Discursos de vitória e agradecimento marcam sessão dessa terça na Casa Plínio Amorim

Quem não foi reeleito também agradeceu pelos votos recebidos (Foto: Arquivo)

O clima de eleição marcou a sessão dessa terça-feira (17), na Câmara de Vereadores de Petrolina. Os edis aproveitaram o momento para agradecer a confiança na renovação dos mandatos. Aos que saíram derrotados, o tom foi um misto de tristeza, mas também de cabeça erguida.

Depois de aprovar as Indicações e Requerimentos por 15×0, os vereadores começaram seus discursos políticos. Major Enfermeiro (MDB) agradeceu aos que ajudam na saúde. Em 2021 ele iniciará seu quarto mandato na Casa Plínio Amorim.

LEIA TAMBÉM

Confira os vereadores eleitos em Petrolina

Ronaldo Silva (DEM) foi outro a ser reeleito e lembrou que, a população não quer dinheiro e sim, um político próximo. “A pessoa precisa da presença do seu líder, das ações. E peço aqui aos amigos que foram eleitos, que façam essas visitas. As pessoas precisam de uma liderança“, pontuou.

Alex de Jesus (Republicanos) também foi reeleito. “Foi uma campanha muito difícil, no meio de uma pandemia e uma dificuldade muito grande“, lembrou Alex. Para Zenildo. Rodrigo Araújo (Republicanos) também retornará em 2021 e lembrou da parceria com o atual prefeito, Miguel Coelho (MDB). “Petrolina tem força e a vitória história do prefeito Miguel Coelho reforça que a nossa cidade poderá contribuir, no futuro próximo, com o destino do nosso Estado“, lembrou.

LEIA MAIS

Câmara de Vereadores presta homenagem a familiares de Major Enfermeiro e Dr. Aldo

Vereadores respeitaram minuto de silêncio

Os vereadores de Petrolina realizam, na manhã dessa quinta-feira (24), mais uma sessão ordinária. O encontro presencial foi marcado por um momento de emoção. Alex de Jesus (Republicanos) apresentou uma Moção de Profundo Pesar pelo falecimento de Francisco Fontenele.

Ele era pai do vereador Major Enfermeiro (MDB). Seu Francisco morreu afogado no feriado do 21 de setembro. Hoje seria celebrado seu 86ª aniversário. “É em nome de toda Casa essa Moção de Pesar ao nosso amigo, o vereador Major Enfermeiro. Foi uma coisa muito triste“, pontuou o colega. Após a fala de Alex, Ronaldo Cancão (DEM) anunciou que seria respeitado um minuto de silêncio e todos ficaram de pé.

Homenagem a Dr. Aldo

Maria Elena de Alencar (MDB) também estendeu a Moção aos familiares do médico Aldo Simões, que morreu vítima da covid-19, na tarde de quarta-feira (23). “Exatamente ele que esteve à frente todo esse tempo. Médico jovem, amado pelos seus pacientes e a gente quer que essa Casa preste sua última homenagem a esse grande profissional“, justificou.

Bombeiros localizam corpo do pai de Major Enfermeiro

Ele morreu afogado durante o feriado de 21 de setembro (Foto: Arquivo Pessoal)

O Corpo de Bombeiros Militar de Petrolina localizou, na manhã dessa terça-feira (22), o corpo Francisco Fontenele Lopes, de 85 anos. Ele desapareceu na tarde de ontem (21), por volta de 14h. Seu Francisco era pai do vereador Major Enfermeiro (MDB).

LEIA TAMBÉM

Morre em Petrolina o pai do vereador Major Enfermeiro

De acordo com o G1 Petrolina, a vítima tomava banho na Ilha do Pico, próximo Balneário das Pedrinhas. Além de Major Enfermeiro, seu Francisco era pai de mais nove filhos. Ele faria aniversário nesta quinta-feira (24). Não há informações sobre o velório e sepultamento.

Morre em Petrolina o pai do vereador Major Enfermeiro

O pai do vereador Major Enfermeiro (MDB), teria sido vítima de afogamento, nesta segunda-feira (21). Segundo informações divulgadas no Blog Nossa Voz, o acidente teria acontecido na Ilha de Picos, próximo ao balneário das Pedrinhas, em Petrolina.

Ainda não há informações sobre o resgate do corpo e local do velório. Major Enfermeiro é vereador em Petrolina desde 2008 e tenta seu quarto mandato para a Casa Plínio Amorim.

Divulgaremos novas informações a qualquer momento.

Major Enfermeiro é exonerado da Prefeitura e retorna à Câmara de Vereadores

Vereador está de olho nas eleições de outubro

A dança das cadeiras já começou nos bastidores da política. Mais cedo mostramos que o vereador de Juazeiro (BA) Agnaldo Meira (PC do B) deixou a diretoria da Agência Municipal de Abastecimento (AMA) e retornou à Casa Aprígio Duarte.

LEIA TAMBÉM

Saída de Major Enfermeiro para o Executivo é definida em reunião com o prefeito Miguel Coelho; Posse de Raimunda Sol Posto já tem data marcada

Em Petrolina o vereador Major Enfermeiro (MDB) foi exonerado da função de secretário executivo de Governo, posto assumido por ele no final de 2019. A confirmação veio no Diário Oficial de terça-feira (31), através da Portaria 3369/2020.

Dessa forma, Major segue a Lei Eleitoral e retomará sua cadeira na Casa Plínio Amorim, recolocando Raimunda Sol Posto (MDB) na suplência. Ela tomou posse no dia 17 de dezembro, dessa vez como aliada do prefeito Miguel Coelho (MDB). No passado ela apoiou o grupo liderado pelo ex-prefeito de Petrolina Julio Lóssio (PSD).

O retorno de Major não será imediato. Ontem (31) o Blog informou que o recesso da Câmara foi prolongado por mais 15 dias, por conta da pandemia do novo coronavírus. Nossa Produção tentou contato com o edil para saber como será a logística da sua volta e a consequente saída de Raimunda, mas ainda não tivemos resposta.

Raimunda Sol Posto toma posse na Câmara de Petrolina

Vereadora fez juramento e tomou posse (Foto: Blog Waldiney Passos)

Raimunda Sol Posto (MDB) acabou de tomar posse na Câmara de Vereadores de Petrolina. Ela substituirá, a partir dessa terça-feira (17) Major Enfermeiro (MDB), licenciado para exercer cargo no Poder Executivo Municipal. A cerimônia, apesar de breve, foi prestigiada por autoridades políticas e a população.

A agora vereadora entrou no Plenário acompanhada do ex-prefeito e ex-deputado federal, Guilherme Coelho (PSDB). Saudada pelos colegas de Câmara, Raimunda ainda recebeu as boas vindas do secretário de Governo e Agricultura, Simão Durando, representando o prefeito Miguel Coelho (MDB).

“Está sendo licenciado o vereador Major, que está indo para outra missão no Poder Executivo Municipal e está vindo a vereadora Raimundo Sol Posto para somar. Boa sorte“, disse Simão. Confira o momento da posse de Raimunda:

Julio Lossio pode não ser candidato em 2020

(Foto: Arquivo)

Ao que tudo indica a decisão do Tribunal de Contas do Estado de Pernambuco (TCE-PE), que recentemente emitiu um parecer prévio recomendando à Câmara Municipal de Petrolina a rejeição de suas contas referentes ao exercício financeiro de 2016, mexeu com as pretensões políticas do ex-prefeito de Petrolina, Júlio Lossio, de disputar a prefeitura nas próximas eleições.

Há quem diga que o possível retorno da ex-vereadora Raimundo Sol Posto à Câmara Municipal seria uma sinalização que ele realmente possa ter jogado a toalha, como já previa o ex-secretário de infraestrutura Ricardo Rocha, que disse não acreditar na candidatura de Lossio em 2020.

LEIA MAIS

Câmara de Petrolina aprova Moção de Repúdio a Jair Bolsonaro

Requerimento foi aprovado por maior parte dos vereadores (Foto: Jean Brito/CMP)

Apresentado verbalmente na sessão de quinta-feira (28) passada, a Moção de Repúdio ao presidente Jair Bolsonaro (PSL) por comemorar o Golpe Militar de 1964 foi aprovada na Câmara de Petrolina ontem (2). O pedido do vereador Gilmar Santos (PT), no entanto, não contou com apoio total dos colegas.

LEIA TAMBÉM:

Moção de Repúdio a Bolsonaro por celebrar Ditadura Militar tem apoio dos vereadores, mas não entra em votação na Câmara de Petrolina

Rodrigo Araújo (PSC), Ronaldo Souza (PTB) e Major Enfermeiro (MDB) se abstiveram de votar o Requerimento nº 07/2019. Já Osinaldo Souza (PTB) que não estava presente no momento da votação no Plenário da Casa, mesmo não podendo computar seu voto se posicionou contrário.

“Eu não concordo, esse país nunca teve golpe, quiseram ensinar que houve Golpe Militar. Esse país teve uma administração militar. Quase todos os ministros eram da administração militar”, disse o edil. Mesmo com as abstenções, a Moção de Repúdio foi aprovada por 11 votos.

Major Enfermeiro engrossa críticas à Rede PEBA: “É peba mesmo”

(Foto: Blog Waldiney Passos)

Um dos vereadores inscritos para utilizar a Tribuna Livre na sessão de ontem (22) na Casa Plínio Amorim, Major Enfermeiro (MDB) tocou no assunto saúde e teceu duras críticas à Rede PEBA, firmada entre Pernambuco e Bahia. Na visão do edil, os serviços prestados na rede são ruins.

“É uma rede que vem trazendo tragédias aos pacientes, é peba mesmo. Temos a UPA que recebe pacientes com problemas cardio e não resolve. O paciente fica aguardando uma regulação, demora 30 dias e muitos pacientes vão à óbito. Essa Rede PEBA ela tem que mudar muita coisa”, afirmou.

De acordo com o edil, também cabe aos pacientes exigirem seus direitos: se o hospital não resolve a situação da regulação, a unidade deve tratá-lo. Ou no caso de não ter a especialidade, encaminhá-lo a quem possa prestar um serviço de qualidade.

“A UPA tem atendimento de qualidade, mas eu acho que não deveria segurar paciente que não resolve os casos lá. Não tem porquê aguardar a regulação, essa Rede PEBA vem trazendo várias tragédias não só aqui em Petrolina, mas nas cidades vizinhas”, continuou.

A fala de Major teve intervenções de Ronaldo Silva (PSDB). O edil lembrou o convênio da Prefeitura de Petrolina com as clínicas particulares no intuito de melhor atender a comunidade e citou o “calote” dos proprietários, os quais devem pagar seu débito com serviço. “Não é justo que isso aconteça, enricando cada vez mais as clínicas”, afirmou.

Major Enfermeiro afirma que apoiará o candidato que o grupo político definir

(Foto: Arquivo)

Nos bastidores da política em Petrolina, a maior especulação do momento é quem será candidato a deputado estadual pelo grupo do prefeito Miguel Coelho. Orlando Tolentino desistiu da vaga e nomes como o dos vereadores Osório Siqueira e Maria Elena podem se destacar.

Aero Cruz também se colocou à disposição e enquanto o martelo não é batido, há rumores de que o grupo deve sair com dois candidatos. Todavia, para o vereador Major Enfermeiro, independente de qual nome for escolhido, o grupo ficará unido.

LEIA MAIS

Major enfermeiro afirma que nunca foi inimigo político de ninguém, mas segue com Lossio

Vereador Major Petrolina

Em entrevista nesta segunda-feira (04), ao programa Bom dia Vale da Rádio Jornal, o vereador Major Enfermeiro, agora filiado ao PMDB, falou de sua volta à Câmara Municipal e a situação do Hospital Universitário (HU), ele acha que deve voltar a ser administrado pelo município “vamos concertar o erro que nós fizemos, voltar o hospital para o município. Não existe o erro que o Trauma ta fazendo, com negligencias, pessoas morrendo a míngua, isso não existe.” afirmou.
Após sua mudança de partido, do PRTB para PMDB, ele afirmar que nunca foi inimigo de nenhum grupo político, mas pensando em sua sobrevivência política, achou por bem seguir com o partido de Julio Lossio “o vereador tem que ver sua sobrevivência politicamente e quem são seus adversários para ter coragem, para não perder sua vaga. Por que todo vereador quer ganhar sua eleição, principalmente uma reeleição“. contou.
E deixou um recado para aqueles que não gostam do seu trabalho, ”vão ter que me engolir, por que eu vou pra reeleição e venho pra ser eleito”.
O vereador Major Enfermeiro foi secretario especial na prefeitura de Petrolina, a convite do prefeito Julio Lossio, durante quase quatro anos.

Major Enfermeiro reassume vaga na Câmara Municipal a partir de abril

Vereador Major Petrolina

Na manhã desta terça-feira (15), chamou atenção da imprensa do Vale do São Francisco, a presença do vereador licenciado Raimundo Nonato, popular Major Enfermeiro (sem partido) na Câmara de vereadores de Petrolina, mal chegou na Casa, Enfermeiro foi convidado às pressas pelo vereador Alvorlande Cruz (PRTB) para ir tomar um chá no gabinete ainda de Cruz, em uma tentativa de evitar que Nonato explicasse o motivo e a data do seu retorno a Casa, à imprensa. Mas a ação foi frustrada, pois, os comunicadores conseguiram tal intento e entrevistaram Major.

Segundo Enfermeiro, “até o dia 2 de abril voltarei a Casa Plínio Amorim, deixei o PSL e retomarei o meu mandato em um novo partido, mas só vou revelar tudo isso no mês de abril”, disse o vereador licenciado sentado na cadeira do futuro gabinete na Câmara.

Vereador Major Enfermeiro já está se ambientando para retomar mandato na Câmara

GEDSC DIGITAL CAMERA

Vereador Major Enfermeiro Foto: Waldiney Passos

Circulando pelos corredores da Câmara Municipal de Petrolina o vereador licenciado Major Enfermeiro (PRTB), já está preparando o ambiente para retornar à Casa já que o prazo previsto pela legislação eleitoral termina no dia 2 de abril, com isso o suplente Alvorlande Cruz deixará o mandato.

A dúvida é saber de que lado o edil voltará, se na situação ou oposição? Major cedeu a vaga na Câmara para assumir uma assessoria especial do prefeito Júlio Lossio (PMDB), mas continua integrando o grupo do senador Fernando Bezerra Coelho (PSB).

Major tem até o dia 18 de março para mudar de partido caso não seja mais conveniente permanecer no PRTB, esse é o prazo final da janela que permite a troca de partido sem que se configure infidelidade partidária.

12