Petrolina: homem desrespeita medida protetiva e é preso pela Patrulha da Mulher

(Foto: Jonas Santos/PMP)

O fato ocorreu neste domingo (21) no bairro Terras do Sul, zona Norte, de Petrolina. Um mulher que estava sendo ameaçada pelo o ex-companheiro ligou para a Guarda Civil Municipal, no número 156, e informou sobre as ofensas. De imediato, a Patrulha da Mulher, instrumento criado pelo o governo municipal para auxiliar no combate à violência a esse gênero, foi acionada.

LEIA MAIS

Quase 70 indivíduos foram detidos em 2020 por violência contra a mulher em Petrolina

A Patrulha da Mulher da Guarda Civil Municipal (GCM) de Petrolina divulgou, nesta quinta-feira (04), dados estatísticos do atendimento realizado na fiscalização de medidas protetivas e o acompanhamento às vítimas de violência doméstica e familiar.

Segundo o órgão, em 2020 foram detidos e conduzidos 68 indivíduos para a Delegacia de Polícia por cometerem algum tipo de ato de violência contra a mulher.

Quanto ao atendimento as chamadas de emergência geradas através do número 153, foram realizados 106 atendimentos a ocorrências diversas – tais como agressão física e psicológica, ameaça, violência patrimonial, invasão domiciliar, tentativa de feminicídio, perturbação da paz, cárcere privado e violência sexual/atentado violento ao pudor e injúria.

LEIA MAIS

Patrulha da Mulher divulga balanço das ocorrências registradas em Petrolina

Patrulha da Mulher tem sido importante no combate a violência (Foto: Ascom PMP)

Em 2018 a Câmara de Vereadores de Petrolina aprovou um projeto de lei instituindo a Patrulha da Mulher. Desde então, a cidade tornou-se pioneira na proteção às vítimas de violência no Sertão pernambucano. E nessa semana, mais precisamente na quarta-feira (25) celebra-se o Dia Internacional da Não Violência contra as Mulheres.

LEIA TAMBÉM

Criada através de lei municipal, Patrulha da Mulher reforça combate à violência no município

Esse momento reforça a necessidade das políticas públicas municipais. Como forma de transparência pelos serviços prestados, a Guarda Civil Municipal de Petrolina divulgou as estatísticas de atendimento da Patrulha. Desde o início de 2020, 61 homens foram detidos ou conduzidos à Delegacia em decorrência de algum tipo de violência contra elas.

LEIA MAIS

Homem é detido após descumprir medida protetiva em Petrolina

A patrulha da mulher atende casos referentes à violência doméstica.

Na noite desse domingo (02), por volta das 18h, a Central de Operações da Guarda Civil de Petrolina recebeu uma denúncia através do 153 referente à quebra de Medida Protetiva. A denunciante afirmou que possuía a medida em desfavor do seu ex-companheiro e que ele havia invadido sua residência.

De imediato, a Central acionou a viatura do Grupamento Patrulha da Mulher para averiguar o a ocorrência. A guarnição se deslocou até o local indicado pela denunciante e, de fato, foi constatado a quebra da Medida Protetiva.

LEIA MAIS

Patrulha da Mulher da Guarda Civil de Petrolina prende homem que agrediu companheira no bairro Dom Avelar.

No último domingo (24), por volta das 17h30, a Patrulha da Mulher da Guarda Civil de Petrolina foi acionada pela Central de Operações para averiguar uma denúncia de violência doméstica na Rua Tolerância, no bairro Dom Avelar. Chegando ao referido local, foram informados pela irmã da vítima que teria recebido fotos de sua irmã D.C.S. com lesões nos olhos. Diante da informação a equipe se deslocou até a residência da mesma e lá chegando bateram no portão, porém ela não respondia, então foi necessário arrombar o portão, momento em que a vítima saiu da casa com vários hematomas no olho direito resultado da agressão praticada por seu companheiro J.A.C. Ainda segundo a vítima ele teria quebrado alguns objetos da residência. Diante dos fatos, o imputado e a vítima foram conduzidos ao Plantão de Delegacia de Polícia Civil para que fossem tomadas as providencias cabíveis.

Patrulha da Mulher dá suporte a vítima de violência doméstica no bairro Santa Luzia

A Patrulha da Mulher prendeu um homem na noite de terça-feira (28), no bairro Santa Luzia, em Petrolina. Ele é suspeito de agredir verbalmente sua companheira e também impedi-la de entrar na residência do casal. De acordo com a Guarda Civil Municipal, a vítima relatou que as agressões são rotineiras.

Os agentes da Patrulha encontraram o agressor dentro do imóvel, com os dois filhos do casal. Ele foi encaminhado à Delegacia de Polícia Civil, para adoção das medidas cabíveis. Ele estava bêbado.

A Guarda Civil reforça o número 153 para que as mulheres vítimas de violência doméstica acionem a Patrulha da Mulher.

Patrulha da Mulher prende homem que invadiu residência no Centro de Petrolina

Um homem foi detido na noite de domingo (5) pela Patrulha da Mulher de Petrolina, após invadir uma residência no Centro e se masturbar na frente de três vítimas do sexo feminino. De acordo com a Guarda Civil Municipal, a Patrulha fazia rondas pela Travessa do Caiano quando ouviu gritos.

A viatura encontrou as vítimas na calçada. Elas relataram que um homem invadiu a residência, mandou elas ficarem nuas e começou a se masturbar na frente delas, incluindo uma criança de 11 anos. O homem foi detido na Rua Barão do Rio Branco e encaminhado à Delegacia de Polícia Civil.

Autora da lei que institui a Patrulha da Mulher, Cristina Costa quer fortalecimento das políticas públicas de enfrentamento à violência

A Oposição estava afiada na sessão dessa terça-feira (18), na Casa Plínio Amorim. Depois de Elismar Gonçalves (MDB), a vereadora Cristina Costa (PT) colocou em discussão o Requerimento n° 026/2020. Autora do projeto de Lei que instituiu a Patrulha da Mulher, Costa solicitou a participação da Guarda Civil nas reuniões da Rede de Mulheres.

LEIA TAMBÉM

“A gente está às cegas”, afirma Elismar Gonçalves sobre Adutora de Nova Descoberta

“A Patrulha vem fazendo um excelente trabalho, é uma lei do legislativo de autoria nossa. A gente vê a importância desse trabalho para a segurança daquelas mulheres que sofrem violência. Nós temos a Rede de Mulheres que mensalmente se reúnem uma vez por mês. Nesse último mês pude observar a presença da Ronda Maria da Penha, que é introduzida pelo Governo do Estado e vi a importância da Patrulha da Mulher se fazer presente“, justificou.

Para Costa, a integração da Patrulha na Rede vem agregar valor ao trabalho de enfrentamento à violência. “Estou mandando o calendário até dezembro para que eles participem e apresentem como isso está conseguindo fortalecer as mulheres. A gente precisa desenvolver mais políticas públicas de fortalecimento de defesa da mulher. A Patrulha da Mulher é importante e nós estamos solicitando que mensalmente elas participem dessa reunião“, destacou.

Patrulha da Mulher: após descumprir medida protetiva, homem é preso em Petrolina

(Foto: Divulgação)

Um homem foi preso em Petrolina (PE), na última quinta-feira (26), após descumprir medida protetiva, expedido em processo de violência doméstica movido pela ex-companheira dele, que está sendo assistida pela Patrulha da Mulher da Guarda Civil de Petrolina.

De acordo com informações da Guarda Civil, a Patrulha da mulher foi acionada pela vítima, que estava sendo perseguida pelo ex-companheiro, nas ruas do Centro da cidade. Ainda segundo a Guarda, mesmo com ordens da Vara de Violência Doméstica de não se aproximar, Emerson Ferreira Lima continuou visitando e seguindo a ex-companheira.

Diante das circunstâncias, o efetivo conduziu o acusado à Delegacia da Mulher, que vai responder ao processo de acordo com a Lei Maria da Penha. Em caso de violência doméstica ou descumprimento de medida protetiva, A Patrulha da Mulher pode ser acionada pelo telefone 153.

“Em Petrolina a medida protetiva não é só um papel”, destaca coordenador da Patrulha da Mulher

Coordenador destacou trabalho do efetivo (Foto: Jean Brito/Ascom CMP)

Os integrantes da Patrulha da Mulher de Petrolina marcaram presença na Câmara de Vereadores na sessão de quinta-feira (28). Através do seu coordenador, Jenivaldo Santos, o Jota Santos, a instituição destacou as ações dos 12 agentes que estão a frente do projeto.

Em seu discurso, Jota Santos lembrou que a luta pela proteção das mulheres não se restringe ao gênero feminino e masculino. “Essa não é uma luta de gênero e muito menos de poderes e sim uma luta de toda sociedade. A Patrulha da Mulher foi um instrumento que nasceu nessa Casa numa contribuição marcante da vereadora Cristina Costa, como autora da lei e de cada um dos senhores vereadores“, explica.

Os trabalhos da Patrulha da Mulher tiveram início no segundo semestre, após a aprovação e sanção de uma lei proposta por Cristina Costa (PT). Os agentes passaram por uma capacitação, a fim de melhor atender as vítimas. “Essa missão estava além da nossa formação, que é o tratamento especial às mulheres humilhadas, feridas na alma, na sua dignidade e no seu corpo. Saímos da patrulha tradicional para entrarmos nas vidas dessas pessoas. Isso passou a fazer parte das nossas vidas diárias e das nossas emoções”, afirma Jota.

LEIA MAIS

Patrulha da Mulher: Guarda Civil Municipal prende homem em Petrolina após descumprimento de medida protetiva

Na noite do último domingo (17), um homem de 31 anos foi preso em flagrante pela Patrulha da Mulher da Guarda Civil Municipal de Petrolina (GCM), no bairro Novo tempo, após descumprir medida protetiva, que estabelece a distância mínima de 300 metros entre ele e a ex-companheira.

A Patrulha da Mulher foi acionada pela Central de Atendimento e de imediato se dirigiu até o local indicado, para verificar a denúncia. Segundo informações da GCM, ao avistar a viatura, o acusado tentou fugir pulando muros da vizinhança, entretanto foi contido pela equipe e conduzido para Delegacia de Polícia Civil, para adoção das medidas legais cabíveis.

Vale ressaltar que a equipe pode ser acionada 24h por dia por telefone ou presencialmente na sede da Guarda Civil Municipal, localizada na Avenida Senador Darcí Ribeiro, no bairro Maria Auxiliadora.

Homem descumpre medida protetiva em Petrolina e é conduzido à delegacia

Patrulha da Mulher faz parte da Guarda Civil Municipal de Petrolina.

A Patrulha da Mulher de Petrolina, equipe especializada da Guarda Civil Municipal para atender casos que envolvem violência contra a mulher, foi acionada para checar uma denúncia de descumprimento de medida protetiva no bairro Vila Eduardo, nesse domingo (18).

De imediato, a equipe atendeu ao chamado e constatou que o homem em questão, de fato, estava em frente à casa da sua ex-companheira. Ele foi conduzido para Delegacia de Polícia Civil para que fossem adotadas as medidas legais cabíveis.

LEIA MAIS

Homem é preso no José e Maria por violência doméstica

(Foto: Ilustração)

Policiais do 5º BPM em Petrolina prenderam um homem na noite de sábado (15), suspeito de cometer violência doméstica contra sua companheira.

De acordo com a Polícia Militar, uma equipe da Patrulha Maria da Penha deslocou-se até a Rua da Porção, no bairro José e Maria, acionada pela própria vítima.

A vítima relatou ter sido agredida com socos no rosto. Os dois foram conduzidos à Delegacia de Polícia Civil de Plantão, onde foi registrada a ocorrência.

Patrulha da Mulher: Prefeitura de Petrolina capacita servidores que irão atuar no combate à violência doméstica   

(Foto: Jonas Santos)

Nos últimos preparativos para lançar o programa ‘Patrulha da Mulher’, em combate à violência doméstica, a Prefeitura de Petrolina qualificou agentes da Guarda Civil que irão atuar diretamente com o público. Ao todo, na última sexta-feira (15), 30 servidores municipais passaram pela formação, que permitirá uma conduta diferenciada neste tipo de ocorrência.

Durante o curso preparatório, os Guardas Civis puderam aprender mais sobre: as políticas públicas para as mulheres nas esferas municipal, estadual e nacional; gênero; cidadania; relações de gênero; violência contra a mulher; Lei Maria da Penha e Rede de Atendimento à Mulher em situação de violência doméstica e familiar.

“A formação para os servidores e servidoras da Guarda Civil vem para garantir aos profissionais, que irão atuar na ‘Patrulha da Mulher’, o nivelamento sobre as políticas públicas. Dentro deste contexto, assegurar  uma atuação humanizada, de qualidade e livre de estereótipos que reforçam a violência de gênero”, explica a secretária executiva de Direitos Humanos, Juventude, Mulher e Acessibilidade, Bruna Ruana.

LEIA MAIS

Cristina Costa celebra implantação da Patrulha da Mulher e da Comissão Parlamentar na Casa Plínio Amorim

Vereadora agradeceu prefeito por implantação de lei de sua autoria (Foto: Blog Waldiney Passos)

A sessão de terça-feira (12) em Petrolina foi histórica. O município foi o primeiro de Pernambuco a implantar a Comissão da Mulher, na Casa Plínio Amorim, cuja função é analisar todas as demandas legislativas da cidade e fortalecer o combate à violência contra elas.

LEIA TAMBÉM:

Sessão solene homenageia mulheres de Petrolina e marca implantação da Comissão da Mulher

Criada através de lei municipal, Patrulha da Mulher reforça combate à violência no município

Primeira presidente da comissão, Cristina Costa (PT) celebrou o momento e destacou a função da pasta. “Petrolina está sendo a primeira cidade a implantar a Comissão Parlamentar da Mulher. Ela vem com o objetivo de que a gente possa debater toda proposição que passa pela mulher, debater nessa comissão. Todo e qualquer projeto de lei que diz respeito às mulheres passa pela Comissão, temos a missão de promover debates e campanhas e principalmente fortalecer a rede de enfrentamento”, disse ao Blog Waldiney Passos.

LEIA MAIS
12