Diretório estadual do PSOL ratifica apoio para que Lucinha Mota tome posse em Petrolina

O diretório estadual do PSOL emitiu uma nota demonstrando apoio a Lucinha Mota, que está prestes a assumir uma cadeira na Câmara de Vereadores de Petrolina. O partido reafirmou a posição do diretório local e confia na Justiça Eleitoral, que ainda analisa a cassação de mandato de Júnior Gás (Avante).

LEIA TAMBÉM

Em nota, PSOL de Petrolina repudia retorno de Júnior Gás à Câmara e afirma que vai recorrer da decisão: “Não há como se manter um Gabinete Parlamentar ilegítimo”

Para o PSOL, há “total confiança na decisão do juiz Elder Muniz de Carvalho Souza que, através de robustas provas, configurou a ilegalidade da chapa do Partido “Avante” pelo uso de candidatura “laranja””.

Júnior conseguiu uma liminar que garantiu seu retorno à Câmara, enquanto o processo é julgado em instâncias superiores. O vereador é acusado de fraude eleitoral, no que diz respeito a cota de gênero, na eleição de 2020.

Leia a seguir a íntegra da nota do PSOL:

LEIA MAIS

Em nota, PSOL de Petrolina repudia retorno de Júnior Gás à Câmara e afirma que vai recorrer da decisão: “Não há como se manter um Gabinete Parlamentar ilegítimo”

A Direção Municipal do PSOL, em Petrolina, emitiu, nesta tarde desta quinta-feira (16), uma nota repudiando as candidaturas laranja no pleito eleitoral 2020 na cidade.

O partido se solidarizou com Lucinha Mota, a quem consideraram como “legítima candidata” nas eleições 2020. ” Reiteramos nossa solidariedade e o apoio incondicional à Lucinha Mota, Legitima candidata eleita no Pleito 2020, uma vez que, candidaturas do Avante, recheadas de crime eleitoral conforme comprovado nos altos e decisão do Tribunal de Justiça em Petrolina de cassação do Mandato do Vereador Junior Gás”, afirmou.

LEIA TAMBÉM

Júnior Gás obtém liminar para retorno à Câmara de Petrolina

Após o retorno do vereador cassado Júnior Gás (Avante) para a Câmara de Petrolina, por meio de uma medida liminar, o partido disse ainda que vai recorrer da decisão na justiça. ” A decisão monocrática do Tribunal de Pernambuco, de conceder liminar ao Avante não altera a sentença do juiz de 1º grau, na qual julgou procedente as denúncia de fraude eleitoral, contra o partido Avante. Não há como se manter um Gabinete Parlamentar ilegítimo, construído após irregular eleição do candidato” (sentença pág. 29). Contudo, o PSOL, juntamente com a vereadora eleita Lucinha Mota, vai recorrer da decisão, baseada no sistema jurídico constitucional que rechaça as candidaturas espúrias e fraudulentas”, destacou.

Confira a nota do PSOL na íntegra

LEIA MAIS

De volta, Júnior Gás agradece apoio dos vereadores e orações de eleitores

A sessão desta quinta-feira (16) começou com novidade na Casa Plínio Amorim. Júnior Gás (Avante) retornou à sua cadeira na Câmara de Vereadores. E de cara fez um discurso de agradecimento aos companheiros de mandato, aos eleitores que fizeram orações e a Deus, que foi justo com ele.

LEIA TAMBÉM

Lucinha Mota revela tristeza com comportamento de vereadores que apoiaram Júnior Gás

“Não julgai ninguém, porque quem tem o poder de julgar a Deus”, afirmou na sua fala. Na sequência, agradeceu aos vereadores que estiveram ao seu lado durante o processo. E houve uma menção especial ao líder da Oposição, Marquinhos do N4 (Podemos), que mesmo sendo do grupo contrário, mostrou-se parceiro do edil.

LEIA MAIS

Lucinha Mota revela tristeza com comportamento de vereadores que apoiaram Júnior Gás

(Foto: Jean Britto)

A decisão dos vereadores de Petrolina em manterem apoio a Júnior Gás (Avante) surpreendeu, negativamente, Lucinha Mota (PSOL). Para ela, a postura é “muito grave”. Muito além, a população precisa estar atenta ao comportamento dos edis.

LEIA TAMBÉM

“As provas são muito robustas”, afirma Lucinha Mota sobre processo contra Júnior Gás

A declaração foi dada durante entrevista ao programa Super Manhã com Waldiney Passos, na Rádio Jornal Petrolina. “O que me entristece é ver o comportamento de alguns parlamentares do nosso município em relação ao crime. Você ser solidário ao vereador é uma coisa, mas você dizer que é uma injustiça, isso é muito grave”, afirmou.

Para Lucinha, o juiz eleitoral trata Júnior como “vereador ilegítimo”, já que nos autos fica comprovada a fraude eleitoral. “Nós estamos falando de um crime muito grave, houve uma fraude em eleição. Foi constatado [o crime]“, pontuou.

“As provas são muito robustas”, afirma Lucinha Mota sobre processo contra Júnior Gás

Lucinha Mota mantém confiança na Justiça Eleitoral (Foto: Arquivo da família)

Lucinha Mota (PSOL) foi entrevistada no programa Super Manhã com Waldiney Passos, nesta quarta-feira (15) e reafirmou ter confiança na Justiça Eleitoral. Em síntese, a mãe da menina Beatriz Angélica Mota segue confiante de que irá assumir uma vaga na Câmara de Vereadores de Petrolina.

“De certa forma, infelizmente nós já esperávamos. São os trâmites, os caminhos. Fiquei triste, porque o juiz de 1º grau em Petrolina, quando ele aplica a aplicabilidade imediata, ele está tentando corrigir um crime que foi cometido contra a soberania popular. Mas isso não nos intimida“, disse na Rádio Jornal.

LEIA TAMBÉM

PSOL mantém confiança de que Lucinha Mota assumirá vaga na Câmara de Petrolina

Ainda segundo Lucinha, a liminar é favorável apenas na questão da aplicabilidade imediata da pena (cassação do mandato). Ou seja, o vereador pode sim perder seu mandato, caso a pena seja confirmada. Contudo, por enquanto até a definição da Justiça Eleitoral, pode ficar no cargo de vereador.

LEIA MAIS

PSOL mantém confiança de que Lucinha Mota assumirá vaga na Câmara de Petrolina

(Foto: Blog Waldiney Passos)

A vitória de Júnior Gás (Avante), que conseguiu uma liminar para retornar à Câmara de Vereadores de Petrolina não desanima o PSOL. Para o secretário geral do partido, Rosalvo Antônio, o clima é de total confiança na Justiça Eleitoral de que Júnior será cassado.

LEIA TAMBÉM

Júnior Gás obtém liminar para retorno à Câmara de Petrolina

Essa liminar foi concedida sob a alegação da ampla defesa, mas não altera em nada em relação a cassação da Chapa, que se utilizou de candidaturas laranjas, o que se constitui em crime eleitoral”, afirmou Rosalvo.

Segundo o secretário-geral, Lucinha tem três dias para recorrer da decisão favorável a Júnior. “Nossa candidata tem três dias para recorrer e em breve Lucinha Mota estará casa Plinio Amorim exercendo seu mandato, representando não apenas os mais de 5 mil votos que o PSOL obteve, mas todo o município, cidade e campo”, reiterou Rosalvo.

Júnior Gás obtém liminar para retorno à Câmara de Petrolina

Vereador obtém vitória na Justiça e deve voltar ao Plenário da Casa

A sessão desta terça-feira (14) foi interrompida por um comunicado do presidente Aero Cruz (MDB), que anunciou uma vitória de Júnior Gás (Avante). O vereador de Petrolina teve seu mandato cassado pela Justiça Eleitoral, mas segundo Aero, obteve uma vitória em Recife.

LEIA TAMBÉM

Após ser notificada pela Justiça Eleitoral, Câmara de Vereadores suspende mandato de Júnior Gás

“Nós tivemos conhecimento, extraoficial, que o nosso colega vereador Júnior Gás obteve, em Recife, a liminar que dá direito ao seu retorno na Câmara de Vereadores. Mas quero dizer aqui, que nós não fomos comunicados oficialmente pela Justiça, precisamos agir dentro das quatro linhas“, anunciou o presidente.

LEIA MAIS

Petrolina: vereadores prestam solidariedade a Júnior Gás

(Foto: Ascom PMP)

Mesmo com a acusação de fraude eleitoral cometida no pleito municipal passado (2020), Júnior Gás recebeu apoio dos colegas na manhã desta quinta-feira (9). Após a leitura da decisão que culminou na suspensão do mandato do edil, os pares usaram a palavra para se solidarizar com o agora ex-colega de mandato.

LEIA TAMBÉM

Após ser notificada pela Justiça Eleitoral, Câmara de Vereadores suspende mandato de Júnior Gás

“É lamentável essa situação, mas faz parte do jogo eleitoral. Fica aqui nas minhas palavras o meu apoio e as minhas orações, para que ele possa inverter essa situação“, destacou Ruy Wanderley (PSC), o primeiro a falar. Maria Elena de Alencar (PRTB) também tratou do tema. Para ela, Júnior não é “desonesto e “o que aconteceu, na verdade, foi uma desatenção à legislação eleitoral”.

LEIA MAIS

Após ser notificada pela Justiça Eleitoral, Câmara de Vereadores suspende mandato de Júnior Gás

Vereador sofreu mais um revés

A Câmara de Vereadores de Petrolina foi oficialmente notificada da decisão judicial que cassou o mandato de Júnior Gás (Avante). A portaria do presidente Aero Cruz (MDB), comunicando a suspensão de Júnior, foi lida na sessão desta quinta-feira (9).

LEIA TAMBÉM

“Não se trata de revanchismo, mas sim do cumprimento da lei “, diz secretário geral do Psol Petrolina sobre cassação de Júnior Gás

Defesa recorre, mas Justiça Eleitoral impõe mais uma derrota a Júnior Gás

Justiça cassa mandato de Júnior Gás e abre caminho para Lucinha Mota ser vereadora em Petrolina

Segundo Aero, “fomos notificados e decisão judicial não se discute, se cumpre”. A decisão foi comunicada aos demais pares na quarta-feira (8), através da Portaria n° 025/2021. “Seria irregular a manutenção do parlamentar”, destaca um trecho do documento.

LEIA MAIS

Defesa recorre, mas Justiça Eleitoral impõe mais uma derrota a Júnior Gás

Vereador sofreu mais uma derrota na Justiça Eleitoral

O vereador Júnior Gás (Avante) sofreu mais uma derrota na Justiça Eleitoral. Ele recorreu da decisão que determina a cassação do seu diploma e consequentemente do mandato eletivo. A defesa solicita efeito suspensivo da decisão.  Contudo, o juiz eleitoral Elder Muniz, ratificou a ação de impugnação com caráter imediato.

LEIA TAMBÉM

Justiça cassa mandato de Júnior Gás e abre caminho para Lucinha Mota ser vereadora em Petrolina

“Mantenho integralmente o capítulo da sentença relativo aos efeitos imediatos da cassação parlamentar. Dito isto, aguarde-se o decurso do prazo recursal e, caso não apresentada qualquer outra peça, abra-se o prazo de 3 (três) dias para as contrarrazões necessárias à subida dos autos ao Tribunal ad quem”, argumenta na decisão.

Confira a íntegra da decisão:

LEIA MAIS

Avante PE sobre cassação de Júnior Gás: “Foi injusta”; Partido vai recorrer da decisão

Procurado pela equipe de reportagem do blog para comentar a cassação do vereador de Petrolina, Júnior Gás (Avente), o presidente da sigla em Pernambuco, Waldemar Oliveira, classificou a condenação como injusta e declarou que o partido vai recorrer da decisão.”Pensamos que foi injusta e estamos preparando o recurso. Não havia elemento probatório nos autos”, afirmou Waldemar.

LEIA MAIS

Justiça cassa mandato de Júnior Gás e abre caminho para Lucinha Mota ser vereadora em Petrolina

Na decisão, o juiz eleitoral Elder Muniz entendeu ter havido fraude na cota de gênero da sigla, no pleito de 2020.

LEIA MAIS

Justiça cassa mandato de Júnior Gás e abre caminho para Lucinha Mota ser vereadora em Petrolina

(Foto: Arquivo)

A composição da Câmara de Vereadores de Petrolina deve ser modificada nos próximos dias. Isso porque, na segunda-feira (23), a Justiça Eleitoral de Pernambuco acatou o pedido apresentado por Lucinha Mota (PSOL) e cassou os mandatos eletivos e diplomas do Avante na cidade. Dessa forma, o vereador Júnior Gás perde sua cadeira na Casa Plínio Amorim.

LEIA TAMBÉM

Justiça Eleitoral cita indícios de fraude no sistema de cotas do Avante e Câmara de Petrolina pode ter mudanças

Na decisão, o juiz eleitoral Elder Muniz entendeu ter havido fraude na cota de gênero da sigla, no pleito de 2020. “Como consequência, determino a cassação do mandato eletivo e dos diplomas obtidos pelos candidatos a vereador, titular e suplentes, que concorreram pelo PARTIDO AVANTE na eleição proporcional, declarando nulos todos os votos atribuídos a referida agremiação partidária, e consequentemente, DETERMINO a redistribuição dos mandatos assim conquistados aos demais partidos políticos que alcançaram o quociente partidário no pleito em questão”, afirma.

LEIA MAIS

Vacinação: vereadores de Petrolina voltam a cobrar inserção de mais grupos na lista das prioridades contra a covid

Os vereadores de Petrolina voltam a se reunir na manhã desta terça-feira (15) e entre os pedidos listados na pauta de hoje está o Requerimento n° 310/2021, de Gaturiano Cigano (DEM). O edil está solicitando das secretarias de Saúde Petrolina e de Pernambuco, a inclusão dos menores de 12 anos no grupo prioritário da vacinação contra a covid-19.

Mais pessoas na lista dos prioritários

O pedido vem após a recomendação de uso da vacina da Pfizer neste público. A reivindicação será analisada pelos pares e se aprovada, será destinada aos poderes executivos municipal e estadual. Por outro lado, Júnior Gás (Avante) reivindica à Secretaria de Saúde de Petrolina a inclusão de um novo grupo entre os prioritários contra a covid-19, aqui no município.

O edil quer, através do Requerimento n° 311/2021, incluir mototaxistas e frentistas. Destaca-se que o Plano Nacional de Imunização (PNI) é o documento orientador dos estados e municípios e não prevê tais profissionais na vacinação. Contudo, há estados com suas peculiaridades, como a Bahia que está imunizando profissionais da imprensa.

Câmara de Vereadores emite nota de pesar pelo falecimento do pai de Júnior Gás

(Foto: Ascom PMP)

O presidente da Câmara de Vereadores de Petrolina, Aero Cruz (MDB), emitiu uma nota de pesar nesta segunda-feira (14), lamentando a morte de Jaime Vicente dos Santos, pai do vereador Júnior Gás (Avante). Em nome da Casa Plínio Amorim, Aero destacou as qualidades de seu Jaime.

LEIA TAMBÉM

Luto: Morre Jaime Vicente dos Santos, pai do Vereador Júnior Gás

“Homem de reputação ilibada, que ao longo da vida exerceu a profissão de agricultor, tornando-se exemplo para a sua família e toda a sociedade. Deixa esposa, filhos, netos e bisnetos. Nossos sentimentos”, diz a nota do presidente.

Júnior Gás será líder de bloco partidário na Câmara de Petrolina

Júnior Gás foi alçado a líder de partido (Foto: Ascom CMP)

O vaivém nos bastidores da Câmara de Vereadores de Petrolina segue intenso nesse começo de ano. A novidade da semana é a escolha de Júnior Gás (Avante) como líder do bloco partidário composto pelo Avante e Patriota. Em decisão conjunta, Júnior foi alçado a líder da bancada.

LEIA TAMBÉM

Justiça Eleitoral cita indícios de fraude no sistema de cotas do Avante e Câmara de Petrolina pode ter mudanças

O Patriota tem como representante Capitão Alencar, que apoiou o nome do colega. Entretanto, apesar da celebração pela conquista do posto de liderança, a vida de Júnior não está tranquila. O edil está sendo investigado pelo Ministério Público Eleitoral (MPE) e pode perder sua cadeira.

 

12