Quatro cursos da Univasf alcançam nota máxima no Enade 2019

(Foto: Arquivo)

Os 13 cursos de graduação da Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf) avaliados pelo Exame Nacional de Desempenho de Estudantes (Enade) em 2019 obtiveram conceitos entre 3 e 5, numa escala que vai de 1 (menor nota) a 5 (maior nota). Quatro cursos alcançaram a nota máxima, sete ficaram com conceito 4 e dois obtiveram nota 3 nesta última edição do exame. O resultado do Enade 2019 foi divulgado ontem (20) pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), vinculado ao Ministério da Educação (MEC).

Educação Física (Bacharelado), Enfermagem, Engenharia Agronômica e Engenharia de Produção (Campus Juazeiro) atingiram o conceito 5. Os cursos de Engenharia Civil, Engenharia da Computação, Engenharia Elétrica, Engenharia Mecânica, Farmácia e os cursos de Medicina dos Campi Sede e Paulo Afonso obtiveram conceito 4. Ficaram com nota 3 os cursos de Medicina Veterinária e Zootecnia.

Para o procurador Educacional Institucional da Univasf, Lino Marcos da Silva, o resultado da Univasf no Enade 2019 foi positivo, pois todos os cursos avaliados ficaram na faixa dos conceitos satisfatórios. “Considero excelente esse resultado. Dos 13 cursos, 11 tiveram as duas maiores notas e quatro deles ficaram com a nota máxima”, observou Silva. Ele lembrou que o curso de Enfermagem alcançou pela segunda vez consecutiva o conceito 5, obtido anteriormente no Enade 2016.

Enade é o Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes (Enade) tem o objetivo de contribuir para a permanente melhoria da qualidade do ensino superior oferecido nas instituições do país.

Cabrobó: Ministério Público quer que prefeitura crie projeto pedagógico adequado à estudantes com deficiência

Prefeitura de Cabrobó (PE). (Foto: Arquivo)

O Ministério Público de Pernambuco (MPPE) recomendou ao prefeito de Cabrobó e à secretária municipal de Educação que implementem um projeto pedagógico adequado às necessidades das crianças e adolescentes com deficiência, matriculados na rede municipal de ensino, e que também realizem, no prazo de 15 dias e com o auxílio dos gestores escolares, um levantamento estatístico desses estudantes, destacando aqueles que necessitam de acompanhamento de profissional de apoio pedagógico.

O MPPE recomendou ainda ao prefeito e a secretária de Educação de Cabrobó que, por meio dos gestores escolares, estabeleçam um amplo diálogo com os pais ou responsáveis legais dessas crianças e adolescentes, a fim de desenvolver um projeto pedagógico adequado às necessidades individuais desses alunos hipervulneráveis, assegurando, se necessário, acompanhamento por profissional especializado na educação escolar (professor de apoio pedagógico), ainda que por meio remoto.

LEIA MAIS

Facape realiza 3ª Mostra de Ensino, Pesquisa e Extensão do Vale do São Francisco a partir de sexta-feira

(Foto: Ascom/Facape)

O evento será realizado de forma virtual no período de 16 a 20 de novembro de 2020 pela Coordenação de Pós-Graduação, Pesquisa e Extensão da Faculdade de Ciências Aplicadas e Sociais de Petrolina (Facape). Para participar dessa 3ª Mostra de Ensino, Pesquisa e Extensão do Vale do São Francisco, os interessados devem cumprir as etapas do edital para apresentação de trabalhos científicos.

O primeiro passo é realizar a inscrição de forma gratuita até o dia 25 deste mês de outubro, preenchendo uma ficha com dados pessoais e enviando para o e-mail: [email protected], juntamente com o resumo do trabalho acadêmico. A ficha de inscrição e o modelo de resumo estão disponíveis no edital do evento.

LEIA MAIS

Presidente do TRT6 suspende decisão que impedia retorno às aulas presenciais nas escolas particulares

(Foto: Internet)

O Governo de Pernambuco, por meio da Procuradoria Geral do Estado (PGE-PE), obteve a suspensão da liminar que impedia a retomada das aulas presenciais nas escolas particulares do Estado. Na noite dessa quinta-feira (8), o presidente do Tribunal Regional do Trabalho da 6ª Região (TRT6), desembargador Valdir Carvalho, acolheu os argumentos apresentados pelo Estado e tornou sem efeito a decisão do juiz da 12ª Vara do Trabalho do Recife que havia suspendido o retorno das atividades presenciais no ensino médio.

Em sua decisão, o desembargador considerou “exaustivamente comprovado” o planejamento do Estado de Pernambuco, para retorno gradual das atividades presenciais nos estabelecimentos particulares de ensino no Estado e reproduziu o protocolo de retomada apresentado pela Secretaria de Educação.

LEIA MAIS

Governo de Pernambuco ingressou com recursos na Justiça para voltar com aulas presenciais

(Foto: Sandy James/Esp. DP)

A “novela” entre Governo de Pernambuco e o Sindicato dos professores do estado, em relação o retorno das aulas presenciais, ganhou mais um capítulo nesta quarta-feira (7). A Procuradoria Geral de Pernambuco informou que apresentou recursos nos dois processos que suspenderam a retomada das aulas presenciais nas escolas do ensino médio do Estado, públicas e privadas.

Mas, segundo o Jornal do Comércio (JC), que publicou a matéria, até o meio-dia o Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE) não tinha a confirmação, no seu sistema, do recebimento de uma das contestações. A outra é no âmbito da Justiça do Trabalho. O JC também ainda não tinha conseguido confirmar, até a publicação dessa matéria, se o recurso já estava registrado.

As aulas deveriam ter sido retomadas presencialmente nesta terça-feira (6), mas duas liminares que correm na Justiça impediram o Governo de convocar os alunos. Uma que proíbe as aulas nas escolas particulares, movida pelo Sindicato dos Professores da Rede Privada (Sinpro) e outra que não permite as aulas nos colégios estaduais, movida pelo Sindicato dos Trabalhadores em Educação de Pernambuco (Sintepe).

Segundo o presidente do Sinepe, José Ricardo Diniz, a entidade argumenta que a convenção coletiva de trabalho 2020/2021, celebrada em agosto, prevê todas as situações para esse período de excepcionalidade, inclusive a questão dos grupos de risco e destacando o retorno com o ensino híbrido.

Governo de Pernambuco vai recorrer de decisão que suspende volta de aulas presenciais

(Foto: Internet)

O Governo de Pernambuco vai recorrer da decisão do Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE), que determinou a suspensão da volta às aulas presenciais na rede pública de ensino. Em nota divulgada à imprensa na noite desta terça-feira (6), o Executivo estadual defendeu a retomada e reiterou que a medida foi tomada “com a participação de infectologistas”.

Após a publicação do comunicado, a Secretaria de Imprensa do Governo de Pernambuco informou que o Estado também recorrerá da determinação da Justiça do Trabalho, que proibiu a reabertura das escolas particulares.

LEIA MAIS

Conselho Nacional de Educação permite aula remota até o fim de 2021 no ensino básico e no superior

Resolução do CNE (Conselho Nacional de Educação), aprovada nesta terça-feira (6), estendeu a permissão de atividades remotas para o ensino básico na educação pública e particular até o fim de 2021. A adoção de carga horária a distância, no entanto, fica a critério de cada rede de ensino ou instituição.

O documento estende normas excepcionais de atendimento educacional sob a pandemia de coronavírus. O texto regulamenta a MP (medida provisória) do governo Jair Bolsonaro (sem partido) que flexibilizou o ano letivo de 2021 e permitiu, na pandemia, levar em conta atividades online como carga-horária do ano letivo -a MP foi convertida na lei nº 14.040, de agosto.

LEIA MAIS

TJPE acolhe pedido da PGE e determina fim da greve dos professores da rede estadual

A retomada do ensino presencial começa nesta segunda-feira (05) para turmas do 3º ano do ensino médio.

O Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE) acolheu ação apresentada pela Procuradoria Geral do Estado de Pernambuco (PGE-PE) e determinou que o Sindicato dos Trabalhadores em Educação de Pernambuco (Sintepe) encerre imediatamente a greve deflagrada em 30 de setembro de 2020 e não pratique qualquer ato que atrapalhe ou retarde o regular funcionamento dos serviços da rede estadual de educação.

A retomada do ensino presencial começa nesta segunda-feira (05) para turmas do 3º ano do ensino médio. A liminar foi concedida nesse domingo (04) pelo desembargador Fábio Eugênio Dantas de Oliveira Lima, do Órgão Especial do TJPE. O descumprimento da medida acarretará multa diária no valor de R$ 50 mil.

LEIA MAIS

Escolas devem retomar aulas presenciais entre 8h e 8h30 para fugir do horário de maior movimento em ônibus

(Foto: Internet)

As escolas que retomarem as aulas presenciais, a partir de 6 de outubro, terão que modificar o horário de início das aulas para o período entre 8h e 8h30. A ideia é fugir do horário de maior movimento em ônibus e do trânsito mais intenso. A retomada ocorrerá, inicialmente, para as turmas do 3º ano do ensino médio, de forma opcional.

A medida foi anunciada em coletiva de imprensa transmitida pela internet, nesta quarta (30). O estado também divulgou a permissão de retomada de festas, casamentos, shows, peças de teatro e cinema em 58 municípios do Agreste e do Sertão de Pernambuco.

LEIA MAIS

Estudantes da Facape podem se inscrever nas vagas remanescentes do Fies para esse semestre

(Foto: Ascom/Facape)

Mesmo com o semestre em andamento, os alunos da Faculdade de Ciências Aplicadas e Sociais de Petrolina ainda podem financiar uma das graduações da faculdade pelo o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies), inclusive Direito que é o curso mais procurado.

O Diário Oficial da União divulgou nessa terça-feira(29), um cronograma com datas para a inscrição no processo de ocupação de vagas remanescentes do Fies no segundo semestre de 2020. Para participar, o candidato precisa cumprir os seguintes requisitos: ter participado do Enem a partir da edição de 2010 e obtido média aritmética das notas nas provas igual ou superior a 450 (quatrocentos e cinquenta) pontos e nota na redação superior a zero, e possuir renda familiar mensal bruta per capita de até 3 (três) salários mínimos.

O período para se inscrever segue de 6 de outubro à 13 de outubro, para candidatos não matriculados em um curso superior; para os candidatos matriculados, o prazo segue de 6 de outubro à 13 de novembro de 2020.

O edital ressalta que entre os dias 6 e 8 de outubro serão disponibilizadas para inscrição, somente vagas remanescentes de cursos com áreas de conhecimento prioritárias, nos termos definidos pelo Ministério da Educação (MEC).

Segundo o MEC, a ocupação das vagas, será feita de acordo com a ordem de conclusão das inscrições. O candidato que precisar alterar informações depois da inscrição concluída, precisará cancelar e refazer o procedimento.

As inscrições são gratuitas e devem ser realizadas pela internet através do site http://fies.mec.gov.br.

Escolas da rede municipal de ensino de Petrolina recebem mais uma premiação

(Foto: Ascom/PMP)

Três escolas públicas de Petrolina se destacaram na premiação para políticas voltadas à alfabetização na rede de ensino. O resultado foi divulgado nesta quarta (30) pelo Governo do Estado. As unidades escolares Félix Manoel (localizada na Tapera), Luiz de Souza (Serrote do Urubu) e Mascarenhas de Moraes (Residencial Vivendas) ficaram entre as 50 apontadas como exemplo pelo “Prêmio Destaque Criança Alfabetizada”.

Petrolina foi a única cidade com mais de 100 mil habitantes incluída na premiação. Além disso, apenas cinco municípios tiveram três escolas de referência na avaliação estadual. Para obter o destaque, a cidade sertaneja tem promovido iniciativas como os programas municipais de Alfabetização na Idade Certa (ProAlfa) e de Melhoria da Aprendizagem (Promap).

LEIA MAIS

Governo de Pernambuco premia escolas e municípios com os melhores resultados na alfabetização

(Fotos: Aluísio Moreira/SEI)

O governador Paulo Câmara premiou, nesta quarta-feira (30), as escolas e os municípios que apresentaram os melhores resultados de alfabetização no primeiro ano do Programa Criança Alfabetizada, lançado em junho do ano passado.

A cerimônia aconteceu na Escola Técnica Estadual Professor Antônio Carlos Gomes da Costa (ETEPAC), no bairro de Santo Amaro, no Recife. O programa incentiva os 184 municípios pernambucanos a garantirem que todas as crianças inscritas na rede pública de ensino aprendam a ler e a escrever no tempo certo, ou seja, até os sete anos de idade

LEIA MAIS

Educação de Petrolina conquista liderança entre grandes cidades no Idepe

(Foto: Ascom/PMP)

Após obter resultados inéditos e o topo no ranking no Ideb, o município de Petrolina (PE) também se consolidou com a melhor nota na avaliação do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica de Pernambuco (Idepe) entre as cidades com mais de 100 mil habitantes.

Pela primeira vez, Petrolina superou o patamar da nota 6 no estudo produzido pelo Governo do Estado. Nos anos iniciais, as escolas municipais da cidade sertaneja lideram o ranking com uma média 6,04 – representando a maior evolução do município no indicador. Em 2016, Petrolina teve nota 5,35; já em 2017, a média obtida foi 5,52; por fim, em 2018, subiu para 5,69.

LEIA MAIS

Sintepe e CNTE divulgam notas de repúdio às declarações de radialista de Araripina sobre estado de greve de professores

    (Foto: Sandy James/Esp. DP)

O Sindicato dos Trabalhadores em Educação de Pernambuco (SINTEPE) e a Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação (CNT) emitiram notas de repúdio às declarações feitas pelo radialista Roberto Gonçalves, da Rádio Arari FM, sobre a decisão dos professores de entrar em estado de greve devido a Secretaria de Educação do Estado anunciar o retorno das aulas presenciais, a partir do dia 06 de outubro, sem alinhar com a categoria.

Ao comentar o assunto em seu programa de rádio, Roberto Gonçalves compara os professores a malandros, porque segundo ele, os professores estão fora da sala de aula há 6 meses e não querem voltar a trabalhar. Por fim, o radialista diz que os professores deveriam procurar “ninho de Jegue”. Escute o áudio postado nas redes sociais pelo educadores.

LEIA MAIS

Estudantes de Faculdade de Petrolina são finalistas no Desafio Ser + Empreendedor 

Ao todo, foram selecionadas as 15 melhores ideias de empreendedorismo de estudantes de diferentes regiões do país para a etapa final do Desafio Ser + Empreendedor. A Faculdade UNINASSAU Petrolina é uma das finalistas com dois projetos de alunos dos cursos de Biomedicina e Nutrição.

As ideias destaques são a criação de app para monitoramento de lavouras – proposta dos alunos de Biomedicina – e a horta compacta residencial com produtos orgânicos – ideia de estudantes do curso de Nutrição. Os alunos concorrem ao prêmio de R$ 10 mil com outros 13 grupos de estudantes das cidades de Teresina, Parnaíba, Aracaju, Campina Grande, São Paulo, Belém, Parangaba, Recife e Paulista.

Os projetos são resultados de trabalhos da disciplina de Empreendedorismo. “Somos uma Instituição que estimula constantemente o empreender. O mundo tem mudado muito rápido e de forma constante e é preciso pensar em como criar nossas próprias oportunidades de negócio. Parabéns a todos que criaram seus projetos, apostaram em suas ideias e desejo sucesso para nossos finalistas”, frisa o diretor da Instituição, Sérgio Murilo Corrêa.

Os projetos serão julgados pela Overdrives – Centro de Inovação da UNINASSAU, destaque como aceleradora no Brasil. A Overdrives ficou no Top 3 da Startup Awards (edição 2019), principal premiação do ecossistema brasileiro de startups.

123