Moradores da Cohab VI se mobilizam para que tamanho da quadra do bairro não seja alterado

Tamanho da quadra não agradou moradores.

Os moradores da Cohab VI, zona oeste de Petrolina (PE), vão realizar uma mobilização às 18h desta sexta-feira (17) para que o tamanho da quadra do bairro, que está sendo reformada, não perca as medidas oficiais.

Segundo um dos moradores, a reforma atual deve diminuir muito o tamanho da quadra, prejudicando, assim, a prática esportiva no local.

Nosso blog entrou em contato com a prefeitura e aguarda resposta.

Petrolina terá mobilizações no Dia Nacional de Luta Pelos Direitos da População de Rua

(Foto: ASCOM)

Uma programação especial está sendo preparada pela Prefeitura de Petrolina para celebrar o Dia Nacional de Luta Pelos Direitos da População em Situação de Rua, comemorado no dia 19 de agosto.

A data será marcada com diversas ações sociais que serão realizadas no próximo sábado (19) das 8h às 12h na Praça Dom Malan, onde uma equipe Centro POP levará conscientização sobre a atenção que deve ser garantida à população de rua.

Na ocasião, serão oferecidos serviços de saúde, assistência social,  atendimento sobre o CadÚnico, além de oficinas culturais. Também serão distribuídos vales com direito aos serviços do instituto Embelleze; aulão de Hip Hop; momento com um educador físico.

Atenção

Em Petrolina, a prefeitura oferece diversos serviços socioassistenciais para a população de rua, entre eles, o Centro Pop onde as pessoas podem receber serviços de assistência social, cursos de artesanato, reciclagem, além de orientação sobre retirada de documentos pessoais. O equipamento também oferece café da manhã aos usuários e faz encaminhamento para que os mesmos possam receber almoço e jantar no Restaurante Popular.

O equipamento fica localizado na Rua Padre Fraga nº 395, e funciona de segunda a sexta-feira das 7h às 17h. Também são oferecidos no Centro Pop, cadastramento para o programa Bolsa Família e orientação para a recuperação de dependentes químicos, caso seja necessário.

A ação será realizada pela Secretaria de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos e tem como parceiros o Consultório na Rua, NASF, guarda municipal, COAS, Instituto Embelleze, Casa Bolsa e Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Sustentabilidade.

Mobilização nacional de vacinação contra gripe começa nesta segunda

Em 2016, o país registrou a maior incidência dos casos de gripe desde a pandemia iniciada em 2009. (Foto: Internet)

Começa hoje (17) a mobilização nacional de vacinação contra a gripe. A campanha deste ano inclui, pela primeira vez, os profissionais de educação no grupo prioritário. Cerca de 2,3 milhões de professores de escolas das redes pública e privada devem ser imunizados nos postos de saúde de todo o país.

Nos dias 2 e 3 de maio, os docentes serão vacinados nas escolas. Idosos, trabalhadores do setor de saúde, crianças de 6 meses até 5 anos, gestantes, mulheres no pós-parto, indígenas, população privada de liberdade, inclusive os adolescentes em cumprimento de medida socioeducativa, e pessoas com doenças crônicas continuam como público-alvo da vacinação.

A vacina permite a proteção contra os vírus A(H1N1), H3N2 e influenza B. Como os vírus são mutantes, a composição da vacina é feita somente depois da indicação da Organização Mundial da Saúde (OMS) sobre as cepas (variações dos vírus) que circularam com mais frequência nos últimos meses na região. Segundo a OMS, em 2016 a cepa do vírus A(H1N1) foi alterada, o que levou à produção de uma nova composição para a campanha deste ano.

Cerca de 60 milhões de doses serão distribuídas aos postos da rede pública de saúde. O Ministério da Saúde espera que pelo menos 54 milhões de pessoas sejam imunizadas até o dia 26 de maio, prazo final da campanha. O dia D da mobilização será em 13 de maio.

LEIA MAIS

Vereador Agnaldo Meira participa de mobilização em defesa dos direitos dos mototaxistas de Juazeiro

(Foto: ASCOM)

A luta por melhorias para os mototaxistas de Juazeiro, é uma importante bandeira do mandato do vereador Agnaldo Meira, que nesta sexta-feira (31), participou de mobilização pacífica, organizada pela categoria, em protesto a favor de uma fiscalização mais atenta, por parte do poder público municipal.

O manifesto teve início pela manhã, no Mercado do Produtor de Juazeiro. Os trabalhadores percorreram as principais ruas e avenidas da cidade em protesto e seguiram para o Paço Municipal para conversarem com o prefeito Paulo Bomfim. De acordo com os organizadores, cerca de 700 mototaxistas participaram do movimento.

Uma das principais queixas dos trabalhadores é a circulação de mototaxistas clandestinos, na área de circulação da categoria legalizada. De acordo com o representante da categoria Aécio Lima esse tipo de ação pode oferecer riscos para todas as pessoas que precisar utilizar o serviço. “Para sermos mototaxistas precisamos investir em cursos de formação, não podemos ter antecedentes criminais, para melhor atender a população”, afirmou.

(Foto: ASCOM)

Os mototaxistas também reivindicam parceria ampla para a regularização do trânsito nas duas cidades, Juazeiro e Petrolina, a criação de novos pontos para os trabalhadores legalizados, entre outras medidas. “Batalhamos muito para Juazeiro ter uma boa organização da categoria dos mototaxistas, e assim, todos circulem dentro da legalidade, garantindo a segurança de todos os passageiros”, disse Meira.

Na última semana, o vereador Agnaldo Meira se reuniu com a categoria para organizar os principais pontos que seriam reivindicados, durante o protesto e a forma como os trabalhadores poderiam se organizarem para terem seus direitos garantidos. Os encontros aconteceram no Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Juazeiro.

Reunião com prefeito

Após a realização dos protestos, os mototaxistas se reuniram com o prefeito Paulo Bomfim, onde apresentaram para o gestor municipal os principais pontos defendidos pela categoria. O prefeito se mostrou disposto a contribuir com o pedido dos mototaxistas e assinou um projeto de lei que garante importantes benefícios para a categoria. O projeto está previsto para ser votado na próxima semana, na Câmara de Vereadores de Juazeiro.

SEEB convoca servidores para mobilização contra a reforma da previdência

(Foto: Divulgação/Ascom)

Nesta quarta-feira (15), o sindicato dos Bancários de Juazeiro e região participa na de uma paralisação nacional em defesa dos direitos dos/as trabalhadores/as e do povo brasileiro. Em comunicado o sindicato convoca servidores para a mobilização.

A manifestação deve acontecer às 8h, com concentração na Praça do Jacaré, seguindo para a rua dos bancos, onde a paralisação deve começar, das 11 até às 12h.

Dentro as reivindicações estão a luta contra a Reforma da Previdência e pelo pagamento do Piso Nacional do Magistério, contra as atitudes do governo do Estado contra os (as) educadores (as), como a falta de reajuste salarial, o pagamento de precatórios, concurso público e manutenção dos direitos da categoria.

Professores de 27 universidades federais aprovam greve a partir de quinta-feira

(Foto: Internet)

(Foto: Internet)

Segundo a Associação Nacional dos Docentes das Instituições de Ensino Superior (Andes), principal sindicato da categoria, professores de ao menos 27 universidades federais de Estados como Pernambuco, Minas Gerais e Rio Grande do Sul, aprovaram greve por tempo indeterminado a partir desta quinta-feira (24).

A mobilização critica a PEC do Teto de Gastos e a Medida Provisória que reforma o ensino médio, que foi proposta pelo governo Michel Temer (PMDB).

“A conjuntura política está cada vez mais acirrada, a PEC foi aprovada na câmara sem discussão nenhuma com a sociedade. Por isso, sentimos a necessidade de ampliar a mobilização contra essas medidas”, disse Eblin Farage, presidente da Andes.

LEIA MAIS

Diretor da UPE emite nota pública sobre ocupação de estudantes

(Foto: Internet)

Diretor da instituição apoia movimento dos estudantes. (Foto: Internet)

O diretor da Universidade de Pernambuco (UPE), Moisés de Almeida, emitiu nota pública sobre a ocupação dos estudantes ao campus da universidade em Petrolina. Na nota, o diretor faz um balanço sobre a situação do Brasil nos últimos dois anos e sobre a redução de repasses para a instituição.

Moisés afirmou que as mobilizações dos alunos são legítimas diante das dificuldades que a universidade vem enfrentando e que a instituição apoia o movimento dos estudantes.

Confira a nota:

“É fato que o Brasil vem passando por várias dificuldades no âmbito econômico e principalmente político. Os últimos três anos vêm sendo marcados por essa crise, que iniciou na economia e teve consequências políticas de primeira ordem. A Gestão do Campus Petrolina desde 2014 sente esses efeitos com a redução no repasse dos recursos em Custeio e Capital. A redução em 2014 foi na ordem de 30%, crescendo em 2015 e 2016, chegando a quase 50%. A Direção em alguns momentos tornou pública a situação, temendo o avançar da crise.

LEIA MAIS

Em reunião do diretório, PT decide fazer calendário de mobilizações pró-Lula

 o partido ainda não trabalha com as eleições de 2018, e que não trabalha com outra possibilidade de candidatura para a presidência da República neste momento que não seja Lula. (Foto: Internet)

O  partido ainda não trabalha com as eleições de 2018, e que não trabalha com outra possibilidade de candidatura para a presidência da República neste momento que não seja Lula. (Foto: Internet)

O presidente do PT, Rui Falcão, anunciou hoje (16) em um hotel paulista que o partido tomou três decisões durante reunião de seu diretório nacional, ocorrida ontem, em São Paulo. Uma delas será a de elaborar um calendário de mobilizações em solidariedade ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Segundo ele, os atos ocorrerão ao longo deste mês.

Uma outra decisão é a de encaminhar uma nota padrão, em solidariedade ao ex-presidente Lula, para todos os candidatos do partido. A ideia é recomendar que eles leiam a nota nos programas políticos ou campanhas. “Vamos recomendar a todos nossos candidatos, das capitais e das cidades que tenham segundo turno, que, em transmissão de rádio e TV, leiam uma nota de solidariedade ao Lula e de denúncia do golpe continuado”, afirmou, em entrevista coletiva.

LEIA MAIS

Mobilização contra Hanseníase e Hepatites acontece na Vila Eduardo em Petrolina (PE)

(Foto: ASCOM)

Vária consultas foram realizadas para avaliação de mancha e lesão na pele. (Foto: ASCOM)

O dia D de mobilização contra hanseníase e hepatites virais aconteceu nesta sexta-feira (19) na Vila Eduardo, em frente ao G Barbosa. A ação visa sensibilizar a população para o diagnóstico e tratamento precoce.

Várias consultas foram realizadas para avaliação de mancha e lesão na pele e testes rápidos para hepatite B e C e sífilis. A campanha contra hanseníase continua em Rajada durante os dias 24 e 31 deste mês.

No primeiro dia acontecerão visitas domiciliares nos turnos manhã e tarde, já no dia 31 o evento será na Escola Malaquias Mendes com a equipe de profissionais da AME Plínio Amorim.

A campanha segue até o final do mês e tem seu encerramento previsto para o dia 26 na Praça do Bambuzinho com diversas ações de saúde.

Com informações da ASCOM

Juazeiro e Petrolina se mobilizam em defesa do Velho Chico

A ideia é chamar a atenção de todos para os graves problemas enfrentados pelo rio e sua bacia e para a necessária e urgente revitalização/Foto:internet

A ideia é chamar a atenção de todos para os graves problemas enfrentados pelo rio e sua bacia e para a necessária e urgente revitalização/Foto:internet

Pelo terceiro ano consecutivo, o Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio São Francisco realizará uma intensa mobilização em prol do rio mais importante para a integração do território brasileiro. É a campanha “Eu Viro Carranca para Defender o Velho Chico”, que acontece em torno do Dia Nacional em Defesa do Rio São Francisco, comemorado em 3 de junho. Tendo a carranca como ícone, a movimentação do dia terá como ponto alto uma barqueata, a partir das 9h, nas águas são-franciscanas que unem as cidades de Juazeiro(BA) e Petrolina(PE).

Estudantes das escolhas públicas municipais participarão do ato, além de ativistas, pescadores e comunidades tradicionais. A programação inclui ainda o Simpósio da Bacia Hidrográfica do Rio São Francisco, que acontecerá de 5 a 9 de junho também nas duas cidades ribeirinhas.

Mais uma vez, o CBHSF investirá recursos oriundos da cobrança pelo uso das águas do rio em uma grande campanha de comunicação e mobilização social, utilizando fortemente a internet e os recursos digitais. A idéia é chamar a atenção de todos – moradores, ativistas, gestores públicos, autoridades políticas, artistas e educadores – para os graves problemas enfrentados pelo rio e sua bacia e para a necessária e urgente revitalização, a fim de que o Velho Chico continue alimentando a vida e a esperança dos 15,5 milhões de brasileiros que dependem direta ou indiretamente de suas águas.

LEIA MAIS

Secretaria de Saúde de Petrolina participa da ação ‘Comandos de Saúde nas Rodovias’

 Pela quarta vez em Petrolina, aconteceu durante todo o dia desta quarta (18), o projeto “Comandos de Saúde nas Rodovias”/Foto: Ascom

Pela quarta vez em Petrolina, aconteceu durante todo o dia desta quarta (18), o projeto “Comandos de Saúde nas Rodovias”/Foto: Ascom

 Pela quarta vez em Petrolina, aconteceu durante todo o dia desta quarta (18), o projeto “Comandos de Saúde nas Rodovias”, desenvolvido pelo Sest Senat, Polícia Rodoviária Federal e a parceria da secretaria de Saúde de Petrolina. A iniciativa teve como foco a saúde dos caminhoneiros.

Foram realizados testes rápidos para HIV, Sífilis e Hepatites, vacinação, teste de glicemia distribuição de preservativos e orientações sobre Saúde do Trabalho com a equipe do Cerest.

Luciano Alves, caminhoneiro há mais de 10 anos, acredita que “a mobilização é muito importante para incentivar e alertar sobre os cuidados com a saúde. Passamos maior tempo na estrada e, muitas vezes, esquecemos de cuidar da nossa saúde”.

LEIA MAIS

Campanha de combate ao abuso e à exploração sexual de crianças e adolescentes é realizada em Salgueiro

crianças

A secretaria de Desenvolvimento Social de Salgueiro, por meio do Centro Especializado de Assistência Social (CREAS), realizará nesta terça-feira (17), a culminância do projeto ‘Faça bonito, plante uma flor’, com mobilização nas escolas, palestras, apresentações culturais e panfletagem.

Às 15h, na praça Ceus Cohab serão realizadas apresentações culturais, através da modalidade artística do teatro.

No dia 18 de maio, haverá a continuidade do projeto ‘Faça bonito, plante uma flor’ que será às 9h, na praça da Prefeitura, com um pit-stop dos alunos da Escola Dom Malan e, às 16h, haverá apresentações culturais na Praça da Academia das Cidades.

LEIA MAIS

Professores do Estado realizam manifesto nas Ruas de Petrolina nesta quarta-feira

Professores mobilizados 1

Na manhã desta quarta-feira (16), os professores da rede estadual de ensino do Estado de Pernambuco que aderiram à greve nacional da categoria deflagrada nesta terça-feira (15), estão concentrados na Praça do Bambuzinho, no Centro de Petrolina (PE).

A pauta da greve pede o cumprimento da lei do Piso, contra a terceirização, contra a entrega das escolas às organizações sociais, contra o parcelamento do salário, contra a militarização das escolas públicas e a reorganização das escolas.

Professores em greve 2

A professora Maria de Socorro Braga, ressaltou que o movimento paredista é para pressionar o Governador Paulo Câmara para sancionar direitos da categoria. “ Estamos aqui na praça para mostrar à sociedade a nossa insatisfação com o governo do Estado, que se arrasta com nossas questões salariais, o piso salarial não foi estendido a toda categoria, estamos com o percentual de 12%, e ele (o governador)  não se pronunciou ainda, já entregamos a pauta de reivindicação e até o momento ele não respondeu a um oficio enviando no dia 5 de janeiro, onde reivindicamos o novo piso, o retroativo e a extensão para todos os trabalhadores da educação”, pontuou a professora.

A Greve Nacional dos professores é uma ação coordenada pela Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação (CNTE) e luta pelo cumprimento da Lei do Piso e se coloca contra a militarização nas escolas, contra a entrega das escolas às organizações sociais (OSCs), contra o parcelamento de salários.

Mulheres de Santa Maria da Boa Vista são convocadas para mobilização nas ruas da cidade nesta terça-feira (8)

Mulheres em mobilização 1

Neste 8 de março, Dia Internacional da Mulher em Luta, o Movimento dos Atingidos Por Barragens (MAB) realiza marcha pelas ruas do município denunciando as altas tarifas da energia elétrica, a ameaça à democracia e em luta por direitos. A concentração está marcada para às 8h da manhã, no pátio da rodoviária de Santa Maria da Boa Vista. A marcha está sendo organizada pelo MAB em parceria com organizações sociais, pastorais, sindicais e do campo da região.

Marta Rodrigues, militante do movimento enfatiza que, “pelo cunho político que tem a data, nós mulheres atingidas por barragens estamos denunciando todas as formas de violência contra a mulher”, declara.

O MAB denúncia que o aumento da tarifa de energia é uma violência contra a mulher, devido à responsabilidade que ela tem de gerenciar o lar. “O custo para produzir a energia no Brasil é barato, mas a tarifa é muito alta porque todo o lucro fica com as empresas e quem paga são os trabalhadores, e principalmente as mulheres. É uma violência econômica e psicológica a elas, que devemos combater”, reforça.

O Movimento denuncia também que apesar de serem já milhares de brasileiros atingidos por barragens no país, apenas 30% receberam alguns tipos de indenização enquanto o restante sai de suas casas e terras com “uma mão na frente outra atrás”. Até hoje, a única lei que trata sobre atingidos por barragens é de 1941 e garante indenização apenas aos proprietários de terras. Por isso, se faz urgente a necessidade de uma política nacional de direitos para os atingidos.

A atividade faz parte da Jornada Nacional de Luta dos Atingidos por Barragens, quando serão realizadas atividades nas principais cidades e regiões do país entre os dias 07 de 14 de março, quando é comemorado o Dia Internacional de Luta Contra as Barragens, pelos Rios, pela Água e pela Vida.