre o Caso Beatriz. O programa da TV Globo deste domingo (2) mostrará a caminhada de Lucinha Mota e Sandro Romilton, de Petrolina até a capital Recife. O trajeto foi concluído no dia 28 de dezembro, dia no qual o governador Paulo Câmara (PSB) assinou a demissão do perito Diego Leonel e também deu apoio à federalização do Caso Beatriz.

A caminhada por justiça teve início no dia 5 de dezembro e por onde passaram, Lucinha e Sandro receberam apoio da população. O movimento contou com a adesão de famílias como a do menino Miguel e do soldado Joanilson, as quais também esperam punição aos envolvidos nos crimes.

Viúva do soldado Joanilson se junta à Lucinha Mota em caminhada por justiça

A caminhada por justiça, liderada por Lucinha Mota e Sandro Romilton está chegando ao fim. Ao longo do percurso, diversas famílias se juntaram aos pais de Beatriz Angélica Mota, no pedido por punição pelos crimes não solucionados. Entre elas está a do soldado da PM-BA, Joanilson da Silva Amorim.

LEIA TAMBÉM

Petrolina: familiares do soldado Joanilson cobram justiça 

Ele foi morto a tiros em Petrolina, durante uma ação da Polícia Civil. Joanilson atuava na região Norte da Bahia. A vítima do policial militar está ao lado de Lucinha na caminhada e reforçou seu apelo por justiça. “Eu e alguns familiares de Joanilson estamos ingressando nessa luta, junto com Lucinha Mota, por justiça”, disse Ingrid, viúva do policial militar.

A expectativa é que o grupo chegue a Recife nesta manhã. Mirtes Renata, mãe do menino Miguel está aguardando os manifestantes em Jaboatão dos Guararapes. De lá, o grupo vai a pé até o Palácio do Campo das Princesas.

Lucinha Mota se aproxima da reta final da caminhada por justiça

Lucinha Mota está se aproximando do Recife. Nesta segunda-feira (27), a mãe de Beatriz Angélica Mota está rumo a Moreno, cidade que fica a pouco mais de 24 km da capital pernambucana. A caminhada por justiça teve início no dia 5 de dezembro e Lucinha tem encontrado apoio popular por onde passa.

LEIA TAMBÉM

Lucinha Mota comenta pedido de demissão do perito do Caso Beatriz: “A demissão dele é pouco, eu quero ele preso”

Com ou sem chuva, diversos pernambucanos abraçaram a luta da mãe de Beatriz e caminharam junto com Lucinha e sua equipe. Hoje, ela encontrou mais uma família que vive com o luto. “Por onde a gente passa, a gente encontra muitas famílias que estão passando pela mesma dor“, disse nas redes sociais.

A expectativa é que a Lucinha chegue a capital nesta terça-feira (28). Quem deve se juntar a ela nessa caminhada é Mirtes Renata, mãe do menino Miguel. Ambas lutam por punição aos envolvidos nas mortes dos seus filhos.

Paulo Câmara afirma que receberá família da menina Beatriz na próxima terça-feira; Lucinha nega ter recebido convite

 

O governador Paulo Câmara afirmou que vai receber na próxima terça-feira (21), às 11h, a família da menina Beatriz, assassinada há seis anos, em Petrolina, no Sertão do Estado. Além do governador, devem participar da audiência o secretário de Defesa Social, Humberto Freire, e o chefe de Polícia Civil, Nehemias Falcão.

A nota emitida pela assessoria de Paulo Câmara afirmou que os pais de Beatriz foram contatados pelo Gabinete do Governador. Os pais de Beatriz negam ter recebido o contato do gabinete.

Os pais de Beatriz estão em uma caminhada de Petrolina ao Recife em proteste por justiça.

Nas redes sociais, Lucinha Mota e Sandro Romildo negaram terem recebido o convite do Governador Paulo Câmara até o momento.

LEIA MAIS

Lucinha Mota completa 200 km caminhando em busca de justiça

Lucinha Mota completou 200 km de caminhada nesta segunda-feira (13), em Belém do Francisco (PE). A mãe de Beatriz Angélica Mota começou a sua trajetória no último dia (05)  de dezembro em Petrolina e segue caminhando por todo o Sertão até chegar em Recife (PE), onde solicita uma audiência com o governador Paulo Câmara.

O desejo da mãe de Beatriz é que o Governo do Estado de Pernambuco aceite a colaboração dos peritos americanos ou que permita a federalização das investigações do assassinato de sua filha, morta em dezembro de 2015 dentro de um colégio de Petrolina.

LEIA MAIS

Pais de Beatriz Angélica recebem apoio de sertanejos durante caminhada por justiça

Há uma semana Lucinha Mota, Sando Romilton e um grupo de amigos saiu a pé de Petrolina rumo à capital Recife. De lá pra cá, eles têm encontrado apoio dos sertanejos, que recebem os visitantes de braços abertos. Os gestos têm sido registrados nas redes sociais e incentivam os pais de Beatriz Angélica Mota a seguirem em busca de justiça.

O caso completou seis anos sem solução na última sexta-feira (10). E o clamor dos pais de Beatriz é que o Governo de Pernambuco permita a contribuição de peritos dos Estados Unidos nas investigações. Sem respostas e sem ninguém nunca ter sido punido pela morte de Beatriz, Lucinha então decidiu fazer a caminhada por justiça.

Hoje (12) eles chegaram a Belém do São Francisco, onde foram recepcionados por uma multidão: