Leitora questiona funcionamento da Policlínica de Petrolina em meio a pandemia de covid-19; Prefeitura responde

Medidas de prevenção também são aplicadas na unidade (Foto: Ascom/PMP)

Desde sábado (14) a Prefeitura de Petrolina tem adotado medidas de prevenção ao coronavírus no município, contudo uma leitora do Blog Waldiney Passos entrou em contato via WhatsApp para questionar um ponto: o funcionamento da Policlínica Municipal.

Segundo ela, a unidade localizada no Centro da cidade, vive lotada de pacientes e algo mais incisivo precisa ser feito. “Ela está super lotada todos os dia. Será que vai adiantar fechar as escolas?“, perguntou. A indagação foi repassada à Secretaria de Saúde.

Outro lado

De acordo com a gestão municipal, “a Policlínica Municipal da Prefeitura de Petrolina está adequando os atendimentos de forma a diminuir aglomerações”. Foram suspensas consultas ambulatoriais e serviços menos urgentes acabaram reduzidos.

Em nota, a Secretaria de Saúde ressaltou que “serão mantidos atendimentos essenciais para grupos prioritários como gestantes, hipertensos, diabéticos, pacientes com comorbidades e a realização de pré-natal de alto risco”.

Coronavírus: Salgueiro suspende atividades no Cornélio de Barros

(Foto: Kris de Lima/ TV Grande Rio)

Com a paralisação do Campeonato Pernambucano, o Salgueiro optou por suspender todas as atividades no Estádio Cornélio de Barros, sua casa para treinos e jogos. A medida também se estende à academia do clube. Segundo a Diretoria do Carcará, a decisão é por tempo indeterminado.

LEIA TAMBÉM

Coronavírus: federações estaduais suspendem campeonatos Baiano e Pernambucano

O estadual foi paralisado no começo da semana, antes de encerrar a 1ª Fase da competição, cujos jogos estavam previstos para 25 de março. O Salgueiro estava na segunda posição da tabela, já classificado para as semifinais e jogaria em casa.

Já o Petrolina iria até São Lourenço da Mata. Com a paralisação do estadual, as equipes seguem incertas sobre a manutenção do elenco. Confira a seguir a íntegra do comunicado do Salgueiro:

LEIA MAIS

Pernambuco registra casos de transmissão comunitária do coronavírus

(Foto: Ilustração)

O estado de Pernambuco registrou seu primeiro caso de transmissão comunitária do coronavírus. Isso acontece quando não é mais possível saber a origem da infecção por ter se alastrado aleatoriamente.

A secretaria de saúde do estado confirmou que o caso é referente a uma mulher de 63 anos, moradora do Recife, que testou positivo para o vírus. Ela disse que não viajou para lugar nenhum e não teve contato com quem ninguém que viajou.

LEIA MAIS

Delegados denunciam falta de materiais para proteção contra coronavírus

Quatro entidades que representam milhares de policiais civis em Pernambuco se reuniram para discutir a proteção da categoria contra o avanço do coronavírus. Segundo as entidades, o governo do Estado estaria sendo omisso para evitar que o grupo seja contaminado pela doença, já que não houve o fornecimento de máscaras, álcool gel, luvas e sabão necessários para atender o público.

Ainda de acordo com as associações, entre os servidores, há um grupo de risco formado por policiais civis maiores de 60 anos de idade, grávidas e portadores de doenças graves. A categoria já cogita acionar a Vigilância Sanitária e a Delegacia do Trabalho para solucionar a insalubridade nas unidades.

LEIA MAIS

Prefeitura de Petrolina fiscaliza e estabelecimentos que descumprem decreto são notificados

A equipe de fiscalização da prefeitura intensificou o trabalho para garantir a saúde pública dos petrolinenses e assegurar o cumprimento das medidas emergenciais decretadas pela gestão municipal e pelo Governo do Estado, em prevenção ao Covid-19.

Nessa quarta-feira (18), 26 estabelecimentos, entre academias, bares e restaurantes foram visitados e a maioria deles atendeu às normas. Apenas três foram notificados por descumprimento dos decretos.

Em um dos estabelecimentos estava sendo realizada a recepção de um casamento, que reuniu muitas pessoas em um espaço pequeno. Nos outros dois casos, as mesas estavam posicionadas próximas umas das outras, descumprindo a recomendação da prefeitura, de posicioná-las a dois metros de distância.

LEIA MAIS

Para amenizar danos provocados pela pandemia, governo federal vai distribuir R$ 200 para trabalhadores informais

(Foto: Internet)

Como parte do plano de combate ao novo coronavírus, o governo anunciou nesta quarta-feira (18) que vai conceder vouchers para repassar dinheiro à parcela da população que não tem trabalho formal e não recebe recursos de programas como Bolsa Família e BPC (Benefício de Prestação Continuada).

O ministro Paulo Guedes (Economia) anunciou a medida em entrevista no Palácio do Planalto. Segundo ele, outra ação do governo será pagar parte dos salários dos trabalhadores de micro e pequenas empresas.

De acordo com Guedes, a medida será assinada nesta quarta pelo presidente Jair Bolsonaro e permitirá a cada beneficiado receber cerca de R$ 200 mensais por um período de três meses.

LEIA MAIS

Com 15 suspeitas e 1 caso descartado de coronavírus, Petrolina vai fechar feiras livres e recomendar limite de público nos supermercados

Foto: Alexandre Justino

O prefeito Miguel Coelho fez um balanço, nesta quarta (18), dos números de casos de coronavírus em Petrolina. Em transmissão ao vivo nas redes sociais, o gestor informou o crescimento de ocorrências na cidade sertaneja. Os casos suspeitos da Covid-19 subiram de 9 para 15. Além disso, o primeiro resultado dos testes realizados na cidade deu negativo. Até o momento, portanto, nenhum desses casos teve resultado confirmado.

Miguel anunciou no pronunciamento novas medidas que serão decretadas para reforçar o trabalho de contenção do vírus em Petrolina. Após orientação do Governo do Estado, a cidade sertaneja vai vetar eventos, reuniões e aglomerações acima de 50 pessoas. Também seguindo determinação estadual, as feiras livres terão as atividades suspensas.

O prefeito ainda antecipou que outras medidas preventivas serão recomendadas para evitar concentração de público em ambientes privados. A Prefeitura vai orientar supermercados e atacados a limitar o acesso a 50 pessoas. Por fim, Miguel também informou no pronunciamento que já solicitou à Infraero a restrição de embarques e desembarques no Aeroporto Nilo Coelho. “Estamos fazendo tudo que é possível para evitar o crescimento de casos. Alerto mais uma vez para as pessoas evitarem aglomerações. Esse momento é para se cuidar e pensar no próximo. Portanto, fiquem em casa e ajudem a enfrentar juntos esse grande teste”, advertiu o prefeito.

Miguel respondeu comentários da população na transmissão ao vivo e questionamentos enviados por jornalistas e radialistas. O pronunciamento virtual foi um modelo adotado para preservar a segurança dos profissionais de imprensa de Petrolina. “Estamos sendo transparentes e verdadeiros desde o começo. Num momento desse, a população exige a verdade e, por isto, vamos continuar informando. Mas para preservar a segurança dos comunicadores e de todos da prefeitura não vamos mais fazer entrevistas coletivas. É outra medida preventiva e que ajuda a difundir a seriedade desse desafio”, explicou Miguel.

Primeiro paciente com suspeita de coronavírus é internada em Petrolina

O prefeito Miguel Coelho acabou de anunciar em uma live no Instagram, que encontra-se internada em Petrolina a primeira paciente com suspeita de coronavírus. No entanto, ela ainda não testou positivo para a contaminação do Covid 19.

A paciente, que está em observação médica, chegou recentemente da Itália, país com um grande número de pessoas infectadas.

LEITOS DE UTI DISPONÍVEIS EM PETROLINA

Hoje Petrolina dispões de 8 leitos de UTI no Hospital Universitário, 51 leitos de UTI na rede privada, podendo ser contratados 10 leitos do Hospital Memorial em parceria com o Governo do Estado.

Gonzaga Patriota propõe a aplicação do fundo eleitoral no combate ao novo coronavírus

(Foto: Internet)

O Deputado Federal Gonzaga Patriota (PSB-PE) protocolou na Câmara dos Deputados, na manhã de hoje (18), uma Emenda solicitando o cancelamento dos mais de R$ 2 bilhões do fundo eleitoral, e a soma deste valor à Medida Provisória nº 924/2020, que trata do enfrentamento emergencial ao Novo Coronavírus.

Com os R$ 5 bilhões já autorizados no último dia 13 de março, nesta Medida Provisória destinada a combater o novo coronavírus, adicionado ao valor que já está aprovado e destinado ao financiamento público da eleição deste ano, serão cerca de 7 bilhões de reais destinados exclusivamente ao financiamento de ações para o enfrentamento da nova pandemia.

Para Gonzaga Patriota, a prioridade é o combate ao Novo Coronavírus, e o momento que o país está atravessando na luta contra essa pandemia mundial requer esforço de toda a sociedade. “O vírus é extremamente potente e de fácil proliferação, e não há que se pensar em destinar recursos públicos, oriundos do suor do trabalho do contribuinte brasileiro, para financiar campanhas políticas, ao tempo em que é notória a necessidade urgente de mobilização de profissionais de saúde e aquisição de equipamentos voltados à assistência e tratamento dos doentes, principalmente o aumento de leitos de UTI”, justificou Gonzaga Patriota.

O fundo eleitoral, é o recurso destinado à confecção de santinhos, alugueis de comitês, combustível para carros de som, contratação de agências publicitárias, cabos eleitorais, entre outros.

Brasil registra mais duas mortes por Covid-19 em São Paulo; número de óbito sobe para três

(Foto: Reuters / Kai Pfaffenbach / Direitos Reservados)

Mais duas pessoas morreram por Covid-19 na capital paulista. Segundo o Hospital Sancta Maggiore, unidade Paraíso, os casos se referem a um paciente de 65 anos e outro de 80 anos, ambos com comorbidade. Os sexos dos pacientes não foram informados.

O hospital informou que ambos estavam internados desde domingo (15). As informações passadas pelo hospital foram confirmadas pela Secretaria Estadual de Saúde na tarde desta quarta-feira (18).

Com isso, já são três as mortes por Covid-19 em São Paulo, todas elas na capital paulista e ocorridas no mesmo hospital.

Na última terça-feira (17), o governo anunciou a primeira morte por Covid-19 no estado, a de um homem de 62 anos, morador de São Paulo, que tinha diabetes e hipertensão e sem histórico de viagem. Esse paciente começou a sentir os sintomas no dia 10 de março, foi internado no dia 14 e faleceu ontem.

Prefeitura descarta primeiro caso suspeito de coronavírus em Petrolina

(Foto: ASCOM)

O primeiro caso suspeito do novo coronavírus (Covid-19) no município de Petrolina (PE) foi testado negativo para a doença. A informação foi divulgada há pouco pela prefeitura municipal.

O caso havia sido notificado pela Secretaria de Saúde do município no último sábado (14) e o resultado foi divulgado pelo Laboratório Central de Saúde Pública de Pernambuco (Lacen-PE), nesta quarta-feira (18).

Às 18h, o prefeito Miguel Coelho realizará uma transmissão ao vivo (live) em seus perfis nas redes sociais, para falar sobre o assunto e informar os casos que estão em investigação no município.

Um dia após decreto, Miguel recebe líderes religiosos para discutir medidas preventivas ao covid

Entidades religiosas acataram pedido (Foto: Jonas Santos/Ascom PMP)

Após anunciar medidas mais restritivas no começo da semana, ontem (17) o prefeito de Petrolina Miguel Coelho (MDB) recebeu líderes religiosos para debater as ações conjunta de combate ao novo coronavírus. No encontro o gestor pediu a compreensão e apoio das entidades.

LEIA TAMBÉM

Coronavírus: Miguel Coelho recomenda que igrejas suspendam missas e cultos

Uma das ações impostas na segunda-feira (17), a Prefeitura impediu a realização de celebrações religiosas, coibindo a formação de aglomerações. Os pastores demonstraram apoio às medidas e chegaram a um consenso de que é necessário prudência nesse momento.

“Como líderes de comunidades cristãs, eles sabem da importância de preservar vidas e unir as pessoas em torno dessa missão. E, como cristão, sei também da necessidade de garantir o direito ao culto e de os fiéis ouvirem uma palavra de conforto e fé”, destacou Miguel.

Devido ao coronavírus, Prefeitura de Petrolina suspende curso de formação da Guarda Civil

Alunos ainda farão segunda etapa da formação (Foto: Ascom PMP)

Como reflexo das medidas de prevenção adotadas pela gestão municipal contra o coronavírus, o curso de formação da Guarda Civil Municipal de Petrolina foi suspenso. Segundo a Prefeitura, a decisão continuará enquanto “o município estiver em estado de emergência em saúde”.

De acordo com o secretário executivo de Segurança Pública, Cícero Dirceu, a decisão visa proteger a saúde dos alunos. “Levando em consideração o número de alunos e o corpo docente, são mais de 100 pessoas aglomeradas, o que vai de encontro ao decreto municipal em vigência. Apesar de atrasar a formação da turma, os alunos não terão prejuízos. Este é um momento para nos preocuparmos exclusivamente com a saúde da população“, explica.

O curso já havia concluído a primeira etapa da formação. A expectativa é finalizar a segunda etapa dentro de um mês e meio, contando a partir da data de retorno das aulas.

“Nada de desespero e de descumprir as medidas adotadas”, orienta Dom Francisco Canindé

Bispo Diocesano orienta fiéis a seguirem recomendações dos governos (Foto: Internet)

O bispo diocesano de Petrolina, Dom Francisco Canindé Palhano participou por telefone do programa Super Manhã com Waldiney Passos, na Rádio Jornal Petrolina, dessa quarta-feira (18) e destacou as determinações da Diocese nesse momento de Situação de Emergência por conta do coronavírus.

LEIA TAMBÉM

Miguel decreta estado de emergência; Petrolina tem nove casos suspeitos de coronavírus e três de H1N1

Com o Decreto ficam suspenso mutirões de confissões, catequeses, encontros, retiros, assembleias, seminários, vias-sacras públicas, encenações da Paixão de Cristo e outros eventos que contribuam para aglomerar pessoas. As igrejas permanecem abertas, porém, apenas para orações individuais.

LEIA MAIS

General Augusto Heleno testa positivo para covid-19 e aguarda contraprova

General Augusto Heleno. (Foto: Marcello Casal Jr./ABR)

O ministro do Gabinete de Segurança Institucional (GSI), general Augusto Heleno testou positivo para o coronavírus. Ele é mais um membro do governo Federal a apresentar sintomas da doença e aguarda a contraprova para confirmar ou descartar o covid-19.

A informação foi confirmada pelo próprio Heleno, hoje (18), em sua conta no Twitter. “Informo que o resultado do meu segundo exame, realizado no HFA, acusou positivo. Aguardo a contraprova da Fiocruz. Estou sem febre e não apresento qualquer dos sintomas relacionados à covid-19. Estou isolado, em casa, e não atenderei telefonemas”, escreveu.

Ontem (17) o senador Fernando Bezerra Coelho (MDB), líder do Governo comunicou que não estava com o covid. Ele estava em isolamento domiciliar há alguns dias, com sintomas da doença.