Mais de 30 mil eleitores terão títulos cancelados em Juazeiro por não fazerem o recadastramento biométrico

(Foto: Blog Waldiney Passos)

Dos 155.362 eleitores de Juazeiro (BA) aptos a votar, 34.212 ainda não tinham feito o recadastramento biométrico até o fim da manhã desta quinta-feira (31), último dia para realizar o procedimento.

Segundo o chefe do cartório da 48ª zona eleitoral, Jurandir Carvalho Gonçalves, a meta do Tribunal Regional Eleitoral (TER) da Bahia, é recadastrar pelos 80% dos eleitores do município de Juazeiro. O que deve ser alcançado até o fim do expediente de hoje.

De acordo com Jurandir, até a noite desta terça-feira (30), 78% dos eleitores já haviam feito o recadastramento. Um percentual que corresponde a 121.150 pessoas.

Hoje, foram distribuídas 1.400 fichas, incluindo o Fórum Eleitoral e os postos que funcionam no IFBA, na Escola Municipal Maria Mazarelo, bairro João Paulo II e no posto do SAC. “Todas as pessoas que estiverem com ficha, serão atendidas”, garantiu Jurandir Carvalho.

Jurandir Carvalho, chefe da 48ª zona eleitoral. (Foto: Blog Waldiney Passos)

Ainda segundo o chefe do cartório, não há previsão de prorrogação do prazo para quem não conseguir se recadastrar nesta quinta-feira e durante todo o mês de fevereiro, os cartórios ficarão sem atender ao público.

Quem não fizer o procedimento, o título será cancelado automaticamente.

Quem perder o prazo não pagará multa, mas terá alguns impedimentos por causa do cancelamento do documento.

Não poderá abrir conta em banco ou pegar empréstimo bancário, não poderá tirar passaporte e nem assumir cargo conquistado através de concurso público.

Porém, quem tiver o título cancelado, poderá revalidar o documento a partir do dia primeiro de março, quando os cartórios voltarão a atender os eleitores para revisão do documento, retirada de 2ª via, transferência e inscrição para o primeiro título. O prazo para esses procedimentos vai até 9 de maio.

Cartório Eleitoral de Lagoa Grande será inaugurado nesta sexta-feira

75d3b3dc-8505-4d5f-8c30-5f5789523f71O Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco realizará, nesta sexta-feira(18), às 17 horas, a cerimônia de inauguração da 137ª zona eleitoral, em Lagoa Grande, no sertão pernambucano. A solenidade contará com a presença do presidente do TRE-PE, Antônio Carlos Alves; a diretora-geral, Isabela Landim; o juiz eleitoral de Lagoa Grande, Elder Muniz de Carvalho; o promotor do município, Bruno de Brito e o chefe de cartório dessa zona, Tancredo Ferraz.

O município de Lagoa Grande pertencia anteriormente à 81ª Zona Eleitoral de Santa Maria da Boa Vista. Agora, o eleitor não precisará mais se deslocar para tirar o título e os processos serão julgados em Lagoa Grande. A cidade passará a ter um juiz e promotor eleitoral, além da transmissão dos resultados que ocorrerá no próprio município.

O cartório ficará situado na rua Leste, S/N, no centro da cidade, e será responsável pelas operações dos atendimentos eleitorais, como alistamento, transferência, revisão, segunda via, certidões circunstanciadas e andamento processual. Serão 17.397 eleitores da cidade e da zona rural atendidos por esse cartório, no horário das 8 às 14 horas.

A unidade configurará um avanço para Lagoa Grande, pois em Pernambuco existem 184 cidades e apenas 120 possuem um cartório eleitoral. Essa ação visa a qualidade do atendimento ao eleitor quando for cumprir a cidadania.