Enem: MEC prevê aplicação só em 2022 para novos inscritos no exame

(Foto: Marcello Casal Jr./Agência Brasil)

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) informou na noite desta segunda-feira (13) que inscritos no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2020 que tiveram direito à isenção de pagamento e não compareceram às provas da última edição poderão se inscrever no Enem 2021 entre esta terça-feira (14) e o dia 26 de setembro. As provas para esse grupo, no entanto, serão aplicadas apenas em 2022.

A medida ocorre após o Supremo Tribunal Federal (STF) ter decidido reabrir o prazo de pedido de isenção do pagamento de taxa a todos os candidatos, medida que foi reivindicada por partidos e entidades, os quais apontaram exclusão de estudantes no modelo escolhido pelo Ministério da Educação (MEC).

Segundo novo cronograma, as provas para quem se inscrever a partir desta terça até o próximo dia 26 serão aplicadas nos dias 9 e 16 de janeiro, mesma data em que ocorre a aplicação do exame para pessoas privadas de liberdade (PLL). Para quem já havia se inscrito, as datas de aplicação das provas do Enem 2021 estão mantidas para os dias 21 e 28 de novembro.

MEC divulga resultado do Sisu 2021

O Ministério da Educação divulgou hoje (10) o resultado da chamada regular do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) referente ao segundo semestre de 2021. O Sisu é o principal mecanismo de acesso a cursos de universidades, centros universitários e faculdades públicas. Ele toma como referência a nota obtida pelo aluno no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).

A consulta do resultado pode ser feita na página do Sisu e nas instituições para as quais fizeram a inscrição.

LEIA MAIS

Inscrições para o Fies do segundo semestre têm início amanhã

Fundo de Financiamento Estudantil,Fies

Começam nesta terça-feira (27) as inscrições para o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) do segundo semestre de 2021. Os candidatos interessados poderão efetuar a inscrição no portal do Fies entre até o dia 30 de julho.

Os estudantes que realizaram o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) a partir da edição de 2010 poderão pleitear uma bolsa no programa de financiamento deste ano. Além disso, os estudantes deverão ter média mínima de 450 pontos e nota superior a zero na redação.

Justiça nega isenção de taxa do Enem para quem não justificou falta

(Foto: Marcello Casal Jr./Agência Brasil)

A Justiça Federal em São Paulo decidiu manter a regra do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2021 que veta a isenção de taxa de inscrição a participantes que não justificaram ausência na edição anterior da prova.

Em decisão proferida no último dia 2 de julho, a juíza federal Ana Lúcia Petri Betto, da 17ª Vara Federal, negou pedido de liminar formulado pela Defensoria Pública da União (DPU), que pretendia derrubar a exigência de justificativa de falta para a concessão do benefício de quem havia sido contemplado com a isenção no ano passado. O argumento da DPU é de que o medo da pandemia fez com que parte do alunos pobres faltasse ao certame.

Pelas regras em vigor, têm direito ao benefício candidatos que se enquadram em critérios de renda e são alunos de escolas públicas ou bolsistas em instituições privadas.

LEIA MAIS

Enem não será aplicado em 2021, diz presidente do Inep

(Foto: Dvulgação)

O presidente do Inep, Danilo Dupas Ribeiro, informou hoje (13) a membros do Conselho Nacional de Educação que, por falta de tempo e orçamento, não será feito Enem neste ano. Ficará para janeiro ou fevereiro de 2022. 

Já existia a suspeita de que a prova para ingresso nas universidades do país não seria aplicada em 2021. Uma portaria publicada no Diário Oficial de ontem (12) com as metas globais previstas pelo próprio Inep não incluiu a realização do exame.

De acordo com o jornal O Globo, oficialmente, a assessoria de imprensa do Inep afirma que foi um “mal-entendido” a confirmação do adiamento e que ainda não há data prevista para o Enem.

Pernambuco: Detento da Penitenciária de Itamaracá atinge nota 900 na redação do Enem

Um detento da Penitenciaria Agroindustrial São João (PAISJ), em Itamaracá, atingiu nota 900 na prova de redação do Enem 2020. Ironildo Rodrigues de Melo, 42 anos, do regime semiaberto, está preso há sete anos, e obteve a maior média no exame.

O tema proposto foi “A Falta de Empatia nas Relações Sociais no Brasil”. Ironildo quer cursar Matemática ou Ciências da Computação. De acordo com a Secretaria Executiva de Ressocialização (Seres), houve uma evolução na nota de redação do primeiro lugar, de 700 em 2019 para a atual 900.

O detento contou que se inscreveu em 2014, mas foi preso, o que o desestimulou a participar. “A prisão me deixou muito triste e não tive ânimo para estudar e assim passei uns três anos da minha vida. De 2018 para cá estudo todo dia, o dia todo. Minha mãe comprava os livros na feira por R$ 2.00 ou R$ 5.00 e trazia para a penitenciária”, detalhou Ironildo, que é solteiro e pai de um filho adolescente.

LEIA MAIS

Estudante baiano está entre os 28 do país que alcançaram nota 1000 na Redação do Enem

(Foto: Divulgação)

O estudante Helder dos Santos Lima, 19 anos, do município de Xique-Xique, está entre os 28 estudantes do país que conquistaram a nota 1000 na Redação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), em meio a cerca de 2,4 milhões de candidatos que fizeram as provas do último exame.

Esta é a terceira vez que ele alcança bom desempenho na redação, o que já contribuiu para o seu ingresso no curso de Direito, em 2020, na Universidade Federal de Goiás.

LEIA MAIS

Univasf oferta mais de 1.600 vagas de graduação via Sisu 2021

(Foto: Arquivo)

A Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf) lançou o edital do Processo Seletivo para Ingresso nos Cursos de Graduação Presenciais (PS-ICG) 2021. São disponibilizadas 1.610 vagas para 30 cursos ofertados nos sete campi da instituição, situados nas cidades de Petrolina e Salgueiro (PE), Juazeiro, Senhor do Bonfim e Paulo Afonso (BA) e São Raimundo Nonato (PI).

Enem 2020

Para concorrer a uma das vagas é necessário se inscrever no Sistema de Seleção Unificada (Sisu) 2021 até sexta-feira (10), utilizando a nota do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2020. 50% das oportunidades são destinada a ampla ocorrência e 50% a cotistas.

A  divulgação do resultado da chamada regular deve ser divulgada no próximo dia 13 de abril. A seguir estão as modalidades de concorrência às vagas da Univasf:

LEIA MAIS

Notas finais do Enem serão divulgadas nesta segunda

(Foto: Marcello Casal Jr./Agência Brasil)

As notas finais do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2020, versão impressa e digital, serão disponibilizadas nesta segunda-feira (29), a partir das 18h (horário de Brasília). Os participantes poderão conferir os resultados individuais das provas na Página do Participante ou no aplicativo do exame.

Segundo o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), órgão realizador da prova, também estarão disponíveis as notas dos participantes do Exame Nacional do Ensino Médio para adultos privados de liberdade e jovens sob medida socioeducativa que inclua privação de liberdade (Enem PPL).

Para ter acesso às notas, os participantes devem utilizar o login único do governo federal. Caso o aluno tenha esquecido a senha, o sistema permite recuperá-la. Basta inserir o CPF no campo indicado, selecionar avançar e clicar no link “Esqueci minha senha”.

LEIA MAIS

Resultado do Enem 2020 será divulgado na próxima segunda-feira

(Foto: Dvulgação)

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) divulga, na próxima segunda-feira (29), os resultados do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2020. As notas devem sair às 7h30 e serão apenas para os estudantes que já concluíram o Ensino Médio no ano passado.

Para conferir as notas individuais, os candidatos devem acessar a Página do Participante com número do CPF e a última senha cadastrada. O resultado também poderá ser acessado pelo aplicativo do Enem, disponível nas lojas de aplicativo.

LEIA MAIS

Enem: prova na versão digital será aplicada nesse domingo

(Foto: Marcello Casal Jr./Agência Brasil)

O domingo (31) será de provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), mas na versão digital. Essa será a primeira vez que o Enem acontece de forma virtual. 93 mil estudantes optaram por fazer as provas nesse formado, em 104 cidades do país.

Mesmo sendo feito pelo computador, os candidatos deverão ir até os locais de prova, levar cartão de inscrição impresso e caneta esferográfica de cor preta. Hoje serão aplicadas as provas de linguagens, ciências humanas e redação.

No segundo dia, 07/02 os candidatos farão as questões de matemática e ciências da natureza. Assim como no Enem comum, os portões abrem às 11h30 e fecham às 13h (horário de Brasília). Os alunos terão o mesmo tempo dos que fizeram o exame presencialmente.

Por conta da pandemia, os cuidados devem ser redobrados: máscaras extras para trocar durante a prova, uso de álcool em gel e distanciamento social. Quem apresentar sintomas de covid-19 deve comunicar o Inep.

Gabarito oficial do Enem 2020 é divulgado

(Foto: Marcello Casal Jr./Agência Brasil)

Os gabaritos da versão impressa do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2020 foram divulgados no final da tarde dessa quarta-feira (27), no site do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). Clique aqui para acessar os gabaritos.

É importante lembrar que o número de acertos do candidato não indica sua nota final, por causa da Teoria de Resposta ao Item (TRI). O sistema de correção detecta a coerência no desempenho do estudante – ele reconhece o “acerto ao acaso”, ou seja, o “chute”, e atribui uma pontuação menor.

LEIA MAIS

Hoje é dia de prova do Enem; fique atento aos horários e itens obrigatórios

(Foto: Marcello Casal Jr./Agência Brasil)

Dois milhões e meio de estudantes devem fazer neste domingo (24) as provas do segundo dia do Enem. No último domingo (17), mais de 50% dos inscritos faltaram ao exame.

Os portões serão abertos às 11h30 e fecham às 13h, meia hora antes do início da prova. Além dos itens obrigatórios de todo ano, como caneta e documento com foto, o estudante também precisa estar de máscara.

LEIA MAIS

River Shopping organiza aulão gratuito de revisão pro ENEM

(Foto: Arquivo)

Com a pandemia, os tradicionais aulões para o ENEM não puderam acontecer. Por isso, o River Shopping organizou, em parceria com a TV Grande Rio e a Plenus Petrolina, lives de revisão para os feras.

O último dia das “Lives PreparAção” acontece nesta quinta (21), com aulas de ciências da natureza (biologia, química e física) e matemática; matérias que cairão no segundo dia do exame, próximo domingo.

LEIA MAIS

Enem 2020: 51,5% dos inscritos no Enem não comparecem ao exame

(Foto: Marcello Casal Jr./Agência Brasil)

O Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2020 tem abstenção de 51,5% dos candidatos inscritos, de acordo com o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). Do total de 5.523.029 inscritos para a versão impressa do Enem, que começou a ser aplicada ontem (17), 2.842.332 faltaram às provas.

Segundo o ministro da Educação, Milton Ribeiro, a abstenção recorde se deve principalmente ao medo da pandemia e a campanhas contrárias à realização do exame. Apesar disso, considera a aplicação vitoriosa. No ano passado, a abstenção no primeiro dia do Enem foi 23%.

LEIA MAIS
123