Futebol: FPF emite nota sobre episódio com a imprensa de Petrolina

Profissionais da imprensa foram barrados no jogo de segunda-feira, 27 de julho (Foto: Blog Waldiney Passos)

A Federação Pernambucana de Futebol (FPF) se manifestou, dois dias após o jogo do Petrolina x Decisão, sobre o fato de a imprensa ter sido barrada no Estádio Paulo de Souza Coelho. Sem explicar com clareza seu protocolo, a FPF apenas reforçou o que todos profissionais da comunicação já sabem.

LEIA TAMBÉM

Diretoria afirma que torcedores do Petrolina flagrados no Estádio atuaram como gandulas

Prefeitura de Petrolina emite nota sobre barramento da imprensa no jogo do Petrolina pelo campeonato pernambucano

Imprensa é barrada em Jogo do Petrolina pelo quadrangular do rebaixamento do campeonato pernambucano

A breve nota também cita a foto de torcedores dentro do estádio. Uma possível punição cabe ao Tribunal de Justiça Desportiva (TJD). “A FPF esclarece que o protocolo tem que ser cumprido, como é feito com toda imprensa. Sobre a foto, não cabe punição administrativa, sendo um assunto da alçada do TJD“, diz a FPF.

Vale destacar que o Protocolo da Federação apenas cita a necessidade de testagem. Porém, não especifica qual o tipo de teste e a periodicidade. A exigência segue valendo para o duelo contra o Vitória, a ser realizado no Paulo Coelho.

Imprensa é barrada em Jogo do Petrolina pelo quadrangular do rebaixamento do campeonato pernambucano

(Foto: Blog Waldiney Passos)

No único jogo do time do Petrolina, em casa, pela primeira rodada do quadrangular do rebaixamento da primeira divisão do Campeonato Pernambucano de futebol, a imprensa não teve acesso ao Estádio Paulo de Souza Coelho.

Minutos antes da partida, entre a Fera Sertaneja e o time do Decisão, da cidade de Bonito (PE), os profissionais da imprensa, que foram cobrir o jogo, esperavam no portão à liberação para ter acesso as dependências do estádio, quando foram avisados que precisavam fazer o exame da Covid-19 para trabalhar durante a partida.

A informação teria partido da Federação Pernambucana de Futebol, que não teria emitido o comunicado com antecedência. O credenciamento dos profissionais foi realizado pela prefeitura de Petrolina, que informou desconhecer esse comunicado sobre a necessidade do exame nos profissionais de imprensa.

Até mesmo a TV Grande Rio, Afiliada a Rede Globo, que tem os direitos de transmissão das partidas do Campeonato Pernambucano, não teve acesso ao estádio. Resultado, a imprensa só saberá o resultado da partida se a Federação informar e ninguém irá ouvir ou ver os gols e os lances do jogo.

Quatro times lutam para permanecer na elite do futebol pernambucano: Petrolina, Sport, Decisão e Vitória. Os piores serão rebaixados. Hoje se enfrentam Petrolina e Decisão, amanhã jogam Sport e Vitória. Os outros jogos do Petrolina serão todos fora de casa.

Treinador do Salgueiro já está na cidade e comanda equipe na volta aos treinos

Carcará segue treinando forte (Foto: Reprodução/Instagram)

O Salgueiro segue firme nos trabalhos em campo e na academia, aguardando o retorno do Campeonato Pernambucano da Série A1. A boa notícia é que o treinador Daniel Neri desembarcou de Portugal, fez o teste da covid-19, testou negativo e já comandou as atividades no Estádio Cornélio de Barros.

Neri passou a quarentena em seu país natal, com a família. De volta ao Sertão, ontem (23) ele já treinou os atletas. Na semana passada, quando o grupo voltou aos trabalhos oito funcionários testaram positivo: dois já liberados, cinco assintomáticos os quais estão em isolamento domiciliar e um sintomático, também afastado.

Os treinos em Pernambuco foram liberados no dia 15 de junho. A Federação Pernambucana de Futebol ainda não definiu o calendário para a volta do estadual. Salgueiro e Santa Cruz já estão com vaga garantida pra semifinal, faltando uma rodada para o encerramento da 1ª Fase.

Futebol: presidente do Petrolina relata situação delicada e não descarta ir a campo com equipe sub-20

Petrolina ainda não sabe seu futuro no estadual (Foto: Blog Waldiney Passos)

Os clubes de Pernambuco estão autorizados a voltar aos treinos nessa segunda-feira (15), mas quatro equipes vivem momentos de incerteza. Central, Decisão, Petrolina e Vitória ainda não sabem como farão para concluir a temporada 2020 da Série A1.

Petrolina pode voltar com time sub-20

Presidente da Fera Sertaneja, Jeferson Oliveira comentou a situação do clube no programa Super Manhã com Waldiney Passos de hoje. “A dificuldade é grande, somente nos testes, tirando os três grandes da capital. Se não houver ajuda financeira fica muito difícil retomar o campeonato. A não ser que a gente retome com o sub-20 que é da cidade“, disse o presidente à Rádio Jornal Petrolina.

Realidades diferentes aos clubes do interior

Para Jeferson a incerteza é o que mais atrapalha os clubes pequenos. Diferentemente do Salgueiro, a Fera Sertaneja não tem outra competição no calendário. “Em março a gente fizesse uma carta à Federação para que encerrasse o campeonato e não tivesse rebaixamento. Não foi aceito. Voltamos atrás, que voltasse e não houvesse rebaixamento. Central, Petrolina, Decisão e Vitória a condição financeira é muito gasto e não tem outra competição [no calendário 2020]”, destacou.

FPF define protocolo para retorno do Campeonato Pernambucano

Petrolina e Salgueiro estão na competição

Os treinos de futebol em Pernambuco estão liberados a partir do próximo dia 15 de junho e nessa semana a Federação Pernambucana de Futebol (FPF) promoveu uma videoconferência com os clubes da Série A1 para definir o protocolo de retomada da competição.

Durante o encontro a FPF apresentou uma cartilha para volta da Primeira Divisão. O documento foi elaborado com apoio de vários médicos do estado e também com o corpo médico da Confederação Brasileira de Futebol (CBF). Entre as medidas, ficou definido que a Federação pagará 30 testes rápidos a cada equipe.

Caso haja necessidade de mais testagens, as próprias equipes deverão arcar com os custos. Também será obrigatória a realização de um questionário, para monitorar possíveis sintomas da covid-19. E os treinos deverão ocorrer respeitando um distanciamento mínimo entre atletas.

Ainda não há uma data para o reinício da competição, mas especula-se que a bola deve rolar nos gramados – sem torcida – no dia 28/06. Santa Cruz e Salgueiro já haviam garantido vaga no briga pelo título antes da pausa em março.

FPF altera data da última rodada do Campeonato Pernambucano

Petrolina e Salgueiro ganharam mais dias para treinar

A última rodada da 1ª fase do Campeonato Pernambucano teve data alterada pela Federação Pernambucana de Futebol (FPF). Os jogos, previstos para 25/03, serão realizados em 29 de março, último domingo do mês.

A mudança, segundo a FPF, se deu por conta da passagem da Seleção Brasileira por Pernambuco, quando iniciará as Eliminatórias da Copa do Mundo de 2022 pelo Estado. Confira a seguir como ficaram os jogos da 9ª rodada do estadual:

Sport x Santa Cruz (16h) – Ilha do Retiro
Salgueiro x Náutico (16h) – Cornélio de Barros
Retrô x Petrolina – (16h) – Arena de Pernambuco
Afogados x Vitória (16h) – Vianão
Decisão x Central (16h) – Lacerdão

Partida entre Petrolina e Sport tem horário antecipado

Petrolina faz última partida em casa (Foto: Maria Akemi/Elas e os Esportes)

Penúltimo compromisso do Petrolina na 1ª Fase do Campeonato Pernambucano, a partida contra o Sport, agendada para esta quarta-feira (4), no Estádio Paulo Coelho, acontecerá em novo horário. A Federação Pernambucana de Futebol (FPF) antecipou o confronto de 21h30 para 20h.

Será o último jogo em casa da Fera, que enfrentará o Retrô fora de casa na última rodada. A equipe de Higor César precisa dos três pontos para continuar sonhando com o G6. Hoje o Petrolina tem 6, ocupando a oitava posição. Já o Sport está em 5º, com 10 pontos.

Ontem a FPF também definiu a arbitragem para o duelo entre a Fera e o Leão. Rodrigo Jose Pereira de Lima foi escalado como árbitro principal. Ele será auxiliado por Bruno Cesar Chaves Vieira e Humberto Martins Dias Silva. Luiz Claudio Sobral será o quarto árbitro.

Os ingressos da partida custam R$ 30,00 (visitante) e R$20,00 (mandante). Os pontos de venda são a Casa Esportiva, Baita Burgão e Rei do Dog.

Pernambucano Sub-20: Petrolina disputará semifinal fora de casa

Equipe sub-20 da Fera Sertaneja. (Foto: Reprodução/Facebook)

Na noite da segunda-feira (4) a Federação Pernambucana de Futebol (FPF) definiu os mandos de campo das semifinais do Campeonato Pernambucano Sub-20. O Petrolina novamente jogará fora de casa, dessa vez contra o Náutico.

A partida será no estilo jogo único: quem perdeu está eliminado. O duelo acontecerá no Estádio dos Aflitos, no Recife, às 15h deste sábado (9). A equipe viajará na quinta-feira de noite para a capital pernambucana e fará o último treino na sexta, véspera da partida.

Nas quartas de final a Ferinha despachou o Central nos pênaltis, enquanto o Náutico venceu o Sete de Setembro que estava na mesma chave do Petrolina na Fase de Grupos. O outro jogo da semifinal será entre Barreiros x Sport, na casa do Barreiros.

STJD julga processo que pode beneficiar 1º de Maio no Campeonato Pernambucano da Série A2

Azulino do Atrás da Banca pode ser beneficiado com julgamento contra Decisão (Foto: Agência CH)

O pleno do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) começa a julgar às 11h dessa sexta-feira (20) 11 processos colocados na pauta de hoje. Um deles, o item nove interessa ao 1º de Maio, representante de Petrolina no Campeonato Pernambucano da Série A2.

O Azulino assiste de camarote o Processo n° 292/2019, movido pelo Tribunal de Justiça Desportiva de Pernambuco (TJD-PE) contra o Decisão. O Falcão de Bonito foi denunciado por exceder o número de contratações interestaduais. Na primeira instância o clube foi punido com a perda de 10 pontos, mas recorreu no próprio TJD e venceu.

LEIA TAMBÉM:

Campeonato Pernambucano: FPF paralisa Série A2 e partidas da primeira rodada da segunda fase são suspensos

A Federação Pernambucana de Futebol não concordou com o julgamento e agilizou o processo no STJD. O 1º de Maio entrou com um mandado para suspender a competição até o parecer final do STJD, que virá hoje. O auditor relator José Perdizes dará a palavra final.

Caso o Decisão seja punido com a perda de 10 pontos, o 1º de Maio se classifica para a Segunda Fase do Campeonato Pernambucano. Uma rejeição de punição ao Falcão elimina o Azulino do Atrás da Banca.

Após exclusão de equipes, Série A2 do Pernambuco terá apenas oito times

(Foto: Agência CH)

O 1º de Maio buscará o acesso à elite do futebol pernambucano. A equipe que participou do Campeonato Pernambucano da Série A2 em 2018 voltará a disputar a segunda divisão, prevista para iniciar em 28 de julho. E haverá menos concorrência.

LEIA TAMBÉM:

1º de Maio está confirmado na Série A2 do Campeonato Pernambucano

A Federação  Pernambucana de Futebol (FPF) excluiu nove equipes da competição, por ausência de diversos laudos, entre eles os de segurança nos estádios. Maior ausência é o Serrano que havia anunciado a contratação de Flávio Caça Rato, ídolo do Santa Cruz.

Centro Limoeirense, Porto, Íbis, Ipojuca, Retrô, Decisão e Vera Cruz disputarão, juntamente com o Azulino do Atrás da Banca duas vagas na elite do estadual, em 2020. O Petrolina voltou à Primeira Divisão nesse ano, depois de conquistar o título no ano passado.

Mesmo em obra, Estádio Paulo de Souza Coelho poderá receber partidas do Petrolina na Série A1

Parte externa recebeu pintura durante reforma (Foto: Blog Waldiney Passos)

A estreia do Petrolina no Campeonato Pernambucano 2019 foi longe da sua torcida, mas neste domingo (27) os petrolinenses poderão acompanhar a Fera Sertaneja em casa, contra o América. Se dentro de campo o time se prepara para ajustar as falhas, fora a Prefeitura corre contra o tempo para concluir os serviços na parte externa do Paulo de Souza Coelho.

Em entrevista ao Blog Waldiney Passos o secretário-executivo de Esportes, Rodrigo Galvão afirmou que 60% da obra, nada que deva atrapalhar o mando de campo da Fera. “[Falta] alguma parte da calçada e parte da pintura. O maior volume da obra já foi finalizado, faltam alguns acabamentos, mas até sexta-feira esses acabamentos para que o jogo aconteça estarão finalizados e até meados de abril totalmente finalizada a obra”, disse à nossa equipe.

Equipes trocaram alambrados e pavimentaram acesso às arquibancadas (Foto: Blog Waldiney Passos)

Exigências de 2018

Segundo Galvão, a obra foi necessária para atender exigências impostas pela Federação Pernambucana de Futebol, já que os laudos emitidos em 2018 foram aprovados com ressalvas pela Polícia Militar, Corpo de Bombeiros e Vigilância Sanitária.

Essa reforma foi justamente para atender as ressalvas: vestiários, questão de acessibilidade, cabine de imprensa, parte hidráulica, alambrados. Hoje o estádio é uma referência no interior, o torcedor vai ter um estádio mais aconchegante, mais acessível e mais seguro”, destacou.

Validade

No site da FPF os laudos de prevenção e combate a incêndio; condições sanitárias e de higiene; e segurança aprovados em 2018 têm validade até agosto desse ano. Já o de engenharia vence em julho de 2020. Apesar da reforma na parte externa, o gramado não foi incluído.

FPF divulga tabela do Campeonato Pernambucano 2019, Petrolina fará estreia contra Afogados

A estreia do Petrolina na Série A1 do Campeonato Pernambucano está marcada para o dia 20 de janeiro de 2019, justamente contra o time comandado por Pedro Manta, treinador campeão com a Fera Sertaneja na Série A2 desse ano. A tabela do estadual foi divulgada pela Federação Pernambucana de Futebol (FPF) na tarde de ontem (21).

O campeonato terá início no dia 19 de janeiro, com previsão de encerramento apenas em abril. A Fera Sertaneja faz seu primeiro jogo em casa contra o América em 27/01, pela segunda rodada. Em seguida vai até Recife enfrentar o Náutico, atual campeão, no dia 30/01.

A quarta rodada promete ser de casa cheia no Estádio Paulo de Souza Coelho, quando o Petrolina recebe o Santa Cruz (06/02). Completando as partidas contra os grandes da capital, a Fera vai ao Recife no dia 10 e terá como adversário o Sport.

O duelo de sertanejos contra o Salgueiro está marcado para 17 de março, no Estádio Cornélio de Barros, fora de casa. Essa será a última rodada e todas as partidas deverão acontecer no mesmo horário. Veja a tabela completa do estadual.

Pernambucano: Serrano acusa 1º de Maio de descumprir regulamento da Série A2, clube petrolinense nega

Serrano e 1º de Maio estão no meio de uma polêmica no Campeonato Pernambucano da Série A2. A equipe de Serra Talhada acusa o Azulino de não cumprir com o regulamento da competição, afirmando que o representante petrolinense excedeu o número de transferências interestaduais permitidas.

De acordo com o presidente do Serrano, André Maio, a equipe acionou o Tribunal de Justiça Desportiva (TJD) alegando uma sexta contratação interestadual do Azulino, sendo que pelo Artigo 4ª do regulamento são permitidas apenas cinco.

“A gente está aguardando que o TJD cumpra a lei, tendo em vista que o 1º de Maio fez seis transferências interestaduais e só pode cinco. A gente foi prejudicado porque a gente mais dois atletas aqui que eram de transferências e a gente não colocou pra obedecer o regulamento”, disse o presidente.

LEIA MAIS

Federação altera horário do jogo entre Petrolina x Serrano

Partida acontece em casa, neste final de semana (Foto: Blog Waldiney Passos)

O próximo desafio do Petrolina no Campeonato Pernambucano da Série A2 acontece neste domingo (23), contra o Serrano. E após uma solicitação da Fera Sertaneja, a partida começará às 16h, uma hora depois do previsto inicialmente.

A Federação Pernambucana de Futebol (FPF) confirmou na terça-feira (18) a mudança do horário, tendo em vista o forte sol às 15h. O jogo entre Petrolina e Serrano é válido pela 5ª rodada e uma vitória da Fera Sertaneja elimina os visitantes, que poderão somar somente 8 pontos.

O 1º de Maio também está no Grupo A e assiste de camarote o jogo, já que folga pela desistência do Sete de Setembro da competição.