Coronavoucher: segundo FBC, beneficiários do Bolsa Família no Nordeste serão os primeiro a receber auxílio

O Governo Federal publicou hoje (3) a lei do “coronavoucher”. O senador Fernando Bezerra Coelho (MDB) participou de uma entrevista ao vivo na Rádio Jornal Recife e afirmou que o Nordeste será a primeira região a ser beneficiada pelo auxílio da pandemia do coronavírus.

“Os primeiros a serem contemplados serão aqueles cadastrados no Bolsa família, que alcança 14 milhões de brasileiros. E a notícia boa é que mais da metade são do Nordeste, os primeiros a serem beneficiados. Os demais devem chegar até o dia 20 de abril”, afirmou o líder do governo no Senado.

Ainda de acordo com FBC, governo também tem realizado ações para prover liquidez as empresas privadas por meio dos programas de suspensão de pagamento dos empréstimos contratados.

“Só no Banco do Nordeste, até o dia de ontem, já tinham sido prorrogados mais de R$ 850 milhões e mais de R$ 750 milhões já tinham sido contratados em operação de capital de giro nova para que as empresas possam bancar as suas folhas salariais. O foco do governo na próximas semana é promover medidas que possam dar recursos e injetar liquidez para as empresas, sobretudo, as microempresas”, concluiu.

Fernando Bezerra afirma que exame deu negativo para coronavírus

Desde que voltou de Brasília (DF) na semana passada o senador Fernando Bezerra Coelho (MDB) estava em isolamento domiciliar. Segundo o prefeito de Petrolina, Miguel Coelho (MDB), o líder do Governo no Senado tinha sintomas do novo coronavírus.

LEIA TAMBÉM

Senador Fernando Bezerra está em isolamento domiciliar após apresentar sintomas de covid-19

Porém, o resultado do exame deu negativo. A informação foi confirmada pelo próprio senador, em suas redes sociais na noite de terça-feira (17). “Meus amigos, o teste que fiz para o novo coronavírus deu resultado negativo! Quero agradecer as manifestações de carinho e solidariedade nesses dias de apreensão e lembrar a todos que redobrem os cuidados pra evitar a propagação do vírus, principalmente entre os mais vulneráveis“, escreveu FBC.

A preocupação foi porque ele teve contato com vários membros da comitiva de Jair Bolsonaro que visitou os Estados Unidos, entre eles o secretário de Comunicação, Fabio Wajngarten.

Senador Fernando Bezerra está em isolamento domiciliar após apresentar sintomas de covid-19

Miguel comentou sobre saúde do pai (Foto: Blog Waldiney Passos)

O senador Fernando Bezerra Coelho (MDB) foi submetido a exames para investigar o coronavírus. Ele teve contato com membros do Governo Federal e segundo o prefeito de Petrolina, Miguel Coelho (MDB), apresenta sintomas de uma possível contaminação.

LEIA TAMBÉM

Prefeitura de Petrolina anuncia medidas preventivas ao covid-19 e opta por não cancelar aulas da rede municipal

“A previsão é que o resultado saia até amanhã, os sintomas dele infelizmente são febre e gripe. Em tese ele está enquadrado, ele está em isolamento domiciliar desde que chegou de Brasília e está esperando o resultado do diagnóstico”, disse o gestor na coletiva de imprensa realizada em seu gabinete nesse sábado (14).

FBC teve contato direto com integrantes do alto escalação, inclusive os que visitaram os Estados Unidos. O senador está na capital Recife.

Ronaldo Silva critica Oposição por só cobrar demandas ao grupo Coelho

Vereador criticou cobranças constantes da Oposição ao grupo Coelho (Foto: Blog Waldiney Passos)

Aliado do governo municipal, Ronaldo Silva (PSDB) usou seu tempo de fala na sessão de quinta-feira (6) para criticar a Oposição e a população de Petrolina que apenas faz cobranças ao grupo Coelho. Para o vereador, a chamada “força política” não se restringe a uma família e sim a todos os políticos eleitos com votos dos petrolinenses.

Antes da sessão de ontem Ronaldo participou do programa Super Manhã na Rádio Jornal e ouviu cobranças de um ouvinte, a respeito das escolas do Ensino Médio, o que motivou sua fala. “A responsabilidade da escola de segundo ano é do Governo do Estado, que não tem feito a parte dele no município de Petrolina. O povo cobra da nossa força política, para o povo de Petrolina e a Oposição a força política da nossa cidade é Fernando Bezerra, Fernando Filho, Miguel e Antônio Coelho”, afirmou.

Em seguida o edil citou vários políticos, alegando que os mesmos não atuam na região. “Os outros que são aliados do governador Paulo Mentira, aproveite os deputados que os senhores trouxeram para Petrolina para dar voto, a força política é todos que foram votados na nossa cidade, assim como o deputado Lucas Ramos, Dulcicleide Amorim, Gonzaga Patriota, Luciano Bivar e Fernando Monteiro. Pergunte quanto eles colocaram aqui?  Vão trabalhar e deixa quem trabalha, trabalhar pelo povo“, finalizou.

FBC e Fernando Filho são cotados para ministérios de Bolsonaro

Pai e filho devem ganhar força no Governo Federal (Foto: Internet)

Líder do governo no Senado, Fernando Bezerra Coelho está sendo cotado para assumir um ministério na equipe de Jair Bolsonaro (sem partido). Além dele, o deputado federal Fernando Filho (DEM) também é um dos nomes analisados pela presidência. Uma matéria do Jornal do Commércio publicada hoje (1º) afirma ainda que outra opção é deslocar o senador para comandar a articulação política na Casa Civil.

Nos bastidores corre a informação de que a mudança busca solucionar a crise em torno do nome de Onyx Lorenzoni (DEM). Isso porque o esvaziamento das funções da Casa Civil e a demissão de assessores da pasta anunciados nessa semana por Bolsonaro são tidos como “fim da linha” de Onyx.

À frente de FBC está o nome de Jorge Oliveira, atual ministro-chefe da Secretaria-Geral da Presidência da República, que estaria demonstrando resistência em assumir a Casa Civil. Já Fernando Filho já vinha tendo seu nome ventilado para assumir a pasta de Minas e Energias, o que ganhou força nos últimos dias.

Fernando Bezerra acredita na aprovação da reforma tributária em 2020

Senador falou sobre agendas políticas de 2020

Líder do governo no Senado, Fernando Bezerra Coelho (MDB) afirmou que as metas para 2020 são aprovar as reformas econômicas defendidas pelo presidente da República, Jair Bolsonaro. Entre elas estão a tributária, administrativa e dos fundos.

O Governo quer a aprovação ainda no primeiro semestre. “Essa é a prioridade para alavancar o crescimento. Não tenho nenhuma dúvida de que vamos conseguir a aprovação da agenda econômica, como conseguimos com a reforma da Previdência, a nova lei das telecomunicações e o marco regulatório do saneamento”, disse o senador em entrevista ao Correio Braziliense.

Conhecido por sua articulação – já foi ministro nos governos do PT e líder de Michel Temer (MDB) no Senado – FBC avaliou que o ministro da Economia, Paulo Guedes aprendeu a negociar com os políticos e isso pode contribuir para um rápido avanço.

Por fim, ele crê na aprovação sem problemas das reformas, em especial a tributária. “Até o final do ano, a reforma deve ser aprovada no Senado”, destacou o senador petrolinense.

Jarbas mantém apoio a Câmara, mas optaria por votar em Henry na eleição da capital

Jarbas mantém apoio ao PSB (Foto: Hélia Scheppa/Divulgação)

Muita coisa ainda pode acontecer até outubro nos bastidores da política e em Pernambuco o senador Jarbas Vasconcelos (MDB) já sinalizou que se manterá aliado ao governador Paulo Câmara (PSB), mas caso seu companheiro de partido Raul Henry seja lançado a algum posto, votará nele.

Ou seja, um nome indicado por Câmara à Prefeitura seria preterido. Contudo, em entrevista à Rádio Jornal Recife nessa quinta-feira (9), Jarbas destacou que Henry, hoje deputado federal e ex-vice de Câmara não sinalizou se disputará o pleito na capital pernambucana. “Raul não me disse hora nenhuma que era ou não candidato”, disse o senador.

O posicionamento de Jarbas é diferente da outra liderança partidária do MDB, o também senador Fernando Bezerra Coelho que é opositor a Câmara. Mas Jarbas lembrou que a sigla “faz parte hoje da Frente Popular inclusive dando contribuição para a gestão do governador Paulo Câmara, é um apoio político e administrativo”.

Fernando Bezerra inicia articulação com prefeitos do interior

Senador está trabalhando nos bastidores da política

De olho nas eleições de 2020, o senador Fernando Bezerra Coelho (MDB) está trabalhando firme nos bastidores para conseguir novos nomes ao partido e aliados. De acordo com o colunista Magno Martins, FBC está articulando aliança com o ex-prefeito de Surubim (PE), Flávio Nóbrega.

Nóbrega hoje está no PSB, partido do governador Paulo Câmara e quer disputar o poder da cidade, hoje nas mãos de Ana Célia (PSB). Quem estaria envolvido no diálogo é o presidente estadual do MDB, Raul Henry.

Outro nome que pode unir força ao grupo dos Coelho é o de Raimundo Pimentel (PSL), atual prefeito de Araripina. Ele hoje é aliado de Luciano Bivar (PSL), mas já estuda ir para o lado do também deputado federal Fernando Filho (DEM) mirando o pleito de outubro e o apoio político.

Fernando Bezerra Coelho não acredita em imposto como CPMF, mas não descarta volta

(Foto: ASCOM)

O líder do governo no Senado, Fernando Bezerra Coelho (MDB-PE), falou, nessa quarta-feira (18), sobre a possibilidade da criação de um imposto sobre transações financeiras, nos moldes da antiga CPMF.

De acordo com Fernando, o imposto não deve entrar na reforma tributária em 2020, mas ideia não está descartada. “Não se descarta nenhuma alternativa que possa ser trazida à mesa, mas todo mundo está desafiado a encontrar uma solução sem imposto de transação [financeira]”, disse.

LEIA MAIS

Governo Federal salvou Pernambuco em 2019, afirma Fernando Bezerra Coelho

Líder do Governo no Senado, Fernando Bezerra Coelho (MDB) criticou o governador de Pernambuco e afirmou que em 2019, o Estado só avançou porque a União investiu na região. A principal razão, segundo FBC é a classificação de risco “C” em relação à capacidade de pagamento (Capag), do Tesouro Nacional.

“Essa semana foi aprovado um empréstimo para o Ceará de R$ 1 bilhão e Pernambuco não tem condições de tomar empréstimo. Você vai comparar os investimentos de Pernambuco com o Ceará e com o da Bahia, desses últimos cinco anos, é ridículo, e o que salvou Pernambuco esse ano foram os investimentos do governo federal. O governo federal vai investir mais do que o governo do Estado“, disse em coletiva à imprensa da capital pernambucana na sexta-feira (13).

Fernando Bezerra deu como exemplo o Ramal do Agreste, obra da Transposição do Velho Chico, levando água do Sertão ao Agreste. “É uma obra de R$ 1,2 bilhão e vocês não disseram que Bolsonaro só esse ano desembolsou R$ 500 milhões e a obra vai ser concluída em Fevereiro de 2021, que vai atender a necessidade de água de 70 cidades do Agreste”, explicou. (Com informações ao JC Online).

Ministro do Desenvolvimento Regional visita Petrolina nessa segunda-feira

Novo pacote prevê pavimentação na sede e interior (Foto: ASCOM)

Logo mais às 9h30 o ministro do Desenvolvimento Regional, Gustavo Canuto, estará cumprindo agenda em Petrolina. Ele assinará convênios e ordens de serviço ao lado do prefeito Miguel Coelho (MDB), para obras de pavimentação na cidade.

A solenidade acontecerá na Fundação Nilo Coelho, no Centro e contará com a presença do presidente da Codevasf, Marcelo Moreira, do senador Fernando Bezerra e dos deputados Fernando Filho e Antonio Coelho. Nesse pacote serão investidos R$ 60 milhões em pavimentação.

Serão contemplados tanto sede como interior de Petrolina. “O ministro também terá a oportunidade de ver a obra da nova superintendência regional [da Codevasf]”, destacou o senador e líder do Governo, Fernando Bezerra em um vídeo divulgado nas redes sociais.

Superintendência Regional da Caixa será inaugurada na tarde dessa sexta-feira, em Petrolina

Unidade funcionará no Centro da cidade (Foto: Ascom)

A tão aguardada Superintendência Regional da Caixa Econômica Federal será inaugurada às 16h dessa sexta-feira (22), em Petrolina. A unidade, que atenderá mais de 50 cidades do Sertão, funcionará na Rua Dr. José Maria, 111, Centro da cidade.

A inauguração contará com a participação do prefeito Miguel Coelho, do senador Fernando Bezerra e os deputados Fernando Filho e Antonio Coelho. “O presidente Pedro Guimarães teve a sensibilidade de atender nosso pleito, entendendo o protagonismo econômico que nossa cidade tem na região. Isso significa menos burocracia, mais crédito fácil, acesso maior à direção do banco, fazendo gerar novas oportunidades para o Sertão“, comenta o prefeito.

Durante a inauguração do espaço, o presidente da Caixa ainda anunciará uma edição do Caixa Mais Brasil, ação voltada ao crédito mais fácil e com juros menores para habitação.

Superintendência Regional da Caixa será instalada em Petrolina nesta sexta-feira

Anunciada no mês de junho, a Superintendência Regional da Caixa Econômica Federal em Petrolina será entregue nesta semana. Foi o que garantiu o senador Fernando Bezerra Coelho (MDB), em suas redes sociais. Em um vídeo divulgado nessa quarta-feira (20), FBC anunciou a inauguração da unidade.

LEIA TAMBÉM:

Ao lado do presidente do Senado, chefe da Caixa anuncia Superintendência Regional em Petrolina

“Nessa sexta vamos estar em Petrolina na companhia do presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães. Ele vai instalar a Superintendência Regional do Vale do São Francisco que vai entender todos os municípios do Sertão de Pernambuco“, disse o líder do Governo no Senado.

A unidade busca aproximar a Caixa dos municípios do interior. “Serão 57 municípios que serão atendidos em Petrolina. É mais força para o desenvolvimento de Petrolina, para o apoio da fruticultura. Sexta-feira vamos celebrar e festejar essa grande conquista da nossa cidade”, celebrou o senador.

Fernando Bezerra Coelho convida Raul Henry para disputar eleições municipais de Recife

Raul henry e Fernando em evento em Petrolina.

Durante o evento de filiação do prefeito de Petrolina, Miguel Coelho, ao Movimento Democrático Brasileiro (MDB), o senador Fernando Bezerra Coelho (MDB), líder do governo federal no Senado, fez um convite ao deputado federal Raul Henry para disputar as eleições para prefeitura de Recife, capital pernambucana, ressaltando a retomada do protagonismo do partido no estado.

“O MDB, para se preparar para a disputa de 2022, para recuperar o tamanho da sua bancada, não pode deixar de disputar as capitais do Brasil. Portanto, Raul, pense com carinho, considere, (…) poucos quadros em Pernambuco têm a sua biografia e o Recife quer um novo tempo e Raul pode ser o instrumento da construção desse novo tempo na capital pernambucana”, afirmou.

LEIA MAIS

Paulo Câmara e Miguel Coelho lamentam morte de Inaldo Sampaio

Jornalista estava tratando um câncer

A morte do jornalista, blogueiro e comentarista político Inaldo Sampaio deixou os pernambucanos de luto e o governador do Estado, Paulo Câmara (PSB) emitiu uma nota de pesar. Segundo Câmara, Inaldo “era um profundo conhecedor da política pernambucana e defensor intransigente da democracia”.

LEIA TAMBÉM:

Morre jornalista e colunista político Inaldo Sampaio, aos 64 anos

Já o prefeito de Petrolina, Miguel Coelho lembrou que o jornalista tinha um “talento imenso” e “fará muita falta em tempo nos quais vozes sensatas precisam ser ouvidas”. Líder do Governo no Senado, Fernando Bezerra Coelho (MDB) foi outro a comentar a morte de Inaldo.

O senador lembrou os 37 anos de vivência com Inaldo, grande conhecedor da política pernambucana. “O jornalismo pernambucano perde um de seus principais articulistas, um profissional dedicado que tanto contribuiu para levar informação de qualidade“, destacou Fernando.

123