Governo publica edital do concurso da Codevasf com vagas na região

(Foto: CODEVASF)

A semana termina com uma boa notícia aos concurseiros de plantão. Já está liberado o edital para concurso público da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf). Há 91 vagas para todo país, incluindo em Juazeiro (BA) e Petrolina.

De acordo com o edital, as oportunidades são para dois cargos que exigem o nível superior: assessor jurídico e analista em desenvolvimento regional. Mas dentro das vagas, há diversas especialidades, como Administração e Engenharias.

O edital seguirá a reserva de vagas a negros e deficientes. Para a região há oportunidades de Analista (formação em Administração, Contabilidade e Engenharias). A remuneração inicial para qualquer uma delas é de R$8.168,91, em jornada de trabalho de 40 horas por semana.

Superintendente da Codevasf Petrolina nega envolvimento da companhia na Operação Mapa da Mina

Empresa que prestou serviço à Codevasf foi alvo de operação nessa semana (Foto: CODEVASF)

O superintendente da 3ª Superintendência Regional da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf), Aurivalter Cordeiro foi entrevistado nessa sexta-feira (13), no programa Super Manhã com Waldiney Passos, na Rádio Jornal Petrolina e comentou sobre a operação da Polícia Federal que investiga lavagem de dinheiro na Operação Mapa da Mina.

LEIA TAMBÉM

CODEVASF emite nota sobre operação que investiga recursos desviados da empresa em Petrolina

Operação investiga uso de lotéricas para “lavar” recursos desviados da Codevasf em Petrolina

Aurivalter ressaltou que nenhuma notificação da PF ou da Controladoria Geral da União (CGU) chegou à instituição. “Em instante algum coloca-se o nome da Codevasf de Petrolina. Nós não fomos notificados, nem nada. Alguém deve ter verificado que a empresa Alforge prestou serviço a Codevasf no período de 2014 a julho de 2016, mas essa empresa teve a licitação vencida”, explicou.

LEIA MAIS

CODEVASF emite nota sobre operação que investiga recursos desviados da empresa em Petrolina

(Foto: CODEVASF)

A Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (CODEVASF) foi alvo, nesta quarta-feira (11), da  “Operação Mapa da Mina”, da Polícia Federal, que apura desvios de recursos da 3ª Superintendência Regional da Codevasf, cuja sede é em Petrolina. Segundo a PF, criminosos utilizavam cinco casas lotéricas para “lavar” recursos públicos.

Esses desvios eram feitos da seguinte forma. Os contratos investigados foram firmados com uma empresa de segurança privada chamada Alforge. Ao longo dos anos, ela teria se beneficiado com o direcionamento das licitações. A Alforge pertence a um policial militar.

Segundo os investigadores, a ação de ontem é um desdobramento da Operação Decimus, deflagrada pela Polícia Federal em abril de 2018, cuja finalidade foi apurar crimes de uso de documentos ideologicamente falsos por parte dos responsáveis por um grupo de empresas de segurança e vigilância patrimonial.

Citada na investigação a 3ª Superintendência Regional da Codevasf, com sede é em Petrolina, enviou a seguinte nota:

“A CODEVASF esclarece que a empresa ALFORGE SEGURANÇA PATRIMONIAL LTDA foi contratada em 25/04/2014, após sagrar-se vencedora do Pregão Eletrônico nº 001/2014.

Referido contrato foi rescindido em atendimento a decisão judicial proferida pela 8ª Vara Federal da Seção Judiciária de Pernambuco, transitada em julgado em 30/06/2015, que não apontou qualquer prejuízo ao Erário ou conduta ilícita dos empregados e gestores dessa empresa pública federal.

A CODEVASF ressalta que todos os seus atos foram públicos, que a contratação da empresa ALFORGE SEGURANÇA PATRIMONIAL LTDA foi fundamentada no menor preço por ela ofertado no certame, que a integra do processo de contratação foi exibida em juízo e disponibilizada à CGU e que está a colaborando com autoridades competentes para prestar os esclarecimentos necessários.”

Petrolina: ministro do Desenvolvimento Regional anuncia R$ 200 milhões para conclusão do Projeto Pontal

Marinho esteve em Petrolina na manhã de hoje (Foto: Redes Sociais)

O ministro do Desenvolvimento Regional (MDR), Rogério Marinho, cumpriu agenda em Petrolina, na manhã dessa sexta-feira (16). Marinho esteve na sede da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf), onde anunciou o investimento de R$ 200 milhões do Governo Federal para conclusão do Projeto Pontal.

Segundo Marinho, com o investimento serão contemplados mais 4,1 mil hectares irrigados, os quais ficarão aptos para produção de frutas. A estimativa do MDR é gerar renda e emprego a 15 mil pessoas com a conclusão do Pontal.

Miguel celebra investimento

O prefeito Miguel Coelho (MDB) esteve no Blog na manhã de hoje, onde apresentou suas propostas de campanha. Ele também comentou esse investimento federal. “Hoje a gente acabou de receber o ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho. Ele autorizou a licitação de R$ 200 milhões para poder concluir o Pontal Norte. Isso é força, isso é trabalho”, enfatizou.

Marinho ressalta atenção de Bolsonaro com o Nordeste

“O presidente da República, Jair Bolsonaro está abraçando o Nordeste, investindo e criando condições para o povo trabalhar. Vamos investir R$ 200 milhões para a conclusão do projeto de irrigação Pontal, possibilitando que Petrolina-PE dê um salto na produção de frutas e gere riqueza em meio a seca”, disse Marinho nas suas redes sociais.

Ronaldo Cancão denuncia loteamentos ilegais na Ponta da Serra

Vereador cobrou ação do Poder Público

O vereador Ronaldo Cancão (DEM) cobrou o Poder Público de Petrolina para que adote medidas na Ponta da Serra, zona rural de Petrolina. Durante a sessão dessa terça-feira (15), o edil ratificou uma demanda de 2019, na qual solicita uma reunião.

Segundo ele, pessoas estão construindo lotes na comunidade.  “É irresponsabilidade. Estão construindo loteamento sem autorização da Prefeitura, vendendo ilusão e enganando as pessoas e prejudicando as famílias. Vai ter uma morte na Ponta da Serra se as autoridades não tomarem de conta“, destacou o edil.

No Requerimento apresentado hoje, Cancão quer uma reunião na Ponta da Serra com a presença da Codevasf e Prefeitura. O vereador propôs a elaboração de uma Comissão para investigar o fato. Também foi sugerido por Alvorlande Cruz (Republicanos) a participação da Comissão de Obras no debate.

“Ficam construindo loteamento sem autorização da Casa, derrubam árvore sem autorização da AMMA e não tem licença da Prefeitura. Espero uma posição”, enfatizou Cancão. Segundo ele, caso não sejam adotadas medidas, a denúncia será apresentada à Justiça.

Apicultores de Triunfo, no Sertão de Pernambuco, recebem kits apícolas da Codevasf

(Foto: Ascom/Codevasf)

A Associação dos Apicultores do Sertão Central, no município de Triunfo, no sertão de Pernambuco, foi beneficiada com 220 colmeias que foram entregues pela Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf). Quase 20 famílias poderão incrementar suas rendas por meio da apicultura. Com um investimento no valor de R$ 59,4 mil foi possível também doar aos apicultores macacões, botas, luvas, fumigadores, formões e carretilhas informativas para orientá-los na produção do mel.

Doações que trouxeram de volta a esperança de dias melhores para a apicultora Maria Mendes. Ela havia perdido suas colmeias por conta do cupim e agora poderá retomar sua profissão. “Eu comecei na apicultura fazendo capacitação em 2003. Eramos mais de 20 apicultores e eu era a única mulher. A gente passou muitos anos de seca de lá pra cá. Nossas colmeias foram destruídas pelo cupim, mas eu me mantive firme e hoje estamos aqui recebendo esses kits que vão ajudar demais”, comemorou.

LEIA MAIS

Presidente da Codevasf estará em Juazeiro (BA) hoje (28) para autorizar investimento de R$ 9,5 milhões em infraestrutura urbana

O presidente da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf), Marcelo Moreira, estará em Juazeiro (BA) nesta sexta-feira (28) para assinatura de ordem de serviço para início imediato de obras de recapeamento asfáltica de cerca de 24 quilômetros em vias públicas do município.

Para dotar o município de infraestrutura urbana, estão sendo investidos cerca de R$ 9,5 milhões em recursos do Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR) por meio de Termo de Execução Descentralizada (TED). A solenidade ocorre às 14 horas, na sede da 6ª Superintendência Regional da Codevasf, no bairro Piranga, e deve contar com as presenças de um público restrito formado por autoridades e técnicos da Companhia em razão da pandemia de Covid-19.

Juazeiro ocupa uma posição de capital baiana do Submédio São Francisco, região em que se destacam os projetos públicos de irrigação Curaçá, Mandacaru, Maniçoba, Salitre 1ª Etapa e Tourão, todos implantados e mantidos pela Codevasf e que juntos movimentaram em 2019 cerca de R$ 1,562 bilhão na economia local com a geração de aproximadamente 32 mil empregados diretos e 48 mil empregos indiretos somente na região de influência da cidade.

Os investimentos devem melhorar a mobilidade e a trafegabilidade e impulsionar os negócios das cadeias produtivas na região de Juazeiro, a exemplo da cadeia da fruticultura e da cana-de-açúcar.

LEIA MAIS

Nova barragem construída em Serrita vai abastecer as comunidades e viabilizar água para plantas e animais

(Foto: Ascom/Codevasf)

A Codevasf acaba de concluir no município de Serrita, localizado no sertão de Pernambuco, uma barragem com capacidade de armazenamento de nove milhões de metros cúbicos de água. A estrutura tem espelho d’água de até oito quilômetros e é a maior barragem da região. O Governo Federal investiu R$ 5 milhões na obra, que deve beneficiar mais de 600 pessoas na região do Sítio Jacú.

“É muito gratificante ver essa obra concluída e com tanta água disponível para essas pessoas. Quando iniciamos as ações, o manancial mais próximo para água de beber estava a cerca de 40 quilômetros. Agora eles têm essa água para beber, mas também têm a possibilidade de produção de piscicultura, pequenas irrigações e outros arranjos produtivos locais que podem proporcionar melhora na qualidade de vida”, afirma Leonardo Cruz, engenheiro da Codevasf.

Antônio Neto, morador do sítio Jacú, se diz esperançoso com a expectativa de um novo futuro para sua família e para a comunidade. “Fomos privilegiados com a maior obra hídrica do município. Temos agora um futuro melhor. Vai gerar trabalho e renda para nossa comunidade, além de empregos”, avalia.

De acordo com o superintendente regional da Codevasf em Pernambuco, Aurivalter Cordeiro, a construção de barragens é uma das principais ações que a Companhia desenvolve no estado. “Hoje a barragem do Sítio Jacú já acumulou água suficiente para abastecer a população local por um longo período. Já podemos ver um espelho de água de seis quilômetros; isso pode chegar a oito quilômetros”, conta Cordeiro.

Comunidades rurais de Petrolina recebem pavimentação asfáltica

(Foto: Jonas Campos/PMP)

Comunidades rurais de Petrolina estão sendo beneficiadas com várias ações da prefeitura de Petrolina, por meio dos serviços disponibilizados como a pavimentação asfáltica de mais de 60 vias na área ribeirinha (Tapera, Sítio São João, Caatinguinha, Roçado, Agrovila Massangano e Izacolândia) e de sequeiro (Baixa Alegre, Bom Jardim, Caroá e Simpatia).

Já na área irrigada serão 178 vias que ficarão prontas completamente asfaltadas. Até o momento, 70 ruas foram entregues para a população dos núcleos 4, 5 e C-2 do Perímetro Irrigado Senador Nilo Coelho (PISNC); Área 25 e Covão do Projeto Maria Tereza.

Vale ressaltar que esse momento histórico vivenciado pelas comunidades da área irrigada faz parte de um convênio no valor de mais de R$ 15 milhões, celebrado entre a Prefeitura de Petrolina e a Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf) e contemplará a população dos Projetos Bebedouro e Maria Tereza, C-1, C-2, C-3, Alto da Bela Vista, e nas vilas novas dos núcleos N-1, N-2, N-3, N-4, N-5, N-6, N-7, N-8, N-9, N-10 e N-11.

Em mais uma parceria exitosa da prefeitura, dessa vez com o Governo Federal, por meio do Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR), o distrito de Rajada, após mais de 20 anos de espera, será contemplado com 10 ruas asfaltadas. As equipes de engenharia já começaram os serviços na localidade. Mais de cinco mil habitantes do distrito serão beneficiados com as pavimentações que oferecerão maior segurança e mobilidade no trânsito local.

Senado aprova ampliação da área da Codevasf

Os senadores aprovaram por votação simbólica, nesta quinta-feira (13), projeto do senador Davi Alcolumbre (DEM-AP) que inclui bacias hidrográficas de oito estados na área de atuação da Companhia de Desenvolvimento do Vale do São Francisco (Codevasf). O PL 4.731/2019 voltou ao Senado, onde já havia sido aprovado em dezembro do ano passado, na forma de um substitutivo enviado pelos deputados federais. O relator, senador Carlos Viana (PSD-MG), fez apenas algumas emendas de redação. Assim, o texto não terá que voltar à Câmara, seguindo para a sanção do presidente da República.

A proposta autoriza a atuação da Codevasf nas bacias hidrográficas continentais e litorâneas localizadas em Alagoas, Amapá, Bahia, Ceará, Goiás, Maranhão, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Rio Grande do Norte e Sergipe (antes apenas Alagoas, Maranhão e Sergipe tinham todo o território contemplado), e também na bacia do Rio Pardo, em Minas Gerais. Além disso, os deputados condicionaram a expansão das atividades da companhia à previsão de recursos no Orçamento e incluíram entre as bacias a serem atendidas pela Codevasf as bacias dos Rios Jequitinhonha, Mucuri e Araguari, em Minas Gerais.

Pelo texto original, seriam incluídas apenas a Bacia do Rio Araguari, do Amapá (que não é a mesma bacia do Rio Araguari de Minas Gerais) e demais bacias do Amapá e Pará. Davi argumenta que essas são regiões hidrográficas com ocupação irregular das cabeceiras, queimadas e desmatamentos e aproveitamento hidrelétrico, que poderão causar danos irreversíveis ao desenvolvimento sustentável.  “O enfrentamento de questões dessa natureza seguramente é mais viável com a presença da Codevasf “, alegou.

Também parte da proposta original, as bacias hidrográficas do estado do Amazonas foram retiradas. O relator na Câmara avaliou que a medida ampliaria em demasia a extensão da área de atuação da empresa.

Legislação

A proposta altera novamente a Lei 6.088, de 1974, que criou a Codevasf, já emendada em 2000, 2009, 2010, 2017 (por duas vezes) e 2018, para ampliar a área de atuação do órgão estatal. Veja abaixo a evolução da área de atuação da Codevasf desde a criação do órgão até o PL 4.731/2019.

 

Deputado estadual Antonio Coelho participa de ato de assinatura de cooperação técnica entre Incra (PE) e prefeitura de Pesqueira

(Foto: Ascom/Antonio Coelho)

A assinatura do Termo de Cooperação Técnica entre o Incra (PE) e a prefeitura de Pesqueira foi realizada nesta terça-feira (11) com a presença do deputado estadual Antonio Coelho (DEM).

Uma parceria que vai permitir agilizar a elaboração de projetos e o acesso ao crédito para cerca de 700 famílias que estão instaladas nos 13 projetos de assentamentos mantidos pelo órgão no município.

“Esse apoio inicial é muito importante, pois vai permitir ao Incra trazer investimentos aos assentamentos e trabalhar pela viabilização do acesso ao crédito para as famílias assentadas”, destacou o parlamentar, ressaltando que a cooperação técnica entre a Prefeitura e o Incra vai representar um momento transformador para a população de Pesqueira.

LEIA MAIS

Associações de produtores agrícolas são beneficiadas com maquinário pela Codevasf

Associações de produtores agrícolas serão beneficiadas com com maquinário e outros equipamentos através de uma ação da Companhia de desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf), por meio da 6ª Superintendência Regional, sediada em Juazeiro.

A intenção é incrementar a geração de emprego e renda no semiárido baiano.

De acordo com a Codevasf, em julho a entidade investiu R$ 877,7 mil de recursos do Orçamento Geral da União, repassados à empresa por emenda parlamentar.

LEIA MAIS

Leitor cobra Codevasf sobre ligação de água no Projeto Pontal, Companhia responde

Permissionários aguardam ligação de água, Codevasf explica

Um leitor do Blog entrou em contato com a nossa equipe via WhatsApp, para chamar atenção da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf) sobre o fornecimento de água no Projeto de Irrigação Pontal – Área Sul.

Conforme a foto acima mostra, a energia já foi ligada. Estaria, portanto, faltando o fornecimento de água. “Venho solicitar juntos uma cobrança de ligação da água pressurizada nos lotes do projeto Pontal Sul. Já faz mais de cinco meses que eles nos cobraram o registro da área e a partir do registro o prazo de carência já está contando. Mas a água ainda não foi ligada”, relata o leitor.

Procurada pelo Blog, a Codevasf rebateu a informação e encaminhou o vídeo a seguir, mostrando que já há ligação de água no Pontal Sul. Confira:

Além do vídeo, a Codevasf também encaminhou uma nota à nossa Redação. Leia a íntegra a seguir:

LEIA MAIS

Pai do deputado federal Fernando Monteiro morre aos 69 anos

Morreu na noite de quarta-feira (9) o empresário e engenheiro civil Luciano Fernandes de Albuquerque. Ele era pai do deputado federal pernambucano, Fernando Monteiro (PP). Luciano foi superintendente regional da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf), em Petrolina.

Vítima da covid-19

O empresário estava internado há 76 dias, por complicações cardíacas. Durante o internamento ele se contaminou com a covid-19. O anúncio da morte foi feito pelo próprio deputado federal, em suas redes sociais. “Hoje tenho a notícia que eu nunca gostaria de dar. Meu amado pai, meu amigo, minha referência desde sempre, nos deixou agora há pouco. Foram 76 longos dias na UTI, primeiro por conta de complicações cardíacas e, em seguida, acometido pela Covid-19″, escreveu no seu Instagram.

Luciano Albuquerque tinha 69 anos e estava internado no Hospital Memorial São José, na capital Recife. Além de Fernando, ele era pai de Juliana e Felipe Monteiro de Albuquerque. Por conta da pandemia e o protocolo da covid-19, o sepultamento será restrito.

Obras de pavimentação avançam na área irrigada de Petrolina

(Foto: Jonas Santos/PMP)

As pavimentações seguem em ritmo acelerado na área irrigada de Petrolina, principalmente nos núcleos do Projeto Maria Tereza e Perímetro Irrigado Senador Nilo Coelho (PISNC). Mais de 60 ruas já estão 100% prontas. Nesta semana, as equipes da engenharia continuam trabalhando no Núcleo 4, onde mais 15 ruas já apresentam um status de conclusão em 50% .

O trabalho faz parte de um convênio no valor de mais de R$ 15 milhões, consolidado entre a Prefeitura de Petrolina e a Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf) para melhorar a infraestrutura de diversas áreas do município, tanto na zona urbana quanto na rural.

As comunidades contempladas neste pacote de obras são: Projetos Bebedouro e Maria Tereza, C-1, C-2, C-3, Alto da Bela Vista, e nas vilas novas dos núcleos N-1, N-2, N-3, N-4, N-5, N-6, N-7, N-8, N-9, N-10 e N-11 terão no total mais de 170 ruas pavimentadas.

Já estão concluídas 21 ruas no Projeto Maria Tereza; seis ruas no C2 e 33 ruas no Núcleo 5, ambos localizados no PISNC. As equipes estão concentradas nos serviços de terraplanagem de mais 15 ruas para que possam receber o cascalhamento, compactação da base e logo após lançar as camadas do asfalto TSD.

Os serviços de pavimentação dessas ruas são de responsabilidade da Codevasf com o apoio da Prefeitura de Petrolina.

123