Ipespe: Miguel lidera em Petrolina com 80% dos votos válidos

O Instituto de Pesquisas Sociais, Políticas e Econômicas (Ipespe) divulgou mais uma pesquisa sobre as intenções de voto em Petrolina. E o prefeito Miguel Coelho (MDB) aparece com 73% das menções. No levantamento feito em parceria com a Folha de Pernambuco, levando em conta apenas os votos válidos, Miguel amplia a vantagem para 80%.

Com isso, garantiria a vitória ainda no 1º turno das eleições municipais. De acordo com o Ipespe, na segunda colocação está Odacy Amorim (PT) com 9% das citações e 10% dos votos válidos; seguido de Julio Lossio Filho (PSD), que contabiliza 6% de citações também nos votos válidos.

Gabriel Menezes (PSL) tem 3% das menções e votos válidos. Candidato do PSOL, Marcos Heridjânio soma 1% em ambos os cenários. Por fim, Deomiro Santos (PV) não pontuou. Os eleitores que não sabem ou não responderam e os que afirmaram votar em branco ou ainda anular o voto representam são 4%, respectivamente. A margem de erro da pesquisa é de 4,5% para mais ou menos.

Oscilação

Ainda segundo o Ipespe, Miguel cresceu 2% em relação ao último levantamento, quando tinha 71% das menções. Por outro lado, Odacy que tinha 10% caiu para 9%. Julio Lossio Filho cresceu de 5% para 6%. Julinho também é o candidato com maior rejeição: 53%, enquanto Miguel tem a menor porcentagem, totalizando 13%.

Após decisão do TRE, candidatos a prefeito de Petrolina suspendem agendas dessa sexta

Eleições 2020

As campanhas de rua dos candidatos em Pernambuco estão proibidas pela Justiça Eleitoral, após determinação do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-PE). Além das caminhadas, comícios, passeatas, bandeiraços e até mesmo drive-thru estão vetados nos 184 municípios pernambucanos.

LEIA TAMBÉM

TRE-PE proíbe atos presenciais de campanha que causem aglomeração

Diante da proibição, alguns candidatos de Petrolina tiveram que cancelar seus compromissos previstos para essa sexta-feira (30). A única candidatura a não ser afetada por conta da medida foi a de Gabriel Menezes (PSL), pois o vereador optou por não promover atos que resultem em aglomerações.

LEIA MAIS

Plano de Governo de Gabriel Menezes propõe a construção de dois novos cemitérios em Petrolina

Durante entrevista ao Blog Waldiney Passos esta semana o candidato a prefeito de Petrolina pelo PSL, Gabriel Menezes apresentou uma proposta em seu Plano de Governo que é pouco em planos de governos de outros candidatos. Se for eleito, ele pretende construir dois novos cemitérios no município e reformar os cemitérios que já existem.

“Todo mundo vai precisar ou já precisou. É um absurdo a forma como o povo de Petrolina, que precisa desses equipamentos, em momentos já tão angustiantes, momentos de perda de um ente querido, de um familiar, de um amigo e ver os cemitérios públicos de Petrolina completamente desorganizados. Quem anda no cemitério central não consegue mais acessar um túmulo para realizar um sepultamento. É escuridão, é lixo, precisando de reforma”, justificou o candidato.

Gabriel disse que cobrou da atual gestão a reforma do cemitério da comunidade de Carneiros, durante seu mandato de vereador, mas nada foi feito. O candidato disse ainda que cobrou e foi feita uma reforma no cemitério do João de Deus, mas a obra deixou a desejar.

“Nós cobramos aquela ampliação, que foi feita, mas esqueceram do muro, do portão que está lá prestes a cair por cima de alguma pessoa, uma criança. São equipamentos públicos que precisam de maior atenção. É preciso melhorar a iluminação, porque as vezes o sepultamento chega para o final da tarde ou início da noite. As vezes obrigatoriamente tem que ser feito a noite, quando o corpo de alguém de Petrolina que vem de fora e precisa obrigatoriamente ser sepultado naquela noite”, afirmou Gabriel Menezes.

Ele lembrou que durante a pandemia, vários corpos foram enterrados a noite porque não podiam ser velados para o dia seguinte, devido ao risco de contaminação entre familiares e amigos. “Os cemitérios de Petrolina receberão a atenção que jamais receberam e nossa proposta também é construir dois novos cemitérios. Tem muito cemitério particular e caro sendo implantado em Petrolina, mas aquela parcela mais simples, mais pobre da população não pode pagar por esses serviços e não pode continuar sendo desassistida pelo poder público municipal. Então, reforma nos que já temos e construção de mais dois novos cemitérios”, concluiu o pleiteante ao cargo do executivo.

Candidato a prefeito, Gabriel Menezes pretende criar dois Mercados Municipais em Petrolina

Candidato do PSL foi entrevistado no Blog na terça-feira, 20/10 (Foto: Blog Waldiney Passos)

No que diz respeito à infraestrutura, o candidato a prefeito de Petrolina, Gabriel Menezes (PSL) falou em melhorar as feiras da cidade. Na entrevista de terça-feira (20) ao Blog Waldiney Passos, ele se comprometeu a trabalhar não apenas os espaços, mas também a segurança pública nesses pontos.

LEIA TAMBÉM

Gabriel Menezes promete criar secretaria específica para Esporte e Cultura

Gabriel Menezes pretende retomar campeonatos amadores e fortalecer prática esportiva em Petrolina

Gabriel Menezes quer tirar Compesa e municipalizar serviço de água e esgoto em Petrolina

“Esses equipamentos precisam de mais atenção. Algumas feiras, especificamente a do José e Maria e do João de Deus, estão se transformando em verdadeiras crackolândias. Quero dizer que nós vamos ter bases da Guarda Municipal trabalhando nessas feiras que têm a situação mais grave da droga“, destacou.

O candidato também mencionou os problemas nos banheiros dessas feiras. Mais adiante, o atual vereador destacou que pretende criar Mercados Municipais. “A nossa proposta também é transformar duas das nossas feiras em Mercados Municipais que funcionam a semana inteira. É preciso devolver a cultura dos mercados municipais à nossa população“, pontuou.

Gabriel Menezes promete criar secretaria específica para Esporte e Cultura

(Foto: Blog Waldiney Passos)

Em entrevista ao Blog Waldiney Passos nesta terça-feira (20), o candidato a prefeito de Petrolina pelo PSL, Gabriel Menezes, disse que vai desvincular a secretaria de educação das áreas de esporte e cultura. “Nós vamos refundar a Cultura junto com Turismo e Esporte, mas educação vai cuidar de educação”, afirmou Gabriel.

O candidato ainda prometeu criar cursinhos preparatórios para os jovens. “Vamos criar o curso Petrolina prepara para preparar nossos jovens para o Enem e os vestibulares”, disse.

Gabriel também disse que vai investir na valorização contínua e qualificação dos professores da rede municipal investindo nos cursos de mestrado e doutorado. O candidato ainda falou em construir 4 novas escolas, entre elas uma cívico-militar.

Dentro do seu plano de governo, Gabriel Menezes informou que está prevista prevista a reabertura das unidades do Nova Semente que foram fechadas e a rescisão dos contratos dos prédios escolares que são alugados pela prefeitura para colocar alunos para estudar. “Um exemplo que eu cito aqui é a sede da escola Monsenhor Bernardinho, na Vila Eulália, que o aluguel custa R$ 25 mil reais”, apontou o candidato do PSL.

Na rodada de entrevistas com os candidatos a prefeito de Petrolina, o entrevistado desta quarta-feira (21) será o candidato do PSD, Julio Lossio Filho. Você pode acompanhar ao vivo aqui pelo nosso blog ou  por nossa redes sociais, a partir das 11 horas da manhã.

Gabriel Menezes pretende retomar campeonatos amadores e fortalecer prática esportiva em Petrolina

Candidato do PSL falou sobre ações ao esporte

Outro tema abordado durante a entrevista com o candidato a prefeito de Petrolina, Gabriel Menezes (PSL), nessa terça-feira (20) foi o esporte. Ao longo da sabatina com Waldiney Passos, o pleiteante apresentou suas propostas ao setor, do amador ao profissional.

LEIA TAMBÉM

Gabriel Menezes quer tirar Compesa e municipalizar serviço de água e esgoto em Petrolina

“A gente vai fortalecer a prática de todas as modalidades, incentivando inclusive através dos primeiros anos da nossa Educação Infantil. Vamos retomar o Campeonato Amador [de futebol] no nosso Estádio Municipal, vamos retomar o Interbairro. Vamos valorizar todos os torneios de futebol e de todas as modalidades“, disse ao Blog Waldiney Passos.

O candidato enfatizou que, se eleito, não haverá mais o tempo de estender a mão e sim, trabalhar as políticas públicas de incentivo ao esporte. “Aqueles esportes que precisem se deslocar a outros municípios terão a mão amiga da Secretaria de Esportes. O esporte será para todos e não para um grupozinho seleto. Vamos incentivar as práticas esportivas e os espaços públicos de lazer“, finalizou.

Gabriel Menezes quer tirar Compesa e municipalizar serviço de água e esgoto em Petrolina

Gabriel Menezes foi o entrevistado dessa terça-feira (Foto: Blog Waldiney Passos)

Gabriel Menezes (PSL) foi o terceiro convidado do Blog Waldiney Passos na rodada de entrevistas com os candidatos a prefeito de Petrolina (confira aqui). Na manhã dessa terça-feira (20), o atual vereador explicou o motivo de não fazer campanha em rua e também sobre as motivações para ser pleiteante a gestor municipal.

Edil em primeiro mandato, Gabriel sempre disse ser contrário à reeleição e novamente tocou no assunto. “Reeleição, tenha certeza você que nos acompanha, é muito melhor para o reeleito do que para a população“, disse. Ele também afirmou ser necessária uma renovação e não dar seguimento a mandatos familiares. “Petrolina não pode conviver com dinheiro público sendo rateado entre famílias“, afirmou.

Foram 30 minutos de entrevista, com 12 perguntas sobre segurança pública, mobilidade, saúde, esportes e lazer, além de saneamento básico. De pronto, Gabriel foi questionado sobre a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) e se disse contrário à permanência da Compesa.

LEIA MAIS

Rodada de entrevistas: Gabriel Menezes é o entrevistado desta terça

(Foto: Wanderley Alves/Petrolina em Destaque)

Nesta terça-feira (20), às 11h, o blog Waldiney Passos dá continuidade à rodada de entrevistas com os candidatos a prefeito de Petrolina (PE). O entrevistado do dia será o vereador do município, Gabriel Menezes (PSL). A entrevista será transmitida ao vivo nas redes sociais do nosso blog e aqui no nosso site.

A ordem das entrevistas foi definida em sorteio durante reunião com os assessores dos candidatos no início deste mês. No encontro foram apresentadas as regras das entrevistas, o tempo de duração e formato.

LEIA MAIS

Câmara de Petrolina aprova projeto do Executivo sobre contribuição patronal

Projeto segue para sanção do prefeito Miguel Coelho (Foto: Blog Waldiney Passos)

Oposição e Situação travaram mais uma batalha na Câmara de Vereadores de Petrolina. Na sessão de terça-feira (15), a bola da vez para o debate acalorado foi o Projeto de Lei n° 020/2020 (confira aqui), cuja autoria é do Poder Executivo. A Prefeitura solicitava suspensão dos impostos patronais até o final do ano, por conta da pandemia.

LEIA TAMBÉM

Câmara de Petrolina analisa suspensão temporária das contribuições previdenciárias patronais

Na visão da bancada oposicionista, a matéria pode vir a “endividar” o IGEPREV. “Ele está pedindo para endividar o IGEPREV a partir do momento que deixa passar os recursos“, disse Cristina Costa (PT). Líder da Oposição, Paulo Valgueiro (PSD) reconheceu a legalidade do projeto, mas não poupou críticas. “A imoralidade, esse é um dos projetos que não é ilegal, mas é total e absolutamente imoral“, enfatizou.

Em sua fala, Gilmar Santos (PT), pontuou a escassez de informações claras a cerca da real situação do IGEPREV. Último a falar, Gabriel Menezes (PSL) falou em “quebra do Instituto”, pois “falta recurso a pagar as pensões e aposentadorias”.

O que diz a Situação

Para a bancada governista, as falas dos colegas opositores tem cunho eleitoreiro. “Alguns não têm comportamento digno de um parlamentar dessa Casa“, disparou Alvorlande Cruz (Republicanos). Ronaldo Silva (DEM) justificou que a Prefeitura não deixará de arcar com suas responsabilidades no futuro.

LEIA MAIS

PSL confirma pré-candidatura de Gabriel Menezes a prefeito de Petrolina

Atual vereador de Petrolina estará na disputa como pré-candidato a prefeito (Foto: Divulgação)

O Partido Social Liberal (PSL) de Petrolina confirmou a pré-candidatura de Gabriel Menezes a prefeito. O anúncio foi feito na convenção partidária, realizada na noite de terça-feira (8). Além do nome do atual vereador, também foi confirmado o vice, Messias Rodrigues.

Messias é comerciante e caminhará ao lado de Gabriel na campanha desse ano. O PSL municipal definiu o tema da campanha como “Petrolina para Todos”, na busca de construir uma Petrolina diferente. Chegou a oportunidade de Petrolina poder escolher uma chapa formada por um morador do Jardim Maravilha e outro do Terras do Sul, conhecedores da realidade da população, que possam governar de fora para dentro, promovendo investimentos em todas as regiões do município e mostrando que é possível trilhar um caminho diferente na política, de respeito à população, com transparência e zelo pelo dinheiro público“, disse Gabriel. 

Chapa do povo

Pré-candidato a vice, Messias destacou que o PSL forma uma chapa com a cara do povo. “Cresci no João de Deus e hoje percebo que os mesmos problemas ainda existem, aqueles que tantas vezes prometeram resolver. Chega de promessas! Faremos de Petrolina uma cidade justa! Conheço a situação de perto pois passo dentro dos esgotos a todo momento. Isso precisa acabar”, afirmou.

Câmara de Vereadores

No que diz respeito à Câmara de Vereadores, o PSL contará com 19 pré-candidatos a vereador. A solenidade de ontem contou com a presença do presidente Estadual da legenda, Frederico França.

PSL convoca convenção para definir candidato a prefeito e vereadores em Petrolina

(Foto: Reprodução/Facebook)

A Comissão Provisória Municipal do Partido Social Liberal (PSL) de Petrolina convoca seus membros para a convenção que definirá o candidato a prefeito e também a vereador na eleição de 2020. A convenção está agendada para a próxima terça-feira (8), às 19h.

O encontro será realizado pela plataforma Zoom, por conta das medidas sanitárias e de segurança na pandemia do novo coronavírus. A convocação foi feita pelo presidente da Comissão, o vereador Gabriel Menezes. Na ordem do dia estão a escolha dos candidatos a prefeito, vice e vereadores da sigla.

Também serão formadas as coligações partidárias às eleições de 2020 e o sorteio dos números dos candidatos a vereador. Gabriel pode sair como candidato a prefeito e conta com apoio do presidente nacional do PSL, Luciano Bivar.

Gabriel Menezes lança pré-candidatura para prefeito de Petrolina

Vereador Gabriel Menezes – PSL. (Foto: Blog Waldiney Passos)

Depois de Júlio Lóssio Filho e Odacy Amorim, mais um nome da oposição confirmou sua pré-candidatura para disputa majoritária em Petrolina (PE). O vereador Gabriel Menezes (PSL) confirmou, nesta quarta-feira (26), que está à disposição para as eleições deste ano.

A confirmação veio pelas redes sociais do parlamentar. “Assim como o caminho mais fácil nem sempre é o melhor, as maiores batalhas não são impossíveis”, diz Gabriel.

Com isso, Petrolina já tem, pelo menos, cinco nomes para disputar o cargo de prefeito da cidade. Além de Gabriel, o médico ortopedista Marcos Heridijanio, Júlio Lossio Filho e Odacy, que são opositores ao atual governo, Miguel Coelho busca a reeleição.

Odacy Amorim acredita em desistência de pré-candidato a prefeito para compor chapa como vice, Gabriel nega

Em recente entrevista a Rádio Jornal, o ex-deputado Odacy Amorim (PT) afirmou que até o final das convenções alimenta a esperança de compor com alguns pré-candidatos a prefeito de Petrolina, neste caso ele disse que a vaga de vice em sua chapa poderia ser preenchida por um deles.

Questionado por nossa reportagem, o vereador Gabriel Meneses (PSL) descartou a possibilidade. “Quanto a Odacy, é alguém que goza do nosso respeito mas não haverá composição”, salientou.

Gabriel aformou que sua pré-candidatura está  mantida. “O PSL terá candidatura própria, assim como já colocamos e fora confirmado pelo Presidente Nacional Luciano Bivar. Nos próximos dias divulgaremos a data da nossa convenção, onde serei confirmado oficialmente, além do nosso vice e candidatos e candidatas ao legislativo. Nossa chapa será puro sangue! 100% PSL!”, disse..

Sobre a substituição de Julio Lossio pelo filho, o Edil informou entender a justificativa. “Sou conhecedor desse bote armado pela bancada do prefeito Miguel na Câmara, visando reprovar suas contas e deixá-lo inelegível”, enfatizou.

Por fim, comentou que vai apresentar a Petrolina “um plano de trabalho, baseado nas reais necessidades da população, onde os recursos sejam otimizados, além de geridos com transparência”.

Em cima da notícia

Tá chegando a hora

Exatamente daqui há um mês saberemos de fato quais serão os candidatos que irão concorrer as eleições deste ano em Petrolina. Digo, saberemos, porque daqui até o dia 16 de setembro, prazo final para realização das convenções partidárias, muita coisa pode mudar, nomes que estão colocados como pré-candidatos a prefeito podem simplesmente desistir da cabeça de chapa para disputar o mandato de vice-prefeito em composições, sobretudo, de partidos de oposição no município. É o caso dos radialistas Vinícius de Santana e Gabriel Menezes. Em entrevista a Rádio Jornal, na última quinta-feira (13), o ex-deputado Odacy Amorim chegou a insinuar essa possibilidade quando questionado sobre as conversações para definir a chapa majoritária. Ele disse que existem muitos nomes bons e que tudo é possível de acontecer.

Mantendo a fidelidade

Durante essa pandemia do novo coronavírus um fato chamou a atenção no Estado da Bahia: O governador Rui Costa (PT) e o prefeito de Salvador ACM Neto (DEM), deixaram de lado as divergências políticas para alinhar as ações de combate à Covid-19. Mas, não passou disso, nos bastidores os dois se articulam para fazer desta eleição uma prévia da disputa pelo governo em 2022.  Em Casa Nova por exemplo, segundo informações oficiosas, a ex-prefeita Dagmar Nogueira (DEM), foi chamada a Salvador para deixar de apoiar o atual prefeito Wilker Torres (PSB). Tendo construído uma carreira política em cima da honestidade e fidelidade, ela não pensou duas vezes e deu um “Não”, disse que vai continuar com o atual prefeito, a quem parabeniza sempre por “realizar um grande trabalho”. Essa sim tem palavra!

Um olho na missa e outro no padre

Essa eleição municipal vai ter um duplo sentido para Odacy Amorim. Como ele é o primeiro suplente do PT em Pernambuco, caso não consiga lograr êxito em Petrolina e Marília Arraes se eleja prefeita do Recife, nem tudo estaria perdido. Neste cenário, a vaga de Deputado Federal estaria garantida. Odacy nega torcer por esta engenharia, mas é uma possibilidade real.

Eleição acirrada

Com histórico de campanhas eleitorais acirradas, a cidade de Cabrobó se prepara para vivenciar mais uma disputa dura. Pelo menos três nomes de peso estão colocados como pré-candidatos a prefeito da cidade sertaneja: Auricélio (Ex-prefeito), Dim Saraiva (Presidente da Câmara de Vereadores) e Galego de Nanai (Delegado de Policia Civil). Segundo o amigo blogueiro Didi Galvão, “essa vai ser a mais disputada eleição de todos os tempos no município. Um deles se apresenta como o mais experiente para comandar os destinos do município em tempos de crise; outro prefere se colocar como o mais próximo do povão e aquele que tem mais facilidade de diálogo com os menos favorecidos; mas tem o que espera ser visto como a novidade da política e que pode representar o novo”.

CURTAS:

Como assim?

Não sei por que muitos “pré-candidatos a vereador” querem se eleger descendo o pau na atual legislatura. Falam mal dos vereadores, do trabalho que eles realizam, do papel que exercem. Enfim, é como se estivessem cuspindo no prato antes de comer, ou pedindo o voto das pessoas para ir a um lugar sem importância. Assim fica difícil entender a cabeça dessa gente!

Eu prometo!

A campanha eleitoral está começando, alguém se lembra de algumas promessas que já foram feitas em outras disputas e que não foram cumpridas em Petrolina?

Show…

O discurso do vereador Ronaldo Cancão surpreendeu a todos durante a entrega do Título de Cidadão Petrolinense, na última sexta-feira (14), ao presidente da Caixa Econômica Federal Pedro Guimarães. O edil falou da trajetória de sucesso do presidente e fez uma homenagem ao seu pai, segundo ele um grande nadador que conquistou várias medalhas. Ao final, Cancão presenteou o homenageado com uma imagem de São Francisco de Assis, santo protetor das águas, fazendo uma analogia entre ao legado deixado pelo genitor do mais novo cidadão petrolinense e as águas do Velho Chico.

Bem na fita

No mesmo evento o presidente da Caixa fez questão de ressaltar a importância do trabalho realizado pelo prefeito Miguel Coelho (MDB) durante a Pandemia do novo coronavírus. Segundo ele, foi a partir de Petrolina, com a iniciativa de fechar as ruas para organizar as filas dos beneficiários do auxilio emergencial, que o pagamento começou a fluir em todo o país. “Quando vi a foto e mostrei na TV citando Petrolina, tudo começou a mudar”.

Perguntar não ofende

Com a decisão de Carlos Siqueira, presidente nacional do PSB, que declarou em entrevista ao Estado de S.Paulo na última quinta-feira (13) que o partido não fará alianças com o PT em 2020, como fica então o apoio de Gonzaga Patriota a Odacy Amorim em Petrolina, será que pode gorar?

Requerimento propondo CPI do CEAPE é retirado de pauta

Pedido é de Gabriel Menezes (PSL)

Gabriel Menezes (PSL) propôs a criação de uma Comissão Especial de Inquérito (CPI) para investigar a retirada e venda irregular da cobertura metálica do Centro de Abastecimento de Petrolina (CEAPE). O Requerimento n° 237/2020 foi retirado de pauta, durante a sessão dessa terça-feira (28), pelo presidente da Câmara de Vereadores de Petrolina, Osório Siqueira (MDB).

Um problema na tramitação obrigou a medida, explicou Osório. “O Requerimento de número 237 de autoria do vereador Gabriel Menezes, tomei conhecimento depois da pauta e esse tipo de Requerimento tem que ser protocolado na Presidência. Ele foi só por email. Tem que ser protocolado na Secretaria e comunicado ao Protocolo Central. A tramitação tem que ser pelo Protocolo Central pela Presidência“, disse o presidente.

Gabriel não concordou, mas acatou a ordem superior. “Não estou querendo passar por cima das prorrogativas do senhor que é presidente da Casa. Farei o que o senhor está pedindo hoje, mas não aceitarei esse tipo de desculpa na próxima sessão“, disparou.

Pedido ganha apoio dos colegas

O Requerimento busca apurar a comercialização na gestão do atual prefeito, Miguel Coelho (MDB) e do ex-gestor, Julio Lóssio (PSD). Mesmo sem estar em pauta, a ideia de uma CPI agradou Oposição e Situação. “Sou a favor, que faça essa CPI do Ceape e também inclua a permissão de uso dos terrenos que foram doados na gestão passada aos permissionários para que a gente possa fazer uma CPI completa”, disse Ronaldo Silva (DEM), que foi acompanhado pelo líder da Oposição, Paulo Valgueiro (PSD), aliado de Lóssio.

123