Servidores da Prefeitura de Afrânio alegam que Adalberto Cavalcanti furou barreira sanitária; ex-deputado nega

Segundo Prefeitura, Adalberto se evadiu da barreira; ex-deputado nega (Foto: Divulgação)

O ex-deputado federal Adalberto Cavalcanti furou uma barreira sanitária implantada na BR-407, na entrada de Afrânio, no Sertão do São Francisco. É o que afirmam servidores da Prefeitura. O fato foi registrado na manhã de quarta-feira (20) e virou caso de polícia, após um Boletim de Ocorrência ter sido registrado na 216ª Circunscrição.

De acordo com a versão do município, o veículo onde Adalberto estava ignorou o sinal de parada dado pelos profissionais de saúde. Essas equipes estão verificando a temperatura dos passageiros e higienizando os automóveis para prevenir a disseminação do vírus.

Ex-deputado nega

Em nota enviada ao Blog Waldiney Passos na manhã de hoje (23), Adalberto alegou que a barreira sanitária não contava com nenhuma sinalização de parada, tanto vertical, quanto horizontalmente. Os servidores do município também atuavam sem apoio das polícias Militar e Rodoviária Federal.

“Tomarei todas as providências jurídicas no sentido de esclarecer os fatos, buscando a responsabilização dos responsáveis por denunciação caluniosa“, afirmou o ex-deputado. Confira a seguir a íntegra da nota:

LEIA MAIS

“Iremos recorrer da decisão” afirma Assessoria Jurídica do prefeito de Afrânio

A Prefeitura de Afrânio (PE) emitiu uma nota de esclarecimento sobre a condenação do prefeito Rafael Cavalcanti (MDB) por propaganda eleitoral antecipada. A Assessoria Jurídica do gestor afirma respeitar a decisão do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-PE), mas recorrerá da mesma.

LEIA TAMBÉM

TRE condena prefeito de Afrânio por propaganda antecipada

“Respeitamos a decisão da Justiça de Pernambuco, mas entendemos que ela contraria o atual posicionamento do Tribunal Superior Eleitoral sobre fatos similares, motivo pelo qual iremos recorrer da decisão para que seja reconhecida que não houve qualquer ilegalidade no ato praticado, bem como, afastar a penalidade de multa“, destaca a nota.

Confira a seguir a íntegra da nota:

LEIA MAIS

Compesa afirma que nenhum morador formalizou queixa sobre vazamento de água na Rua João Barroso Galvão

Vazamento acontece em tubulação e água está escorrendo pela via

No sábado (25) o Blog Waldiney Passos mostrou um problema na Rua João Barroso Galvão, em Petrolina. Um leitor registrou um vazamento de água limpa que já durava uma semana. A resposta da Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) chegou ontem (27).

LEIA TAMBÉM

Leitor flagra vazamento de água limpa no Caminho do Sol, em Petrolina

Segundo a Compesa, nenhum morador do bairro registrou a demanda na Central da Companhia. Ainda ontem uma equipe foi encaminhada ao local para identificar o problema. Leia a seguir a resposta completa:

“A Compesa informa que foi comunicada do vazamento na Rua João Barroso Galvão, Dom Malan, por este blog, pois nenhum morador formalizou a ocorrência no canal de atendimento da empresa (0800 081 0185). Uma equipe será enviada hoje (27) ao local para executar o conserto da tubulação. A Compesa aproveita para reforçar a importância dos usuários registrarem as demandas nos canais de atendimento da Companhia para que serviços sejam executados com maior brevidade”.

Caixa ampliará número de vigilantes e recepcionistas para controlar filas nas agências durante pandemia

Agência amanheceu com mais fila nessa segunda-feira

Na última sexta-feira (24) o Blog Waldiney Passos mostrou o flagrante feito por um leitor, mostrando a fila quilométrica registrada na agência da Caixa Econômica Federal do Centro de Petrolina. Nessa segunda-feira (27) o cenário se repetiu, com mais pessoas aglomeradas em frente à unidade.

LEIA TAMBÉM

Mesmo com multa, Caixa de Petrolina amanhece com longa fila

De acordo com o banco, desde a quarta-feira (22) mais de mil agências em todo país estão abrindo duas horas mais cedo para atender a população. A CEF também destacou que ampliou a presença dos vigilantes, a fim de controlar o fluxo das pessoas.

A seguir leia o posicionamento do banco:

LEIA MAIS

PMs são flagrados agredindo idosa em Serra Talhada

Vítima já estava no chão quando foi agredida pelos dois PMs

A imagem de dois policiais militares agredindo uma idosa na Rua Cornélio Soares, em Serra Talhada, Sertão de Pernambuco, na tarde de quarta-feira (15) repercutiu nas redes sociais. A mulher, segundo testemunhas, estava visivelmente alterada e tem problemas mentais.

De acordo com a Polícia Militar de Pernambuco, ela estava armada com um objeto cortante agrediu os dois agentes que foram tentar contê-la. Todavia, em um vídeo divulgado nos grupos de mensagem é possível ver a mulher já no chão, recebendo chutes e joelhadas dos PMs.

O comandante do 14º Batalhão de Polícia Militar, o tenente coronel Cleto afirmou que os policiais agiram em legítima defesa, mas também investigará a conduta dos agentes. “Diante da publicidade do vídeo veiculado pela mídia, que até então não era de domínio da PMPE, este comandante vem a público informar que determinou a instauração de Sindicância Administrativa para apurar a conduta dos policiais que foi evidenciada nas imagens”, diz a nota. (Com informações do Farol de Notícias).

Juazeiro: SESP e SEDUR respondem demanda de leitora sobre infraestrutura do bairro Tabuleiro

A chuva de quarta-feira (15) agravou a falta de infraestrutura do bairro Tabuleiro, em Juazeiro (BA), conforme o Blog mostrou ontem. Em reposta a matéria a Prefeitura de Juazeiro emitiu uma nota afirmando que está adotando as medidas emergenciais, a fim de amenizar os transtornos.

LEIA TAMBÉM

Juazeiro: chuva agrava situação do Tabuleiro e leitora cobra mais infraestrutura no bairro

A Secretaria de Serviços Públicos (SESP) ressaltou que iniciou no último dia 9 o patrolamento das vias não pavimentadas do Tabuleiro. Devido à chuva, o serviço foi interrompido e será retomado, contemplado as vias mostradas pelo Blog ontem.

Quem tiver demandas deve acionar a SESP pelo telefone (74) 3612 5411. “É necessário que a pessoa forneça o endereço completo e o número do telefone para que possa ser realizado o registro de protocolo“, afirma a nota.

Em relação ao pedido de pavimentação do bairro, a Secretaria de Obras e Desenvolvimento Urbano (SEDUR) afirmou que “vem buscando recursos para executar novos projetos de pavimentação, elaborados com base nas demandas previamente pontuadas e está atualizando o seu levantamento de demandas de pavimentação para definir as próximas obras de pavimentação a serem iniciadas”.

Exclusivo: proprietária de hotelzinho no Alto do Cocar se manifesta após morte de bebê

Criança morreu na segunda-feira, 27/01 (Foto: Reprodução/WhatsApp)

A proprietária do hotelzinho localizado no bairro Alto do Cocar, em Petrolina, se manifestou pela primeira vez após a morte de uma criança de apenas cinco meses na unidade. Em nota enviada ao Blog nessa sexta-feira (30), ela afirma aguardar as investigações e a elucidação do caso. Conforme mostramos ontem (30), o laudo pericial deve ficar pronto em 10 dias.

LEIA TAMBÉM

Laudo sobre causa da morte de bebê no hotelzinho do Alto do Cocar deve ser concluído em dez dias

Exclusivo: Morte de bebê em hotelzinho do Alto do Cocar não é a primeira

Polícia Civil abre inquérito para investigar morte de bebê em hotelzinho; engasgamento é uma das hipóteses

Bêbe de cinco meses morre em hotelzinho no Alto do cocar, em Petrolina

“O Hotelzinho vem por meio deste comunicado, informar que está aguardando as investigações e contribuindo com o necessário para a elucidação do ocorrido com a criança que faleceu, no último dia 27 de janeiro, em suas dependências. Reafirmando o seu interesse em que a situação seja rapidamente esclarecida”, destaca a nota.

O Blog também mostrou o relato de uma outra mãe, que há quatro anos perdeu uma filha. A criança de 10 meses era atendida na mesma unidade e o óbito teve semelhanças com caso dessa semana. Nossa equipe questionou a proprietária, mas ela não quis comentar aquela morte.

Prefeitura de Juazeiro nega dívida com a Promatre

Funcionários organizam manifestação em frente à Prefeitura de Juazeiro

Funcionários do Hospital Promatre, em Juazeiro (BA) denunciam que estão há três meses sem receber seus salários e o diretor da unidade foi à imprensa local cobrar a Prefeitura. Segundo Pedro Filho, a gestão de Paulo Bomfim não efetuou os pagamentos que devem à unidade, por isso há a intenção dos servidores irem ao Paço nesta quinta-feira (30), para cobrar o município.

LEIA TAMBÉM

Prefeitura de Juazeiro nega dívida com a Promatre

“Ele tem o dever de pagar os serviços prestados, pagaram sexta-feira emergencialmente 25% da dívida. Os serviços foram prestados e estão atrasados. Nós estamos com os salários atrasados e com dificuldades de abastecimento do hospital”, disse o diretor da Promatre ao radialista Geraldo José.

Prefeito e Prefeitura negam débitos

Ainda ontem o prefeito se manifestou publicamente, alegando que a gestão tem obrigação apenas com servidores aprovados em concursos e seleções. “A obrigação dos funcionários da Promatre é da Promatre”, destacou Bomfim. Em nota, a Prefeitura disse que não tem nenhum débito com o hospital, como alega Pedro Filho.

“A Prefeitura Municipal de Juazeiro informa que na sexta-feira passada efetuou o pagamento no valor de R$ 690 mil à prestadora de serviços na área de urgência, emergência e cardiologia, Hospital Promatre em Juazeiro. A Prefeitura lembra ainda que as demais demandas atendidas pela rede hospitalar que não são referentes à urgência e emergência são pagas mensalmente e o repasse chega a aproximadamente R$ 700 mil“, ressalta a nota.

Em resposta ao Blog, SDS afirma que corpo retido no IML de Petrolina ainda está sendo analisado

IML afirma que corpo ainda está sendo examinado (Foto: Arquivo Pessoal)

Desde o dia 22 de dezembro de 2019 a família de Biraci dos Santos, natural de Sanharó (PE) vive a angústia de não poder enterrar seu corpo. Ele morava em Petrolina há cerca de oito anos e foi encontrado morto no dia 21/12/2019. Na quinta-feira (23) o Blog Waldiney Passos mostrou a luta dos parentes em conseguir a liberação no Instituto Médico Legal (IML).

LEIA TAMBÉM

Denúncia: família cobra resposta do IML sobre liberação de corpo retido em Petrolina

Em nota, a Secretaria de Defesa Social (SDS) disse ao Blog que o corpo segue sendo examinado e por isso ainda não foi liberado. “O Instituto de Medicina Legal de Petrolina informa que o Laboratório de Genética Forense Eduardo Campos (IGFEC) está realizando exames de DNA, a fim de identificar o corpo encontrado em Petrolina. Devido ao estado de decomposição em que se encontrava o corpo ao ser localizado, são necessários procedimentos laboratoriais que demandam tempo para conclusão dos resultados“, destaca a SDS.

Uma das queixas da família foi o atendimento no IML de Petrolina, já que os servidores teriam sido ríspidos e não são transparentes nas informações. A nota afirma ainda que “que vem mantendo contato com os familiares para repassar as informações relativas ao caso“.

Secretaria de Saúde emite nota e afirma ter incluído paciente do José e Maria no Serviço de Atendimento Domiciliar

Igor Talles tem 24 anos e precisa de atendimento na rede pública

O Blog Waldiney Passos mostrou a história de Igor Talles Sousa, de 24 anos na semana passada. O jovem natural do Piauí reside no bairro José e Maria, em Petrolina e precisa de atendimento especializado – como fisioterapia e fonoaudiólogo – na rede pública municipal.

LEIA TAMBÉM

Solidariedade: com dificuldades financeiras, família pede ajuda para continuar tratamento de petrolinense

Em resposta ao Blog, a Secretaria de Saúde de Petrolina afirmou que se colocará a disposição de Igor e sua família. “Com relação à demanda apresentada, a Prefeitura de Petrolina informa que a equipe multiprofissional do Serviço de Atenção Domiciliar (SAD) já colocou o paciente na agenda de visita”, diz a nota.

LEIA MAIS

Em resposta a mãe de jovem desaparecido, 2º BIEsp afirma ter aberto procedimento interno para averiguar abordagem policial no Mandacaru 2

PM está apurando abordagem realizada no dia do desaparecimento (Foto: Divulgação/ SDS)

A Polícia Militar de Pernambuco emitiu uma nota ao Blog Waldiney Passos sobre as acusações feitas pela mãe de um dos jovens desaparecidos no bairro Mandacaru 2, em Petrolina. De acordo com a PM, o efetivo do 2º Batalhão Integrado Especializado (BIEsp) estava de serviço no último sábado (11) quando avistou os dois jovens.

LEIA TAMBÉM

Familiares fazem ato cobrando informações sobre jovens desaparecidos no Mandacaru 2

“A patrulha na região visualizou dois jovens e realizou a busca pessoal. Nada de ilícito foi encontrado e eles foram liberados pelos policiais no local”, destaca a nota. Hoje (15) Elizete dos Santos, mãe de Matheus dos Santos esteve presente em uma manifestação e acusou a PM de ter sumido com seu filho e um amigo dele, Lucas Levi, de 20 anos.

Ainda na nota o 2º BIEsp ressalta que no dia 12/01 um homem formalizou uma queixa de desaparecimento e foi aberto um “procedimento investigatório interno para apurar as circunstâncias da referida abordagem policial”. Confira a seguir a íntegra da nota:

LEIA MAIS

Leitor registra suposto desperdício de construtora; Prefeitura de Petrolina já acionou empresa

Funcionários da construtora estariam desperdiçando materiais (Foto: Reprodução/WhatsApp)

Um leitor entrou em contato com o Blog Waldiney Passos para denunciar o suposto desperdício de materiais de construção no Minha Casa, Minha Vida no bairro Pedra Linda, em Petrolina. O flagrante foi registrado no final do expediente na terça-feira (7).

Na denúncia o leitor afirma que os funcionários da construtora contratada estariam jogando fora concreto e tijolos. Procurada pelo Blog a Prefeitura de Petrolina afirmou que já acionou a construtora.

“A Prefeitura de Petrolina informa que já acionou a construtora responsável pela obra para que a área seja limpa até a próxima semana. Esclarece ainda que, segundo a construtora, o material em questão se trata do resíduo do caminhão de concreto, que não é contaminante e não prolifera insetos ou doenças“, afirma em nota.

Manoel da Acosap denuncia suposta invasão na divisa entre Petrolina e Afrânio; citados afirmam que fala é “leviana”

Vereador fez denúncia grave nessa segunda-feira (Foto: Blog Waldiney Passos)

O vereador Manoel da Acosap (PTB) participou do programa Super Manhã com Waldiney Passos de segunda-feira (30), na Rádio Jornal Petrolina e fez uma denúncia grave sobre o interior da cidade. Segundo o edil, membros do Poderes Legislativo e Executivo de Afrânio estão cometendo irregularidades na demarcação de terra.

“Imagine se o Brasil agora fosse invadir o território da Venezuela, ou se a gente fosse invadir as terras de Lagoa Grande. Imagine se um vereador de Petrolina fosse em Volta Grande, que é Afrânio e dizer que é Petrolina. Isso está acontecendo em Satisfeito II, dizendo que pertence a Afrânio“, afirmou.

Satisfeito II no olho do furacão

Manoel visitou o interior e conversou com a população. Ele coletou áudios para juntar em um documento a ser encaminhado à Justiça. “Eles estão tirando de ponta a ponta, tenho áudio do Satisfeito II. É o vereador Vavá e o vice-prefeito. Estou colhendo todas as provas para acionar a Justiça. Isso não pode acontecer, invadindo a terra dos outros”, disse.

De acordo com Manoel da Acosap, essa prática irregular é baseada em uma promessa política, contudo é ilegal. “Espero que o vereador venha se explicar na imprensa, o que escutei a coisa é grave“, concluiu. Confira a seguir a resposta dos citados.

LEIA MAIS

Em resposta ao Blog, Compesa afirma que pressões ainda estão sendo normalizadas em Petrolina

Compesa explica motivo da demora na normalização do abastecimento (Foto: Ilustração)

O Blog Waldiney Passos mostrou mais cedo, nessa segunda-feira (2), a situação dos petrolinenses que há quase uma semana não têm água nas torneiras. Em nota, a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) informou que o sistema foi religado na madrugada do último sábado (30).

LEIA TAMBÉM:

Sem água nas torneiras de casa, leitor critica Compesa

Contudo, diversos bairros passaram o final de semana sem água e permanecem na mesma situação, em decorrência de um serviço executado na Avenida da Integração. Segundo a nota, o problema está acontecendo porque “as pressões ainda estão sendo normalizadas, em especial nos bairros mais distantes do Centro”.

Confira a resposta da Compesa:

LEIA MAIS

Em nota, Compesa afirma que troca emergencial na tubulação de esgoto provocou interdição no Centro de Petrolina

Serviço foi iniciado no final de semana (Foto: Reprodução/WhatsApp)

Ontem o Blog Waldiney Passos mostrou um serviço da Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa), realizado no cruzamento da Avenida Souza Filho com a Avenida Fernando Góes. Hoje (25), em nota, a Compesa afirmou que precisou realizar a obra de forma emergencial para substituir uma rede de esgoto.

LEIA TAMBÉM:

Equipe da Compesa interdita vias do Centro e leitor reclama

Segundo a Companhia, o serviço teve início no sábado (23) e foi necessário interditar a via por completo. “As equipes seguem trabalhando e a previsão é de que até o final do dia de hoje (25) sejam finalizados os serviços de escavação e assentamento de tubulação”, informou a nota.

Após essa etapa, as equipes deverão liberar o tráfego em uma das vias e a reposição do asfalto, apenas em dezembro. Confira a resposta da Compesa:

LEIA MAIS
123