Câmara de Vereadores encerra trabalho com saldo positivo para presidente

Vereadores encerram ano com música e saldo positivo (Foto: Blog Waldiney Passos)

Véspera de pleito municipal, 2019 foi marcado por embates acaloradas e aprovação de projetos polêmicos. Porém, na quinta-feira (19) houve discursos de agradecimento, música e sorrisos para concluir mais um ano de trabalho na Câmara Municipal.

LEIA TAMBÉM:

Líderes avaliam 2019 como ano positivo na Câmara de Petrolina

No balanço geral, o presidente da Casa, Osório Siqueira (PSB) aprovou a atuação do Poder Legislativo. “Quero parabenizar todos os vereadores pelo ano de 2019, foram quase duas mil matérias, entre Indicações e Requerimentos reivindicando aos órgãos competentes, a todos os órgãos responsáveis pelas demandas”, disse.

“Bronca” por Plano Diretor une bancadas na Câmara de Petrolina

Membros do Legislativo cobram projeto (Foto: Blog Waldiney Passos)

Em meio as demandas dos vereadores, um tema ganhou notoriedade na Câmara de Petrolina na quinta-feira (5): o Plano Diretor Municipal. Praticamente todos os edis presentes no debate de ontem cobraram o envio do projeto de Lei, cuja autoria é do Poder Executivo, para ser apreciado no Plenário.

Ex-líder do governo na Câmara, Ruy Wanderley (PSC) denunciou que outras pessoas – arquitetos e engenheiros – já estão com o Plano em mãos,  enquanto o Legislativo não analisou a matéria até o momento. E cobrou do assessor especial da Prefeitura, Orlando Tolentino agilidade no envio.

“Isso demonstra a falta de respeito que alguns membros do Poder Executivo tem com essa Casa. O Plano Diretor foi feito, já foi encaminhado uma cópia para profissionais de engenharia, arquitetura e empresários, mas estão esquecendo que para ser aprovado tem que passar por essa Casa”, disse.

Audiência pública sobre cultura gera atrito entre Gilmar Santos e Maria Elena

Audiência foi realizada no CEU das Águas, no Rio Corrente (Foto: Blog Waldiney Passos)

A Câmara de Vereadores de Petrolina promoveu uma audiência pública na segunda-feira (2), no bairro Rio Corrente para debater as políticas públicas da cultura. Contudo, o autor do pedido, Gilmar Santos (PT) se disse triste por não ter a presença dos colegas e de representantes da Prefeitura.

“Lamentamos muito a ausência dos colegas vereadores. Essa Casa aprovou o Requerimento, estava previsto para o dia 29/11 e realizamos ontem [segunda-feira]. Lá registramos a ausência de representantes da Prefeitura Municipal, não teve um representante [do Executivo] para ouvir os artistas”, afirma Gilmar.

Falta de comunicação

Defensora da cultura, Maria Elena de Alencar (PRTB) interferiu na fala e defendeu a Casa. “Os gabinetes não receberam convite oficial sobre essa audiência, eu o vi fazendo o convite aqui. Seria um assunto que não teria o porquê de não participar. Também falei com o secretário Cássio Lucena e ele disse que não foi avisado oficialmente“, pontua.

Ronaldo Silva cobra eleição para vaga deixada por Gilberto Melo na Mesa Diretora

Posto que era ocupado por Gilberto Melo ainda não foi preenchido na Mesa Diretora (Foto: Blog Waldiney Passos)

No começo de 2019 o vereador Gilberto Melo (PR) anunciou sua renúncia ao cargo de 2º vice-presidente na Mesa Diretora da Câmara de Petrolina. O edil deixou sua função para focar no comando do PR municipal. Desde então a vaga está desocupada e Ronaldo Silva (PSDB) cobrou uma posição da Casa Plínio Amorim.

LEIA TAMBÉM:

Gilberto Melo anuncia renúncia de cargo na Mesa Diretora

Na sessão de quinta-feira (28), Ronaldo questionou o presidente Osório Siqueira (PSB) sobre a eleição da Mesa. “Vai acabar o ano e não vai ter eleição para a Mesa. Nosso candidato é Cícero Freire, o senhor poderia fazer a eleição hoje”, disse.

Osório, por sua vez, alegou que é necessário cumprir os trâmites legais da Casa. “Tem que seguir os trâmites legais para poder ter validade. A gente vai sentar numa reunião para discutir isso. Fazer a tramitação via edital, tem que ser de acordo”, pontuou. Cícero Freire é do mesmo partido de Gilberto Melo. O mandato da atual Mesa Diretora é para o biênio 2019/2020.

Osório Siqueira solicita implantação de placas com horário de transporte alternativo

Osório Siqueira, presidente da Câmara de Vereadores. (Foto: Blog Waldiney Passos)

Na última quinta-feira (21), durante a sessão ordinária na Câmara Municipal de Petrolina, o presidente da Casa Legislativa, Osório Siqueira, apresentou uma indicação solicitando à Autarquia Municipal de Mobilidade de Petrolina (AMMPLA) a execução de reformas nas paradas principais dos transportes alternativos, com placas que indiquem os horários dos mesmos, nos Projetos N-4, N-5, C-2 e N-1.

“A referida reforma, se faz necessária, tendo em vista que as paradas de ônibus dessas comunidades estão muito danificadas e não atendem a sua função, que é proteger os usuários do sol, ou de uma chuva ocasional”, diz a indicação.

A solicitação foi feita à prefeitura municipal para que interceda junto ao diretor-presidente da AMMPLA, Edilson Leite, conhecido como Edilsão do Trânsito.

Osório rebate crítica de Gabriel: “Não tem um projeto que venha trazer benefício à sociedade”

Osório rebateu fala de Gabriel sobre saúde na zona rural de Petrolina

O clima entre o presidente da Câmara de Vereadores de Petrolina, Osório Siqueira (PSB) e Gabriel Menezes (PSL) esquentou na sessão da última quinta-feira (17). Osório chamou o colega de “mau educado” e criticou a postura de Gabriel em ser agressivo nas sessões.

LEIA TAMBÉM:

Presidente do PSL em Pernambuco reafirma que Gabriel Menezes tem apoio do partido na candidatura a prefeito de Petrolina

O comentário de Osório veio após o vereador da Oposição criticar os serviços de saúde na zona rural e mencionar um reduto do presidente da Casa. “Quero convidar a secretária [de Saúde] e o prefeito, os vereadores que se dizem vereadores da Saúde para irmos juntos madrugar com idosos, gestantes e mães com crianças pequenas nas filas das Unidades de Saúde das áreas irrigadas, como exemplo fo N5 que é seu reduto, presidente Osório para vermos tanta gente arriscando por insuficientes fichas. Chega de incompetência, cadê os médicos que passaram no concurso?”, afirmou Gabriel.

Caso Beatriz: família emite nota contra Câmara de Vereadores; Osório afirma que Legislativo está de portas abertas ao povo

Em nota, família critica espaço cedido à defesa de Allinson (Foto: Blog Waldiney Passos)

A participação do advogado que representa Allinson Henrique da Cunha – apontado pela Polícia Civil de Pernambuco como responsável por apagar imagens das câmeras de monitoramento do Colégio Auxiliadora no dia em que Beatriz Angélica Mota foi assassinada – na Câmara de Vereadores ainda repercute entre os edis de Petrolina.

LEIA TAMBÉM:

Caso Beatriz: Lucinha Mota protesta contra presença de advogado de Alisson na Câmara de Vereadores

Nessa quinta-feira (10) Lucinha Mota e Sandro Romilton publicaram uma nota de repúdio ao Poder Legislativo, por ter cedido espaço a Wank Medrado, representante legal de Allinson, que foi inocentado pelo Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE). Os pais da garota criticaram a Câmara por chancelar a participação de Medrado, que tinha “a simples intenção de defender seu cliente”.

Osório Siqueira afirma que aprovados no concurso da Câmara serão convocados até abril de 2020

Presidente comentou situação dos concursados (Foto: Jean Brito/Ascom CMP)

Os aprovados no concurso público da Câmara de Vereadores de Petrolina deverão ser convocados até abril de 2020. Foi o que assegurou o presidente da Casa Plínio Amorim, Osório Siqueira (PSB). Durante coletiva de imprensa na sessão da quinta-feira (26), Osório explicou como está o processo de chamamento dos concursados.

“Assinei com o Ministério Público um compromisso com doutor Carlan [Carlo] para até abril serem chamados todos os cargos e vamos ter 20 pessoas a mais aqui”, disse o edil. Osório também celebrou o fato de o concurso estar acontecendo pela primeira vez na cidade.

“É a primeira vez que está acontecendo em Petrolina, tenho alegria de dizer que foi na nossa gestão que aconteceu isso. Já está finalizado para chamar as 20 pessoas que passaram“, destacou. O certame foi realizado pelo Instituto de Desenvolvimento Institucional Brasileiro (IDIB), mesma banca responsável pelo concurso da Guarda Civil Municipal.

Vereadores estariam articulando CPI do São João do Vale, mas sem aval do líder da Situação

Há denúncias no MPF contra o São João do Vale de 2013

A notícia nos bastidores da Câmara de Vereadores de Petrolina nessa quinta-feira (26) foi a movimentação da Bancada de Situação para instaurar uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI), cujo alvo é o São João do Vale, na gestão do ex-prefeito Julio Lóssio. Essa movimentação seria uma retaliação aos pedidos da Oposição apresentados nas duas sessões dessa semana.

Porém, o líder do Governo na Casa Plínio Amorim, Aero Cruz (PSB) não concorda com essa movimentação. “Isso foi levantado por alguns vereadores da Situação, como líder coloquei a eles que se a gente fizer isso, estamos entrando no jogo pequeno que eles estão entrando. Sou contra a gente agir dessa forma. Não é dessa forma que se faz a política. O São João está em uma esfera superior, da mesma forma que nós estamos tendo uma”, justificou.

Municiar Oposição

Para Aero, dar esse passo é igualar o nível de debate com a Oposição. “Seria se igualar a política pequena que eles estão fazendo. Não acharia correto CPI do São João, contas [de ex-prefeito]. Na hora que for hábil votar e entrar em uma discussão, se coloca. Se colocar só por ferro e fogo, acredito que não seja dessa forma“, afirmou.

Chamado de “oportunista”, Alex de Jesus ironiza colegas: “Para fazer Indicação tenho que perguntar se posso?”

Vereadores divergiram sobre pedidos na sessão de ontem (5)

Quem é o pai da obra? Essa foi a principal discussão na Câmara de Vereadores na sessão de ontem (5) em Petrolina. Tudo porque Alex de Jesus (PRB) apresentou a Indicação nº 945/2019, na qual solicitava a pavimentação das ruas 16 e 17 do bairro Cosme e Damião.

Manoel da Acosap (PTB) discordou do pedido e criticou o colega por reivindicar algo já em processo licitatório. “Obra que está licitada e em andamento não cabe mais. O vereador Alex de Jeus está solicitando duas ruas que já estão licitadas. Acho que os nobres vereadores devem procurar um órgão e saber o que está acontecendo na rua“, disparou.

Alex não gostou da colocação do colega e rebateu. “Para eu fazer Indicação eu tenho que perguntar se eu posso ou não posso?”. Manoel continuou e classificou como “analfabetismo” a atitude do companheiro de bancada. Presidente da Câmara, Osório Siqueira (PSB) tentou amenizar o clima hostil.

Osório Siqueira investe em melhorias na estrutura do plenário e alguns espaços da Casa Plínio Amorim

O presidente da Câmara Municipal de Petrolina, vereador Osório Siqueira, está realizando uma reforma em alguns setores do prédio da Casa Plínio Amorim, visando melhorar a estrutura para proporcionar mais conforto aos vereadores, imprensa e público que frequenta as sessões.

O sistema de som da Câmara que deixava muito a desejar uma vez que em determinados momentos não era possível ouvir a fala dos vereadores devido aos ruídos externos, deve ser solucionado com a substituição da mesa de som que agora é digital, de alta sensibilidade e a instalação de novos microfones profissionais Phantom Power.

A sala de imprensa, antiga reivindicação dos profissionais de comunicação, também está passando por uma reforma em toda a sua estrutura. Novos acesos foram criados, a área panorâmica foi ampliada para que os repórteres tenham uma visão mais ampla dos trabalhos dos vereadores  e a Internet foi melhorada dando condições de acesso a todos com mais qualidade.

O Salão de Eventos da Casa também passa por mudanças, o local fica sempre à disposição não só para as atividades do Poder Legislativo, mas para toda a sociedade.

Devido a essas melhorias na estrutura do plenário e alguns espaços o segundo semestre legislativo só será iniciado na próxima terça-feira (06).

Sessões plenárias retornam terça-feira, garante Osório Siqueira

Sessões devem retornar na próxima semana. (Foto: Blog Waldiney Passos)

O presidente da Câmara de Vereadores de Petrolina, Osório Siqueira, afirmou que as sessões ordinárias da Casa Legislativa retornam na próxima terça-feira (06), apesar de o recesso parlamentar do meio do ano acabar nesta quarta-feira (31).

De acordo com Osório, estão sendo promovidas algumas melhorias na estrutura do plenário e alguns espaços da Casa e por isso as sessões só retornam na próxima semana. “Estamos realizando algumas melhorias como a troca do sistema de som que agora terá uma qualidade digital, um som mais impo, melhorando o trabalho”, disse.

Além disso, as instalações do plenário têm recebido outros serviços. A sala de imprensa passa por uma readequação e contará com uma internet mais rápida e de maior capacidade.

“Uma cobrança recorrente da imprensa e de quem necessita da internet na Câmara para realizar suas demandas. Adquirimos um sistema que irá possibilitar melhoria na utilização desse serviço”, acrescentou o presidente Osório Siqueira.

O Salão de Eventos da Casa também passa por mudanças e o presidente ressalta que o espaço está à disposição não só para as atividades do Poder Legislativo, mas para toda a sociedade.

Osório Siqueira lamenta morte do ex-vereador Dedé da Simpatia

Ex-vereador de Petrolina, Dedé da Simpatia sofreu um infante no último sábado (27)

O presidente da Câmara de Vereadores de Petrolina-PE, vereador Osório Siqueira, lamentou neste sábado, 27, o falecimento do ex-vereador José Crispiniano Coelho, conhecido por todos como Dedé da Simpatia. O ex-vereador sofreu um infante no começo do dia. O corpo de Dedé da Simpatia foi velado durante parte do dia em sua residência no bairro Cohab Massangano, mas seguiu para a zona rural na localidade de Sítio Cachoeirinha, onde foi sepultado neste domingo, 28.

Sobre a trajetória de Dedé da Simpatia, o presidente Osório Siqueira registrou a importância do ex-vereador para as causas relacionadas ao interior do município. Osório emitiu nota de pesar pela perda de Dedé da Simpatia e enviou condolências aos seus familiares.

“O ex-vereador Dedé da Simpatia teve uma trajetória política marcante e que representou com muita competência, o povo do interior no legislativo, sempre atuando por melhorias para a população da zona rural. Lamentamos o seu falecimento e envio condolências a todos os seus familiares”, assinalou Osório em nome de todos que fazem a Câmara de Vereadores de Petrolina.

Ascom CMP

Lei determina disponibilização de dados sobres imóveis públicos de Petrolina

Por lei, todos os dados se imóveis serão publicados na internet (Foto: Ascom/PMP)

Agora é lei em Petrolina: os imóveis utilizados pelo Poder Público deverão ter suas informações fornecidas no site oficial da Prefeitura. A determinação é resultado da Lei Municipal n° 3.214/2019, proposta pelo vereador Paulo Valgueiro (MBD), líder da Oposição na Casa Plínio Amorim.

A lei foi sancionada pelo presidente da Câmara, Osório Siqueira (PSB) cumprindo o que determina o Artigo 46 da Lei Orgânica Municipal nos incisos 3 e 8: a não sanção por parte do prefeito implicará na sanção do presidente do Legislativo.

Segundo a lei, todos os dados sobre o patrimônio imobiliário público serão divulgados na plataforma digital da Prefeitura (Portal da Transparência). Devem constar informações a respeito da tipologia, localização, utilização atual, área e dados da posse do imóvel.

Isso vale tanto para os prédios próprios, quanto aos alugados. Cabe ao Poder Executivo regulamentar a lei em até 45 dias, a contar da sua publicação no Diário Oficial que ocorreu na segunda-feira (15). A lei busca dar mais transparência aos atos da Prefeitura.

Com recesso legislativo, sessões na Câmara de Petrolina serão retomadas na primeira semana de agosto

(Foto: Ascom/CMP)

Os trabalhos no primeiro semestre de 2019 na Casa Plínio Amorim foram encerrados com a sessão de terça-feira (18). A folga antecipada veio devido aos feriados de junho – Corpus Christi e São João – agora os edis retomarão os encontros semanais no Plenário apenas em agosto.

Na avaliação do presidente da Câmara de Vereadores, Osório Siqueira (PSB), os membros do Legislativo cumpriram com o que manda o Regimento Interno. “A gente tem que realizar no mínimo 20 sessões, a gente tem mais de 40. A gente já fez os trabalhos com o motivo [de] concluir [o semestre] no dia 18. Temos o feriado de São João, acho que não tem nada de errado e de ilegalidade. Os trabalhos já foram concluídos”, afirmou em coletiva de imprensa.

Os primeiros seis meses de 2019 foram marcados por embates entre a Situação e Oposição, algumas marcadas por ofensas pessoais. Todavia, na opinião do presidente, foi um período produtivo. “Teve vez que votamos cinco, seis projetos na pauta. Até antecipamos sessões, tudo isso para ajudar o município“, disse.

Folga legislativa

De acordo com Osório, o retorno às atividades acontecerá apenas em agosto, já que julho tradicionalmente é o período de recesso na Câmara. “O retorno será no mês de agosto, na primeira semana do mês. A sessão volta ao normal, mas os trabalhos da Casa, os setores, os gabinetes e a parte administrativa continuam trabalhando normalmente”, enfatizou.

123