Sexta edição do Entre Margens destaca produção literária indígena

(Foto: Internet)

De 6 a 10 de novembro, o Sesc Petrolina realiza a sexta edição do Entre Margens: Encontro de Literatura. Neste ano, o projeto lança o olhar sobre a produção literária indígena, com o tema: “A literatura dos povos originários”. A programação é gratuita e vai acontecer no Sesc Petrolina e na Ilha de Assunção, no município de Cabrobó (PE).

Durante os cinco dias, o público terá a oportunidade de ouvir e interagir com nomes como Eliane Potiguara (RJ), Auritha Tabajara (SP), Ely Macuxi (AM), Cláudia Truká (PE), Antônio Carlos (PE) e Elisa Ramos Pankararu (PE). Eles são alguns dos convidados da programação que conta com palestras, contação de histórias, roda de conversa, exposição e oficina.

Quinta edição do projeto’Entre Margens’ acontece em Petrolina e Lagoa Grande de 5 a 11 de novembro

(Foto: Arquivo)

Lançando o olhar e abrindo espaço para aqueles que vivem e produzem às margens socialmente impostas, o Sesc Petrolina (PE) realiza, de 5 a 11 de novembro a quinta edição do Entre Margens: encontro com a literatura. Neste ano, o projeto traz como tema “Narrativas (in) Visíveis” em uma programação variada que vai acontecer também na comunidade do Lambedor, pertencente ao município de Lagoa Grande.

“É um encontro, uma aproximação da margem de nossos rios com as sociais, políticas, culturais. Queremos dar visibilidade à poética negra, dando voz às produções e histórias de vida dessas pessoas e (re) pensando o lugar que ocupam os escritorxs, sobretudo mulheres negras na nossa atual sociedade literária”, defende a coordenadora e professora de Artes do Sesc Petrolina, Ariane Samila Rosa.

Durante a semana de realização, estarão na cidade nomes como Brena Gonçalves (BA), André de Leones (GO), Miró da Muribeca (PE), Cida Pedrosa (PE), Lucas dos Prazeres (PE) e Cristiane Sobral (DF). Eles são alguns dos convidados da programação, que inclui sarau, conversas e degustações literárias, palestra, contação de histórias, performance e exposição. Além disso, o público poderá assistir a espetáculos e apresentações musicais, como o espetáculo O Som da Vida com Lucas dos Prazeres, Um batuque que Ecoou e Batuk-Ajé, com Camila Yasmine e Eugênio Cruz, Recital Ponto Poético, da Cia Birutan e Kinimbá e um Rio de Encantos, de Gira Rosa.

Já estão abertas as 20 vagas para a oficina “Escrita de Histórias Fantásticas” voltada para professores, escritores ou interessados em literatura infantil com idade superior a 16 anos. A atividade será ministrada pela baiana Danielle Andrade e vai acontecer de 5 a 9 de novembro, das 9h às 13h. A oficina vai acontecer na Unidade, onde estão sendo realizadas as inscrições, no valor de R$20 para o público em geral, R$ 10 para professores e estudantes. Trabalhadores do comércio, de bens serviços e turismo e seus dependentes têm desconto e pagam R$5. As inscrições estão sendo realizadas na Coordenação de Cultura do Sesc Petrolina, no horário das 14h às 18h.

Programação

“Uma Janela para o Coração” será lançado durante o FliSertão em Petrolina

(Foto: Arquivo Pessoal)

O quarto livro do escritor petrolinense Matheus José será lançado no dia 1º de setembro, às 17h durante a programação do 1º Festival Literário do Sertão do São Francisco (FliSertão). “Uma Janela para o Coração” reúne 14 crônicas então lançadas na internet e eleitas pelos leitores para compor a obra.

Deus, vida, amizades e o amor são alguns dos temas abordados pelo escritor na sua nova obra. Amigo das letras desde sua infância – seu pai também escreve – Matheus levou essa paixão para sua profissão e estuda Letras na Universidade de Pernambuco (UPE) e no próximo sábado espera trocar experiências literárias com o público.

“Eu sempre gosto de conversar. O lançamento sempre faço no formato para ter um diálogo, eu acho que a literatura é para isso: trocar informações, ideias, provocar o debate. Espero que todos prestigiem [o lançamento] e gostem do livro”, afirma o escritor.

Escritor e empreendedor no universo literário, Matheus destacou a relevância do FliSertão para incentivar a leitura e literatura em Petrolina. “Foi um passo importante, porque a cidade já está com a biblioteca fechada e a gente não tinha nenhuma ferramenta de valorização literária, considero como um passo enorme. É uma maneira da gente se divulgar, de valorizar a literatura local”, disse.

“Uma Janela para o Coração” é publicado pela Editora Vecchio, criada pelo próprio Matheus José. Esse é a sétima obra lançada pela Vecchio e custa apenas R$ 20,00.

Lançada em Petrolina a 4ª edição do Congresso Internacional do Livro, Leitura e Literatura no Sertão

(Foto: ASCOM)

Ecoleituras, conferências, feira de livros, exposições, minicursos, cinema, teatro, recitais poéticos, contações de histórias e concertos musicais são as principais atrações da 4ª edição do Congresso Internacional do Livro, Leitura e Literatura no Sertão (Clisertão), que será realizado pela Universidade de Pernambuco (UPE), em Petrolina – PE, de 7 a 11 de maio.

A programação completa foi apresentada na noite desta quinta-feira (12), durante o lançamento do evento no campus da UPE Petrolina. Um público de estudantes, educadores, gestores, escritores e produtores culturais conheceu em primeira mão o tema desse ano, ‘As Margens da/na Literatura, Linguagem e Leitura’ e os homenageados, o poeta Patativa do Assaré, a professora Yeda Barros (fundadora do curso de Letras da UPE Campus Petrolina) e a poeta Zita Alves.

De acordo com o coordenador, Genivaldo Nascimento, as atividades serão gratuitas e vão acontecer na UPE e em escolas da cidade, vinícolas, ilhas, praças e sítios arqueológicos.

Petrolina: estão abertas as inscrições para apresentação de trabalhos no Clisertão 2018

Gestores, educadores e amantes da leitura já podem inscrever seus trabalhos científicos, até o dia 20 de fevereiro, no 4º Congresso Internacional do Livro, da Leitura e da Literatura no Sertão (Clisertão).

O evento, promovido pela Universidade de Pernambuco (UPE), campus Petrolina, ocorrerá entre os dias 7 e 11 de maio, e vai abordar o tema ‘As Margens da/na Literatura, Linguagem e Leitura’.

Os interessados devem fazer suas inscrições através do email: [email protected]  É necessário o envio de um resumo do trabalho, contendo entre 15 e 25 linhas, o comprovante de pagamento e os dados do autor ou autores. O modelo com a ficha de inscrição está disponível no edital do congresso.

Segundo a coordenação do evento, os trabalhos serão avaliados por uma Comissão Científica, que dentre vários pontos, analisará a pertinência da obra junto ao Clisertão. A lista com os trabalhos aceitos será publicada no site da UPE até o dia 10 de março.

Entre as linhas temáticas do evento, estão a ‘Leitura, Hibridismo e Desterritorialização’, ‘Literatura Popular’, ‘Cadeia Produtiva do Livro’, ‘Os discursos reinventados sobre o Sertão’ e ‘Aspectos sociais da leitura, do livro e/ou da literatura’.

Clisertão

Com a proposta de discutir a produção e circulação do livro em Petrolina e região, o 4º Clisertão será dividido por espaços de vivências e realizado em diversos locais da cidade. Na UPE, vão ser apresentados, entre outras coisas, conferências, minicursos, saraus, teatros e mesas redondas.

Também haverá espaço para a ecoleitura, que ocorrerá em vinícolas, ilhas e sítios arqueológicos. O congresso ainda incluirá escolas, praças e barquinhas na programação, com o objetivo de promover troca de saberes.

Este ano, o Clisertão, que já se consolidou como um dos principais eventos socioculturais da região, trará para o município personalidades como o linguista e escritor, Marcos Bagno (UnB); o poeta Jessier Quirino; o crítico literário Flavio Kothe (UnB); e o jornalista Eric Nepomuceno. Além deles, estarão presentes os convidados internacionais Elicura Chiuhailaf (um dos mais importantes escritores do Chile); Pablo Montoya (Colômbia, vencedor do Prêmio Casa de las Americas); Alejandro Reyes (México); Abdulbaset Jarour (Síria) e Keto Kebongo (República do Congo).

Governo de Pernambuco anuncia vencedores de prêmio de literatura

O objetivo do prêmio é fomentar a produção literária em todas as macrorregiões de Pernambuco. (Foto: Internet)

Os vencedores do V Prêmio Pernambuco de Literatura serão conhecidos nesta terça-feira (17), em cerimônia no Palácio do Campo das Princesas, às 18h. Os autores terão suas obras inéditas editadas pela Cepe, e também receberão prêmio em dinheiro.

Os livros, na categoria conto, poema ou romance, também fazem um recorte territorial, pois são cinco prêmios – no valor de R$ 5 mil – para cada um dos vencedores(as), em cada macrorregião de Pernambuco (RMR, Mata Norte, Mata Sul, Agreste e Sertão).

Também há o Grande Prêmio, no valor R$ 15 mil, destinado para a melhor obra entre as cinco finalistas. Na ocasião, o governador Paulo Câmara assinará decreto que institucionaliza o prêmio, lançando a sexta versão do edital, que receberá o nome de Prêmio Hermilo Borba Filho, em homenagem ao centenário do escritor e dramaturgo pernambucano.

“É uma iniciativa mais do que justa com a memória do mestre Hermilo, um intelectual pernambucano de referência universal. Uma maneira também de fazer com que eu as novas gerações conheçam o seu trabalho e sua contribuição para a cultura de Pernambuco e do Brasil”, afirmou o governador Paulo Câmara, acrescentando que é motivo “grande orgulho” fazer essa mudança na sua gestão.

Com ‘Piquenique Literário’, escolas municipais incentivam leitura em Juazeiro

O Piquenique Literário já aconteceu em 25 escolas municipais, um total de 40 turmas. (Foto: Divulgação)

Estudantes da rede municipal de ensino de Juazeiro, participaram nesta sexta-feira (22), da 3ª Edição do Piquenique Literário. O piquenique aconteceu na Lagoa de Calú.

Com as turmas dos Programas de Correção de Fluxo, ‘Se Liga’ e ‘Acelera Brasil’, a iniciativa tem o objetivo incentivar a leitura, criando ambientes fora da sala de aula, saindo da rotina pedagógica.

“A Rede Municipal de Ensino realiza mais uma atividade diferenciada para os alunos, incentivando cada vez mais a leitura, e proporcionando um momento único de aprendizagem. Essa parceria com o Instituto Ayrton Senna já é sucesso, desde 2010 estamos unindo esforços e temos alcançado resultados positivos na aprendizagem dos nossos alunos”, ressaltou a secretária de Educação e Juventude (SEDUC), Lucinete Alves.

A árvore de livros, símbolo central do projeto, compõe a ambientação criada para gerar o prazer e encantamento pela leitura, em outros locais que não seja a sala de aula. O Piquenique Literário aconteceu em 25 escolas municipais, um total de 40 turmas do ‘Se Liga’ e ‘Acelera Brasil’, que organizaram este momento, associando dois prazeres, o da leitura e o do sabor dos alimentos, com um lanche que foi servido para os leitores durante o piquenique.

FLIST e a Feira do Livro do Vale do Pajeú começam hoje em Serra Talhada

A programação segue até sexta-feira (11). (Foto: Divulgação)

A Festa Literária de Serra Talhada e a Feira do Livro do Vale do Pajeú com o “Ler no Sertão”, começam nesta terça-feira (8), na Estação do Forró. A programação conta com atividades lúdicas, leituras, presença de editores e cinema.

A programação de hoje começou às 9h com shows de malabarismo, palhaços, trapezistas, brincadeiras lúdicas, contação de histórias. A partir das 14h, a programação continua com a oficina “Meu Livrinho”, ministrada pelos produtores e editores Sabrina Carvalho e Camilo Maia da Livrinho de Papel Finíssimo Editora.

Às 15h a exibição dos curtas “Papo Amarelo – O Primeiro Tiro” e “Redenção”, produção cinematográfica pautada no cangaço, a ser mostrada a partir de parceria com o Museu do Cangaço. E à noite será repleta de leitura e bate papo com a Plataforma de Lançamentos e as mesas de debates literários, que já se iniciam com homenagem aos 70 anos do escritor Raimundo Carrero.

A programação segue até sexta-feira (11) e acontece conjuntamente com a FLIST, em uma iniciativa da Prefeitura Municipal, através da Fundação de Cultura de Serra Talhada, com a Ideação e Cia. de Eventos, com incentivos do Funcultura. Outras informações a programação, através da  fanpage do evento.

Professores escritores de Petrolina debatem literatura regional

(Foto: Ilustração)

Na próxima terça-feira (25), os escritores e amantes da literatura têm um encontro marcado: a I Roda de Conversa com professores escritores do município, com a temática: ‘Literatura e os escritores de Petrolina – Desafios e perspectivas’. O evento será realizado no auditório da Secretaria Municipal de Educação (Seduc), no Centro de Convenções, 2º andar, a partir das 9h.

A iniciativa, segundo o coordenador, Hélio Araújo, é proporcionar um momento de reflexão sobre os desafios, perspectivas e possibilidades de valorização da literatura regional. “Temos em nossa cidade e na região, escritores potenciais, contudo, eles padecem do velho problema de não poder publicar, tendo em vista as dificuldades já conhecidas. Estaremos debatendo essa questão e com o olhar positivo na busca de soluções”, afirmou.

Estão abertas as inscrições para II Prêmio Clisertão em Petrolina

(Foto: Ilustração)

O Prêmio é voltado para os docentes que atuam nas escolas municipais. O valor total da premiação é de R$ 5 mil. Segue até a próxima sexta-feira (28) o período de inscrições para os interessados em participar do II Prêmio Clisertão de Leitura, que acontece no dia no dia 10 de maio.

O Prêmio é voltado para os docentes, que atuam nas escolas municipais e tem o objetivo de estimular as práticas pedagógicas de incentivo à leitura dos alunos. Cinco professores com propostas inovadoras serão selecionados e irão concorrer ao prêmio.

Os interessados devem enviar a proposta com relato simplificado da experiência para o e-mail do evento [email protected] A premiação será realizada no dia 10 de maio.

Estão abertas inscrições para II prêmio Clisertão de Leitura

(Foto: ilustração/Internet)

Incentivar as práticas pedagógicas de incentivo à leitura dos alunos da Rede Municipal de Petrolina é o principal objetivo do II prêmio Clisertão de Leitura. Os professores que atuam nas escolas municipais podem se inscrever apresentando suas ações no desenvolvimento da leitura em sala de aula.

De acordo com o coordenador do Clisertão, Genivaldo do Nascimento, o prêmio vai selecionar cinco professores com propostas inovadoras para o fomento da leitura nas escolas da rede. Os docentes vão concorrer a uma premiação total no valor de R$ 5 mil. A premiação será entregue no dia 10 de maio, na sede da Secretaria, no Centro de Convenções.

Para participar, os interessados devem enviar, até o dia 28 deste mês, uma proposta de ação através de um relato simplificado de experiência para e-mail: [email protected] As convocatórias e os editais já foram enviados para as escolas.

Governo do Estado lança edital do V Prêmio Pernambuco de Literatura

premio-pernambucode-literatura

Com objetivo de estimular a produção literária em todas as microrregiões do Estado e de promover a circulação da literatura pernambucana, o Governo do Estado lançou o edital do V Prêmio Pernambuco de Literatura. A ação é realizada pela Secretaria Estadual de Cultura, Fundarpe e CEPE Editora.

Serão selecionados e premiados livros nos gêneros de conto, poema ou romances, de escritores ou escritoras residentes na Região Metropolitana, Zona da Mata, Agreste e Sertão. Podem se inscrever pernambucanos natos ou que comprovem residência no Estado.

O período de inscrição vai até o dia 15 de dezembro e deve ser realizada exclusivamente pelo e-mail [email protected]

Alunos, professores e corpo técnico de escola em Petrolina fazem tributo à professora Simone Ramos

Durante a homenagem, pelo transcurso de um ano da sua morte, vítima de um câncer, familiares, amigos e colaboradores do Plenus Colégio e Curso – que ela ajudou a fundar há 25 anos- reuniram-se na Unidade Orla para lembrar momentos marcantes/Foto:Clas

Durante a homenagem, pelo transcurso de um ano da sua morte, vítima de um câncer, familiares, amigos e colaboradores do Plenus Colégio e Curso – que ela ajudou a fundar há 25 anos- reuniram-se na Unidade Orla para lembrar momentos marcantes/Foto:Clas

Visionária, corajosa, determinada e amorosa, essas foram quatro das inúmeras palavras ditas na noite desta quinta-feira (19) para traduzir a personalidade emblemática da professora juazeirense Simone Cerqueira Ramos. Durante a homenagem, pelo transcurso de um ano da sua morte, vítima de um câncer, familiares, amigos e colaboradores do Plenus Colégio e Curso – que ela ajudou a fundar há 25 anos- reuniram-se na Unidade Orla para lembrar momentos marcantes com muita poesia, música e cinema.

A diretora pedagógica, Sílvia Santos, abriu a solenidade evidenciando a importância da história e do exemplo de vida da homenageada. “Simone nasceu em Juazeiro – BA, em 1963, formou-se em Salvador – BA, e, de volta à região, realizou o sonho de todo professor: transformar em realidade um colégio que hoje é modelo e referência em ensino e cidadania para o segmento educacional do Vale do São Francisco”, ressaltou a gestora.

Em seguida, o marido de Simone, o músico e diretor administrativo do Plenus, Nilton Freitas, começou uma viagem musical pelas canções preferidas da homenageada; mas, bastante emocionado, entregou o violão aos amigos e as lágrimas lhe tomaram a voz.  E a noite seguiu em recital e mostra de vídeos, revivendo as memórias e lembranças da professora, que se formou em Letras pela Universidade Católica de Salvador e antes de segurar o diploma já lecionava na Fundação José Carvalho, uma instituição de alunos superdotados do Recôncavo Baiano.

Concurso Literário de Salgueiro tem inscrições prorrogadas

As inscrições do 6º Concurso Literário de Salgueiro, no Sertão de Pernambuco, foram prorrogado até o dia 15 deste mês. Os escritores do município e das cidades vizinhas podem enviar as propostas de participação. Não há idade mínima para participar do concurso.

As inscrições são gratuitas e podem ser feitas na Biblioteca Pública Municipal Francisco Augusto ou pelos correios. os candidatos devem preencher o formulário disponível no site da prefeitura de Salgueiro e verificar demais informações no edital concurso. Cada autor pode inscrever até duas obras de sua autoria.

São quatro categorias que os participantes devem analisar: três as categorias de poesia e uma de crônica. Para poesia há a categoria Lenice Gomes’ para jovens de até 16 anos, Alberto da Cunha Melo, de tema livre e João Cabral de Melo Neto, com tema ‘Salgueiro: minha história’. A  modalidade Raimundo Carrero é voltada para os contos com tema e idade livre.

As premiações variam de R$ 300 à R$ 1.000, a depender da categoria e classificação. A divulgação dos vencedores está prevista para o dia 14 de junho e a cerimônia de entrega da premiação será no dia 4 de outubro.

Termina hoje o prazo para inscrição dos minicursos do clisertão 2016

clisertão

Termina hoje(10), o prazo para as inscrições dos minicursos que vão integrar a programação do 3º Clisertão – Congresso Internacional do Livro, Leitura e Literatura no Sertão.

O evento é uma parceria A Secult-PE e a Fundarpe com a Universidade de Pernambuco (Letras/Campus Petrolina).

Podem participar dos minicursos a comunidade acadêmica e demais interessados em literatura.

Serão 19 cursos gratuitos ministrados no próximo dia 4 de maio, em Petrolina. Para se inscrever, basta preencher um formulário e enviá-lo para o e-mail [email protected] até hoje.

Acesse a chamada do clisertão 2016 saiba mais e participe! Confira também a lista de trabalhos acadêmicos aceitos

Lista de Minicursos:

1- LEITURAS PREVISTAS E NOVAS LEITURAS POSSÍVEIS NA ESCOLA
(Gláucia Rejane da Costa – Doutoranda em Letras; professora da FACAPEe da Rede de Ensino da Bahia)

2- A PRODUÇÃO DO TEXTO ACADÊMICO
(Juliana Lucena – Doutoranda em Psicologia; professora da UPE Petrolina)

3-ESCRITA CRIATIVA
(Wellington de Melo-Mestrando em Literatura; coordenador de Literatura da Fundarpe/Secretaria de Cultura do Estado de Pernambuco)

4- JE SUIS MACUNAÍMA: O (NÃO) CARÁTER DO BRASILEIRO E O FENÔMENO DA ANTROPOFAGIA CULTURAL
(Vlader Nobre-Mestre em Literatura; professor da UPE Petrolina e do Plenus Colégio e Curso)

5-USAR INADEQUADAMENTE AS FORMAS VERBAIS É SE EXPOR AOS OLHARES INTOLERANTES DO OUTRO
(Francisco de Assis Silva Panta-Mestre em Educação; professor da UPE Petrolina e da FACAPE)

6-POLIFONIA E ESTRATÉGIAS DE CONSTRUÇÃO DE ARGUMENTOS NO ARTIGO DE OPINIÃO
(Maria Rivaldízia do Nascimento-Mestre em Letras; professora da FACAPE e daRede de Ensino do Estado de Pernambuco. Maria dos Prazeres Lima de Macedo-Especialista em Letras; professora da Rede de Ensino do Estado de Pernambuco)

7- ETNOPOÉTICA E TRADUÇÃO: LEITURAS EM POESIA INTERCULTURAL
(Leandro Durazzo-Doutorando em Antropologia; professor da Universidade Federal do Rio Grande do Norte)

8-NOS OCEANOS ENCANTADOS DA LITERATURA INFANTIL
(Rossana Ramos-Doutora em Letras; professora da UPE Petrolina)

9-O ENSINO DE LITERATURA NA EDUCAÇÃO BÁSICA
(Ana Patrícia Silveira -Doutoranda em Literatura; professora do IFSertão de Ouricuri-PE)

10- A FORÇA DAS LENDAS E MITOS NA CULTURA POPULAR
(Rúbia Lóssio-Doutora em Sociologia; professora da Faculdade Leão Sampaio-Juazeiro do Norte-CE)

11-O NOVO ACORDO ORTOGRÁFICO ENTRA EM VIGOR EM 2016: E AGORA, JOSÉ?
(Yolanda Almeida-Especialista em Língua Portuguesa; professorada UPE Petrolina e do PlenusColégio e Curso)

12- NO MEIO DO CAMINHO TINHA UM DISCURSO…: MEMÓRIAS E SENTIDOS NA PERSPECTIVA DA ANÁLISE DO DISCURSO PECHEUXTIANA
(Dirce Jaeger-Doutora em Letras; professora da UPE Garanhuns)

13-A ESTÉTICA DO (IN) DESEJÁVEL: MOVIMENTO CARTONERO, ARTE, POLÍTICA E RESISTÊNCIA NA AMÉRICA LATINA
(Paula Santana- Doutora em Sociologia da Literatura; professora da Universidade Federal Rural de Pernambuco)

14- A SAGA DA NAVEGAÇÃO NO RIO SÃO FRANCISCO E SUA IMPORTÂNCIA COMO ELEMENTO DE INTEGRAÇÃO ENTRE O SUDESTE E O NORDESTE E A IMPORTÂNCIA DA RELAÇÃO NAVEGAÇÃO-FERROVIA-TROPAS-BOIADAS-ECONOMIA REGIONAL
(Esmeraldo Lopes-Mestre em Sociologia; professor aposentado do IF Alagoas)

15-OS DIREITOS HUMANOS PELA LITERATURA: O ENCONTRO COM O SIGNIFICADO
(Maria Aparecida Ventura Brandão-Mestre em Educação-professora da UPE Petrolina)

16-ESCRITA E LEITURA: UMA NOVA ABORDAGEM DO FAZER NA EDUCAÇÃO BÁSICA
(KÁTIA MARIA RODRIGUES GOMES-Mestra em Crítica Cultura – Professora da UPE/Petrolina; NAZARETE ANDRADE MARIANO Mestra em Crítica Cultura – Professora da Educação Básica –Bahia e Pernambuco)

17-LITERATURA COMPARADA – ENCONTRO POÉTICO ENTRE FLORBELA ESPANCA E CECÍLIA MEIRELES
(Kleber Costa – Mestre em Linguagem e Ensino; professor da UPEPetrolina)

18-UNA MIRADA PARA LOS CUENTOS INFATILES EN LENGUA ESPAÑOLA
(Isolda A. S. Beserra Lacerda- Mestre em Linguagem e Ensino; professora da UPE Petrolina)

19-RELAÇÕES INTERPESSOAIS NO CONTEXTO ESCOLAR: O USO DE ESTRATÉGIAS DE POLIDEZ NA FALA DE FUNCIONÁRIOS E PROFESSORES
(Renata Ferreira Rios – Doutora em Linguística; Professora da UPE Petrolina)

Com informações do Portal Cultura PE