Manoel da Acosap cita impaciência de moradores e cobra regularização fundiária em Rajada

Vereador quer mais ação do Poder Público municipal (Foto: Blog Waldiney Passos)

O vereador Manoel da Acosap (PTB) fez uma cobrança aos órgãos públicos de Petrolina no que diz respeito à habitação. Na sessão de quinta-feira (21) o edil reivindicou que seja feita a fiscalização no Distrito de Rajada e se faça cumprir o programa de habitação que se planeja no local.

“Esse projeto começou em 2002 e os prefeitos que passaram tinham obrigação de trazer esse projeto para a Casa. Tem a questão da regulamentação do terreno que está desapropriado desde 2002. O município tem que ir fazer o cadastro, tem que saber quem já tem casa e terreno. Há 17 anos as pessoas esperam“, disse o edil.

Manoel lembrou que o terreno utilizado como pátio de exposição foi comprado na gestão do hoje senador Fernando Bezerra Coelho (MDB), mas nenhum dos gestores deu continuidade ao processo. “Fizemos uma audiência pública em Rajada e até hoje não saiu, o povo está impaciente. Tem 80 terrenos grilados, na hora que o prefeito doar a área, quem tem terreno grilado não vai conseguir vender“, destacou.

Por fim, o vereador cobrou a participação dos vereadores para criarem um projeto de regularização fundiária e a fiscalização do processo.

Valgueiro destaca que mais de três mil famílias podem ser beneficiadas com implantação de escola de ensino médio próximo ao Vivendas

Líder da Oposição fez cobrança para educação de Petrolina (Foto: Blog Waldiney Passos)

Líder da Oposição na Casa Plínio Amorim, em Petrolina, o vereador Paulo Valgueiro apresentou a Indicação n° 938/2019 solicitando à Prefeitura de Petrolina a doação de um terreno ao Governo de Pernambuco. O anseio é que o Estado construa uma escola de ensino médio para contemplar moradores dos residenciais Vivendas I e II, além do Monsenhor Bernardino.

LEIA TAMBÉM:

Valgueiro pede doação de terreno para construção de escola estadual próximo ao Residencial Vivendas

“A gente tem recebido insistentemente essa demanda por parte dos moradores do Vivendas para interceder junto ao município e ao Governo do Estado na construção de uma escola de ensino médio naquela localidade”, disse ao Blog.

A Indicação foi aprovada na sessão de quinta-feira (29) e segue para apreciação do prefeito Miguel Coelho. Valgueiro pede sensibilidade do Executivo, já que no local residem “mais de 2 mil famílias que moram no Residencial Vivendas, se você complementar com o Residencial Monsenhor Bernardino já passam de 3 mil famílias”.

Aula Magna marca início do curso de Engenharia de Produção da Univasf em Salgueiro

(Foto: Ascom/Univasf)

Alunos, servidores e autoridades locais participaram da Aula Magna que marcou o início do curso de Engenharia da Produção da Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf), em Salgueiro (PE). A solenidade foi realizada no auditório do Instituto Federal do Sertão de Pernambuco (IF Sertão-PE), na quarta-feira (24).

Durante a mesa de abertura, foram destacadas as expectativas da construção do sétimo campus da Univasf, que deve começar em 2020. A Prefeitura Municipal de Salgueiro encaminhou um projeto de Lei à Câmara Municipal, doando o terreno da antiga estação ferroviária para a construção do campus definitivo da Univasf.

No campus, além do curso de Engenharia da Produção funcionará o o curso de Ciência da Computação, com entrada da primeira turma no segundo semestre de 2019. As aulas irão acontecer provisoriamente na Faculdade de Ciências Humanas do Sertão Central (Fachusc).

Na Casa do Povo, moradores cobram melhorias para o bairro Terras do Sul

Grupo foi com cartazes, apitos e batuques cobrar seus direitos (Foto: Blog Waldiney Passos)

Um grupo de moradores do bairro Terras do Sul veio a Câmara de Petrolina na sessão dessa terça-feira (26) cobrar mais políticas públicas e atenção das autoridades em relação a comunidade. Na Casa do Povo, os manifestantes entraram com cartazes pedindo entre outras coisas, saneamento, escolas e mais infraestrutura.

Liderados por Pedro Elias, porta-voz da comunidade, o grupo apresentou suas reivindicações. Os edis presentes ouviram atentamente as cobranças e o presidente da sessão, Ronaldo Souza (PTB) convidou os moradores a solicitar o uso da Tribuna Livre nos próximos dias.

Confira a seguir o momento no qual o grupo chega a sessão:

LEIA MAIS

Terreno destinado a empresa de call center volta a ser da Prefeitura

Sessão de quinta-feira (27) foi marcada por votação de matérias do Executivo (Foto: Blog Waldiney Passos)

Nove Projetos de Lei foram votados na sessão de quinta-feira (27) na Câmara de Vereadores de Petrolina, entre eles o PL nº 060/2018 que revertia imóvel ao patrimônio público. A propriedade em questão é o terreno do antigo Colégio Motivo, destinado à implantação de um call center na cidade.

Segundo o prefeito Miguel Coelho, a reversão do terreno ao município se fazia necessária tendo em vista que a AEC, empresa responsável por implantar o call center não cumpriu com suas obrigações, não gerando emprego ou utilizando o prédio que está abandonado.

LEIA TAMBÉM:

Votados em bloco, Projetos de Lei são aprovados por vereadores de Petrolina

A doação do terreno foi aprovada na Casa Plínio Amorim, na antiga gestão e oficializada na Lei Municipal nº 2.621/2014. Vereadores que fizeram parte da antiga legislatura da Câmara destacaram a falsa promessa de geração de emprego e foram favoráveis ao PL do Executivo.

LEIA MAIS