Defesa Civil de Juazeiro continua de plantão para atender a população no período chuvoso

(Foto: Ascom/PMJ)

Com previsão de chuva para este sábado (16), segundo o Instituto Climatempo, a Defesa Civil de Juazeiro (BA), escalou uma equipe de plantão e disponibilizou um número de telefone para a população entrar em contato, caso precise de ajuda. Para manter contato com a Defesa Civil do município, em caso de emergência, é preciso enviar mensagem via Whatsapp ou ligar para (74) 9 9198-1233.

O órgão também também orienta que as pessoas não se aproximem de fios elétricos caídos, bem como de árvores.  Ao identificar postes caídos, a orientação é que procure a empresa concessionária de energia elétrica e mantenha distância do local.

LEIA TAMBÉM

Defesa civil alerta população para cuidados durante as chuvas em Petrolina

De acordo com o coordenador da Defesa Civil, Ramiro Cordeiro, para reduzir os impactos relacionados às chuvas é necessário, também, conscientização da população. “É importante que a população não suje as vias públicas e nem jogue lixo nos canais, para evitar que transbordem. A Sesp e o SAAE têm feito um trabalho de limpeza nos canais para evitar esses transtornos”, explicou o coordenador.

Defesa civil alerta população para cuidados durante as chuvas em Petrolina

(Foto: Ascom/PMP)

Como a previsão dos institutos de meteorologia estima que as chuva deve continuar em Petrolina, a Defesa Civil do município emitiu alerta a população sobre alguns cuidados a serem seguidos para evitar acidentes. Segundo o secretário executivo de Segurança Pública, Cícero Dirceu, os principais transtornos causados pelas precipitações são o descarte irregular de lixo e problemas com rede elétrica.

“Pedimos a compreensão da população para não jogar resíduos em locais impróprios, pois isso pode comprometer o escoamento da água da chuva, entupindo bueiros e causando alagamentos. Quanto aos locais que estejam ocorrendo raios, a gente pede que a população não mexa na rede elétrica, pois pode ter risco de descarga elétrica. A orientação é de sempre ficar em lugar coberto, de preferência dentro da casa, nunca ficar em locais abertos, nem debaixo de árvores.”, explicou.

LEIA MAIS

Petrolina: Moradores do N-7 sofrem com alagamentos por causa da chuva

 

Famílias que moram na Vila Nova, do N-7, Projeto Senador Nilo Coelho, em Petrolina (PE), tiveram as casas invadidas pela água da chuva que caiu na madrugada desta quarta-feira (13). Veja o vídeo acima. Entre elas a família de um agricultor que está hospitalizado.

Maria Sirene Alves, tem 5 filhos pequenos, mora na 14, número 39, N-7 e está passando por dificuldades. Quem puder ajudar pode deixar donativos no local.

Moradores de algumas ruas de Juazeiro estão sem energia elétrica há mais de 36 horas

(Foto: Whatsapp)

Moradores da Rua Santo Antônio, no bairro alto do Alencar, em Juazeiro, município do norte da Bahia e moradores dos bairros Lomanto Júnior e Castelo Branco, na mesma cidade, procuraram o Blog Waldiney Passos para denunciar que estão sem energia elétrica há de 36 horas.

O fornecimento foi interrompido na noite de domingo (10), durante uma chuva forte, com ventos e raios e até agora não foi restabelecido. Segundo uma moradora, que prefere não se identificar, já fizeram várias ligações para a central de relacionamento da Coelba, companhia responsável pelo fornecimento de energia no estado baiano, mas a cada ligação, os atendentes dão uma previsão de atendimento diferente.

LEIA MAIS

Instituto emite nesta segunda alerta amarelo de chuvas intensas na região do São Francisco

Durante as próximas 48 horas, moradores do Sertão do São Francisco, devem ficar atentos com a possibilidade de chuvas acompanhada de raios e trovões. O Instituto Nacional de Meteorologia (INMET), emitiu um alerta amarelo nesta segunda-feira (11) de chuvas intensas. A previsão indica que deve chover entre 20 e 50 milímetros.

Ainda de acordo com o INMET, os riscos de corte de energia elétrica, quedas de galhos, alagamentos e de descargas elétricas são baixos. A temperatura deve variar entre 25º e 36º.

LEIA MAIS

INMET alerta para perigo potencial com mais chuva prevista no Sertão do São Francisco

Previsões de chuvas para Petrolina (Foto: Blog Waldiney Passos)

Depois da chuva de domingo (10), a manhã dessa segunda-feira (11) começou nublada e por volta de 8h20 os petrolinenses voltaram a ser agraciados por São Pedro. E segundo o Instituto Climatempo, o tempo deve permanecer assim pelos próximos dias.

Diante a possibilidade de mais chuva, o Instituto Nacional de Meteorologia (INMET) está com um alerta de “Perigo Potencial” para todo Sertão do São Francisco. De acordo com o INMET, pode chover entre 20 e 30 mm/h ou até 50 mm.

Defesa Civil

Ao mesmo tempo que a chuva traz alegrias, também liga o alerta nas comunidades mais periféricas. A Defesa Civil de Petrolina orienta a população que reside em pontos de risco para procurar ajuda através do 153. Outras orientações servem para todos as localidades: evite ficar embaixo de árvores, não use o telefone carregando na tomada e evite transitar por vias alagadas.

Após forte chuva, equipes da Prefeitura iniciam serviços emergenciais em Juazeiro

Chuva derrubou árvores e deixou cidade sem energia (Foto: Ascom PMJ)

A chuva que caiu na noite de domingo (10) em Juazeiro (BA) causou alguns problemas na cidade. Árvores caíram e parte da cidade ficou sem energia. De pronto, equipes da Prefeitura foram aos locais mais afetados para iniciar a limpeza e remover os galhos caídos.

Há previsão de mais chuva e segundo a assessoria da Prefeitura, Suzana Ramos (PSDB) pediu prioridade nos serviços emergenciais. “Estamos trabalhando para restabelecer a normalidade depois desse forte temporal que atingiu Juazeiro. As secretarias estão de prontidão para resolver os problemas causados na infraestrutura da cidade”, disse a prefeita.

LEIA MAIS

Floresta e Serra Talhada registram mais de 140mm de chuva nessa sexta-feira

Muita chuva nas duas cidades (Foto: Farol de Notícias)

Voltou a chover forte no Sertão de Pernambuco nessa sexta-feira (20). Os casos mais graves foram registrados nas cidades de Floresta e Serra Talhada, onde o acumulado supera 140mm. Naquela, o total das últimas 12 horas é de 159,94mm. Os dados são da Agência Pernambucana de Águas e Clima (Apac).

Já em Serra Talhada choveu 149,5mm, de acordo com o Instituto Agronômico de Pernambuco (IPA). Com isso, vários bairros da cidade ficaram alagados. Diante desse cenário, o Instituto Nacional de Meteorologia (INMET) emitiu um alerta de Perigo Potencial, válido até sábado (21).

O alerta também é válido para o Sertão do São Francisco e indica possibilidade de chuva entre 20 e 50 mm nas cidades da região. Os moradores que residem em locais vulneráveis devem estar atentos às orientações da Defesa Civil.

Governo Federal reconhece Situação de Emergência em Juazeiro por conta das chuvas de novembro

Chuva provocou transtornos em Juazeiro e outras cidades da região (Foto: Blog Waldiney Passoos)

O Governo Federal reconheceu a situação de emergência em Juazeiro e mais oito cidades baianas afetadas pelas fortes chuvas no começo de novembro. Dessa forma, os municípios poderão solicitar apoio da União na adoção de medidas para amenizar os danos provocados pelo temporal desse mês.

LEIA TAMBÉM

Após fortes chuvas no interior, Governo da Bahia decreta emergência em nove municípios

A Portaria n° 2.906/2020 destaca a decorrência de chuvas intensas em Almadina, Coaraci, Ibicaraí, Ibicuí, Irecê, João Dourado e Lapão. Itabuna teve a situação de emergência reconhecida em outro documento, mas também foi lembrada pela União.

Conforme o Blog Waldiney Passos mostrou no início do mês, a forte chuva que caiu no feriado de Finados deixou bairros alagados e moradores desabrigados. Anteriormente o Governo da Bahia já havia reconhecido a situação nas cidades mencionadas.

Climatempo prevê pancadas de chuva em Petrolina a partir desta quarta-feira 

Pode voltar a chover na cidade ainda nessa semana (Foto: Reprodução/WhatsApp)

O calor pode dar espaço para a chuva em Petrolina a partir desta quarta-feira (18). O dia deverá começar com sol, mas há possibilidade de pancadas na tarde e noite, segundo o Instituto Climatempo. A temperatura máxima fica na casa dos 34°C e a mínima em 23°C.

A previsão de sol pela manhã e pancadas de chuva durante o resto do dia seguirá até sexta-feira (20). No sábado (21) o Climatempo estima chuva a qualquer hora do dia. Porém, nada que altere as altas temperaturas, pois a máxima seguirá em 34°C.

Novembro começou com muita chuva em Petrolina, inclusive provocando alagamentos em bairros. Mas o sol forte e as altas temperaturas voltaram a predominar.

Esgotamento sanitário pode sofrer sobrecarga durante período chuvoso, alerta Compesa

Através de nota enviada a este Blog, a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa), informa que devido  as fortes chuvas registradas nos últimos dias em Petrolina, a empresa vem enfrentando problemas com a sobrecarga no sistema de esgotamento sanitário. O motivo, segundo a Compesa, é a ausência e ineficiência da infraestrutura urbana de drenagem de águas pluviais, o que impacta na rede de esgotamento levando a extravasamentos e obstruções.

O documento afirma que, uma situação bastante observada em diversas ruas da cidade é a abertura de tampas de poços de visita, mais conhecidas como bocas de lobo, por cidadãos não autorizados, para escoar água da chuva para dentro das tubulações. “Essa prática agrava ainda mais os problemas, uma vez que a água carrega lixo e diversos materiais sólidos, provocando danos ao longo de todas as nossas redes”, esclarece o gerente de Negócios da Compesa, Marcelo Guimarães.

A Compesa reforça que os Sistemas de Esgotamento Sanitário não são projetados para águas de chuva e solicita a compreensão por parte da população para que não utilizem irregularmente o sistema, evitando assim prejuízos e transtornos.

Bombeiros iniciam campanha para ajudar famílias afetadas pela chuva na Bahia

Bombeiros buscam ajudar famílias afetadas pela chuva (Foto: Ilustração)

A chuva que caiu nessa semana no interior provocou alagamentos em diversas cidades da Bahia. E o Corpo de Bombeiros Militar está encabeçando uma campanha solidária, para ajudar as famílias afetadas. A intenção é arrecadar colchões, cobertores e alimentos que serão doados aos mais necessitados.

LEIA TAMBÉM

Após fortes chuvas no interior, Governo da Bahia decreta emergência em nove municípios

“A campanha servirá para as cidades mais próximas da Região Norte, inclusive Juazeiro, mas também nas cidades mais afetadas na região de Irecê. A ajuda solidária vem do coração, da razão de ser de cada ser humano como pessoa. É ajudar ao próximo”, destaca o comandante do 9º Grupamento de Juazeiro, tenente-coronel Tarcísio Ribeiro.

Pontos de arrecadação

Em Juazeiro, as doações podem ser feitas no Quartel do 9º GBM, localizado na BR-210, KM 01, vizinho ao SESI, no Distrito Industrial da cidade. Outra opção é procurar o setor de atividades técnicas dos Bombeiros, no térreo do shopping Juá Garden Shopping. Quem reside em Senhor do Bonfim pode procurar o Quartel do Bombeiro, no antigo Derba.

Corpo de Bombeiro de Juazeiro realiza campanha para ajudar famílias atingidas pelas chuvas

As chuvas que caíram na região desde o último dia 2 de novembro deixaram centenas de famílias desabrigadas em Juazeiro, Irecê e outras cidades do norte da Bahia. Com o objetivo de minimizar o sofrimento dessas pessoas, o 9º Grupamento do Corpo de Bombeiro, sob o comando do Tenente Coronel Tarcísio Ribeiro, está mobilizando a comunidade em uma campanha solidária.

A meta é arrecadar colchões, cobertores, roupas, alimentos não perecíveis, material de limpeza e de higiene pessoal para serem distribuídos as vítimas das chuvas. “Certamente ela servirá tanto para as cidades mais próximas aqui da região norte, como Juazeiro, e também para as cidades mais afetadas da região de Irecê. Basta que o volume de doações seja intenso, que teremos as condições operacionais de nos deslocarmos até as famílias mais afetadas,” afirmou o Ten. Cel. Tarcísio.

Quem puder colaborar, pode deixar sua doação no Quartel do Corpo de Bombeiro de Juazeiro, localizado na BA 210, KM 01, vizinho ao SESI de Juazeiro, no Distrito Industria, no Quartel do Bombeiro de Senhor do Bonfim, no antigo Derba ou ainda na sala do setor de atividades técnicas do bombeiro, no térreo do JUA GARDEN Shopping.

José e Maria registrou chuva superior a 40mm na quarta-feira, segundo Apac

Quarta-feira foi de mais chuva em Petrolina e bairros ficaram alagados

Os números da Agência Pernambucana de Águas e Clima (Apac) indicam que choveu por volta de 30mm na área urbana de Petrolina, na quarta-feira (4). Dessa vez, o bairro José e Maria teve maior concentração, com 40,60mm. A Cohab Massangano aparece em segundo, com 39,40mm.

LEIA TAMBÉM

Petrolina: chuva provoca alagamentos, mas não há registros de desabrigados

No Jardim São Paulo foram 33,80mm ontem e Rajada, no interior da cidade, também houve uma chuva considerável de 28,14mm. Para essa quinta-feira (5) há mais previsão de pancadas de chuva, raios e rajadas de vento no Sertão de Pernambuco.

Falando em Sertão, também choveu nem nos municípios de Parnamirim e Santa Maria da Boa Vista. Os temporais também estão marcando presença na Bahia, especialmente na região de Irecê e Juazeiro.

Petrolina: chuva provoca alagamentos, mas não há registros de desabrigados

Voltou a chover forte em Petrolina

A quarta-feira (4) está sendo de mais chuva em Petrolina. Nas últimas duas horas choveu uma média de 30mm na zona urbana, segundo a Agência Pernambucana de Águas e Clima (Apac). Diante de tanta água em pouco tempo, a cidade já registra problemas.

Na Avenida da Integração, próximo a Havan, já há alagamento nos dois lados da faixa. Um leitor registrou o momento e divulgou nas redes sociais. Confira no vídeo a seguir:

Também há problemas nos bairros periféricos, a exemplo do bairro Antônio Cassimiro. O Blog Waldiney Passos a Prefeitura de Petrolina, que informou não haver, até o momento, registro de desabrigados. Vivendo um cenário de muita chuva em poucos dias, a Prefeitura já estuda um projeto de drenagem.

A cidade recebeu um grande volume de chuvas em um curto espaço de tempo. Há locais na zona urbana que registraram mais de 100 milímetros, quando a média para todo o mês de novembro seria 40 milímetros. Já está previsto um projeto a fim de solucionar o problema de drenagem na cidade. A empresa contratada ficará responsável por desenvolver estudos das bacias hídricas existentes no município e elaborar um plano de ações que contemple o escoamento das águas da chuva”, diz uma nota encaminhada ao Blog.

As equipes da Defesa Civil estão nas ruas, monitorando os bairros mais suscetíveis a problemas. Caso necessite dos trabalhos, basta ligar para o 153. Através das suas redes sociais, o prefeito Miguel Coelho (MDB). “Você que está nos bairros, se tiver algum problema de situação mais urgente, manda para a Defesa Civil“, orientou.

123