Campanha de Vacinação Antirrábica chega a mais três bairros de Petrolina

As equipes do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) retomam a vacinação antirrábica em Petrolina nessa segunda-feira (7). A partir das 14h os profissionais estarão no bairro Antônio Cassimiro, fazendo o porta a porta na comunidade.

Amanhã e quarta-feira os trabalhos acontecerão no bairro José e Maria. Já na quinta-feira (10) o CCZ estará na Vila Eduardo. Vale lembrar que por conta da pandemia do novo coronavírus, não haverá ponto de vacinação. Os profissionais da Prefeitura seguirão para cada residência, sempre durante a tarde.

A Campanha de Vacinação teve início na zona rural e seguiu pelos bairros João de Deus, Ouro Preto e Vila Mocó. As próximas comunidades contempladas serão Areia Branca, Dom Avelar, Gercino Coelho e São Gonçalo. Mas o cronograma apenas será informado posteriormente.

Vacinação antirrábica começa nessa quinta-feira em Petrolina

Vacina começa pelo interior da cidade (Foto: Ascom)

A 1ª Fase da Campanha Antirrábica começa nessa quinta-feira (8), em Petrolina. Até amanhã (9), as doses serão distribuídas aos animais do Distrito de Izacolândia, zona rural. Esse início, segundo a Prefeitura de Petrolina, segue as orientações do Governo de Pernambuco.

Para a campanha de 2020, o município recebeu 20 mil doses da antirrábica para imunizar os cães e gatos. As equipes do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) farão um porta a porta nas comunidades. E por conta da pandemia da covid-19, esse ano não serão montados postos de vacinação.

Izacolândia será a primeira comunidade

A primeira comunidade a receber as equipes será o Distrito de Izacolândia, a partir das 14h. “As vacinações ocorrerão na parte da tarde e na semana seguinte, também a partir das 14h serão vacinados os animais de Nova Descoberta. Essa 1ª Fase será realizada toda na fase da zona rural“, explica a coordenadora do CCZ, Graziella Vasconcelos.

As demais comunidades serão informadas sobre o horário de vacinação no decorrer da semana. Vale destacar que em 2019, Petrolina não recebeu as doses da vacina, pois ficou de fora do calendário estadual. “Peço a todos que se organizem para que possamos proteger nossos cães e gatos“, orienta Graziella.

Cemafauna lança série de vídeos para tirar dúvidas sobre abelhas

As abelhas foram protagonistas nessa semana em Petrolina e Juazeiro (BA). Em meio a tantas dúvidas e medo da população, o Centro de Conservação e Manejo da Fauna da Caatinga (Cemafauna Caatinga), da Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf), lançou uma série de vídeos na internet, para orientar a população.

Segundo o Cemafauna, esse comportamento das abelhas é natural. Por isso, a população deve manter a calma e acionar o SOS Resgate de Abelhas. “Ao avistar um enxame ou movimento de enxameação, o ideal é isolar a área, se proteger em local seguro, sair dessa área, acionar o resgate e aguardar o atendimento, que pode demorar devido ao grande número de chamados nesse período”, recomenda a bióloga Aline Andrade.

Ataque em Petrolina

Em Petrolina, uma pessoa morreu após um ataque de abelhas. O idoso de 71 anos estava nas proximidades do Cemitério Central, na tarde de segunda-feira (14), chegou a ser socorrido, mas veio a óbito no hospital. Outra mulher também precisou ser internada, mas ela passa bem.

A Secretaria de Saúde de Petrolina também esclarece que as abelhas não são vilãs. Pelo contrário, são essenciais na manutenção do ecossistema. Caso tenha avistado um enxame, a orientação é buscar o Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) pelo número (87) 3867-4774.

 

Abelhas não são vilãs e a presença de enxames deve ser relatado ao CCZ de Petrolina

Enxame no Cemitério do H. Leite assusta população

Em uma semana marcada por convenções políticas, as abelhas roubaram a atenção em Petrolina. Desde o ataque registrado nas proximidades do Cemitério Central, na segunda-feira (14), a população segue preocupada com o risco mais algum incidente.

LEIA TAMBÉM

Enxame de abelhas volta a aparecer em Petrolina

Quatro enxames de abelhas foram removidos próximo ao Cemitério de Petrolina

Mulher atacada por abelhas no centro de Petrolina está na UTI, mas está bem

Homem morre após ser atacado por abelhas em Petrolina

De ontem para hoje (16), o Blog recebeu diversas mensagens via WhatsApp, relatando a existência de enxames nos espaços públicos. Segundo a Prefeitura, não há motivo para pânico. Isso porque as abelhas não são vilãs. Pelo contrário, elas são fundamentais ao ecossistema.

LEIA MAIS

CCZ convoca veterinários para fortalecer combate a leishmaniose em Petrolina

Médicos veterinários das clínicas particulares de Petrolina estão sendo sendo convocados pelo Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) para ajudar na notificação dos novos casos de leishmaniose em animais domésticos. O trabalho começará na segunda-feira (29), às 14h.

Nesse horário acontecerá uma reunião na sede do CCZ. O uso de máscaras é obrigatório. O objetivo do município é controlar os casos da doença. “Os médicos veterinários têm grande responsabilidade na vigilância, no controle, na prevenção e na notificação de casos da leishmaniose visceral. O profissional deve sempre orientar os tutores e estar alerta a qualquer manifestação da doença. A leishmaniose é uma doença de notificação compulsória dada sua relevância para a saúde única, que envolve a saúde humana, ambiental e animal”, explica a coordenadora do CCZ de Petrolina, Graziella Vasconcelos.

Transmissão e sintomas

A leishmaniose visceral canina ocorre pela picada do mosquito-palha e afeta também humanos, via transmissão do protozoário. Os sintomas nos tutores são insuficiência renal crônica, emagrecimento, atrofia muscular, febre, artrite e diarreia.

Em relação aos cães é possível identificar queda de pelos, descamação da pele, ulcerações localizadas ou difusas, além de uma generalizada letargia e emagrecimento do animal.

Maria Elena cobra ação de castração e critica moradores que envenenaram gatos em Petrolina

(Foto: Reprodução / TV Grande Rio)

A violência contra gatos no bairro Vila Mocó, em Petrolina, chegou à Câmara de Vereadores na sessão de terça-feira (9). Maria Elena de Alencar (MDB) abordou a temática e se solidarizou com os protetores.

Quero me solidarizar com a ONG Proteger e com a doutora Pâmela Durando. Não sei se os colegas viram uma matéria na TV Grande Rio onde três moradores conseguiram fazer uma ação criminosa, distribuíram chumbinho e já iam morrendo os gatos. Essa ação é cruel,” afirmou a edil.

Elena também cobrou uma ação do Centro do Controle de Zoonoses (CCZ) para castrar os animais de rua e assim ter um controle dos gatos e cães abandonados. “A Indicação é ao Centro de Controle de Zoonoses para que ele tenha mais atenção e desenvolva uma ação de castração em massa“, disse.

 

Saiba o que fazer em caso de acidentes com aranhas

Aranha chamou atenção após postagem nas redes sociais

A aparição de uma aranha vermelha e preta está assustando os petrolinenses. Tudo começou nos grupos de WhatsApp, onde circulou um áudio relatando uma picada sofrida por um morador de um condomínio no bairro Jatobá. Porém, de acordo com o Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) de Petrolina, não há motivo para pânico.

“Pela foto é da família da viúva-negra. Essa é uma aranha de ocorrência no Nordeste, por ter essa coloração, ela não é das aranhas que a gente tem registro de acidentes, ela é de menor importância médica“, afirma a coordenadora do CCZ, Graziella Correia no programa Repercutindo com Daniel Campos, na Rádio Jornal Petrolina.

Fique atento

O Blog Waldiney Passos procurou a Secretaria de Saúde do município, que repassou algumas orientações a fim de acalmar os petrolinenses. A principal delas é estar atento ao tipo de aranha. “Os gêneros de importância em saúde pública no Brasil são a aranha-marrom (Loxosceles), aranha-armadeira ou macaca (Phoneutria) e viúva-negra (Latrodectus)“, explica a pasta.

LEIA MAIS

Leitora pede ajuda do CCZ para recolher animal doente no Mª Auxiliadora, equipe irá ao local ainda hoje

Animal está doente

Em Petrolina uma cena é muito comum nos bairros: animais vagando pelas ruas à procura de alimento. Muitos deles estão doentes e precisam de uma atenção especial. Esse é o caso de uma leitora do Blog Waldiney Passos, moradora do bairro Maria Auxiliadora.

Ela procurou a Redação para pedir ajuda a um cão doente. O animal apareceu há cinco dias próximo ao prédio da Maçonaria, na Rua Camilo Sá, mas apesar de ela colocar comida, o animal não reage pois está doente. Diante da situação grave a leitora apelou ao Centro de Controle de Zoonoses (CCZ).

“Gostaria de pedir a ajuda de vocês para ver com o Centro de Zoonoses se eles podem vir pegar um cachorrinho que está aqui na frente do condomínio, em um terreno baldio. Ele está muito debilitado, doente, fraquinho. Já liguei várias vezes pra o centro de zoonoses e ninguém atende, eu não tenho carro para levar“, disse à nossa Produção.

LEIA MAIS

Paulo Valgueiro pede ampliação do Centro de Controle de Zoonoses de Petrolina

Cena de animais soltos em Petrolina preocupa vereador (Foto: Reprodução/WhatsApp)

Os flagras constantes de animais soltos nas vias públicas de Petrolina levaram o vereador Paulo Valgueiro (MDB) a solicitar, na sessão de quinta-feira (7), mais atenção da Prefeitura em relação a saúde desses bichos. No Requerimento n° 351/2019 o edil pede a reforma e ampliação do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ).

“A gente solicita fazer a reforma e ampliação do Centro de Zoonoses com a construção de um abrigo público para o recolhimento e cuidado dos animais de grande, médio e pequeno porte em situação de vulnerabilidade, prezando pela saúde e segurança dos próprios animais que estão circulando livremente pelas ruas e avenidas da cidade, aparentemente sem nenhum dono”, explicou Valgueiro.

Segundo o vereador, é importante que o município adote medidas para garantir segurança a esses animais. “Eles estão expostos a acidentes, maus tratos, fome, sede e doenças que não são tratadas. A gente pede ao prefeito que possa buscar essa solução, para a gente tirar esses animais da situação de vulnerabilidade. Eles não têm nenhum socorro por parte da municipalidade“, concluiu.

Leitora flagra maus tratos a animais no Park São Gonçalo, em Petrolina

Uma leitora do Blog entrou em contato através do WhatsApp para denunciar um caso de maus tratos a animais que vem acontecendo no Park São Gonçalo. Ela afirma que o dono dos animais mostrados na foto acima montou um curral sem nenhum tipo de proteção contra o sol e não alimenta os bichos.

“Semana passada uma vizinha falou pro dono cuidar direito, ele achou ruim. Eles não colocam água que é o básico. Eles ficam no meio do sol quente, não tem uma sombra e eles não têm o que comer”, contou à nossa Produção.

O Blog repassou a demanda à Prefeitura de Petrolina, através da Secretaria de Saúde. Entretanto, ainda não tivemos uma resposta sobre a demanda apresentada.

Rodrigo Araújo pede ação para vacinar cães e gatos na zona rural de Petrolina

Segundo vereador, vacinação pode evitar transmissão de doenças na zona rural (Foto: Arquivo Pessoal)

A presença de animais nas vias públicas de Petrolina é constantemente discutida na Câmara de Vereadores. Na última sessão do semestre, o vereador Rodrigo Araújo (PSC) apresentou uma Indicação voltada à saúde dos animais, mas dessa vez na zona rural.

Na Indicação n° 760/2019 o edil pede ao coordenador do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) que realize a vacinação de cães e gatos no povoado de Pau Ferro e Assentamentos Esperança e Curimatá, em data e hora a ser divulgado à comunidade.

“Estou sempre no interior, a gente percebe que tem sempre animais soltos. A população de cães e gatos nessas três localidades é muito grande e a população me chamou a atenção“, justificou o vereador em entrevista ao Blog Waldiney Passos.

Rodrigo lembrou que quase foi mordido por um cão solto na área rural e por isso “é melhor prevenir do que remediar”. Ainda segundo o vereador, a demanda já foi repassada ao CCZ. “Já conversei com ele, vamos combinar a data para [a equipe] para poder ir à essas comunidades“, finalizou.

CCZ Móvel atenderá zona rural de Petrolina na segunda-feira

(Foto: ASCOM)

A secretaria de Saúde de Petrolina levará atendimento aos animais para a zona rural da cidade na próxima segunda-feira (29). O CCZ Móvel atenderá as comunidades de Atalho, Baixa Alegre e Caititu, das 8h às 12h.

De acordo com o Centro de Controle de Zoonoses, as equipes estarão indo de porta em porta nas três localidades. A intenção é vacinar cães e gatos contra a raiva e também dar orientações clínicas e educativas aos proprietários desses animais.

“Continuamos com nosso trabalho com o objetivo de atender todas as localidades, além de realizamos as vacinações, aproveitamos o momento para esclarecer e conversar com a população, orientando sobre como prevenir a zoonoses, como por exemplo, a raiva”, afirma a coordenadora do CCZ, Graziella Correia.

Leitor flagra cães soltos próximo a hotéis da Orla, Prefeitura afirma que CCZ fará recolhimento dos animais

(Foto: Reprodução/WhatsApp)

No início da semana o Blog mostrou uma reclamação de moradores do bairro Atrás da Banca, sobre a presença de cães que estariam colocando em risco a saúde da comunidade. Nessa quinta-feira (17) nossa produção foi novamente procurada pelo leitor Dácio Quirino.

Ele é morador do Atrás da Banca e flagrou um grupo de cães correndo soltos nas proximidades da Orla, nos arredores dos hotéis. Além de assustar a população eles podem transmitir doenças. “Hoje pela manhã dezenas de cachorros soltos, causando doenças. Chamamos atenção do centro zoonoses”, relatou à nossa produção.

Procurada pelo Blog a Prefeitura informou que a equipe do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) retornará ao bairro e fará o recolhimento dos animais soltos em até 48 horas.

“É um problema de saúde pública”, afirma leitor sobre animais soltos no bairro Atrás da Banca

Animais estariam transmitindo doenças (Foto: Arquivo Pessoal)

A presença de cachorros soltos no bairro Atrás da Banca, região central de Petrolina preocupa moradores e comerciantes já que muitos desses animais aparenta estar doente. Em contato com o Blog um leitor afirma que os cães se aglomeram por trás do supermercado Bom Preço e transitam por um terreno baldio na Orla.

“Eles deitam nas calçadas das casas, trazem doenças e verminoses, carrapatos. É um problema de saúde pública”, relatou a nossa produção. O Blog entrou em contato com a Prefeitura de Petrolina e a secretaria de Saúde nos respondeu que uma equipe irá ao local para recolher os animais.

“Com relação a demanda de cachorro soltos no bairro Atrás da Banca, o Centro de Controle de Zoonoses estará enviando a equipe de veterinários, em um prazo 48h, para avaliar e recolher os animais doentes”, informa a nota. Ainda segundo o CCZ, esse recolhimento pode acontecer antes do prazo.

Campanha de vacinação é intensificada nos bairros de Petrolina

(Foto: Ascom)

Com a meta de imunizar 80% da população canina em Petrolina, a secretaria de Saúde continua visitando os bairros da cidade para imunizar os animais. A campanha foi iniciada no dia 15 de setembro e pela expectativa da secretaria de Saúde, 40.522 cães e 6.586 gatos devem ficar protegidos da doença.

Segundo a coordenadora e veterinária do Centro de Controle de Zoonoses, Graziella Correia, os animais a partir dos três meses de idade já podem receber a dose, mas cadelas e gatas que estão gestantes e amamentando não podem tomar a vacina.

“Embora nos dias de hoje, a raiva seja uma doença controlada, ela ainda é tida como uma grande preocupação por parte dos donos de animais. A doença é uma zoonose que mata seres humanos e animais. A vacina antirrábica é, ainda hoje, a sua única forma de prevenção”, disse.

LEIA MAIS
12