Mais de 3,6 mil profissionais já foram convocados pela Ebserh para o combate à Covid-19; inclusive para Petrolina

O hospital universitário de Petrolina é administrado pela Rede Ebserh. (Foto: Internet)

O número de convocações de profissionais temporários para o enfrentamento à pandemia de Covid-19 nos hospitais universitários da Rede Ebserh, empresa que administra os hospitais universitários, já soma mais de 3,6 mil desde seu início, sendo que quase 600 já iniciaram suas atividades. Aliado aos profissionais que já atuavam nos hospitais e a outras ações da Ebserh – como investimentos em medicamentos, infraestrutura e equipamentos –, o reforço de pessoal possibilitou a oferta de mais de 1,5 mil leitos exclusivos para o atendimento e apoio a pacientes com Covid-19.

O diretor de Gestão de Pessoas, Rodrigo Barbosa, alertou para as próximas convocações, uma vez que a efetivação das contratações temporárias pode resultar em mais avanços. “Os candidatos devem estar atentos à publicação dos editais. É fundamental o comparecimento nas datas corretas e atenção à documentação exigida, para que possamos continuar garantindo atendimento à população brasileira nesse momento tão delicado”, afirmou Barbosa.

Com mais de 225 mil inscrições efetivadas, o processo seletivo emergencial da Rede Ebserh teve como objetivo formar cadastro reserva, com possibilidade de contratação temporária de aproximadamente 6 mil profissionais, de acordo com as necessidades dos hospitais. Não houve impacto aos concursos públicos em andamento, que continuam seguindo seus trâmites normais.

Foram autorizadas aproximadamente 900 vagas para médicos (nas especialidades de Medicina de Emergência, Anestesiologia, Clínica Médica e Medicina Intensiva), 1,4 mil enfermeiros (incluindo as especialidades de Terapia Intensiva e de Urgência e Emergência), 3 mil técnicos em enfermagem, 500 fisioterapeutas e 100 vagas para engenheiros (clínico e mecânico) e arquitetos, necessários para promover as mudanças estruturais exigidas para a acomodação de pacientes infectados pelo Covid-19.

Número de médicos inscritos no processo simplificado da Ebserh ainda não atende a necessidade dos hospitais universitários

(Foto: Imagem Ilustrativa)

Depois de dois dias depois de publicar edital de processo seletivo super simplificado, realizado em caráter emergencial, para cadastro reserva, podendo convocar aproximadamente 6 mil profissionais para atuarem temporariamente no enfrentamento à Covid-19 nos hospitais universitários que fazem parte da Rede Ebserh, a empresa, vinculada ao Ministério da Educação (MEC), já conta com mais de 120 mil inscritos.

Mas o número de inscritos para as especialidades Medicina de Emergência, Anestesiologia, Clínica Médica e Medicina Intensiva ainda não atende a necessidade da Ebserh. “Serão, aproximadamente, 900 vagas para essas especialidades, mas, até o momento, a procura tem sido baixa e sabemos que a contratação desses profissionais também será imprescindível para garantir o atendimento ao maior número possível de pacientes com Covid-19”, explicou o diretor de Gestão de Pessoas da empresa, Rodrigo Barbosa.

LEIA MAIS

Sai edital do concurso Ebserh com mais de 6 mil vagas temporárias

Foi publicado no Diário Oficial o edital emergência do concurso EBSERH que oferta vagas em forma de Cadastro de Reserva para cargos de nível médio/ Técnico e superior.

A realização de Processo Seletivo Emergencial visa o atendimento à população no combate à pandemia do Coronavírus (COVID-19).

De acordo com o site da EBSERH, foram autorizadas para cadastro reserva aproximadamente 5900 vagas. Sendo: 900 vagas para médicos (nas especialidades de Medicina de Emergência, Anestesiologia, Clínica Médica e Medicina Intensiva), 1,4 mil enfermeiros (incluindo as especialidades de Terapia Intensiva e de Urgência e Emergência), 3 mil técnicos em enfermagem, 500 vagas fisioterapeutas e 100 vagas para engenheiros (clínico e mecânico) e arquitetos.

Os candidatos interessados pelas vagas do certame devem se inscrever no site da EBSERH, entre os dias 1 a 6 de abril.

 Confira os detalhes das vagas:

  • Técnico de enfermagem – 36 horas – R$3.255,32
  • Enfermeiro – 36 horas – R$6.690,39
  • Enfermeiro (terapia intensiva) – 36 horas – R$6.690,39
  • Enfermeiro (urgência e emergência) – 36 horas – R$6.690,39
  • Fisioterapia – 36 horas – R$4.725,20
  • Engenheiro clínico – 40 horas – R$10.350,45
  • Engenheiro mecânico – 40 horas – R$10.350,45
  • Arquiteto – 40 horas – R$10.350,45
  • Médico – 24 horas – R$8.647,57
  • Médico (medicina de Emergência) – 24 horas – R$8.647,57
  • Médico (anestesiologista) – 24 horas – R$8.647,57
  • Médico (clínica médica) – 24 horas – R$8.647,57
  • Médico (medicina intensiva) – 24 horas – R$8.647,57

Senac Petrolina realiza aulão gratuito para concurso da Ebserh

O concurso público da Ebserh visa ao preenchimento de 1660 vagas. (Foto: Internet)

Os concurseiros que estão se preparando para ingressar no serviço público terão mais uma oportunidade para aprimorar os estudos. Nesta quinta-feira (21), às 19h, o Senac realiza, em Petrolina, gratuitamente, um aulão preparatório para o concurso público da Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh), que está com inscrições abertas.

A aula acontecerá no auditório do Senac. No encontro, serão abordados assuntos previstos no edital, como Legislação do SUS, Legislação da Ebserh e conhecimentos específicos para o Técnico em Enfermagem. Os interessados em participar podem se inscrever no Senac, localizado à Rua Projetada, 650, Antigo Aeroporto ou entrar em contato por meio dos seguintes telefones: (87) 3983.7602/7603/7604. As vagas são limitadas.

LEIA MAIS

Leitor flagra pacientes nos corredores do Hospital Universitário de Petrolina e classifica situação como “horrível”

Segundo leitor, há pacientes em macas perto da lanchonete do hospital (Foto: Reprodução/WhatsApp)

Um leitor do blog Waldiney Passos entrou em contato com nossa redação para denunciar a superlotação do Hospital de Traumas de Petrolina, administrado pela Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh). Segundo o leitor, que acompanhava uma paciente no hospital, “tem macas até na área da lanchonete”.

Além disso, ainda de acordo com a denúncia, há pessoas que esperam por uma cirurgia há mais de um mês e sem previsão para realização do procedimento. “É uma coisa horrível, homens, mulheres e crianças. Tem gente desde a porta da emergência até o final do corredor”, afirmou.

Em vídeo enviado para nosso blog, as imagens – gravadas nessa terça-feira (05) – assustam. São pessoas espalhadas sem qualquer tipo de conforto por vários corredores da unidade hospitalar.

Outro lado

O Blog Waldiney Passos procurou a Assessoria de Comunicação do Hospital Universitário, pedindo informações sobre a real situação da unidade e o porquê da demora na realização das cirurgias. Até o momento não obtivemos resposta.

HU realiza terceira edição de ação solidária, evento acontece no dia 20/12

(Foto: Divulgação/HU)

No próximo dia o Hospital Universitário de Petrolina (HU) realiza a terceira edição do Ebserh Solidária, evento nacional promovido pela Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh). A ação busca levar atendimento de saúde e humanização a crianças e idosos que vivem em lares e abrigos.

Em Petrolina o HU volta sua atenção aos idosos, contemplando o Cantinho do Aconchego e a Casa Geriátrica que prestam serviços a esse público. Durante todo o dia do evento, os profissionais do Hospital Universitário estarão visitando as instituições escolhidas e prestando serviços médicos e multiprofissionais em saúde aos idosos.

Os idosos terão atendimento médico e também serão contemplados com doações. A expectativa da organização é de que cerca de cem pessoas sejam atendidas na ação.

HU divulga balanço de atendimentos de urgência e emergência nos primeiros 20 dias de maio

(Foto: Internet)

Responsável por atender pacientes de 53 municípios integrantes da Rede PEBA, o Hospital Universitário (HU) apresentou nessa segunda-feira (21) um balanço dos atendimentos de urgência e emergência na unidade, entre 1º e 19 de maio.

Segundo o HU, foram realizados 1995 atendimentos de Urgência e Emergência, 1809 consultas Ambulatorais e 352 cirurgias. Devido a demanda dos municípios da Bahia e Pernambuco, o hospital precisou suspender alguns atendimentos ao público, pela falta de recurso humano, na Semana Santa desse ano.

Conforme a direção do hospital que é gerenciado pela Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh), 90% dos atendimentos realizados aos finais de semana são em decorrência de acidentes de trânsito, o que causa uma superlotação na unidade.

Hospitais universitários recebem reforço de R$ 100,1 milhões 

(Foto: Divulgação/HU)

A noticia de que o Ministério da Saúde liberou R$ 100,1 milhões para os hospitais universitários federais do país agradou as unidades. A verba é oriunda do Programa Nacional de Reestruturação dos Hospitais Universitários Federais (Rehuf), gerido pela Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh).

O dinheiro liberado pelo Governo Federal será utilizado na aquisição de materiais para uso diário e na realização dos serviços prestados nos hospitais. Os recursos financeiros serão liberados mediante a comprovação da liquidação dos empenhos.

Segundo o presidente da Rede Ebserh, Kleber Morais, os recursos chegam em boa hora. “Desta forma, podemos impulsionar ainda mais a melhoria dos nossos serviços prestados à população carente e à comunidade universitária”, afirmou.

Rede Ebserh lança concurso com vagas na área médica para Petrolina

Hospital Universitário de Petrolina contará com vagas na área médica e administrativa. (Foto: Internet)

A Rede Ebserh abriu concurso público nacional com 1.196 vagas para 35 hospitais universitários federais, além da sede da estatal vinculada ao Ministério da Educação. A novidade do concurso é o formato, dividido por região. Na nova configuração, o candidato pode escolher até três opções de unidades da Rede Ebserh para sua lotação. Os editais pode ser acessado clicando aqui.

O edital foi publicado nessa quinta-feira (22) no Diário Oficial da União. As inscrições para as áreas assistencial e administrativa se iniciam no dia 26 de março e no dia 27 para médicos. O prazo para todos se encerra no dia 10 de abril. Os candidatos que desejam concorrer a vagas no Hospital Universitário de Petrolina, que faz parte da rede, podem se inscrever na área médica. Em Petrolina serão ofertadas vagas para anestesiologia, neurocirurgia, clínica médica e radiologia e diagnóstico por imagem.

Ao todo, são 339 vagas para médicos de 83 especialidades como anestesiologia (13), cirurgia pediátrica (13), medicina intensiva (18), neonatologia (13) e clínica médica (9), dentre outras. Na área administrativa são 144 vagas, incluindo 75 assistentes administrativos, 11 analistas de tecnologia da informação e 11 técnicos em contabilidade. Na área assistencial são 713 vagas, incluindo 137 enfermeiros e 413 técnicos em enfermagem.

LEIA MAIS

Funcionários do Hospital Universitário entram em greve e acampam em frente à unidade

Funcionários estão em frente ao HU. (Foto: Blog Waldiney Passos)

Os funcionários da Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebsher), que administra o Hospital Universitário (HU-UNIVASF) em Petrolina, entraram em greve nesta segunda-feira (13). Eles estão acampados em frente à unidade hospitalar. A paralisação deve seguir até o dia 21 deste mês.

Os trabalhadores reivindicam rapidez nas negociações do Acordo Coletivo de Trabalho (ACT 2017/2018). As negociações iniciaram em maio de 2017, entretanto, segundo o Sindicato Estadual dos Trabalhadores de Empresas Públicas de Serviços Hospitalares do Estado de Pernambuco (SINDSERH/PE), a Ebserh não aceitou nenhuma das propostas apresentadas.

Os serviços de urgência e emergência do HU-UNIVASF serão mantidos. O sindicato fez questão de lembrar que a morosidade das negociações é de responsabilidade da EBSERH em Brasília e não da administração local do hospital.

Prefeitura de Petrolina amplia parceria com Univasf e EBSERH para atendimento oftalmológico e odontológico

(Foto: Divulgação/Ascom)

Durante a manhã desta terça-feira (04), a prefeitura de Petrolina anunciou que cerca de 300 alunos das escolas municipais do município receberão óculos e terão acesso a consultas oftalmológicas e odontológicas.

O anuncio aconteceu durante o lançamento do programa Consultórios Itinerantes 2017. A iniciativa é coordenada pela Universidade do Vale do São Francisco (Univasf) e a Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (EBSERH) com apoio da Prefeitura de Petrolina.

Os estudantes também terão acompanhamento para tratamento dentário e prevenção para problemas visuais, que são alguns dos fatores para aumento da evasão escolar no sistema público de ensino.

O prefeito Miguel Coelho participou do evento e anunciou que a parceria com a Univasf e a EBSERH será fortalecida.

“Petrolina estava muito aquém do que poderia fazer nesse programa. Então decidimos ampliar a parceria e dar todo o gás com nossas equipes da Saúde e Educação para atender o máximo de crianças possível”, afirmou o prefeito.

Além de atender os alunos da rede municipal, o programa Consultórios Itinerantes visitará comunidades da capital do Sertão do São Francisco. O atendimento será feito em contêineres equipados com consultórios e profissionais da Univasf.

“Até que provem o contrário, é um processo irreversível”, diz reitor da Univasf sobre possibilidade de HU voltar à gestão municipal

 

Cotidianamente você costuma se deparar com críticas e denúncias relacionadas ao Hospital Universitário em Petrolina, sertão do Estado. São queixas relacionadas ao atendimento, falta de leitos, demora na realização de cirurgias, dentre outras. Em entrevista ao nosso Blog, nesta terça (24), o reitor da Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf), Julianeli Tolentino, não se esquivou de falar sobre o assunto. Disse que a transferência da gestão da unidade de saúde do município para a seara Federal se fazia necessário e que, apesar dos desafios, há indicadores importantes que devem ser destacados. Julianeli enfatizou achar que o processo “é praticamente irreversível”, numa resposta aos que defendem o retorno do Hospital para a gestão do município.

“Eu sempre tenho colocado que nós temos desafios. Temos ainda um longo caminho a percorrer para que possamos dar um atendimento ideal, mas até que provem o contrário, é um processo irreversível. O município tem outro foco, sem contar que serviços de média e alta complexidade são de incumbência dos governos estadual e federal”, pontuou.

O reitor enfatizou que as críticas e sugestões são benvindas e devem fazer parte de um diálogo entre a instituição e a sociedade através de suas diversas representações, no entanto, ele sugere que é importante conhecer a realidade para depois formar um juízo acerca do assunto. “A reclamação faz parte de um processo, é legítima. Recebemos vereadores, deputados, secretários de Saúde municipais, porque temos que estabelecer esse canal de comunicação e debate. Agora, eu observo muitas reclamações irracionais, que surgem no calor de debates e se transformam em provocações não condizentes com a realidade”.

LEIA MAIS

Abertas inscrições para o concurso do Hospital Universitário

A Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh) lançou concurso público nacional para o provimento de 951 vagas em 27 hospitais universitários administrados pela estatal. Para a área médica do Hospital Universitário da Universidade Federal do Vale do São Francisco (HU-UNIVASF) são ofertadas 67 vagas, além de uma vaga para Analista Administrativo – Relações Públicas.

As vagas para a área médica contemplam as seguintes especialidades: Anestesiologia (7); Cardiologia: (1); Cirurgia da Mão (1); Cirurgia Geral (5); Cirurgia Vascular (4); Clínica Médica (22); Medicina Intensiva (1); Neurocirurgia (7); Ortopedia e Traumatologia (15); Pneumologia (1); Radiologia e Diagnóstico por Imagem (3).

As inscrições já estão abertas e podem ser feitas até o dia 14 de janeiro de 2016, no site do Instituto AOCP, banca organizadora do certame. A inscrição também pode ser feita presencialmente até o dia 23 de dezembro deste ano. Os postos estão descritos no site da banca.

As taxas de inscrição são de R$ 120 para médicos e R$ 80 para o cargo de Analista Administrativo – Relações Públicas. A data prevista para realização das provas é 21 de fevereiro de 2016.

Os candidatos aprovados no concurso público que ingressarem no quadro permanente da Ebserh serão contratados sob o regime da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT) e terão direito ao plano de cargos, carreiras e salários, além do plano de benefíciosda empresa. (Ascom)18

Sheila Gomes

Ebserh abre 30 vagas para médicos em seleção simplificada

A Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh) está com inscrições abertas para seleção simplificada de 30 médicos das especialidades de clínica médica (8); anestesiologia (6); cirurgia geral (2); cirurgia vascular (3) e ortopedia e traumatologia (11). Trata-se de uma contratação temporária que visa a manutenção de serviços assistenciais no Hospital Universitário da Universidade Federal do Vale do São Francisco (HU-Univasf), em Petrolina-PE. As inscrições estão abertas até o dia 14 de dezembro. A remuneração chega a mais de R$ 8 mil.

O vencimento básico é de R$ 7.425,31 para uma jornada de 24 horas semanais que poderá ser trabalhada ininterruptamente na forma de plantão, conforme acordo coletivo de trabalho. O salário previsto em Edital é acrescido de percentual de insalubridade (R$ 1.485,06) e auxílio alimentação (R$ 483,00), totalizando uma remuneração de R$ 8.915,20, que ainda pode ter acréscimo correspondente a adicional noturno e auxílio pré-escolar.

As inscrições são gratuitas e os interessados devem se inscrever via internet até às 23h59min do dia 14 de dezembro de 2015 no endereço eletrônico www.ebserh.gov.br – Seção Concursos e Seleções, mediante preenchimento da ficha de inscrição, anexação de currículo, diploma e documentação comprobatória dos títulos e experiência profissional a serem pontuados. A documentação também poderá ser entregue no HU-Univasf, localizado à Avenida José de Sá Maniçoba, s/nº, Centro, Petrolina/PE.

Confira o edital  no link.