Vazamento da Compesa danifica obra de pavimentação em Petrolina e prefeitura notifica empresa

(Foto: Ascom/PMP)

Nesta quarta-feira (23), um vazamento de água da Compesa estragou o pavimento da Avenida Clementino Coelho, no distrito de Izacolândia, zona rural de Petrolina (PE). A obra de pavimentação da via está sendo feita pela prefeitura. Segundo a gestão municipal, a entrega da Clementino Coelho, assim como de outras duas ruas, estava prevista para o final de outubro, mas será adiada após o incidente.

A Secretaria de Infraestrutura, Mobilidade e Serviços Públicos (SEINFRA) notificou a Compesa para que faça o reparo adequado na via. “Estamos muito chateados por, mais uma vez, termos uma obra tão esperada pelo povo estragada pela falta de manutenção da companhia responsável pelo saneamento e distribuição de água da cidade. Estamos notificando a Compesa e vamos acompanhar para que seja feito um reparo, para que a população possa usufruir de uma rua sem buracos ou com desnível”, afirma o secretário da pasta, Fred Machado.

Além da Clementino Coelho, a Prefeitura de Petrolina ainda está pavimentando as ruas D e G de Izacolândia. Ao todo, estão sendo investidos mais de R$ 680 mil  na cobertura asfáltica das três ruas. A Compesa tem 10 dias para fazer o reparo e entregar a obra como estava.

O Blog Waldiney Passos entrou em contato com a Compesa, para saber o posicionamento da Companhia, mas ainda não obtivemos resposta.

Compesa emite nota sobre falta de água no bairro Pedra Linda

(Foto: Ilustração)

O Blog Waldiney Passos publicou nesta terça-feira (22), uma matéria sobre a falta de água no bairro Pedra Linda, em Petrolina (PE). Há três dias a população sofre com o desbastecimento, que segundo a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa), foi provocado para possibilitar a realização de manutenção no sistema.

LEIA TAMBÉM

Moradora do Pedra Linda solta o verbo contra Compesa

Em nota enviada ao Blog, a Compesa ratificou a causa da falta de água no referido bairro, e informou que o abastecimento deve ser normalizado até amanhã. Confira a íntegra da nota:

“A Compesa esclarece que os bairro Pedra Linda estava entre os que, no final da última semana, tiveram uma paralisação no abastecimento para manutenção programada no sistema, conforme amplamente divulgado. O sistema já foi reativado e o abastecimento está sendo retomado gradativamente. A previsão é de que amanhã as pressões estejam normalizadas em toda a cidade.”

Moradora do Pedra Linda solta o verbo contra Compesa

Dias sem água nas torneiras de casa. Essa é a rotina dos moradores do bairro Pedra Linda desde a última sexta-feira (18), quando a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) fez uma manutenção na rede de toda Petrolina. Contudo, desde o dia a comunidade enfrenta essa dor de cabeça.

Nessa terça-feira (22), uma moradora do bairro disse que as casas seguem sem água nas torneiras. “Você imagina uma temperatura alta como a que está e não poder tomar um banho de chuveiro? Pior é que se você atrasa um dia a conta, a agilidade pra enviar uma mensagem de cobrança funciona como a velocidade da luz“, desabafou a leitora.

O Blog pediu uma resposta da Compesa sobre o problema e se há uma previsão para que o abastecimento seja normalizado. Contudo, até o momento ninguém se pronunciou.

Ruy Wanderley apresenta projeto que prevê a instalação de eliminador de ar na tubulação de água

Equipamento pode reduzir preço da conta de água.

A Câmara Municipal de Petrolina deve apreciar nesta terça-feira (22) o Projeto de Lei 096/2019, de autoria do vereador Ruy Wanderley (PSC), que prevê a instalação de equipamento eliminador de ar na tubulação do sistema de abastecimento de água.

Segundo o parlamentar, não se pode aceitar o fato de o consumidor pagar pela presença de ar nas tubulações, como se água fosse e no preço desta, uma vez que o ar representa, pelo menos, cerca de 20% a 30% do consumo cobrado.

De acordo com a justificativa de Wanderley, “segundo estudos realizados, em determinadas condições, principalmente quando a rede é desligada, podem surgir bolsões de ar nas tubulações, o que acaba por proporcionar aumento, indevido e considerável, do valor da conta de consumo, pois, ao chegar ao hidrômetro, esses bolsões fazem girar o contador”, afirmou.

LEIA MAIS

Falta d’água constante no Loteamento Nova York irrita morador

(Foto: Ilustração)

Sem água nas torneiras.A vida dos moradores do Loteamento Nova York, em Petrolina tem sido assim há várias semanas. Foi o que relatou um leitor ao Blog Waldiney Passos. Ele afirma que o problema é constante, mas até o momento a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) nada fez.

“É constante a falta de água no bairro, estamos sem água há semanas. Isso vem ocorrendo a bastante tempo, posso dizer que meses. Passamos o dia sem água, às vezes quando chega é muito fraca e só conseguimos usar as torneiras baixas durante a madrugada“, contou à nossa Produção.

Outro lado

Diante dessa reclamação antiga, nossa Produção procurou a Compesa para saber quais medidas a Companhia têm adotado e se há alguma previsão de normalização no abastecimento do Loteamento Nova York. Contudo, não tivemos resposta até o momento.

Petrolina: bairros da Zona Oeste ficam sem água nesta quinta; na sexta falta água em toda cidade

(Foto: Ilustração)

A partir desta quinta-feira (17), a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) realizará manutenções elétricas preventivas no sistema de abastecimento de água de Petrolina. Os trabalhos seguem até sexta-feira (18), nas Estações de Tratamento do Centro e Vitória.

Nesta quinta-feira (17), os serviços serão realizados na ETA Vitória, a partir das 8h, quando o abastecimento água será interrompido nos bairros da Zona Oeste: João de Deus, Cosme e Damião, Ipsep, Santo André, Portal da Cidade, Park São Gonçalo I, II, III e IV, São Gonçalo, Jardim Imperial, Alto da Boa Vista, Rio Claro, Jardim Petrópolis e Cohab VI.

LEIA MAIS

Sem água há três dias, moradores do Serrote do Urubu cobram providências da Compesa

(Foto: Ilustração)

Há três dias, moradores do Serrote do Urubu, em Petrolina (PE), estão sem água. Diante dos transtornos provocados pelo desabastecimento, a população local cobra providências da Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa).

“Aqui no Serrote do Urubu moramos na beira d’água e já tem três dias sem água. Cadê a Compesa q não vem fiscalizar esses bombeiros q não estão regularizando e mandando água para as casas? Será q estão trabalhando em outro lugar? Roças vizinhas desviando água da comunidade deixando nós a mercê de água na beira do rio?”, questiona um morador da referida localidade.

LEIA MAIS

Por recomendação do MPPE, Compesa não deve se envolver no saneamento do Dom Avelar

Prefeitura resolveu sanear bairro após impasse com Compesa (Foto: Jonas Santos)

A Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) não deve se envolver na obra de saneamento do bairro Dom Avelar, em Petrolina. A orientação veio do Ministério Público de Pernambuco (MPPE), na última sexta-feira (11). O MPPE recomendou à Companhia não concluir a licitação n° 193/2019, já que o serviço está em execução por parte da Prefeitura.

Segundo a promotora de Justiça de Defesa do Meio Ambiente de Petrolina, Rosane Cavalcanti, o MPPE identificou que tanto o projeto do município quanto o da Compesa preveem a recuperação da rede de esgotamento sanitário já existente no Dom Avelar. A única diferença no projeto da Compesa é a ampliação da rede.

“O Ministério Público, tendo conhecimento de que existem dois projetos para a mesma área, tem o dever de buscar uma solução mais eficiente para o emprego dos recursos públicos. O município já iniciou os serviços no Dom Avelar. Como a Compesa tem um objeto mais amplo para o Dom Avelar é razoável que ela direcione os recursos para a parte do projeto que não será coberta pelas obras do município”, argumentou a promotora.

Cavalcanti disse ainda que a situação do Dom Avelar já é alvo de um inquérito civil instaurado pelo MPPE e conforme apuração do órgão, os problemas operacionais do equipamento estão gerando danos ambientais, incluindo o despejo de esgoto sem tratamento no Rio São Francisco.

Compesa emite nota sobre falta de água no José e Maria e diz que abastecimento deve ser normalizado ainda neste sábado

(Foto: Ilustração)

O Blog Waldiney Passos publicou, nesta sexta-feira (10), uma matéria sobre a falta de água no bairro José e Maria, em Petrolina (PE). Segundo os moradores da referida comunidade, o desabastecimento ocorre desde quinta-feira (9).

LEIA TAMBÉM:

Moradores do bairro José e Maria denunciam falta d’água que já dura dois dias

Em nota enviada ao Blog, a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa), informou que uma queda uma queda de vazão no sistema que abastece Petrolina afetou a distribuição de água em alguns bairros  da cidade. Segundo a Companhia, o abastecimento deve ser normalizado ainda hoje (12). Confira a íntegra da nota:

“A Compesa informa que uma queda de vazão no sistema que abastece o município de Petrolina afetou a distribuição de água em alguns bairros  da cidade, a exemplo do José e Maria, Vila Eduardo, Centro e Areia Branca. Os técnicos da Companhia já trabalham na identificação da causa do problema e seguem realizando ajustes a fim de garantir a regularização do abastecimento. A previsão é de que os serviços sejam finalizados até amanhã (12), quando o abastecimento será retomado, gradativamente, nas áreas afetadas com falta de água.”

Moradores do bairro José e Maria denunciam falta d’água que já dura dois dias

Nesta sexta-feira (11), moradores  do bairro José e Maria, em Petrolina (PE), entraram em contato com o Blog Waldiney Passos para denunciar a falta d’água que já dura dois dias, na referida localidade.

De acordo com a população, o desabastecimento ocorre desde ontem (10). Diante dos transtornos, os moradores cobram providências da Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa).

O Blog Waldiney Passos entrou em contato com a Compesa para saber o que motivou a falta de água, bem como quando o abastecimento será normalizado. Até o momento não obtivemos resposta da da Companhia.

Petrolina: minuta de edital de licitação sobre serviços de água e esgoto deverá ser apresentada em audiência pública

Pelo andar da carruagem a queda de braço entre prefeitura e Compesa está perto de ter um fim, pelo menos é o que deixa entender as informações que sinalizam para a realização, em breve, de uma audiência pública por parte da prefeitura, onde deverá ser apresentada a minuta do edital de licitação para contratação de uma nova empresa para gerir os serviços de água e esgotamento sanitário do município, em substituição a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa). A data não foi divulgada, mas provavelmente a audiência acontecerá no plenário da Câmara Municipal de Petrolina.

LEIA MAIS

Compesa suspende abastecimento de água em vários bairros devido Intervenção em rede de abastecimento

(Foto: Ascom/Compesa)

A Compesa informa que realizará obra, nesta quarta-feira (2), a partir da 08h30, para interligação de nova rede de abastecimento de água da Rua 11, do bairro Ouro Preto, em Petrolina. Em virtude da intervenção, será preciso suspender o abastecimento nos bairros Jardim Maravilha, Ouro Preto, Vale do Grande Rio e Antônio Cassimiro. A previsão é de que os serviços sejam concluídos às 17h desta quarta (02), quando o abastecimento será retomado, gradativamente, para as áreas afetadas.

A Companhia reforça que a ação tem como objetivo a remoção de redes clandestinas de abastecimento existentes na área e a devida regularização da  situação, a partir da implantação de rede de distribuição executada dentro dos padrões técnicos da companhia. A medida vai permitir que 12 mil moradores da localidade recebam água com qualidade e de forma igualitária.

Moradores do bairro Vasco da Gama reclamam de falta d’água e questionam esquema de rodízio realizado pela Compesa

As reclamações de falta d’água no bairro Vasco da Gama, em Lagoa Grande (PE), são constantes. O Blog Waldiney Passos recebe diariamente demandas dos moradores que estão insatisfeito com o esquema de rodízio de abastecimento realizado pela Compesa, na localidade.

Na última semana, um morador do bairro Vasco da Gama entrou em contato com nossa equipe, para mais uma vez, denunciar o desabastecimento. ” Todo final de semana falta água”, disse o denunciante.

LEIA MAIS

Compesa emite nota sobre vazamento no bairro Jatobá

(Foto: Reprodução/WhatsApp)

Após a publicação de uma matéria sobre um vazamento na Avenida Maria Coelho Cavalcanti Rodrigues, bairro Jatobá, em Petrolina (PE), a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa), informou por meio de nota, que uma equipe esteve no local.

LEIA TAMBÉM:

Vazamento causa transtornos e prejuízos aos moradores do bairro Jatobá

“A Compesa desconhecia o vazamento no Bairro Jatobá até ser informada por este blog, pois não há registros sobre o assunto pelo 0800 081 0185. Uma equipe foi encaminhada hoje (19) ao local e realizou o conserto na tubulação da via”, diz um trecho da nota.

O Blog Waldiney Passos entrou em contato com os moradores da localidade, e os mesmos confirmaram o procedimento realizado pela Compesa. No entanto, durante o conserto ficou constatado que o vazamento não é oriundo da tubulação, e a origem é desconhecida, com isso a água continua vazando.

Vazamento causa transtornos e prejuízos aos moradores do bairro Jatobá

(Foto: Reprodução/WhatsApp)

Um vazamento de água no bairro Jatobá, é tão antigo que os moradores não sabem nem informar há quanto tempo a água jorra pela Avenida Maria Coelho Cavalcanti Rodrigues. “Esse vazamento está fazendo aniversário”, disse uma moradora.

Indignados com os transtornos e preocupados com os prejuízos causados pelo vazamento, os moradores do bairro Jatobá denunciam o problema e cobram providências da Compesa.

LEIA MAIS
123