Prefeitos da Bahia e Piauí entregam carta reivindicando conclusão de pavimentação na BR-020

Bolsonaro cobrou apoio dos deputados federais da região (Foto: Ascom)

Durante a visita do presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido) a Campo Alegre de Lourdes, prefeitos da Bahia e Piauí aproveitaram para entregar um pedido: a pavimentação do trecho da BR-020 que corta a região. A reivindicação é destinada também ao ministro de Infraestrutura, Tarcísio de Freitas.

Enilson Marcelo (Campo Alegre de Lourdes) é o líder do pedido, subscrito pelos prefeitos de Pilão Arcado e Buritirama (BA), São Raimundo Nonato e Avelino Lopes (PI), todos localizados no trecho sem asfalto. Em resposta, Bolsonaro solicitou o apoio dos deputados federais da região para que o recurso seja liberado.

Elmar Nascimento (DEM) acompanhou Bolsonaro na visita e deve ficar a cargo das articulações necessárias. Prefeito de Pilão Arcado, Orgeto Bastos reforçou que o município “não medirá esforços e vai se dedicar a este pleito junto às forças políticas que lhe dão sustentação dentro e fora da Bahia”. A BR-020 parte de Brasília (DF) até Fortaleza (CE), cortando boa parte da Bahia e Piauí.

Pilão Arcado: Partidos começam a impulsionar candidaturas de aliados de Orgeto Bastos

As principais forças políticas do PSD, PP e PT de Pilão Arcado-BA, formaram uma grande coalizão para disputar as eleições deste ano.  Os partidos pretendem cacifar o atual prefeito Orgeto Bastos como cabeça de chapa para a sua reeleição.

A eleição de novembro deste ano em Pilão Arcado deve ser tranquila para o grupo da situação. Os principais motivos estão ligados à boa gestão e aos nomes fortes que irão concorrer à Câmara Municipal.

Com a prorrogação do pleito eleitoral foram fixadas novas datas para outras fases do processo eleitoral de 2020, entre elas a de registro dos candidatos escolhidos em convenções partidárias. O prazo final para a apresentação do pedido de registro de candidatura na Justiça Eleitoral, inicialmente definido para 15 de agosto, passou para o dia 26 de setembro.

Lideres políticos de Pilão Arcado afirmam que o grupo que irá garantir apoio a Orgeto Bastos já está consolidado, aguardando, porém, prazo de lei para impulsionar a candidatura do prefeito com a realização das convenções partidárias.

O Blog conversou com uma liderança que não quis se identificar para dá detalhes da marcha da pré-campanha em Pilão Arcado. “Seremos prudentes, e vamos levar adiante o projeto majestoso implantado pelo Prefeito Orgeto em Pilão Arcado”, comentou.

“Construímos uma competente e aplicada lista de pré-candidatos a vereadores. Não estamos preocupados com o ambiente eleitoral, mas sim com os atores desta nova era inaugurada com Orgeto Bastos. Queremos contribuir para a nossa Pilão Arcado cada vez mais promissora”, disse!

Pilão Arcado: grupos políticos trabalham para fortalecer nome de Orgeto Bastos

Movimentação nos bastidores que fortalecer nome do atual prefeito (Foto: Ascom PMPA)

As movimentações nos bastidores da política em Pilão Arcado (BA) estão intensas, para fortalecer o nome de Orgeto Bastos como pré-candidato a prefeito. As articulações também envolvem os partidos da base de Orgeto, especialmente os que almejam ser vereador.

Sem as coligações partidárias – proibida a partir desse pleito – os políticos se organizam para lançar três blocos com pré-candidatos no grupo do prefeito. Concomitantemente à escolha dos possíveis concorrentes à Câmara Municipal, o trabalho busca consolidar Orgeto na reeleição.

Ele tem apenas seis meses de mandato e vem surpreendendo positivamente, especialmente pelo fato de ter encontrado pela frente a pandemia do novo coronavírus. Entre suas ações estão o fortalecimento da saúde, com novas unidades e as medidas para evitar a disseminação do vírus na cidade.

Orgeto Bastos foi eleito em 2 de fevereiro, em uma eleição suplementar autorizada pela Justiça Eleitoral. A votação se fez necessária depois de o prefeito e vice-prefeito vencedores em 2016 terem sido cassados pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Nome de Orgeto Bastos ganha força em Pilão Arcado

Orgeto Bastos foi eleito prefeito de Pilão Arcado (BA) após uma celeuma política na cidade, mas mesmo em tão pouco tempo de trabalho vem se destacando por suas ações. Apesar dos 48 casos confirmados do novo coronavírus, até quarta-feira (10), a população vê as ações da gestão darem certo.

Mesmo com a pandemia, as obras de infraestrutura seguem. “Um modelo já corriqueiro na cidade é o lançamento de programas de obras e serviços. Pavimentação asfáltica, esporte e educação, manutenção, reabertura e cascalhamento de estradas foram alguns de seus programas lançados e que chamaram atenção de lideranças no Município e em toda a região“, destaca a assessoria do gestor que terá apenas oito meses de trabalho.

Eleições 2020

Nos bastidores da política local há quem já especule a renovação do mandato de Orgeto, que assumiu a Prefeitura pela primeira vez. As negociações de alianças para o pleito de 2020, que até então está mantido, incluem membros da Câmara de Vereadores.

O principal comentário na cidade é que “o novo líder politico de Pilão Arcado pode se firmar como o maior político de Pilão Arcado se tornando aquele que mais fez em pouco tempo de mandato”.

Pilão Arcado se destaca na região do Vale do São Francisco como o município em realizar grandes obras no período da pandemia

Orgeto Bastos, prefeito de Pilão Arcado (BA).

A Prefeitura de Pilão Arcado no norte da Bahia tem se destacado entre as melhores gestões do Vale São Francisco nesse ano de 2020. O Prefeito Orgeto Bastos foi eleito para o chamado mandato tampão em 02 de fevereiro de 2020, logo após a sua posse, foi surpreendido pela pandemia mundial que desequilibrou a economia brasileira e por consequência atingiu as prefeituras em todo o Brasil.

O Prefeito de Pilão Arcado parece não ter sentido os efeitos danosos da pandemia na sua gestão. Montou logo de início através de um grupo de trabalho seu cronograma de gestão para 2020 apontando as prioridades da gestão. A Saúde foi chamada para apresentar um plano de gestão que fosse voltado para combater o alastramento da COVID-19 no Município. Todas as ações estão estritamente dentro das recomendações mundiais de saúde, isso abriu caminho para o município ser o último da região a registrar casos positivos do coronavírus. A vigilância sanitária da cidade acredita que o retardamento do vírus no município se deu por causa das medidas tomadas pelo Prefeito. E acrescenta que mesmo assim, o vírus só venceu as barreiras sanitárias por ocasião de empresas e estatais que mantinham obras na cidade.

A gestão de Orgeto Bastos encontrou o que muitos outros municípios brasileiros não conseguiram, que foi tocar sua gestão e a pandemia simultaneamente fazendo obras grandiosas em Pilão Arcado. Foi no início de abril o lançamento do Programa Pavimenta Pilão Arcado que já se encontra na sua fase final, com asfaltamentos de mais de 20 ruas espalhadas pelos bairros da sede municipal. A obra inaugurou o primeiro período de pavimentações asfálticas na cidade que tem mais de 2010 anos de sua fundação

Desde quando assumiu, o Prefeito Orgeto Bastos já havia anunciado que a sua gestão seria tocada com muitos cuidados, como o cumprimento de índices basilares à risca, como saúde, educação e segurança pública, e um olhar cuidadoso com as metas orçamentárias e fiscais.

É a primeira vez que o município há pouco mais de quatro meses de gestão tem a aprovação de vários setores da população. Chegando próximo dos 100 dias de governo, o prefeito deve se cacifar como favorito ao pleito eleitoral desse ano.

Da Redação

Pilão Arcado: ex-prefeito tenta reverter cassação na Justiça, mas sofre derrota no STF

Ex-prefeito (esq.) sofreu mais um revés

Manoel Mangueira, ex-prefeito de Pilão Arcado (BA) tentou reverter a cassação do seu mandato, mas não foi bem sucedido. O ex-gestor sofreu uma nova derrota, dessa vez no Supremo Tribunal Federal (STF), que negou uma liminar apresentada por sua defesa. Manoel foi cassado e afastado do cargo em dezembro passado.

Na quarta-feira (5) o ministro Luiz Fuz negou a liminar alegando que não cabe ao STF rever a justiça de decisões. “A tutela pleiteada [liminar] não é digna de deferimento. O provimento requerido pelo autor é impossível”, diz um trecho da decisão de Fux. Além de Manoel o vice-prefeito, Daltro Melo também foi cassado.

No último domingo (2) uma eleição suplementar foi realizada e terminou com vitória de Orgeto Bastos, que assume a Prefeitura até o final desse ano. Ele derrotou com tranquilidade o outro candidato, Mundoca.

Pilão Arcado: Orgeto Bastos vence eleição suplementar e assume comando da cidade até o final do ano

Orgeto Bastos assume até 31 de dezembro de 2020 (Foto: Reprodução/WhatsApp)

A eleição suplementar para a Prefeitura de Pilão Arcado (BA) terminou com vitória de Orgeto Bastos (Patriota). Após a apuração de domingo (2), Orgeto venceu com 69,16% dos votos válidos (12.335 votos). O candidato Raimundo Nonato Dias, o Mundoca, conseguiu apenas 30,84% (5.500 votos).

LEIA TAMBÉM

TSE cassa diplomas do prefeito e vice de Pilão Arcado, município deverá fazer nova eleição

No balanço do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) da Bahia, o pleito foi tranquilo, sem filas e sem a necessidade de troca das urnas de votação. Mais de 74% dos eleitores aptos compareceram à votação, outros 25,25 se abstiveram de eleger o prefeito. Orgeto Bastos será diplomado no dia 14 e assume Pilão Arcado até o final desse ano.

A votação suplementar foi solicitada após o prefeito e vice eleitos em 2016 terem seus mandatos cassados pelo Tribunal Superior Eleitoral, e, junho de 2019, acusados de abuso de poder político, econômico e de autoridade. Em nota, Mundoca reconheceu a vitória do adversário.