MEC identifica 6 mil erros em notas do Enem

(Foto: Marcello Casal Jr./Agência Brasil)

O governo Bolsonaro identificou cerca de 6.000 erros em notas do Enem 2019. Além da falha inicial ocorrida na gráfica, também foram encontradas notas erradas provocadas por outras falhas, como na aplicação.

Problemas referentes ao uso de um cartão de resposta reserva, no momento da aplicação da prova, por exemplo, foram identificados durante a força-tarefa realizada desde sábado (18) pelo governo. A quantidade de estudantes afetados por esses problemas de aplicação é pequena, de cerca de 20 casos –eles também tiveram notas alteradas.

Apesar do número reduzido, esses erros teriam sido identificados antes da divulgação caso o processo de realização do exame tivesse sido menos atribulado, de acordo com técnicos do Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais) ouvidos pela reportagem.

LEIA MAIS

Notas do Enem 2019 já estão disponíveis; saiba como consultar

(Foto: Marcello Casal Jr./Agência Brasil)

As notas individuais do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2019 já estão disponíveis, na Página do Participante e no aplicativo do exame. Para acessar os resultados é necessário informar CPF e senha.

Além de consultar o resultado na página do participante e no aplicativo do Enem, os candidatos podem se antecipar e já simular sua nota de corte para saber em quais cursos poderão concorrer à vaga em instituições públicas e privadas. O cálculo do desempenho pode ser conferido no site do Educa Mais Brasil, programa de incentivo estudantil, clicando aqui.

LEIA MAIS

Notas do Enem serão liberadas nesta sexta-feira

(Foto: Marcello Casal Jr./Agência Brasil)

Amanhã (17), os quase 4 milhões de participantes do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2019 terão acesso às notas que obtiveram na avaliação. Para acessar os resultados é preciso acessar a Página do Participante, e informar o CPF e a senha cadastrados na hora da inscrição no exame.

Desde já, os estudantes podem se preparar para conferir as notas. Aqueles que não lembram a senha, podem recuperá-la no próprio sistema. É possível acessar o resultado também pelo aplicativo do Enem.

Os estudantes terão, nesta sexta-feira, acesso à nota da redação e à pontuação de cada uma das quatro áreas de conhecimento: linguagens, ciências humanas, ciências da natureza e matemática.

Dona de bar é lesada com notas falsas de R$ 100,00

Os pequenos comerciantes têm que ficar atentos para não serem enganados como a dona de um bar do bairro São Gonçalo, que foi lesada ao receber duas notas falsas de R$ 100,00 (cem reais). “Me acho tão esperta, como fui pegar notas falsas?”, questionou.

Além desta senhora, muitos comerciantes do bairro também já foram enganados com notas falsas, entre eles donos de espetinhos e lanchonetes, portanto, é preciso muita atenção na hora de receber dinheiro, sobretudo, nos horários de maior movimentação.

“A gente vende R$ 20,00 (vinte reais) e acha tão bom, só que depois é que vai ver que recebeu uma nota falsa, isso é doloroso para um pai de família”, comentou o dono de uma banca de espetinho.

MEC divulga as primeiras notas de corte do Sisu

O Sisu terá uma única chamada, e a divulgação do resultado está prevista para o dia 5 de junho. (Foto: Internet)

O Ministério da Educação (MEC) divulga hoje (30) as primeiras notas de corte do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) do segundo semestre. É possível acessar pela internet a nota mínima necessária para passar em cada um dos cursos oferecidos pelo sistema.

A nota é calculada diariamente com base no número de vagas disponíveis e no total de candidatos inscritos para aquele curso. É a menor para o candidato ficar entre os potencialmente selecionado para o curso. O candidato que já fez a inscrição poderá consultar a própria classificação parcial na opção do curso escolhida.

O MEC alerta que essas informações devem servir apenas de referência para ajudar o participante no monitoramento da inscrição, não sendo garantia de seleção para a vaga.

As inscrições começaram nessa segunda-feira (29) e vão até o dia 1º de junho. Para se inscrever, o candidato precisa ter feito o Enem 2016 e não ter tirado 0 na redação. Mais de 6,1 milhões fizeram o Enem no ano passado. O candidato pode fazer até duas opções de curso e alterá-las até o fim do prazo de inscrição.

LEIA MAIS

Derrame de notas falsas faz polícias prenderem estelionatários no Piauí

A Polícia Federal confirmou a falsidade das notas apreendidas

Derrame de notas falsas no Piauí fez com que a Polícia Militar (PM) e Polícia Federal (PF) prendessem estelionatários usando cédulas falsas de R$ 100,00 e R$ 50,00 em 10 municípios do Piauí – Patos do Piauí, Piripiri, Palmeirais, Parnaíba, Água Branca, Oeiras, Picos, Luís Correia, Teresina e Canto do Buriti.

Na tarde de sábado (7), os policiais militares prenderam no município de Patos do Piauí (517 km de Teresina) Deusimar e Francisco Sebastião da Silva utilizando cédulas falsas no comércio local. Ele foi flagrado com R$ 300,00, sendo seis notas de R$ 50,00 falsas.

Dois jovens foram flagrados em posse de cédulas de R$ 100 falsas por volta das 17h da quarta-feira , na Beira Rio, Bairro do Carmo, em Parnaíba. Os jovens foram identificados como Carlos Henrique Rios da Costa, 25 anos, e Anderson dos Santos Lima, 19 anos, e estavam em um carro Chevrolet Spin de cor branca e sem placas.

Em Palmeirais, a Polícia Militar foi acionada quando uma comerciante foi pagar combustível com cédulas de R$ 100,00 falsas. Ela explicou que tinha recebido o dinheiro de um cliente que foi comprar roubas em sua loja.

Também em Palmeirais, Francivan Ferreira Feitosa, de 29 anos, foi preso no Centro de Teresina, acusado de disparar arma de fogo contra um parente do prefeito eleito de Palmeirais, Márcio Texeira(PDT).

Segundo informações da polícia, no momento da prisão foram identificadas 10 notas falsas no bolso do acusado.

Inep disponibiliza notas da redação do Enem

nota-do-enem

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) informou pelo Twitter que as notas na redação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) já estão no sistema. A nota da prova era a única que faltava no resultado divulgado no fim da tarde desta sexta-feira (8).

“A nota da redação está no sistema. Caso necessário, atualize o navegador e limpe o cache. #ResultadoEnem2015”, publicou o Inep, por volta das 19h20.

De acordo com a Agência Brasil, as notas do Enem do ano passado foram divulgadas por volta das 18h na Página do Participante.

Para acessar o resultado, é necessário informar o CPF e a senha escolhida na hora da inscrição. Os estudantes têm acesso a uma tabela com a nota obtida em cada uma das provas: linguagens, matemática, ciências humanas, ciências da natureza e redação. Eles ainda não têm, no entanto, acesso ao espelho da redação, com a correção mais detalhada do texto, que será divulgado posteriormente.

A partir de segunda-feira (11), as notas no Enem poderão ser usadas para concorrer a vagas em instituições públicas de ensino superior em todo o país por meio do Sistema de Seleção Unificada (Sisu). As inscrições do Sisu ficarão abertas de segunda a quinta-feira próximas (11 a 14).

Inscrições no Sisu começam no dia 11 de janeiro

sisu

As inscrições para a primeira edição de 2016 do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) começam no dia 11 de janeiro e ficam abertas até as 23h59 do dia 14 de janeiro, no horário de Brasília. As inscrições serão feitas exclusivamente pela internet no site do Sisu. O resultado da chamada regular será divulgado no dia 18 de janeiro. O edital desta edição do Sisu está publicado no Diário Oficial da União de hoje (30).

Pode se inscrever o estudante que participou da edição de 2015 do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e obteve nota acima de 0 na prova de redação.

Ao se inscrever no Sisu, o participante pode escolher até duas opções de curso, por ordem de preferência. É possível mudar essas opções durante todo o período de inscrição. O candidato também precisa definir se deseja concorrer às vagas de ampla concorrência, às reservadas à lei federal de cotas ou àquelas destinadas às demais políticas afirmativas das instituições de ensino superior.

Os selecionados deverão fazer a matrícula na instituição nos dias 22, 25 e 26 de janeiro. Assim como na edição anterior, só haverá uma chamada regular.

Os estudantes não selecionados podem aderir à lista de espera que estará disponível na página do Sisu na internet de 18 de janeiro até as 23h59 do dia 29. O interessado só pode se inscrever na lista de espera para o curso que marcou como primeira opção na inscrição.

Por meio do Sisu, os estudantes participantes do Enem concorrem a vagas de ensino superior em instituições públicas. As notas do Enem serão divulgadas no dia 8 de janeiro, de acordo com o Ministério da Educação (MEC).

Notas do Enem disponíveis a partir de 8 de janeiro

nota-do-enem

As notas finais do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2015 serão disponibilizadas a partir de 8 de janeiro. A informação foi publicada nas redes sociais do Ministério da Educação (MEC), na manhã desta quinta-feira (24).

Neste ano, mais de sete milhões de candidatos realizaram a prova do Enem, segundo o MEC. O exame é requisito para estudantes concorrerem a vagas em diversas instituições federais através do Sistema de Seleção Unificada (Sisu).