Petrolina: advogado orienta sobre cuidados na hora de efetuar a matrícula escolar

Os pais não podem ser obrigados a comprar o material na própria escola. (Foto: Internet)

O advogado especializado em Direito do Consumidor, Ricardo Penalva, elencou as principais informações que se deve ter na hora de efetuar matrículas escolares, referentes ao aumento da mensalidade, reserva de vaga, fiador, desistência de matrícula, entre outros.

De acordo com Ricardo, o reajuste da mensalidade pode ser feito somente uma vez ao ano, devendo o novo valor ser informado aos pais 45 dias antes do final do período da matrícula.

Em relação à reserva de vaga ou matrícula antecipada, as escolas podem cobrar a taxa de reserva de vaga ou adiantamento de matrícula, mas os valores pagos devem ser obrigatoriamente abatidos na primeira mensalidade do ano subsequente.

LEIA MAIS

Celpe reforça orientações de segurança com decoração natalina

Perigo de choque elétrico é grande em fiações de decoração de natal.

Coma chegada do Natal, surge um problema que pode tirar o brilho das festividades: acidentes elétricos. Para prevenir, a Companhia Energética de Pernambuco (Celpe) elaborou orientações para que as decorações natalinas sejam manuseadas com segurança.

Antes de realizar a montagem, revise as instalações elétricas da residência com auxílio de um profissional. Isso evita sobrecarga e a possível queima de eletrodomésticos. Os piscas-piscas devem ser utilizados somente se estiverem em boas condições.

LEIA MAIS

Celpe alerta para acidentes domésticos durante reformas residenciais

(Foto: Ilustração)

O período de fim de ano, registra tradicionalmente, um aumento nas reformas em residências. Por conta disso, os cuidados com a rede interna de energia elétrica devem ser redobrados para evitar possíveis acidentes domésticos e minimizar os riscos com a eletricidade. A Companhia Energética de Pernambuco (Celpe) alerta para os cuidados necessários ao realizar obras.

Durante os serviços, a atuação de profissionais qualificados, além do uso de equipamentos de proteção individual e coletivo, são os cuidados iniciais para redução dos riscos. Evitar acessos e contatos indevidos com os fios elétricos é outra regra de segurança comumente negligenciada. A aproximação das obras da rede elétrica, somadas à falta de atenção, o desconhecimento dos perigos e o manuseio inadequado das ferramentas podem ser fatais, caso haja contato do trabalhador com a rede energizada. A Celpe lembra que, antes de começar a obra, é imprescindível observar a distância da fiação elétrica e respeitar os limites. Paredes, janelas e sacadas não devem ser construídas a menos de 2,5 metros da rede de distribuição de energia.

Dentro de casa, os cuidados devem ser os mesmos. Jamais deve ser realizado o manuseio de qualquer equipamento conectado à tomada estando com o corpo molhado e/ou descalço. Alguns exemplos são: chapinhas, secadores de cabelo e, até mesmo, ventiladores, aparelhos que comumente são manuseados após o banho. A indicação é que primeiro tenha-se a certeza de estar com o corpo seco para o uso seguro desses aparelhos. O uso de sandálias também é essencial para garantia da segurança.

LEIA MAIS

Petrolina: secretário alerta sobre cuidados dos motoristas durante duplicação da Clementino Coelho

Avenida Clementino Coelho já está sendo duplicada.

Em fase inicial, a obra de duplicação da Avenida Clementino Coelho, próximo ao Makro, em Petrolina (PE), chama a atenção dos condutores que passam pelo local. O secretário de infraestrutura, Mobilidade e Serviços Públicos, Fred Machado, informou que os motoristas precisam ter cuidado ao trafegar pela via.

“Estamos duplicando uma importante via, assim como na ‘Estrada da Banana’, para poder desafogar o trânsito e conseguir planejar os próximos anos e dar mais mobilidade e segurança aos cidadãos petrolinenses. Por isso, pedimos aos cidadãos que tomem cuidado ao passar pelo local pelo trânsito de máquinas pesadas”, disse.

A previsão é que, até o final de abril, a pista passe a ter em média 14 metros de largura nos 2,4 quilômetros de extensão da via. Serão cerca de R$ 4,8 milhões investidos. Em todo trajeto, a prefeitura irá implantar pista para ciclistas, que se ligará à ciclovia da Avenida Cardoso de Sá, se tornando um grande anel cicloviário.

Temperatura deve chegar a 36° nesta semana em Petrolina

(Foto: Internet)

De acordo com o instituto meteorológico ClimaTempo, o calor deve continuar aumentando em Petrolina (PE). Nesta semana, a temperatura máxima deve atingir os 36°C, na quarta-feira (09). A mínima deve ser de 22° durante toda a semana.

A umidade do ar continua baixa, principalmente no início da tarde até às 20h, chegando a 26%, nível considerado perigoso para a saúde humana. De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), o ideal é entre 50% e 80%. Quando os níveis estão entre 20% e 30%, as regiões entram em estado de atenção.

Veja algumas dicas para umidificar o ar em sua casa e aliviar os problemas respiratórios

LEIA MAIS

Cuidados no trânsito devem ser diários, afirma especialista em Direito de Trânsito

(Foto: Ilustração)

O Dia Nacional do Trânsito é comemorado em 25 de setembro, e foi instituído a partir da criação do Código de Trânsito Brasileiro, em setembro de 1997. A data está inserida na Semana Nacional do Trânsito, que ocorre anualmente entre 18 e 25 de setembro, e tem como objetivo o desenvolvimento da conscientização social sobre os cuidados no trânsito.

LEIA TAMBÉM:

Trânsito: advogadas alertam para direitos e deveres de pedestres e condutores

Em entrevista ao Blog Waldiney Passos, a advogada Laylla Andrade, especialista em Direito de Trânsito, falou sobre a importância das campanhas educativas, contudo reforçou o cuidado diário. “A Semana Nacional do Trânsito é um reforço do Maio Amarelo, mas a gente tem que lembrar que o nosso trânsito é cotidiano, precisamos reforçar sempre o cuidado que pedestres, motoristas, motociclistas, ciclistas, devem ter, não só nestes meses em evidências, mas diariamente”, ressalta a especialista.

Para marcar a data, em Petrolina (PE) e Juazeiro (BA), foram realizadas diversas ações, nesta quarta-feira (25). Nas duas cidades, as prefeituras promoveram palestras, capacitações e blitz educativa para alertar os condutores e a sociedade em geral.

LEIA MAIS

CERPRIS realiza manhã de cuidados para as mães das crianças atendidas na unidade de Juazeiro

(Foto: Ascom)

Nesta quarta-feira (8) ao chegarem no Centro Regional de Prevenção, Reabilitação e Inclusão Social (CERPRIS) as mães das crianças atendidas na unidade de Juazeiro (BA) tiveram uma recepção diferente. Uma manhã de cuidados e atenção foi preparada para elas, que cuidam exclusivamente dos filhos todos os dias.

Café da manhã, cuidados com a pele, designer de sobrancelhas e realização de auriculoterapia. Essas foram as atividades promovidas com a finalidade de mostrar para as mães a importância de ter um momento só para elas. “Tenho uma criança de quatro anos com paralisia cerebral e meu tempo é totalmente dela, Eu e meu marido alternamos para vir ao CERPRIS para que os dois possam participar do tratamento e, chegar aqui hoje encontrar tudo tão lindo foi de uma emoção tão grande. Meu filho já ama esse lugar e eu só tenho a agradecer por isso, fiz pela primeira a auricoloterapia e aproveitei para arrumar as sobrancelhas”, contou Clenilda de Lima Rocha.

LEIA MAIS

Hospital Dom Malan/IMIP de Petrolina alerta sobre perigos da Meningite

(Foto: Arquivo)

O Dia Mundial de Combate à Meningite é lembrando anualmente no dia 24 de abril, e o Hospital Dom Malan/IMIP de Petrolina (PE), por meio da direção de atenção à saúde, alerta a população sobre os sinais, sintomas e perigos da doença.

A meningite é uma inflamação das meninges (membranas que envolvem o encéfalo e a medula espinhal), causada, principalmente, por vírus ou bactérias.

A meningite viral é mais leve e os sintomas se assemelham aos da gripe. Já a bacteriana tem como agente etiológico os meningococos, pneumococos ou hemófilos. Esta é altamente contagiosa e (geralmente) grave, podendo levar o paciente a óbito ou evoluir com danos ao cérebro.

LEIA MAIS

Prodecon de Petrolina orienta sobre cuidados ao comprar ovos de Páscoa

Durante esta semana, muitos petrolinenses saem às compras para presentear amigos e familiares com diversos tipos de ovos de chocolate. Mas, é preciso ter cautela para não sofrer algum tipo de prejuízo ao comprar estes produtos. Diante disso, o Programa Municipal de Defesa do Consumidor (Prodecon) da Prefeitura de Petrolina recomenda alguns cuidados na hora de escolher os ovos de Páscoa.

Segundo o diretor presidente do órgão, Dhiego Serra, planejar e comparar preços é fundamental para evitar práticas abusivas. “Pesquisar os preços é a melhor dica na hora de ir às compras, sempre. Quando se trata de itens de épocas festivas como Natal, Páscoa ou Carnaval, por exemplo, essa pesquisa é ainda mais importante porque os comerciantes tendem a reduzir os preços para evitar os estoques”, explica.

LEIA MAIS

Celpe alerta para contra riscos de acidentes e interrupções de energia provocadas por pipas

O ideal é que a brincadeira aconteça em locais como praias e campos. (Foto: Ilustração)

O mês de agosto chega trazendo os ventos de maior intensidade e abre temporada para uma diversão também característica da época. As pipas, muito comuns nesse mês, podem se tornar perigosas, especialmente se forem empinadas próximo à rede elétrica.

A Companhia Energética de Pernambuco (Celpe) reforça o alerta contra os riscos de empinar papagaio perto da fiação. Além de colocar a vida de pessoas em perigo, a brincadeira prejudica o fornecimento de energia. Entre os meses de janeiro a julho deste ano, a concessionária contabilizou 309 desligamentos provocados por pipas, no Estado. Em todo o ano passado, foram registradas 903 interrupções.

O risco de empinar pipas próximo de rede elétricas é acentuado pelo uso do cerol aplicado à linha, que se torna um condutor por conter raspas de vidro e pó metálico adicionado à cola. O produto aumenta o risco de choque elétrico. Por ser condutor de energia, o cerol acaba energizando a linha em contato com a rede elétrica. As pipas também, ao se enroscarem nos fios elétricos, podem provocar curto-circuito, ocasionando, inclusive o rompimento de cabos.

LEIA MAIS

No verão, cuidados para evitar Aedes Aegypti devem ser redobrados

(Foto: Arquivo)

A dengue, a zika e a chinkungunya são doenças causadas pelo mosquito Aedes aegypti, que tem infestação mais intensa no verão, em função da elevação da temperatura e da intensificação de chuvas. Esses fatores propiciam a eclosão de ovos do mosquito.

A principal recomendação para acabar com o mosquito Aedes aegypti é eliminar locais de água parada, onde o mosquito deposita suas larvas. É preciso estar atento a vasos de plantas, pneus velhos, bacias e outros recipientes que possam armazenar água parada.

Febre, dores no corpo e manchas na pele são sintomas que confundem o diagnóstico das três arboviroses. Para diferenciá-las, o Ministério da Saúde elaborou uma cartilha para diferenciar os sinais das três doenças e a frequência dos sintomas.

No entanto, em caso de sintomas referentes a essas doenças, procure o médico imediatamente.

Confira os sintomas

  • Febre

Na dengue, costuma ser alta, acima de 38° C, de quatro a sete dias. Na zika, o sintoma não costuma se manifestar e quando se mostra, geralmente, é num estágio subfebril. Já na chikungunya a febre alta, acima de 38° C, aparece durante dois e três dias.

  • Manchas na pele

Quase sempre (90 a 100% dos casos) aparecem em pacientes com Zika, no 1° ou no 2° dia. Já em pacientes com dengue, as manchas costumam surgir a partir do 4° dia. O sintoma foi verificado entre 30% e 50% dos casos. E na chikungunya, 50% dos casos apresentaram manchas na pele durante dois a cinco dias.

  • Dores nas articulações

Podem aparecer de forma leve na zika. Já na dengue e chikungunya quase sempre estão presentes, na primeira de forma moderada e na segunda os pacientes apresentam dor intensa. 

LEIA MAIS

Com a chegada do verão, Prefeitura de Petrolina alerta para os cuidados com o Aedes aegypti

Época de chuvas pode ajudar na proliferação do mosquito.

Com a chegada do verão, é preciso redobrar os cuidados para eliminar os focos do Aedes aegypti, transmissor da dengue, zika e chikungunya. Como nessa época o clima fica mais quente e úmido, os ovos do mosquito se abrem com mais facilidade, aumentando a proliferação do inseto.

“Nesse período, com a água das chuvas, os ovos do mosquito podem eclodir em questão de horas. É por isso que a gente dá a recomendação de que a população tenha o cuidado com qualquer recipiente que possa acumular água”, destaca Aynoanne Barbosa, gerente do setor de Endemias.

Apesar de Petrolina ter registrado uma expressiva redução no número de arboviroses – cerca de 100%- e do trabalho de prevenção dos agentes de endemias ser diário, com a realização de inspeções e trabalhos preventivos, é necessário que a população também faça a sua parte.

Trabalho rotineiro

Para diminuir os números dos casos de arboviroses, a Secretaria Executiva de Vigilância em Saúde implanta diversas ações, a exemplo do ‘Sexta sem Aedes’, onde cada sexta-feira um bairro é escolhido através do índice de infestação, e são realizadas orientações educativas, mutirões de limpeza, vedação de caixas d’água e coleta de pneus.

LEIA MAIS

UPAE e HDM lembram cuidados com a saúde durante o calor forte e a baixa umidade em Petrolina

(Foto: Internet)

O verão ainda nem chegou oficialmente, mas a população do Vale do São Francisco já sofre com o calor forte e a baixa umidade. Para tentar minimizar os problemas de saúde decorrentes desse período, a Unidade de Pronto Atendimento e Atenção Especializada e o Hospital Dom Malan, ambos geridos pelo IMIP em Petrolina, fazem um alerta.

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), a umidade relativa do ar ideal deve ficar em torno de 60%. Mas, em Petrolina, esse índice tem estado entre 30 e 40%, no máximo.

Quando isso acontece é necessário que as pessoas tomem certos cuidados para não prejudicarem a saúde. Isso porque o clima seco pode afetar as vias respiratórias, o que pode contribuir para o surgimento de problemas como bronquite; além do ressecamento dos olhos, mucosas, pele, nariz e boca.

LEIA MAIS

UPAE/IMIP faz alerta sobre cuidados com a visão no Dia Mundial da Diabetes

(Foto: Ilustração/Internet)

No Dia Mundial do Diabetes, comemorado neste 14 de novembro, o oftalmologista da Unidade de Pronto Atendimento e Atenção Especializada de Petrolina (UPAE/IMIP), Guilherme Moura, chama atenção sobre uma doença que pode levar diabéticos à cegueira: a retinopatia diabética.

A perda da visão é uma das condições mais sérias provocadas pela doença e a retinopatia diabética é a principal causa de cegueira entre a população economicamente ativa. A condição pode aparecer e aumentar com o tempo e a probabilidade de incidência após 20 anos convivendo com o diabetes é de 100% para o tipo 1 e de 60% para a tipo 2.

O comprometimento da visão por causa do diabetes também pode ser agravado quando o paciente já sofre de outras doenças, como colesterol alto ou hipertensão arterial. Os primeiros sinais de retinopatia diabética são: visão embaçada, manchas, pontos negros ou linhas na visão e dificuldade para identificar cores.

LEIA MAIS

No Dia Nacional de Prevenção e Combate à Surdez, a UPAE/IMIP de Petrolina fala sobre cuidados e acessibilidade

(Foto: ASCOM)

No Dia Nacional de Prevenção e Combate à Surdez, que aconteceu nessa sexta-feira (10), a Unidade de Pronto Atendimento e Atenção Especializada de Petrolina (UPAE/IMIP) faz um alerta sobre os cuidados relacionados à saúde auditiva, muitas vezes negligenciada pela população, mesmo sendo uma das deficiências mais comuns no Brasil.

Em geral, as causas da surdez estão mais associadas à exposição prolongada ao excesso de ruído, que acomete as células do ouvido. Mas, também pode estar relacionada às questões genéticas, envelhecimento e bloqueios físicos.

Na maioria dos casos, é possível identificá-la através de exames simples. Na UPAE Petrolina, por exemplo, são feitas a Audiometria, Impedanciometria e o Bera.

“Aqui no serviço a porta de entrada é através do ambulatório com o otorrinolaringologista, que indica os exames a serem feitos na Unidade. Detectada alguma perda auditiva, esse paciente volta para o otorrino e é encaminhado para o Centro Auditivo, que é a referência no município para o tipo de problema”, esclarece a fonoaudióloga Mila Ferreira.

Como prevenção, ela indica: prudência no uso de fones de ouvido; manter uma distância de caixas de som ou objetos ruidosos; usar os EPIs sempre que necessário; evitar o uso produtos com cafeína na sua composição; beber bastante água; se alimentar e dormir bem; além de ficar atendo ao zumbido no ouvido, pois este pode ser o primeiro sinal de perda auditiva.

Política de acessibilidade e inclusão

Em outro viés, merece destaque a política de acessibilidade e inclusão da UPAE/IMIP de Petrolina para surdos. Como exemplo, pode-se destacar que a Unidade dispõe de duas profissionais (a ouvidora Síngryd Lima e a assistente administrativa Helenita Florêncio) que fizeram o curso básico de libras e são capazes de realizar um acolhimento humanizado a esse público.

123