Em resposta a leitor, Compesa afirma estar fazendo reparo em vazamento na Av. Cardoso de Sá

O Blog Waldiney Passos mostrou na manhã dessa terça-feira (21) o relato de um leitor, chamando atenção para um problema na subida da Ponte Presidente Dutra. Em resposta a matéria, a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) enviou uma nota.

LEIA TAMBÉM

Leitor faz alerta para vazamento de água limpa próximo a subida da ponte, em Petrolina 

Segundo a Compesa, a equipe já está na Avenida Cardoso de Sá realizando o conserto no vazamento de água limpa. A Companhia ressalta que precisou interromper o abastecimento no bairro Atrás da Banca durante o reparo. “A previsão é de que os trabalhos sejam finalizados às 18h de hoje, quando o sistema será reativado e a distribuição do bairro normalizada, gradativamente“, destaca a nota.

Leitor faz alerta para vazamento de água limpa próximo a subida da ponte, em Petrolina 

Condutores devem redobrar atenção (Foto: Reprodução/Google Maps)

Quem transita pela Orla de Petrolina sentido a Juazeiro (BA) pode enfrentar problemas nessa terça-feira (21). Isso porque, segundo um leitor do Blog, um vazamento de água limpa próximo ao Habib’s veio acompanhando de um buraco na pista de rolamento.

“Antes de subir a Ponte está com um vazamento de água limpa, não percebi e cai num buraco. Se fosse um carro pequeno seria prejuízo, seria bom chamar atenção da Compesa para colocar algo e avisar os motoristas. É logo na curva”, relatou o leitor.

Procurada pelo Blog a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) disse estar ciente e que em breve emitira uma nota com mais detalhes sobre o reparo.

Compesa afirma que abastecimento na Cohab VI será normalizado até o final da tarde

Abastecimento será normalizado no final do dia (Foto: Ascom)

A Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) emitiu uma nota alertando aos moradores do bairro Cohab VI que o abastecimento na comunidade somente será normalizado ao final da tarde dessa terça-feira (21). O motivo para a demora é um vazamento identificado no Parque Massangano.

LEIA TAMBÉM

A pedido da Celpe, Compesa suspenderá abastecimento nesta segunda em mais de 50 bairros

Segundo a Compesa, devido ao problema identificado no bairro citado “a rede de abastecimento dessa área continua fechada até a conclusão dos serviços de reparo da tubulação”. Concluído o reparo, o fornecimento começará a ser feito de forma gradativa.

Confira a nota da Compesa:

Morador de Lagoa Grande reclama de rodízio, mas Compesa afirma que comunidade está sendo abastecida

Morador está insatisfeito com a Compesa (Foto: Ilustração)

O abastecimento no bairro do Vasco da Gama, em Lagoa Grande (PE) é feito via rodízio pela Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa), mas um leitor do Blog não está contente com a situação. Ele se queixa que outras comunidades são abastecidas diariamente.

“Na Rua José Ricardo estamos sofrendo com falta de água todo final de semana, enquanto no bairro da Estátua e outros têm água todo dia. Ninguém aguenta passar quatro dias sem água“, desabafou.

Procurada por nossa equipe a Compesa afirmou em nota que o abastecimento no bairro do Vasco vem sendo feito normalmente. “A Compesa informa que o abastecimento no Vasco da Gama, em Lagoa Grande, está normalizado, de acordo com o calendário da localidade, que é de dois com água e quatro sem. O bairro recebeu água normalmente nos dias 14 e 15 de janeiro e o novo ciclo de abastecimento iniciou hoje (20) e segue até amanhã (21)“, destaca a nota.

A pedido da Celpe, Compesa suspenderá abastecimento nesta segunda em mais de 50 bairros

(Foto: Ilustração)

A Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) divulgou, nesta sexta-feira (17), uma nota informando sobre a suspensão do abastecimento em vários bairros das zonas leste e oeste de Petrolina (PE) na próxima segunda-feira (20). De acordo com a empresa, a ação foi um pedido da Companhia Energética de Pernambuco (Celpe).

O funcionamento da captação de água do Distrito Industrial será interrompido a partir das 13h, com previsão de conclusão às 17h, quando a distribuição de água será restabelecida gradativamente.

A Compesa pede a compreensão dos moradores dessas áreas e informa que restabelecerá o funcionamento do sistema logo após a conclusão das intervenções da Celpe”, diz trecho da nota.

Confira os bairros que serão afetados

Em resposta a demanda jurídica de moradores, Compesa iniciará intervenções em Izacolândia

Equipes iniciarão obras na próxima semana (Foto: Ascom)

A Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) encaminhou hoje (17) uma nota ao Blog, respondendo a uma demanda dos moradores do Distrito de Izacolândia, em Petrolina. No começo da semana nós mostramos a mobilização deles para acionar a Justiça contra a Compesa.

LEIA TAMBÉM

Moradores de Izacolândia vão acionar a Justiça contra Compesa

Na nota, a Companhia disse já ter visitado Izacolândia para “averiguar a situação do abastecimento”. A fim de melhorar a situação, nesta segunda-feira (20) equipes estarão no Distrito iniciando intervenções na parte alta da comunidade.

Enquanto os serviços não são concluídos, a Compesa afirma que “o local será atendido por meio de carro-pipa”. Confira a resposta da Companhia:

Compesa alega não operar no Jardim Petrópolis, mas Prefeitura afirma que competência do saneamento em Petrolina é da Companhia

Compesa se exime de responsabilidade que é dela, segundo Prefeitura (Foto: Reprodução/WhatsApp)

O Blog mostrou na quarta-feira (15) a demanda de um morador do bairro Jardim Petrópolis, sobre o esgoto na Rua 28. Nossa equipe havia procurado a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) que apenas respondeu aos nossos questionamentos na tarde de ontem.

LEIA TAMBÉM

Leitor cobra saneamento básico do bairro Jardim Petrópolis, em Petrolina

Via e-mail a Companhia alega “que não opera sistema de esgotamento sanitário na Rua 28, no  bairro Jardim Petrópolis”. Contudo, de acordo com a Prefeitura de Petrolina, a Compesa é sim a responsável pelo saneamento da comunidade.

Confirmado: João Raphael deixa Compesa de Petrolina e assumirá gerência da Companhia em Caruaru

João Raphael Queiroz (Foto: Blog Waldiney Passos)

A Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa), por meio de sua Assessoria de Comunicação, acaba de confirmar a saída do Gerente Regional da Unidade de Negócios da Compesa em Petrolina, João Raphael de Queiroz, que agora, deve assumir o cargo de gerente na Unidade do Agreste Central, em Caruaru (PE).

Por cinco anos, João Raphael gerenciou a unidade da Compesa em Petrolina. Durante esse tempo, o gestor foi alvo de críticas, e assim como o serviço da Companhia, caiu na insatisfação da população petrolinense. A informação sobre a saída de João Raphael é oficial, mas a exoneração e mudança de cargo ainda não foram anunciadas no Diário Oficial do Estado.

Quem assume a gerência da Compesa em Petrolina é Marcelo André Ramos Guimarães de Oliveira, que deixa a Unidade de Negócios Metropolitana Centro Sul.

Leitor cobra saneamento básico do bairro Jardim Petrópolis, em Petrolina

Sem saneamento esgoto corre para a via pública (Foto: Reprodução/WhatsApp)

Essa imagem é da Rua 28 do bairro Jardim Petrópolis, em Petrolina. A comunidade não tem saneamento. Por conta disso em várias calçadas uma cena se repete: bocas de lobo estouradas e consequentemente, a água suja vai parar na via pública transformando a comunidade numa lagoa de mau cheiro.

A comunidade não aguenta mais, a gente pede sensibilidade da Compesa para que possa ver a situação. Quem vai passar de carro tem que ser por dentro do esgoto. A gente pede uma ajuda da Compesa“, relatou o morador. No vídeo a seguir é possível ter uma noção do que a população enfrenta diariamente.

Outro lado

O Blog procurou a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa), solicitando uma previsão de quando o bairro Jardim Petrópolis será saneado. Até a conclusão dessa matéria não recebemos uma resposta.

Moradores de Izacolândia vão acionar a Justiça contra Compesa

Moradores de Izacolândia vão acionar a Justiça

Se na zona urbana de Petrolina a falta de água é constante, a situação é ainda mais crítica no interior. No Distrito de Izacolândia os moradores estão se organizando para acionar a Justiça contra a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa).

Eles alegam que pela ausência de um serviço de qualidade são obrigados a pagar duas vezes: a conta da Compesa e a contratação de carros-pipa para não ficarem desabastecidos. Segundo o líder comunitário de Izacolândia, Júlio César, as ações estão sendo feitas de forma individual.

“Izacolândia passa por um grande problema de falta de água, a Compesa tem conhecimento. Ela fez um calendário colocando dois dias para cá e três para Lagoa Grande. Tem semanas que passa mais de oito dias. Quando chega não dá para encher os reservatórios de água“, contou ao Blog.

Para fazer reparo em vazamento, Compesa interrompe abastecimento próximo ao River Shopping

(Foto: Claudio Farias)

Quem passava pela Avenida Monsenhor Ângelo Sampaio, próximo ao River Shopping de Petrolina na manhã dessa terça-feira (14) via um vazamento de água limpa tomando conta de um pedaço da via. De acordo com a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa), as equipes já estão no local.

Para resolver a situação, o abastecimento na avenida e no Loteamento Nova York foram interrompidos. A previsão é que os moradores e comerciantes somente voltem a ter água nas torneiras na noite de hoje.

Para a execução dos serviços, foi necessário suspender o abastecimento de água nos imóveis localizados nessa avenida e no Loteamento Nova York. A previsão é de que os trabalhos sejam finalizados às 19h de hoje (14), quando o sistema será reativado e o abastecimento normalizado gradativamente”, informou a Companhia.

Obras de melhorias do sistema de esgotamento sanitário de Cabrobó são iniciadas

(Foto: ASCOM)

A Compesa deu início às obras para melhorias do Sistema de Esgotamento Sanitário de Cabrobó (PE). O projeto vai garantir a melhoria operacional do sistema, que tem capacidade de coletar, transportar e tratar quase 70 litros de esgoto por segundo.

Com investimentos de R$ 80 mil, a obra será concentrada em três redes coletoras principais e contempla a limpeza/desobstrução e recuperação de poços de visita, instalação de equipamentos e substituição de trecho de coletores danificados, além da reativação de uma lagoa de estabilização.

Vazamento de água preocupa moradores do Residencial Brasil em Petrolina

(Foto: Reprodução/WhatsApp)

Desde ontem (3), um vazamento de água tem preocupado os moradores do Residencial Brasil, em Petrolina (PE). A população local denuncia o desperdício de água que acomete a Rua D, Quadra 3.

“Enquanto muitos bairros de nossa querida Petrolina sofrem por falta de água, tem o desperdício em outros”, diz um morador. Além do desperdício, os moradores estão preocupados com os danos que podem ser provocados pelo vazamento.

O Blog Waldiney Passos entrou em contato com a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa), para saber quais providências serão tomadas e quando o problema será resolvido. Até o momento não obtivemos respostas da Compesa.

Desperdício de água limpa revolta moradores do bairro Parque Mandacaru

Vazamento tem preocupado moradores.

Um vazamento que já dura aproximadamente 20 dias tem tirado o sossego dos moradores do Parque Mandacaru, em Petrolina (PE). De acordo com os comunitários, a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) foi acionada diversas vezes, mas, até o momento, não compareceu no local para realizar a manutenção necessária.

O vazamento está ocorrendo na rua 28 do bairro e um dos pontos de referência é o estabelecimento conhecido como “Adriano pré-moldado”. No entanto, de acordo com os moradores, a Compesa afirma que não consegue localizar o endereço da rua para realização do serviço.

Nosso blog entrou em contato com a companhia e aguarda posicionamento sobre o caso para saber quais ações serão realizadas para solucionar  o problema no bairro.

Dias após conclusão de reparo da Compesa, petrolinenses continuam sem água nas torneiras

Leitora está revoltada com a Compesa  (Foto: Ilustração)

O Blog Waldiney Passos tem acompanhado a saga dos petrolinenses que aguardam a normalização do serviço da Companhia Pernanbucana de Saneamento (Compesa) na cidade. O reparo na rede elétrica foi concluída na tarde de quinta-feira (26), mas até o momento vários bairros seguem sem água.

LEIA TAMBÉM:

Segundo Compesa, previsão é que em até “72h todas as pressões estejam restabelecidas”

Os mais atingidos são os periféricos, a exemplo do Pedra Linda, Jatobá e Henrique Leite. Moradores do Pedra Linda alegam que falta água no bairro desde o dia 23, antes do curto-circuito registrado pela Compesa. “Pedra linda continua sem água. Até quando vai continuar essa falta de respeito?”, questionou uma leitora.

Nossa produção procurou a Compesa. Via e-mail a assessoria informou que foi dado o prazo de 72h para a normalização do abastecimento. Indignada com a resposta da Companhia, a leitora disparou. “Então vamos esperar mais 24 horas porque já se passaram 48 horas desde o término do conserto?”, pontuou.

123