Miguel sanciona lei que cria a Companhia de Saneamento e Águas do Sertão

Nova empresa será responsável pelo saneamento e esgotamento de Petrolina

A Companhia de Saneamento e Águas do Sertão (SAAS) é realidade em Petrolina. O prefeito Miguel Coelho (MDB) sancionou, na última sexta-feira (4), a lei que autoriza o Poder Executivo a conceder o serviço de saneamento básico e esgoto, por tempo indeterminado, à SAAS.

LEIA TAMBÉM

Câmara dá aval e autoriza município a criar a Companhia de Saneamento e Águas do Sertão (SAAS)

A matéria foi aprovada na Câmara de Vereadores e sancionada pelo gestor, por meio da Lei n°3.434/2021, disponível no Diário Oficial do dia 4. Com a criação da SAAS, a Prefeitura busca encerrar uma queda de braço com a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa), que é responsável pelo sistema da cidade.

LEIA MAIS

Compesa afirma que esgotamento do Cassimiro II não é de sua responsabilidade

(Foto: Thiago Santos/Rádio Jornal Petrolina)

Na quarta-feira (16) o Blog mostrou a situação da Avenida Santa Edwiges, no bairro Antônio Cassimiro II, em Petrolina. Enquanto os moradores convivem com o esgoto escorrendo pela extensão da via pública, as autoridades ficaram no jogo de “empurra-empurra”.

LEIA TAMBÉM

Moradores do Cassimiro II denunciam esgoto escorrendo por avenida

Ontem, a Prefeitura informou não ser responsável pelo saneamento da comunidade. Já a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) se eximiu da responsabilidade em nota enviada ao Blog. “A Compesa esclarece que ainda não opera sistema de esgotamento sanitário no bairro Antônio Cassimiro II, portanto não é de sua responsabilidade a situação relatada“, diz a nota da Compesa.

Após fortes chuvas, Compesa afirma que “sistemas de esgotamento sanitário estão sobrecarregados”

No São Gonçalo, água das chuvas se misturou com esgoto

A Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) enviou uma nota ao Blog esclarecendo a questão dos vazamentos de esgoto durante a forte chuva de sexta-feira (23). De acordo com a Compesa, “Os sistemas de esgotamento sanitário estão sobrecarregados”.

LEIA TAMBÉM

Moradores de Petrolina registram alagamentos em bairros; Prefeitura afirma estar atuando de maneira preventiva

Um dos bairros a registrar esse problema foi o São Gonçalo, conforme o Blog mostrou ainda ontem. A Compesa orientou a população a não realizar ligações de água de chuva na rede, porque isso “agrava ainda mais a situação”. Veja a seguir a resposta da Companhia:

LEIA MAIS

Prefeitura responsabiliza Compesa sobre problema no Santa Luzia; Companhia rebate

(Foto: Ascom PMP)

Moradores do bairro Santa Luzia, em Petrolina, estão sendo obrigados a conviver com uma lagoa de esgoto tomando as ruas da comunidade. Segundo a Prefeitura, o problema é resultado de uma ação da Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa). Já a Compesa nega ter competência sobre o sistema.

Em nota enviada ao Blog, a Prefeitura informa que o bairro é contemplado nas obras da bacia do bairro Dom Avelar. Mas de acordo com o diretor presidente da Agência Reguladora de Serviços Públicos do Município de Petrolina (Armup), Rubem Franca, um poço de visita que já havia sido totalmente recuperado pela prefeitura foi danificado após três estouramentos consecutivos, entre os meses de março e abril.

“Todo esse transtorno às famílias ocorreu após o estouramento de uma tubulação de água tratada, operada pela Compesa e instalada ao lado do referido poço de visita no cruzamento da rua do Césio com a rua do Zinco no bairro Santa Luzia”, disse.

LEIA MAIS

Secretaria de Infraestrutura desobstrui rede de esgoto em várias ruas de Bodocó

(Foto: Ascom PMB)

Equipes da Secretaria de Infraestrutura, Urbanismo e Serviços Públicos de Bodocó (PE) estão tendo trabalho quando o assunto é rede de saneamento. Desde o dia 1° de janeiro a nova gestão tem observado obstruções na cidade e constantemente precisam fazer reparos na rede que é relativamente nota.

Na quarta-feira (14) as equipes foram até a Rua Manoel Alves de Medeiros, para desobstruir a rede e instalar manilhas. “Estamos trabalhando incansavelmente para resolver esses problemas herdados da gestão anterior, inclusive já estivemos na Codevasf para tratar do assunto. Mas é triste perceber que foram gastos em torno de R$ 14 milhões em saneamento no município e a população não veja isso na prática”, disse o secretário Roberto Farias.

Outros reparos já foram executados nos bairros Claranã e Várzea do Meio. Nesses locais a Prefeitura observou a ausência de destinação dos resíduos.

Morador chama atenção para problema na rede de esgoto do bairro São Jorge, em Petrolina

Morador reclama do esgoto na rua

Um morador do bairro São Jorge entrou em contato com o Blog para relatar uma situação incômoda na Rua 5. Há um esgoto estourado, que transformou a vida num lamaçal. Inicialmente ele entrou em contato com a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa).

Mas a Compesa informou que o bairro está contemplado na bacia do Dom Avelar, cuja responsabilidade é da Prefeitura de Petrolina. Foi então que registrou a demanda na Ouvidoria municipal e não obteve resposta positiva. Mas após ser solicitada pelo Blog, a Prefeitura esclareceu a situação.

LEIA MAIS

Leitor flagra esgoto estourado no Dom Avelar; Prefeitura enviará equipe ao local

Leitor chamou atenção da Prefeitura

A foto acima foi tirada na Rua da Oração, no bairro Dom Avelar, em Petrolina. A imagem foi encaminhada por um morador da rua, que tentou acionar a Prefeitura e alertar sobre a necessidade de reparo na rede. “Essa caixa de esgoto estourou, mas não resolveram o problema“, conta o leitor.

Em nota, a Prefeitura disse estar “avaliando a demanda para verificar quais medidas devem ser tomadas para fazer os reparos o mais brevemente possível”. A assessoria disse ainda que uma equipe será encaminhada nos próximos para fazer a desobstrução e sanar o problema.

Petrolina: esgoto retornando para dentro de residência tira sossego de moradora do São Jorge

Esgoto está voltando para residência (Foto: Cortesia)

Uma moradora do bairro São Jorge, em Petrolina, entrou em contato com o via WhatsApp do Blog para relatar uma situação angustiante. Ela reside na Rua 08 e está convivendo com o esgoto retornando para dentro da sua casa.

Não bastasse a água suja, os mosquitos e o forte odor do esgoto estão tirando a paz da família. “Já entramos em contato com a Compesa e eles mandam entrar em contato com a Prefeitura. Ficam jogando um pro outro“, desabafou.

Resposta

Nossa Produção entrou em contato com a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa). Segundo a Companhia, o esgotamento sanitário do São Jorge não é de sua responsabilidade. O bairro integra a bacia do Dom Avelar, cuja obra está sob os cuidados da Prefeitura.

A Prefeitura está averiguando a situação e acionou a equipe de engenharia, a fim de identificar o que está acontecendo na rua citada.

Esgoto no Loteamento Padre Cícero, em Petrolina, tira sossego de moradores

Esgoto escorre para terreno, formando “lagoa”

As queixas dos leitores em relação ao esgotamento sanitário em Petrolina não param. Diariamente a Redação do Blog recebe denúncias nos bairros da cidade e a demanda dessa sexta-feira (17) vem do Loteamento Padre Cícero. Na Rua do Colibri, mostrada acima, há um esgoto estourado há vários dias.

O problema começa em uma calçada e escorre para dentro do terreno. Como a imagem mostra, já existe uma “lagoa” de água suja causando transtornos aos moradores vizinhos ao terreno. E para complicar, a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) afirma não operar no bairro.

Procurada pelo Blog, a Prefeitura de Petrolina, até o momento não se pronunciou se tem alguma competência sobre o problema. O espaço segue aberto aos esclarecimentos.

Esgoto transforma rua do João de Deus em lamaçal e leitor pede ajuda

Esgoto escorre por toda rua, que não é pavimentada (Foto: Reprodução/WhatsApp)

Um morador do bairro João de Deus, em Petrolina, entrou em contato com o Blog para denunciar um problema no esgotamento sanitário na Rua 49. O leitor relata que além de um problema na rede do bairro, o fato de a rua não ser pavimentada transformou a via num verdadeiro lamaçal.

“Que venham dar uma olhada aqui na rua, está um esgoto enorme, mau cheiro e a população pasma com isso. Essa rua é a que mais faz alagamento e entupimento de esgoto. A gente fala, fala e continua do mesmo jeito aqui“, comenta o leitor.

Nossa equipe entrou em contato com a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) para saber o que poderia ser feito no bairro, mas até a conclusão dessa matéria não obtivemos resposta. O Blog segue aberto aos esclarecimentos.

Petrolina: leitor cobra solução para lamaçal no bairro São Joaquim

Lamaçal tira moradores do sossego

Um morador do bairro São Joaquim procurou o Blog Waldiney Passos para relatar um problema que já dura uma semana. O flagrante mostrado acima foi feito na Rua do Mercúrio, travessa com a Rua 20. “É muita lama, água parada, esgoto a céu aberto um grande perigo”, contou à nossa equipe.

Contudo, nem a Prefeitura, nem a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) afirmam ter responsabilidade na operação do sistema do bairro. Procurada pelo Blog a Compesa afirmou não atender ao São Joaquim.

A Prefeitura rebateu e afirmou ser a Compesa a responsável direta pelo atendimento da cidade pois a Companhia é a “concessionária do serviço de água e esgoto em toda a cidade”.

Leitor pede solução para esgoto e vazamento de água limpa em Petrolina

Um leitor do Blog procurou nossa equipe pelo WhatsApp para pedir uma solução a um esgoto à céu aberto no bairro Henrique Leite. O problema começa na Avenida Principal, recém-pavimentada, e escorre para as ruas vizinhas. Com a água suja acumulada já há inclusive buracos no novo pavimento.

“O asfalto foi feito recentemente na Avenida 1 e na Avenida 2. Queria saber o que vai ser feito“, questionou o leitor.  Mais a frente ele flagrou outro problema na Avenida 3 da Vila Vitória. “Tem esse cano estourado desde sábado, jorrando água. A avenida está alagada”, afirmou.

Respostas

O Blog procurou a Prefeitura de Petrolina e a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) para saber de quem era a competência pelos serviços.

A Compesa afirmou que informou que “não opera os sistemas de Esgotamento Sanitário dos bairros”. Já a Prefeitura afirmou que “a Compesa, enquanto concessionária do serviço de água e esgoto em toda a cidade é a responsável direta por este atendimento”

“Além das intervenções emergenciais, a prefeitura também já concluiu a minuta de um edital que deve selecionar uma nova empresa para gerir os serviços de água e esgoto na cidade”, diz a nota da Prefeitura.

Leitor flagra esgoto jorrando no bairro Mª Auxiliadora, em Petrolina

Problema tira moradores do sério

Na Rua Vital Brasil, por trás da Avenida da Integração, em Petrolina há um esgoto escorrendo por toda via pública e até o momento nenhum reparo foi feito. O relato é de um leitor do Blog que flagrou o problema na tarde de terça-feira (2).

Uma equipe da Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) esteve no local, mas não executou o reparo. Anteriormente eles já haviam sido acionados para outro vazamento na mesma rua, que foi solucionado. “Eles só fizeram na esquina, mas não mexerem nesse bueiro“, contou ao Blog.

Nossa produção entrou em contato com a Compesa. A Companhia afirmou que ainda hoje (3) enviará uma equipe ao local para efetuar o serviço no bueiro mostrado.

Espaço do Leitor: moradora pede respostas para serviço inacabado no Jd. Maravilha

Leitora está na bronca por serviço não concluído no bairro

Uma moradora do bairro Jardim Maravilha, em Petrolina, procurou o Blog para mostrar a situação da Rua Curral Queimado. No dia 22 de abril, segundo ela, equipes da Prefeitura iniciaram uma escavação para em seguida executar a terraplanagem.

Contudo, não concluíram a terraplanagem porque a equipe da escavação perfurou os canos de esgoto. Resultado? Desde abril os moradores são obrigados a conviver com o mau cheiro e água suja. Confira no vídeo gravado por ela:

Nossa equipe procurou a Prefeitura de Petrolina e a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) para saber quando os respectivos serviços seriam executados. Em nota, a Secretaria de Infraestrutura, Mobilidade e Serviços Públicos (Seinfra) afirmou que “já notificou a empresa que está realizando a pavimentação do bairro Jardim Maravilha, em decorrência dos problemas causados” e “que as ruas anunciadas para pavimentação serão devidamente asfaltadas”. Até o momento a Compesa não se posicionou.

Morador relata problema com esgotamento no Alto da Boa Vista; Compesa enviará equipe ao local

Moradores relatam que problema já persiste por anos

A rotina dos moradores do bairro Alto da Boa Vista, em Petrolina, tem sido marcada por muita dor de cabeça. Há alguns anos quem reside nas Ruas 26, 28 e 30 encara uma batalha diária com o esgoto. A água suja que deveria ser encaminhada ao sistema do bairro está voltando para as residências.

O resultado é uma lagoa de sujeira e mau cheiro. Angustiados, eles nos encaminharam algumas fotos e pediram ajuda da Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa). “Isso é antigo, a população se junta para uma pessoa desentupir e mesmo assim acontece isso“, relata um morador que preferiu não se identificar.

Em nota, a Compesa informou desconhecer essa situação, mas encaminhará uma equipe ainda hoje (8) para avaliar a situação. Confira a resposta da Companhia:

LEIA MAIS
123