Chuva em excesso prejudica estradas da zona rural de Lagoa Grande

Recuperação de bueiros levará um tempo, afirma Prefeitura (Foto: Ascom PMLG)

A chuva é sempre uma benção ao sertanejo. Mas na zona rural de Lagoa Grande (PE) a água em excesso acabou causando transtornos. Além de afetar as lavouras dos produtores rurais, as estradas também sentiram a força da natureza. No balanço da Prefeitura oito bueiros e passagens molhadas se romperam.

Recuperação em andamento

Os números do Instituto Agronômico de Pernambuco (IPA) indicam que já choveu 32 mm até hoje (25) na cidade. As localidades mais afetadas foram Cristália, Morro do Mel, Lagoa das Baraúnas, Pocinhos e Lagoa das Caraíbas. A recuperação das estradas já foi iniciada e a dos bueiros ainda depende da estabilidade do tempo. O secretário de Agricultura explicou como o trabalho está sendo feito.

“Já recuperamos 80% as estradas vicinais e carroçáis através do Programa Caminho Livre e, agora estamos providenciando o reparo em todas as passagens molhadas. Já tivemos com equipe nos locais, fizemos o georeferenciamento e as obras já estão no cronograma para atender as demandas dos produtores“, destaca Reginaldo Alencar.

Prefeitura de Dormentes intensifica recuperação de estradas no interior

(Foto: Ascom/PMD)

A Prefeitura de Dormentes intensificou os serviços de reconstrução das vias mais afetadas pelas chuvas no interior, com patrolamento e recuperação das estradas vicinais. A ação tem como objetivo trazer mais segurança e melhor trafegabilidade para a população.

Desde a última semana, as equipes estão trabalhando nos trechos que liga a sede de Dormentes ao distrito de Caatinga Grande e também nas estradas vicinais do Sítio Caldeirão. “Estamos trabalhando no sentido de oferecer melhores condições para que os produtores, moradores e alunos que utilizam as estradas da zona rural tenham segurança e conforto. O trabalho consiste na abertura dos trechos mais estreitos, limpeza das laterais para o escoamento das águas e compactação do solo”, explica o secretário de Agricultura, Infraestrutura e Meio Ambiente João Batista de Brito Rodrigues.

De acordo com a prefeita, Josimara Cavalcanti, o trabalho de manutenção e recuperação das estradas do interior é contínuo. “Nossas máquinas estão sempre trabalhando para garantir mais segurança a no00ssa população”, destacou Josimara.

Chuva forte deve seguir até esta segunda, alerta Apac

(Foto: Ilustração)

Deve chover pelo menos até a manhã desta segunda-feira (25), segundo alerta emitido pela Agência Pernambucana de Águas e Clima (Apac). O boletim meteorológico indica possibilidade de chuvas com intensidade moderada a forte para a Região Metropolitana do Recife (RMR), Zonas da Mata Norte e Sul e para o Agreste.

Desde o último sábado (23), as regiões registram fortes chuvas e pontos de alagamento. O maior índice de precipitação nas 24 horas contadas até as 11h deste domingo foi no bairro da Imbiribeira, na Zona Sul do Recife, com 62,21 milímetros.

Em Charneca, no Cabo de Santo Agostinho, na RMR, choveu 59,86 mm. Goiana, na Mata Norte, também registrou altos índices, com 54,79 mm.

Em caso de emergências, moradores de áreas de risco devem acionar a Defesa Civil da sua cidade.

Veja vídeo das chuvas ontem em Olinda;

Barragem de Sobradinho supera 92% de sua capacidade

Chuva de 2020 contribuiu para esse momento positivo no Reservatório de Sobradinho (Foto: Internet)

As previsões se confirmaram e pela primeira vez desde 2009 o Reservatório de Sobradinho (BA) atingiu 90% do seu volume. Até segunda-feira (4) o nível marcava 92,4% da capacidade e a previsão da Companhia Hidro Elétrica do São Francisco (Chesf) é de atingir 95% ainda nesse mês.

Segundo a Chesf, esse cenário positivo somente foi possível graças às chuvas ocorridas em Minas Gerais a partir da primeira quinzena de janeiro. A Companhia estima que o Reservatório baterá, no máximo, 95% de sua capacidade e não mais os 100% estimados em abril.

“A situação é de normalidade e bastante favorável com relação ao armazenamento de água em Sobradinho, que possibilitará o atendimento aos usos múltiplos, durante o próximo período seco, motivo de comemoração por parte de todos os usuários do Velho Chico”, destaca a Chesf.

Previsão aponta chuvas para esta semana em Petrolina

Segundo Instituto Meteorológico ClimaTempo, ainda pode haver ocorrência de chuvas em Petrolina durante essa semana. De acordo com as previsões, pode chover já nesta segunda-feira (20), quando é esperado sol e aumento de nuvens de manhã, e pancadas de chuva à tarde e à noite.

Os outros dias em que há previsão de chuva são quinta e sexta-feira. Nos demais dias da semana deve fazer sol o dia todo sem nuvens no céu e noite de tempo aberto ainda sem nuvens. As temperaturas variam entre 22°, a mínima, e 34° a máxima.

Juazeiro: chuva agrava situação do Tabuleiro e leitora cobra mais infraestrutura no bairro

A chuva da madrugada dessa quarta-feira (15) trouxe alegria para os juazeirenses, mas também agravou a falta de infraestrutura em alguns bairros da cidade. Uma leitora do bairro Tabuleiro procurou nossa Produção para cobrar mais atenção por parte da Prefeitura.

Na travessa das Ruas 12 e 13 a situação é essa mostrada nas imagens. Sem a pavimentação reivindicada pela comunidade há anos, a via se transformou em lama. Para complicar a situação, há muito lixo acumulado no local.

“Estou há mais de uma semana em contato com os órgãos da prefeitura pra resolução de um problema que incomoda muito a toda comunidade. Tem entulho acumulado em buracos, mas até agora não obtivemos nenhuma resposta”, conta a leitora.

Ela enviou o vídeo a seguir, para mostrar a gravidade da situação:

Outro lado

O Blog entrou em contato com a Prefeitura de Juazeiro para repassar essa demanda e pedir informações sobre quando o Tabuleiro será contemplado com a limpeza e pavimentação asfáltica. Até a conclusão dessa matéria não obtivemos respostas. Deixamos o espaço aberto aos esclarecimentos.

Trecho da PI-459 se rompe em Queimada Nova

Forte chuva destruiu rodovia

Um trecho da PI-459 que liga o município de Queimada Nova, a pouco mais de 100 km de Dormentes (PE), ao povoado de Pipocas se rompeu na manhã dessa terça-feira (14). O local já estava sendo monitorado pela Defesa Civil, que emitiu um alerta ontem (13) aos moradores para que evitassem trafegar pelo trecho.

Choveu forte na região nos últimos dias. A situação se agravou após o córrego cuja água passa por debaixo da rodovia transbordou. Até o momento não há informações de feridos e sobre os danos causados pelo rompimento da estrada.

Veja a seguir o registro feito pela população mostrando a força da água:

Sertão: Apac prevê chuva moderada hoje e amanhã 

Final de semana será de tempo parcialmente nublado e chuva isolada (Foto: Blog Waldiney Passos)

Pela segunda noite consecutiva os municípios do Sertão do São Francisco contabilizaram uma leve chuva. A previsão da Agência Pernambucana de Águas e Clima (Apac) para esse final de semana é de mais precipitação, mas de forma breve e isolada.

Para esse sábado (11) a Apac prevê máxima de 37°C e mínima de 23°C. O dia será parcialmente nublado, com possibilidade de chuva fraca à tarde e à noite. O mesmo deve se repetir neste domingo de Páscoa (12).

Nessa madrugada choveu 18,00 mm em Petrolina; 14,20 mm em Parnamirim e 7,88 mm na zona rural de Dormentes.

Serra Talhada volta a registrar forte chuva

Chuva foi rápida, mas causou transtornos (Foto: Farol de Notícias/Reprodução)

O município de Serra Talhada (PE) voltou a registrar forte chuva na noite de quinta-feira (2). Apesar de rápida, a força da água resultou em vários problemas na cidade, alagando diversos bairros.

Em cerca de 30 minutos, a força da chuva resultou em alagamentos próximo ao Pátio da Feira, no IPSEP e em várias localidades do Centro, surpreendendo inclusive comerciantes. Até o momento a Agência Pernambucana de Águas e Clima (Apac) não divulgou os dados sobre a chuva de ontem.

Para hoje (3) o Instituto Climatempo prevê tempo firme durante a manhã, com a temperatura máxima na casa dos 32° C e a mínima, 21°C. Durante a noite podem ser registradas novas pancadas de chuva como ontem, então a população precisa ficar atenta.

Apac emite alerta de chuva para todas as regiões de Pernambuco

Afogados foi uma das cidades afetadas na semana passada (Foto: Alisson Nascimento/Cortesia)

A Agência Pernambucana de Águas e Clima (Apac) emitiu na tarde de domingo (29) mais um alerta de forte chuva no Estado. Dessa vez todas as regiões estão listadas e a população deve seguir as orientações da Defesa Civil, especialmente onde já houve problemas causados pela água acumulada na semana passada.

De acordo com a Apac, pode chover de forma moderada a forte no Agreste, Sertão de Pernambuco, Sertão do São Francisco, Mata Norte, Região Metropolitana do Recife e Mata Sul.

Na última semana houve chuva e alagamentos em Arcoverde, Afogados, Sertânia, Serra Talhada e em Petrolina, mas na zona rural, onde foi registrado mais de 100 mm.

Solidariedade: afetada por forte chuva, população de Afogados recebe doações

O município de Afogados da Ingazeira registrou uma forte chuva nessa semana. A força da água acumulada deixou um rastro de destruição e pelo menos 20 famílias ficaram desabrigadas. Em meio ao momento de tristeza, uma corrente do bem tem aliviado a dor dos afogadenses.

LEIA TAMBÉM

Afogados da Ingazeira registra quase 130 mm de chuva e cidade contabiliza prejuízos

Um grupo se reuniu nas redes sociais para juntar mantimentos. O material foi entregue à população atingida na tarde da última sexta-feira (27). A mobilização foi feita pelos moradores da cidade de Santa Terezinha, também em Pernambuco.

Diariamente a Defesa Civil está monitorando o nível da barragem local e emitido informativos nas redes oficiais da Prefeitura. Quem precisar acionar as equipes pode ligar para: 99629-5758 ou 98811-1395.

Sertão: chuvas continuam e Parnamirim registra mais de 55 mm nas últimas 24 horas

Desde o começo da semana tem chovido muito no Sertão de Pernambuco, concretizando as previsões da Agência Pernambucana de Águas e Clima (Apac). Depois de Afogados da Ingazeira, Terra Nova e Serra Talhada foi a vez de Parnamirim contabilizar um bom volume pluviométrico.

Nas últimas 24 horas, de acordo com a Apac, choveu 55,28 mm no município. Parnamirim tem registrado chuva desde a madrugada de quinta-feira (26), contudo até o momento a Prefeitura não informou números de afetados e como está a situação da cidade hoje (27).

A previsão do tempo para essa sexta-feira é de mais chuva durante a noite, com possibilidade de chover também durante o final de semana.

Municípios do Sertão registram forte chuva e somam prejuízos

Ruas de Serra Talhada ficaram alagadas (Foto: Reprodução/Farol de Notícias)

A Agência Pernambucana de Águas e Clima (Apac) alertou sobre a possibilidade de forte chuva no Sertão Pernambucano e isso se concretizou em vários municípios da região em Lagoa Grande e Serra Talhada.

Somente no Distrito de Jutaí, zona rural de Lagoa Grande choveu nas últimas 24 horas 136,78 mm. Em Serra Talhada, onde houve alagamento do Centro da cidade. Mesmo com o alerta da Defesa Civil, comerciantes tiveram prejuízos por conta da água acumulada nas ruas.

Nessa semana outra cidade da região, Afogados da Ingazeira, teve chuva de 128 mm, registrando destruição de pontes e 20 famílias ficaram desabrigadas. Para hoje (26) a Apac renovou o alerta de chuvas tanto no Sertão do São Francisco, quanto no Sertão de Pernambuco.

Governo garante infraestrutura para municípios atingidos pelas chuvas

Ação busca garantir acesso a serviços essenciais para a população.

As fortes chuvas que atingem o interior do estado fizeram o governo estadual determinar uma série de ações emergenciais voltadas para o restabelecimento da infraestrutura viária e hídrica nos municípios afetados.

O objetivo é garantir o acesso da população aos serviços essenciais, a partir da desobstrução de vias e do reparo nos sistemas de abastecimento de água afetados. A iniciativa conta com investimento de R$ 4,2 milhões, já autorizados pelo governador Paulo Câmara, e envolve cerca de 100 profissionais.

As maiores precipitações acumuladas durante o mês de março até essa quarta-feira (25), de acordo com a Agência Pernambucana de Águas e Clima (Apac), foram concentradas nas regiões Agreste e Sertão do Estado.

LEIA MAIS

Espaço do Leitor: moradores do Dom Avelar aguardam drenagem de água acumulada na última chuva

A chuva do final de semana em Petrolina causou problemas aos moradores do bairro Dom Avelar, que até hoje (25) aguardam a água empoçada ser drenada em quatro ruas da comunidade. Angustiados com as muriçocas e o fato de não conseguirem sair de casa para comprar o essencial à sobrevivência, eles entraram em contato com o Blog.

“Essa água da última chuva que deu no sábado, a gente acionou a Prefeitura e ficaram de mandar uma bomba [pra drenar]. Já foi prometida a drenagem e nós estamos pedindo ajuda pra imprensa“, comentou o leitor. Isso está acontecendo nas ruas Sensações, Oração, Prudência e Crença.

Nossa Produção procurou a Prefeitura de Petrolina, que até o momento não se pronunciou sobre a demanda apresentada nessa matéria. Seguimos aguardando uma resposta.

123