Petrolina também registrou protesto contra Bolsonaro no sábado

(Foto: Reprodução/TV Grande Rio)

Assim como em várias cidades do país, Petrolina registrou protestos contra o governo de Jair Bolsonaro (sem partido) durante o sábado (19). O ato foi convocado pelas redes sociais por movimentos estudantis, partidos políticos e centrais sindicais.

Na pauta, conforme o Blog relatou, estão o pedido pela saída do presidente do poder, a vacinação em massa contra a Covid-19, empregos e também um auxílio emergencial de R$600. A concentração do ato ocorreu na Praça Dom Malan, por volta das 9h.

De lá, o grupo seguiu pelas principais ruas do Centro. Segundo a TV Grande Rio, o grupo respeitou o distanciamento social e fez uso de máscaras de proteção.

Bolsonaro participa de evento em sábado marcado por protestos contra seu governo

(Foto: PR/Divulgação)

No sábado (19) dedicado a atos organizados por movimentos sociais e estudantis, Jair Bolsonaro (sem partido) participou de um evento público no Rio de Janeiro. O presidente da República foi até uma solenidade promovida pela Marinha do Brasil, na Escola Naval.

O presidente não discursou no evento, realizado ao ar livre, nem deu entrevista à imprensa após a cerimônia. A solenidade foi marcada pelo juramento à bandeira nacional para incorporação à Marinha, por 170 jovens brasileiros da Marinha.

O vice-presidente da República, general Hamilton Mourão e o ministro da Defesa, Walter Braga Netto também marcaram presença na solenidade.

Entidades organizam manifestação contra Bolsonaro neste sábado, em Petrolina

(Foto: EVARISTO SA / AFP)

Movimentos sociais, sindicados, organizações estudantis e alguns partidos políticos estão organizando mais um ato contra o presidente Jair Bolsonaro (sem partido), neste sábado (19), em Petrolina. Contrários ao atual governo, eles se reunirão às 9h na Praça da Catedral.

De lá, a organização quer seguir em caminhada pelas principais ruas de Petrolina. O ato tem apoio da Frente Brasil Popular e deve ser realizado em pelo menos 500 cidades do país. Entre as pautas do grupo está a cobrança por mais vacinas, empregos e o auxílio emergencial de R$ 600.

Apesar de o ato resultar na aglomeração de pessoas, algo não recomendado pelos médicos e especialistas, o grupo manterá a manifestação. E pede que os participantes obedeçam o distanciamento, além de fazerem o uso de máscaras.

Após reunião com a Fenaban, Seeb de Juazeiro cancela manifestação agendada para hoje

(Foto: Ascom Seeb)

O Sindicato dos Bancários de Juazeiro (Seeb) realizou uma reunião na tarde de segunda-feira (7), com a Federação Nacional dos Bancos (Fenaban) e diante do sinalizado no encontro, não haverá manifestação hoje (8). De acordo com a Fenaban, uma conversa será realizada com o Governo Federal para incluir os bancários no plano de vacinação.

“Agora os bancos que tomaram a frente neste processo de discussão de vacinação e o governo do estado ficou de conversar com a Comissão Intergestores Bipartite – CIB para tentar incluir os bancários na vacinação, então não há mais a necessidade de uma paralisação, iremos manter o estado de greve”, disse o presidente do Sindicato dos Bancários, Maribaldes da Purificação.

Portanto, quem for aos bancos de Juazeiro – públicos ou privados – terá atendimento normalmente. Será somente um dia de luta, onde os cartazes serão colados nas agências reafirmando que os bancários pedem socorro. Vacinação já!“, afirma o presidente.

Cobrando vacinação, bancários de Juazeiro paralisam atividades nesta terça-feira

Os bancários de Juazeiro (BA) seguirão a orientação nacional do Sindicato dos Bancários (Seeb) e vão paralisar as atividades nesta terça-feira (8). A reivindicação da categoria é pela vacinação da classe, que não parou e vem sendo exposta ao coronavírus desde o ano passado.

LEIA TAMBÉM

Sindicato dos Bancários de Juazeiro solicita  a prefeitura da cidade baiana prioridade em Plano de Vacinação contra Covid-19

“Tudo indica que o serviço bancário, totalmente, vai ser paralisado. A única coisa que vai funcionar é o autoatendimento. A gente espera sensibilizar os governantes e que possa trazer uma solução para a vacinação. Nosso objetivo não é penalizar a população, que nesse momento é quem está necessitando muito utilizar as agências bancárias”, afirmou o presidente do Seeb Juazeiro, Maribaldes da Purificação ao programa Super Manhã com Waldiney Passos, na Rádio Jornal Petrolina.

LEIA MAIS

Advogados de Petrolina cobram volta dos atendimentos presenciais no Fórum

Advogados cobram ação do TJPE (Foto: Cortesia)

Conforme o Blog noticiou no começo da manhã, hoje (26), advogados de Petrolina foram até o Fórum, para cobrar a retomada do atendimento presencial. A Ordem dos Advogados da Brasil (OAB), da subseção local, relata que desde 2020 os processos estão paralisados e o Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE) já sinaliza pela manutenção das medidas restritivas no Judiciário.

“Essa pauta é de todos, é uma pauta essencial”, afirmou o presidente da OAB Petrolina, Alexandre Torres. O ato de hoje aconteceu em frente à Câmara, onde ontem (25) o mesmo Alexandre esteve reivindicando apoio dos vereadores. “O que é urgente para a Justiça? Quem sabe da urgência é o advogado. Nós sabemos que os processos estão se acumulando aqui no Fórum. A gente quer o retorno presencial, nem que seja de forma rotativa”, pontuou.

LEIA MAIS

Funcionários do matadouro de Petrolina fazem manifestação e pedem abertura do local

Funcionários cobram reabertura do aparelho (Foto: ASCOM)

O matadouro de Petrolina segue fechado há quase 10 meses. Diante da situação, funcionários fizeram uma manifestação nesta segunda-feira (10), pedindo a reabertura para que possam trabalhar. O administrador da empresa Equipe Abate, Diego Cabral, conversou com Waldiney Passos no Programa Super Manhã e disse não entender o motivo de não poder operar o aparelho público.

“A gente está passando por uma dificuldade grande. A empresa tem todas as licenças possíveis, a gente assinou o contrato de concessão de 20 anos com a Prefeitura, a Prefeitura não se opõe, o CPRH nos concedeu a licença de operação. E por um detalhe, um capricho da Justiça Federal, ela expediu uma liminar pedindo que fosse parado o funcionamento do matadouro. A gente fica sem entender e já recorremos”, afirmou à Rádio Jornal Petrolina.

LEIA MAIS

Aprovados no concurso da Guarda Civil de Petrolina cobram convocação

Manifestação cobra convocação dos aprovados (Foto: Thiago Santos/Cortesia)

Aprovados no concurso público da Guarda Civil Municipal de Petrolina se reuniram em frente à Prefeitura, nesta segunda-feira (3), para cobrar a nomeação dos 92 candidatos que passaram no concurso público promovido pelo Poder Executivo.

Eles alegam que muitos deixaram emprego e faculdade para se dedicar aos estudos e posteriormente à formação como guardas, mas até hoje anseiam pela convocação. Vale lembrar que o certame foi iniciado em 2019.

O ato foi pacífico e o grupo levou faixas e panfletos, para chamar atenção também dos petrolinenses. Isso porque, além de garantir a segurança, a Guarda Civil tem atuado na linha de frente no combate à pandemia, fiscalizando bairros e denúncias apresentadas pela população. (Com informações de Thiago Santos, da Rádio Jornal Petrolina).

Militares realizam manifestação em Juazeiro contra a morte de policial no Farol da Barra, Salvador

Os manifestantes iniciaram uma carreata na manhã desta quinta-feira (1º) próximo a escola municipal Estação do Saber, em Juazeiro. De lá, percorreram várias ruas da cidade baiana e atravessaram a ponte presidente Dutra, onde se juntaram a outros grupos na cidade de Petrolina, em Pernambuco.

O ato marcou um protesto contra morte do policial Wesley Soares, morto no Farol da Barra, em Salvador, no último domingo (28), após um surto. Os manifestantes usaram um carro de som que reproduzia um áudio atribuído a fala de um familiar do PM morto. O áudio repetia a frase: “um policial que deixou de morrer nas mãos dos bandidos, para ser morto por aqueles que ele chamava de irmãos.”

LEIA MAIS

Grupo marca carreata em apoio a Bolsonaro neste domingo em Petrolina

Carreata acontecerá às 10h deste domingo, 27 de março (Foto: Blog Waldiney Passos)

Neste domingo (28), simpatizantes do Presidente da República Jair Messias Bolsonaro devem ir às ruas de Petrolina (PE) para manifestar apoio ao Governo. Os atos a favor do presidente têm acontecido em várias cidades do país.

O evento está marcado para às 10h. Os veículos devem sair do Pátio de Eventos da cidade, onde será feita a concentração, e seguir em um percurso que vai até o batalhão do exército, próximo a Cidade Universitária.

Em outros protestos de apoio a Bolsonaro, os participantes se posicionaram contra as duras medidas de isolamento social, como, por exemplo, o lockdown, e contra governadores que prefeririam fechar os comércios para combater o vírus.

Como forma de mostrar apoio ao presidente, os organizadores do evento solicitam, em banner que circula pelas redes sociais, que os manifestantes levem bandeiras do Brasil, que virou símbolo de apoio ao atual governo.

Empresários fazem carreata pedindo retomada das atividades econômicas em Araripina

Grupo percorreu as principais ruas e avenidas da cidade

Empresários de Araripina, no Sertão de Pernambuco, realizaram uma carreata para cobrar a retomada das atividades econômicas. O ato foi registrado na manhã desta sexta-feira (26), de forma pacífica e respeitando os protocolos sanitários da pandemia.

LEIA TAMBÉM

Pernambuco terá novo plano de retomada das atividades econômicas em abril

O ato foi denominado de “Carreata do Trabalho” e percorreu as principais ruas e avenidas da cidade. Na quinta-feira (25) o governador Paulo Câmara (PSB) prorrogou o lockdown até 31 de março e antecipou que, as atividades serão liberadas em abril de forma gradual.

Pastores evangélicos se juntam a empresários de Petrolina e pedem reabertura do comércio

Os comerciantes de Petrolina ganharão um reforço na manifestação contra o lockdown anunciado pelo Governo de Pernambuco. Nesta segunda-feira (22) pastores evangélicos estarão no Centro da cidade, endossando o movimento pela reabertura do comércio.

O ato é organizado pela União de Pastores no Vale do São Francisco (UEPE). O grupo iniciou a concentração por volta de 8h. Conforme a programação encaminhada ao Blog, às 8h30 estava agendada uma oração pelo comércio, trabalhadores e famílias.

Após esse ato, o grupo se encaminhará à Avenida Souza Filho e lá, farão uma oração pedindo cura à covid. Desde a última quinta-feira (18), quando iniciou o lockdown em todas as regiões do estado, um grupo de comerciantes e empresários na região Central tem se mostrado contra a restrição das atividades.

Polícia Civil de Pernambuco protesta por vacina e promove lockdown da Segurança Pública por 4 horas em todo o Estado

Policiais Civis de Pernambuco e demais estados do Nordeste cruzaram os braços  na manhã desta quinta-feira, das 8h às 12h, em protesto por vacinação imediata de toda categoria que está exposta de forma negligente à Covid-19, além de cobrar EPIs para os policiais, mínimas condições de trabalho e contra a retirada de direitos da  PEC 186.

No Recife, parte do efetivo se concentrou na frente Central de Plantões da Capital e realizou um sirenaço ao final do protesto, às 12h, em homenagem aos policiais civis vítimas da Covid-19 e a todos os pernambucanos que morreram durante a pandemia. O sirenaço ocorreu simultaneamente em várias delegacias de todo estado.

LEIA MAIS

Donos de bares e restaurantes se unem ao setor do turismo em manifestação nesta sexta, em Petrolina

Abervale também esteve na manifestação (Foto: Wanderley Alves/Cortesia)

Na manhã desta sexta-feira (5) as ruas de Petrolina foram tomadas por trabalhadoras e trabalhadores clamando por ajuda diante dos decretos estaduais, da Bahia e Pernambuco. Além do segmento do turismo, os empresários donos de bares e restaurantes também estiveram presentes no ato.

LEIA TAMBÉM

Trabalhadores do turismo fazem manifestação em Petrolina

A Associação de Bares e Restaurantes do Vale do São Francisco (Abervale) lembrou que, além de cobrar a volta dos trabalhos, também é necessária a atuação mais ostensiva das autoridades no cumprimento das medidas sanitárias impostas pelos estados.

Queremos leitos, queremos fiscalização para todos, não só para restaurantes e bares. Queremos também fiscalização mais ostensiva para todos. Não é justo só o restaurante pagar, não é justo a gente pagar essa conta”, disse o presidente da Abervale, Normando Guimarães.

Trabalhadores do turismo fazem manifestação em Petrolina

(Foto: Wanderley Alves/Cortesia)

Empresários e empregados do setor de turismo de Juazeiro (BA) e Petrolina estão nas ruas da cidade pernambucana, na manhã desta sexta-feira (5), para chamar atenção à situação da classe, após novas medidas restritivas serem impostas pelos dois governo estaduais. A categoria alega que com as medidas, fica difícil garantir o sustento diário.

(Foto: Blog Waldiney Passos)

O grupo saiu do bairro Castelo Branco, em Juazeiro. Há pouco eles começaram a percorrer a pé e com alguns veículos de turismo, a Avenida Guararapes, próximo à Prefeitura de Petrolina. Nos cartazes é possível ler mensagens criticando as aglomerações na eleição de 2020.

A categoria cobra a vacinação da população, ampliação dos leitos de UTI e pedem uma ajuda financeira ao setor durante a vigência dos decretos. Tanto Juazeiro e Petrolina vivem momentos próximos do colapso da saúde, com mais de 90% da ocupação das vagas.

123