Maria Elena cobra melhorias na infraestrutura do Hospital Dom Malan/IMIP

Maria Elena cobrou melhorias no Hospital Dom Malan/IMIP (Foto: ASCOM/Jean Brito)

A vereadora Maria Elena de Alencar (PRTB) apresentou o Requerimento n° 020/2020 na sessão de quinta-feira (6), na Casa Plínio Amorim, cobrando melhorias no Hospital Dom Malan/IMIP. A edil denunciou uma série de irregularidades que estariam acontecendo na unidade, especialmente o constrangimento sofrido por mães que acabaram de dar à luz.

Segundo Elena, não há uma estrutura adequada ao banho das genitoras e dos bebês. “Mães estão sendo constrangidas com a presença de homens em suas enfermarias. Não podemos colocar homens e mulheres, acompanhantes, com mães que precisam fazer sua higiene àquele estado de constrangimento. Nós vimos o IMIP dizendo que tinha água quente, mas o que se vê são bebês chorando porque tomam banho na água gelada“, destacou.

O pedido de Elena foi direcionado ao superintendente da unidade, Etiel Tavares Lins. “É uma questão de competência de se resolver esse problema e de se oferecer o mínimo de conforto a esses bebês recém-nascidos“, disse a vereadora. Ela reconheceu que há superlotação na unidade, porém, isso não justifica a falta de estrutura física na unidade que é referência na região.

“A gente sabe das circunstâncias que rodeiam esse hospital quando ele atende tantas cidades, não só de Pernambuco, mas da Bahia e do Piauí. Mas não se pode admitir que os governos não tenham tomado providências para suprir suas necessidades. Ainda se verifica um declínio muito grande em relação aos serviços prestados“, finalizou.

Dom Malan desmente boato e classifica de “informação equivocada” notícia sobre demissão de funcionários

Unidade considerou notícia “inverídica” (Foto: Arquivo)

Um vídeo que mostra funcionários do Hospital Dom Malan/IMIP mostrando os estragos causados pelas chuvas dessa semana repercutiu nas redes sociais. Porém, a direção da unidade nega qualquer represália aos servidores e desmentiu a informação sobre demissões.

Procurado pelo Blog Waldiney Passos o o HDM respondeu em nota que “nenhum funcionário contratado em regime celetista pelo HDM foi demitido nos últimos dias. Desse modo, considera a informação equivocada”.

O vídeo em questão foi divulgado na noite de segunda-feira (6), quando uma forte chuva atingiu Petrolina e alagou alguns pontos da cidade. Funcionários apareciam usando rodos para puxar a água empoçada dentro da unidade médica.

Pai de criança morta em Casa Nova pede justiça

Criança de 2 meses teve 95% do corpo queimado (Foto: Reprodução/TV Bahia)

Justiça. Esse é o pedido de Vinícius Souza, pai do pequeno Pablo Miguel Amorim. A criança de apenas dois meses morreu após ter 95% do corpo queimado depois de um vizinho ter jogado gasolina e ateado fogo nele e na tia. O fato aconteceu em Barra dos Barnabés, zona rural de Casa Nova (BA), na véspera de Natal.

LEIA TAMBÉM:

Casa Nova: criança tem 95% do corpo queimado e morre após homem jogar gasolina contra ela

Pablo chegou a ser socorrido, mas morreu no Hospital Dom Malan/IMIP, em Petrolina. A tia da criança, de 19 anos está internada no Hospital Regional de Juazeiro, com 25% do corpo queimado. “Quero que ele [suspeito] pague o que ele fez. Que sofra o que o meu filho sofreu para morrer. Quero justiça“, disse o pai.

João Domingos Santos é o homem que ateou fogo nas vítimas. Ele é vizinho da família, apresentava sinais de embriagues e foi preso após o crime. Segundo a polícia, ele confessou a ação, mas negou que teria intenção de matar. Ele responderá por homicídio e tentativa de homicídio. (Com informações da TV Bahia).

Em visita por Petrolina, Antônio Coelho contempla instituições com mais de R$ 1 milhão em emendas

BIEsp ganhou recurso para comprar materiais (Foto: Ascom)

Mais de R$ 1 milhão em emendas parlamentares do deputado estadual Antônio Coelho (DEM) foram destinados a Petrolina. Antônio visitou sua cidade nessa quinta-feira (28), passando por instituições que receberão a verba destinada no Orçamento do Estado.

O Hospital Dom Malan/IMIP receberá R$ 500 mil. O 2º Batalhão Integrado Especializado (BIEsp) outros R$ 150 mil, para aquisição de equipamentos e materiais para o Batalhão. A Facape foi contemplada com outros R$ 300 mil, enquanto a UPE de Petrolina, R$ 200 mil.

Visamos melhorar a qualidade de vida de nossos conterrâneos com essas ações para saúde, educação e segurança. As emendas têm este intuito e procuramos distribuí-las da melhor forma possível e contemplando o máximo de áreas possível“, disse o deputado.

IMIP avalia mais de mil candidatos em seleção para UPAE e Hospital Dom Malan

(Foto: Ascom/IMIP)

O IMIP iniciou nessa semana a segunda etapa do processo seletivo para preenchimento de vagas na Unidade de Pronto Atendimento e Atenção Especializada e do Hospital Dom Malan, em Petrolina. Os candidatos estão sendo submetidos a provas escritas e testes psicológicos.

De acordo com o IMIP, mais de 1.260 candidatos foram aprovados na primeira etapa e agora são analisados pela comissão. Até esta sexta-feira (18), as representantes do Departamento de Captação e Desenvolvimento de Pessoal do IMIP Pernambuco encerrarão a fase classificatória/eliminatória para os cargos de nível médio, técnico, superior e elementar.

Os classificados nesta etapa farão parte de um cadastro de reserva e, de acordo com a necessidade da UPAE e do HDM, serão chamados para uma entrevista e posterior contratação. A seleção tem duração de apenas um ano.

Hospital Dom Malan recebe doações de gincana escolar

(Foto: Ascom/HDM)

Produtos de higiene pessoal foram entregues ao Voluntariado do Hospital Dom Malan/IMIP na sexta-feira (20). A doação é resultado de uma gincana cultural do Educandário Criarte, que ajudou os pacientes e familiares que estão na unidade.

Os itens serão entregues às mães, pacientes e acompanhantes em situação de vulnerabilidade. “O HDM realiza mais de 600 partos por mês e devido à grande desigualdade social ainda existente no país, muitas mães precisam desse apoio na hora do parto“, esclarece o coordenador do voluntariado Rui Holanda.

Quem puder ajudar pode contribuir com fraldas, sabonetes, talco, shampoo, creme dental, produtos de higiene pessoal para o bebê, assim como roupas novas ou seminovas (em bom estado de conservação) para recém-nascidos e puérperas.

Gilberto Melo critica descaso na saúde após Rede PEBA contabilizar mais uma morte

Presidente da Comissão de Saúde da Câmara vai procurar família de garoto juazeirense (Foto: Blog Waldiney Passos)

Nessa semana a saúde pública da região foi alvo de críticas da família de um paciente, que aguardou a regulação através da Rede PEBA, mas acabou morrendo no Hospital Dom Malan/IMIP Petrolina na quarta-feira (18). André Ricardo dos Santos tinha apenas 13 anos e veio a óbito após sofrer uma parada cardíaca.

LEIA TAMBÉM:

UPA de Juazeiro afirma que garoto de 13 anos “recebeu toda a assistência necessária”

Segundo Dom Malan, paciente que veio da UPA de Juazeiro deu entrada com suspeita interrogada de morte encefálica

Garoto que precisava de transferência para o Dom Malan morre após família fazer peregrinação por atendimento médico

A família do garoto chegou a citar negligência médica, pois André deu entrada na UPA de Juazeiro, aguardou durante toda terça-feira (17) para ser transferido ao Dom Malan, mas a transferência ocorreu apenas pela tarde. Essa situação vai ser acompanhada pela Câmara de Vereadores de Petrolina.

LEIA MAIS

Segundo Dom Malan, paciente que veio da UPA de Juazeiro deu entrada com suspeita interrogada de morte encefálica

(Foto: Arquivo)

O Hospital Dom Malan/IMIP emitiu uma nota sobre o caso do paciente André Ricardo dos Santos, de 13 anos. O garoto deu entrada na unidade na noite da última terça-feira (17), mas veio a óbito depois de a família passar por uma peregrinação entre hospitais particulares e públicos de Juazeiro (BA).

Segundo a nota do HDM, André “recebeu, de imediato, toda assistência necessária” e já chegou à unidade “com suspeita interrogada de morte encefálica”. O garoto morreu na manhã de hoje (18), em decorrência de “uma parada cardiorrespiratória”.

LEIA TAMBÉM:

Garoto que precisava de transferência para o Dom Malan morre após família fazer peregrinação por atendimento médico

Por fim, o Hospital se solidarizou com a família de André e se colocou à disposição para quaisquer dúvidas sobre o atendimento. De acordo com parentes do garoto, o problema teria sido a demora da UPA de Juazeiro em conseguir a transferência para Petrolina. Ainda estamos esperando uma resposta da Secretaria de Saúde (SESAU).

Confira a nota do HDM:

LEIA MAIS

Garoto que precisava de transferência para o Dom Malan morre após família fazer peregrinação por atendimento médico

Família afirma que negligência teria agravado caso de garoto (Foto: Blog Waldiney Passos)

Desde a terça-feira (17) o Blog está acompanhando a saga da família de André Ricardo dos Santos, de 13 anos que precisou de atendimento na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Juazeiro (BA), mas por falta de profissionais não teria conseguido ser avaliado por um médico neurologista.

Segundo a família de André, ele deu entrada em coma e precisava ser transferido ao Hospital Dom Malan/IMIP em Petrolina, mas isso somente aconteceu às 18h de ontem. No Dom Malan, novamente o garoto precisou ser avaliado por um neuro, que não estava presente na unidade.

Nessa quarta-feira (18) nossa produção recebeu informações da família de André que o garoto não resistiu e morreu por volta de 9h30, sem ter passado pela avaliação do neuro. O Blog procurou a assessoria do HDM e da UPA em Juazeiro para saber qual foi o motivo da demora na transferência de André para Petrolina e porque ele não recebeu avaliação do médico especialista. Estamos aguardando um posicionamento das duas unidades e seguimos acompanhando o caso.

Ronaldo Cancão afirma que CREMEPE “não respeitou” trabalho da CPI do Dom Malan

Presidente da Comissão criticou postura do CREMEPE (Foto: Ascom/CMP)

O presidente da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) do Hospital Dom Malan/IMIP, Ronaldo Souza (PTB) criticou a postura adotada pelo Conselho Regional de Medicina de Pernambuco (CREMEPE) durante os trabalhos da CPI.

LEIA TAMBÉM:

CPI do Dom Malan: Direção do hospital afirma não ter recebido relatório da Câmara

Vereadores de Petrolina apresentam relatório sobre CPI do Dom Malan

Segundo Cancão, o órgão responsável por fiscalizar o trabalho dos médicos da unidade não contribuiu com os membros da Comissão, mostrando certo desdém. O Cremepe se negou por duas vezes a ser ouvido pela CPI do Dom Malan“, deixou claro o vereador ao falar sobre o relatório da Comissão, na sessão da última quinta-feira (29).

LEIA MAIS

CPI do Dom Malan: Direção do hospital afirma não ter recebido relatório da Câmara

(Foto: Arquivo)

Na sessão da última quinta-feira (29) os vereadores de Petrolina apresentaram o relatório da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) do Hospital Dom Malan/IMIP. Os membros da Comissão fizeram um balanço das ações e comentaram como foi o trabalho.

Ainda ontem nossa produção buscou o HDM para saber se a instituição já havia tido acesso ao documento. “O Hospital Dom Malan/IMIP de Petrolina informa que não foi notificado oficialmente a respeito do relatório citado, então, não conhece o seu conteúdo”, informou através de nota.

LEIA TAMBÉM:

Vereadores de Petrolina apresentam relatório sobre CPI do Dom Malan

A CPI foi instaurada no ano passado, após a morte da jovem Millian Carvalho. O hospital reiterou que “sempre foi colaborativa com a Comissão de Saúde. Inclusive, em junho do ano passado, o superintendente do hospital esteve na Câmara de Vereadores para prestar esclarecimentos”.

Por fim o HDM reforça que está “à disposição das autoridades competentes, pois não há nada a esconder. Todos os dados do hospital estão no Portal da Transparência”. De acordo com os membros da Comissão, o relatório seria protocolado no Ministério Público Federal (MPF) nessa sexta-feira (30).

Vereadores de Petrolina apresentam relatório sobre CPI do Dom Malan

Vereadores falaram sobre trabalho da Câmara na CPI (Foto: Ascom/Cristina Costa)

Não estava previsto na pauta, mas os vereadores de Petrolina apresentaram nessa quinta-feira (29) ao público o balanço das ações da Comissão de Inquérito Parlamentar (CPI) do Hospital Dom Malan/IMIP. Os trabalhos tiveram início após a morte da jovem Milian Carvalho, de 15 anos, em 2018.

Presidente da Comissão, Ronaldo Souza (PTB) falou com a imprensa e destacou o empenho dos colegas de Câmara no trabalho de um semestre. “Ouvimos sete famílias, confesso que foi doloroso [ouvir os relatos]. Conseguimos acesso a relatórios do hospital e há uma contradição [na causa da morte e o que o hospital alega]”, disse Cancão.

LEIA TAMBÉM:

Resultado de exames que podem revelar causa da morte de adolescente grávida que morreu no HDM deve sair em 20 dias

Justiça autoriza exumação de corpo de adolescente grávida que morreu no hospital Dom Malan/IMIP

Depois de morte de adolescente grávida, vereador Ronaldo Cancão pede instalação de comissão na Câmara para investigar atendimento no Hospital Dom Malan

Maria Elena de Alencar (PRTB), Gabriel Menezes (PSL), Gilmar Santos (PT), Paulo Valgueiro (MDB), Rodrigo Araújo (PSC) e Ronaldo Silva (PSDB) também integraram a CPI. Eles investigaram a realidade do Dom Malan e conversaram com a administração da unidade.

LEIA MAIS

Dia da Caridade: conheça projeto que segue beneficiando mães da Casa de Apoio do Hospital Dom Malan/IMIP de Petrolina

(Foto: Ascom)

Em alusão ao Dia da Caridade (19 de julho), o Hospital Dom Malan/IMIP de Petrolina lembra um importante projeto desenvolvido pela jornalista e mãe, Lara Cavalcanti.

Todos os meses ela vai à unidade materno-infantil e leva para as mães da Casa de Apoio roupinhas de criança, peças de enxoval, livros e, principalmente muito amor. Lara, inclusive, é a responsável por criar o Cantinho da Leitura no espaço de convivência das puérperas.

Atualmente, ela está lutando pela reforma dos banheiros da Casa de Apoio, em parceria com a sua mãe, Carolina Cavalcanti, que é arquiteta. “Já fizemos o planejamento, a escolha dos materiais, agora falta só acertar alguns detalhes com a direção e a obra física em si”, garante.

A parceria de Lara com o Hospital Dom Malan nasceu em 2018, e surgiu através de um processo de empatia com as mães de prematuros. “Sou mãe de uma criança prematura e sei bem como é essa luta. Já tinha vontade de realizar um trabalho voluntário e social, então, essa oportunidade veio bem a calhar”, ressalta.

LEIA MAIS

Grávida que aguardava cesárea no Dom Malan passa bem após parto

(Foto: Blog Waldiney Passos)

Após dois dias aguardando atendimento no Hospital Dom Malan/IMIP, em Petrolina, Leidivânia Leite de Souza teve seu bebê. O Blog Waldiney Passos mostrou a história da gestante no sábado (16), mostrando o apelo de sua cunhada que denunciou a demora na realização da cesariana.

LEIA TAMBÉM:

Acompanhante afirma que grávida está há dois dias aguardando atendimento no Hospital Dom Malan

Leidivânia deveria ter sido atendida na manhã do sábado, mas precisou aguardar até o final da tarde para fazer a cirurgia. A assessoria de Comunicação do Dom Malan disse ao Blog que a paciente havia dado entrada no centro cirúrgico por volta de 17h40.

Em contato com nossa produção nessa segunda-feira (18) a família de Leidivânia relatou que a paciente passa bem após ter dado à luz, assim como sua filha. Elas devem receber alta ainda hoje.

Acompanhante afirma que grávida está há dois dias aguardando atendimento no Hospital Dom Malan

(Foto: Arquivo)

O atendimento no Hospital Dom Malan/IMIP voltou a ser questionado pelos petrolinenses nesse sábado (16). A acompanhante de uma grávida procurou o Blog Waldiney Passos no final da manhã, denunciando o descaso com sua cunhada.

Leidivania Leite de Souza está há dois dias na unidade sem receber atendimento. De acordo com sua cunhada a gestante não pode ter o parto normal. Apesar de o parto ter sido agendada para 8h de hoje, até 12h Leidivania segue na sala de triagem.

“Está com dois dias que ela está lá, eles sabem que é cesariana, foi encaminhado pelo postinho. Estão fazendo as cesarianas da SAMU dizendo que é urgência, o caso dela é complicado e eles só adiando o parto”, disse a cunhada de Leidivania.

Nossa produção entrou em contato com o HDM, que está apurando a situação e em breve enviará resposta oficial sobre a denúncia apresentada na matéria.

123