Período natalino registra a maior queda nas vendas no comércio

(Foto: Ilustração)

Entre os dias 18 a 24 de dezembro, o Brasil registrou a segunda maior queda das vendas de Natal, o percentual caiu 4% na comparação com o mesmo período de 2015. As informações são do levantamento feito pelo a Serasa Experian em seu balanço sobre o movimento nas lojas durante os dias que antecederam o Natal deste ano, divulgados nesta segunda-feira (26).

O indicador foi criado em 2003 e já registrou duas quedas consecutivas: 6,4% em 2015 e 1,7% em 2014.

Para a Serasa Experian, o resultado reflete a alta do desemprego, o crédito caro e a baixa confiança do consumidor. O indicador é medido com base nas consultas que os lojistas fazem ao banco de dados da Serasa antes de efetuar uma venda.

Com informações do IstoÉ dinheiro

Confira os horários de funcionamento do comércio de Petrolina

Durante as festas de final de ano, o comércio de Petrolina funciona em horário diferenciado. As lojas do Centro da cidade terão o horário de atendimento estendido. Os comerciários estão autorizados a manter o funcionamento das lojas no domingo e a extensão de duas horas do horário comercial durante a semana que pode ser das 18h às 20h. Aos domingos, a orientação é que as lojas possam abrir das 9h às 15h, com exceção dos dias 25 de dezembro e 1º de janeiro.

Já o River Shopping, nos dias 24 e 31 de dezembro, lojas, alimentação e lazer funcionam das 10h às 19h.  No dia 25 de dezembro, abrem apenas as operações de alimentação e lazer, das 12h às 20h. No dia 1º de janeiro, o Shopping estará fechado, funcionando apenas o cinema, das 14h às 20h.

 

Operação ‘Papai Noel’ é lançada oficialmente nesta quinta-feira em Petrolina

(Foto: blog Waldiney Passos)

A solenidade oficial de lançamento da operação aconteceu às 8h. (Foto: blog Waldiney Passos)

A Câmara de Dirigentes e Lojistas (CDL), o 5º BPM e o Sindilojas, realizou, nesta quinta-feira (1º), o lançamento da Operação “Papai Noel” em Petrolina (PE). A solenidade oficial de lançamento da operação aconteceu às 8h na Avenida Souza Filho, no centro comercial da cidade.

O presidente do Sindilijas, Joaquim de Castro, falou sobre a importância da ação conjunta que visa proteger os comerciantes e os consumidores durante o período natalino em Petrolina. “Todos os anos nós temos feito essa operação, essa parceria com a Polícia Militar e com os outros órgãos de segurança do município, que visa oferecer uma segurança maior ao comerciante e também ao consumidor.”

Segundo Joaquim, a parceria vem para proteger a comunidade da ação de criminosos e garantir uma maior segurança à população. “A parceria acontece por conta do aumento do fluxo de pessoas no centro da cidade e o volume de recursos devido o recebimento dos 13º salário. Isso acaba despertando a atenção dos meliantes. E essa parceria vem para inibir as ações dos criminosos, para que no final do ano tenhamos números mais favoráveis à população. Nós temos feito isso e o resultado sempre é muito bom. Esse ano a parceria está ampliada com a presença da Guarda Municipal e a Polícia Rodoviária”.

O Major Rutênio, que responde pelo comando da operação, falou sobre o que espera da operação “Papai Noel” e sobre os seus objetivos. “A gente espera que esse ano reduza ainda mais os números dos índices de criminalidade em relação aos anos anteriores na cidade de Petrolina. A operação visa a tranquilidade das pessoas que vêm ao centro de Petrolina para realizar as suas compras de fim de ano, já que nessa época geralmente cresce o número de pessoas e de dinheiro que circula aqui pelo centro da cidade”.

Rutênio informou como acontecerá o patrulhamento no centro da cidade e falou sobre a novidade da segurança em pequenos centros comerciais da cidade. “Vamos ter em média 60 policiais diários, e esses policiais são extra, não são tirados de outros setores. Eles irão trabalhar em duplas mistas, além do pessoal de moto-patrulhamento que farão a segurança. Ao todo serão cerca de 10 duplas em cada turno de trabalho. Além disso, esse ano tem um diferencial, pois vamos atender os centros comerciais de alguns bairros na cidade, mesmo sendo pequenos.”

River Shopping divulga funcionamento em dezembro

(Foto: Arquivo)

(Foto: Arquivo)

No mês de dezembro, as lojas do River Shopping, em Petrolina (PE), funcionam duas horas a mais aos domingos. Nos dias 4, 11 e 18, as lojas abrem das 14h às 22h; alimentação e lazer, das 12h às 22h; e o Hiper Bompreço das 8h às 21h. Nos dias 24 e 31 de dezembro, lojas, alimentação e lazer funcionam das 10h às 19h.

No dia 25 de dezembro, abrem apenas as operações de alimentação e lazer, das 12h às 20h. Já no dia 1º de janeiro, o Shopping estará fechado, funcionando apenas o cinema, das 14h às 20h.

Comerciantes vão participar de rodada de negócios com operadoras de cartão de crédito

(Foto: Ilustração)

(Foto: Ilustração)

O pagamento de produtos e serviços com cartão de crédito ou débito está cada vez mais comum entre os consumidores. A importância dos cartões de pagamento nos negócios em geral fica evidente quando se observa o forte crescimento no número de cartões de crédito e de débito. De acordo com a Associação Brasileira das Empresas de Cartões de Crédito e Serviços – Abecs – os cartões emitidos até junho de 2011 superaram o número de 420 milhões de unidades.

Naturalmente, nem todos se encontram ativos, porém nota-se que as emissões crescem de forma representativa. Nos últimos cinco anos a emissão de novos cartões cresceu 67%, fato que demonstra o interesse do público em geral nessa forma de pagamento, sobretudo pelas vantagens que ela oferece: praticidade e prazo de pagamento. 

LEIA MAIS

Chegada do Papai Noel abre programação da Campanha de Natal da CDL e Sindilojas

O Noel abre oficialmente a campanha de Natal (Foto: divulgação)

O Noel abre oficialmente a campanha de Natal (Foto: divulgação)

O Papai Noel chegou a Petrolina na manhã deste sábado (19) e fez a festa da criançada que aguardava ansiosa pela sua presença. No percurso feito em um mini-trio elétrico e com a participação das bandas e fanfarras com alunos de escola pública, o Papai Noel passou pelos bairros, avenidas e principais ruas da cidade. No trajeto, ele distribuiu pipocas, doces e se divertiu com a garotada.

A Tenda Cultural do Bambuzinho foi o ponto de parada e estava toda decorada para abrigar o Papai Noel. É lá que o “bom Velhinho”, um dos símbolos do Natal, estará presente pelos próximos dias, recebendo as crianças. Também haverá apresentações musicais e muitas brincadeiras de acordo com a programação do Natal deste ano.
LEIA MAIS

River Shopping funciona normalmente nesta terça

 

(Foto: Arquivo)

(Foto: Arquivo)

Amanhã, dia 15 de novembro, é feriado da Proclamação da República Brasileira, o comércio e instituições públicas são fechadas. Porem o River Shopping, em Petrolina (PE) irá funcionar normalmente.

Entre às 10h às 22h, todas as lojas estarão abertas; as operações de alimentação e lazer abrem das 12h às 22h; e o Hiper Bompreço das 8h às 22h. O Expresso Cidadão estará fechado.

O River Shopping fica na Avenida Monsenhor Ângelo Sampaio, 100, Centro de Petrolina.

Campanha Natal Mágico 2016 será lançada nesta sexta-feira em Petrolina

convite lançamento
Como forma de estimular os consumidores do comércio de Petrolina, Sertão de Pernambuco, durante as datas comemorativas de fim de ano, a Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) e o Sindicato do Comércio Varejista (Sindilojas) da cidade, lançam a campanha “Natal Mágico 2016″.
O anuncio da campanha será realizado na próxima sexta-feira (09), às 18h, na Tenda Cultural do Bambuzinho.

Caruaru registra 1,9 mil demissões em julho, segundo dados do Caged

(Foto: Ilustração)

Dados são do mês de julho. (Foto: Ilustração)

No mês de julho aproximadamente 1.960 postos de trabalho foram desativados enquanto 1.759 admissões foram registradas em Caruaru (PE). Os dados são do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged).

Houve, ainda em julho, uma redução de 201 empregos com carteira assinada no município. Conforme consta nos dados do Caged, 2.350 pessoas foram admitidas, enquanto 2.643 foram demitidas

LEIA MAIS

Saiba o que funciona neste feriado de São João em Petrolina

(Foto: Google maps)

Alguns estabelecimentos na cidade de Petrolina mudarão os seus horários de funcionamento (Foto: Google maps)

Amanhã (24) acontecerá o São João. E alguns estabelecimentos na cidade de Petrolina mudarão os seus horários de funcionamento. Saiba o que irá funcionar neste feriado.

O comércio estará fechado e as lojas não abrem no dia de comemoração do São João (24), segundo a Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Petrolina. No sábado (25) o funcionamento volta ao normal. E de acordo com a Federação Brasileira de Bancos (Febraban), as agências bancárias também não funcionam na sexta-feira (24).

Assim como ocorrerá no comércio, os órgãos públicos municipais estarão fechados neste feriado, de acordo com informe da Prefeitura de Petrolina. Contudo, os serviços essenciais para a população, como urgência e emergência dos hospitais públicos e o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu-192), serão mantidos normalmente.

LEIA MAIS

Três pessoas foram presas antes de assaltar comércio em Petrolina

policial

No início da tarde de ontem (10), a Polícia Militar, recebeu denúncia que em Petrolina, Sertão de Pernambuco, três pessoas iriam realizar um assalto a um comerciante. A PM encontrou o primeiro acusado, de 26 anos, em um estabelecimento de venda de peças da Avenida Honorato Viana.

Ao ser questionado pelos comparsas, o acusado afirmou que estavam em um carro próximo ao terminal rodoviário de Petrolina. Ao chegarem no local e realizarem a abordagem, foi encontrado dentro do porta luvas um revólver calibre 38,  com a numeração suprimida e cinco munições intactas.

Os outros acusados de 33 e 43 anos, confessaram o delito, todos foram conduzidos até a 1ª Delegacia de Polícia Civil.

 

Na contramão: comércio de Petrolina cresce, apesar de recessão econômica

Petrolina

Petrolina se destaca em meio à retração, com um crescimento real de 2%

As vendas no varejo brasileiro registraram em 2015 a maior queda em 12 anos em meio ao cenário de recessão econômica, puxado por perdas em segmentos importantes como móveis e combustíveis. No ano passado, as vendas caíram 4,3% sobre 2014, informou o IBGE. Em Pernambuco, o resultado foi ainda pior que o nacional, com perdas de 7,7%. Enquanto isso, Petrolina, no Sertão de Pernambuco, se destaca em meio à retração, com um crescimento real  (descontada a inflação) de 2%. O percentual também está sendo esperado para 2016, mesmo sendo este um ano sombrio para o comércio no Brasil.

Além desse “bem-estar econômico”, o município é o 6º maior PIB de Pernambuco e tem o 6º maior Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) e o 10º maior Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) do estado. Como explicar? Basicamente, o diferencial de Petrolina está na fruticultura irrigada e na exportação. Com o processo irrigado, há safras o ano todo. Com a exportação, vendas são em dólar, moeda em alta. Em Petrolina, a maior ameaça é hídrica.

LEIA MAIS

Brasil registra 165 mil novas empresas em fevereiro, diz Serasa

O setor de serviços segue como o mais procurado pelos empreendedores, com a abertura de 104.493 novas empresas em fevereiro/Foto: internet

O setor de serviços segue como o mais procurado pelos empreendedores, com a abertura de 104.493 novas empresas em fevereiro/Foto: internet

 Foram criadas 165.028 novas empresas no Brasil em fevereiro, o maior registro para o mês desde 2010, aponta o Indicador Serasa Experian de Nascimento de Empresas. O número é 14,2% superior ao registrado em fevereiro de 2015: 144.501. O primeiro bimestre do ano acumula 331.641 novas companhias, crescimento de 12,2% em relação ao mesmo período do ano anterior.

De acordo com os economistas da Serasa Experian, o aumento de novas empresas é resultado do maior número de novos microempreendedores individuais, que cresceram em razão da perda de postos formais no mercado de trabalho. Segundo eles, a recessão econômica impulsionou trabalhadores desempregados a buscarem, de forma autônoma, meios alternativos de geração de renda.

O setor de serviços segue como o mais procurado pelos empreendedores, com a abertura de 104.493 novas empresas em fevereiro, o equivalente a 63,3% do total de companhias criadas no mês. Em seguida, 46.448 empresas de comércio (28,1% do total) surgiram no segundo mês do ano e, no setor industrial, foram abertas 13.674 empresas (8,3% do total). Na comparação entre fevereiro e igual mês do ano passado, todos os setores cresceram: serviços tiveram aumento de 17,4%; comércio, 7,4%; e indústria, 16,6%.

LEIA MAIS

Comércio tem maior queda anual dos últimos 13 anos

O camelódromo espalha-se por 11 ruas do centro do Rio de Janeiro

O movimento dos consumidores nas lojas de todo o país caiu 9,6% em janeiro, na comparação com o mesmo período do ano passado, e 1,1% sobre dezembro de 2015. De acordo com a pesquisa Indicador Serasa Experian de Atividade do Comércio, a queda foi a maior já registrada no comércio varejista, desde desde abril de 2002, quando houve retração de 11,2% sobre o mesmo mês de 2001.

Os economistas da Serasa Experian atribuíram essa retração às projeções de desaquecimento na economia. “Juros altos, desemprego em ascensão e inflação elevada, que afetaram negativamente o comércio no ano passado, ainda continuarão presentes em boa parte do ano de 2016”, justificaram eles.

Na comparação de janeiro deste ano com o mesmo mês do ano passado, apenas o segmento de combustíveis e lubrificantes apresentou avanço, com crescimento de 3,8%. No setor de veículos, motos e peças foi constatada queda de (-20,4%) e nos demais setores foram registradas as seguintes oscilações: tecidos, vestuário, calçados e acessórios (-15,3%); móveis, eletroeletrônicos e equipamentos de informática (-13,1%); supermercados, hipermercados, alimentos e bebidas (-6,7%) e material de construção (-2,4%).

Na comparação com dezembro passado, três setores apresentaram alta: veículos, motos e peças (3%); móveis, eletroeletrônicos e equipamentos de informática (3,9%) e material de construção (4,3%). Nos demais, ocorreram redução: supermercados, hipermercados, alimentos e bebidas (-1%); combustíveis e lubrificantes (-0,2%) e tecidos, vestuário, calçados e acessórios (-0,4%).

Comércio eletrônico cresce 26% no fim de ano

As vendas de Natal e Black Friday no varejo online brasileiro cresceram 26% na comparação com o mesmo período de 2014, de acordo com dados divulgados nesta sexta (25) pela empresa E-Bit/Buscapé.

Segundo a empresa, a alta das vendas no período de 15 de novembro a 24 de dezembro ficou acima do esperado, já que a expectativa era de crescimento de 22%. Já o faturamento foi de R$ 7,4 bilhões.

Mesmo com a crise econômica, o varejo online tem registrado crescimento superior ao das lojas físicas no país. Segundo o Buscapé, a quantidade de pedidos chegou a 17,6 milhões – aumento de 16% na comparação com o ano anterior. Na média, o valor foi de R$ 420, com crescimento de 8,4%.

91011