“A força política está aqui nesse palanque”, afirma Lucas Ramos em ato do PSB, em Petrolina

Lucas Ramos destacou força política da oposição

Aniversariante da sexta-feira (14), o deputado estadual Lucas Ramos (PSB) fez um discurso firme contra o Governo Federal, destacou a atuação dos socialistas na oposição às matérias como reforma da Previdência e ironizou a chamada força política dos Coelho, cujo líder do Senado é Fernando Bezerra Coelho, pai do atual prefeito de Petrolina, Miguel Coelho.

Pleiteando a Prefeitura local, Lucas foi firme. “Quando a gente liga o rádio, escuta o noticiário e lê o jornal ouve muito falar sobre a força política. A força política está aqui nesse palanque“, afirmou citando a presença dos prefeitos de Lagoa Grande, Afrânio, Dormentes, Santa Maria da Boa Vista, Santa Filomena e outros locais.

União da Oposição

Se o sertanejo é forte, ele precisa se unir e união é o que a gente vai pregar nessa cidade. As forças politicas de oposição de Petrolina, formadas por Odacy Amorim, Dulcicleide Amorim, Cristina Costa, Gabriel Menezes, Gilmar Santos, Julio Lóssio, Paulo Valgueiro, Elismar e ainda com a nossa força política e é exatamente o que a gente vai defender: união“, disse.

Lucas já deixou clara sua intenção de concorrer à Prefeitura e é o provável candidato do PSB, tendo inclusive o apoio do deputado federal Gonzaga Patriota, seu colega de partido. Porém, a Oposição ainda não bateu o martelo se irá com uma única candidatura ou apresentará várias em Petrolina.

Aero Cruz afirma que Situação derrubou Requerimento de Valgueiro para não dar “palanque político”

Bancada de Situação derrubou mais um Requerimento do líder opositor (Foto: Blog Waldiney Passos)

Foi apenas a quarta sessão do ano e novamente o debate entre Oposição e Situação esquentou na Câmara de Petrolina. Na quinta-feira (13), o Requerimento n° 31/2020, de Paulo Valgueiro (MDB) foi derrubado por 15×5. Valgueiro, líder dos opositores reivindicava mais uma vez informações acerca dos contratos de locação dos veículos utilizados pela Prefeitura.

LEIA TAMBÉM

Após longa discussão, Situação derruba Requerimento apresentado pela líder da Oposição

Apenas a bancada de Oposição votou a favor do pedido de Valgueiro: Cristina Costa (PT), Gabriel Menezes (PSL), Gilmar Santos (PT), Elismar Gonçalves (MDB) e o próprio Valgueiro. A Situação atendeu ao pedido do seu líder, Aero Cruz (PSB), de rejeitar a cobrança.

Nós não temos uma bancada de 16 votos para derrubar Requerimento. A não ser que ele venha com cunho político, de fazer palanque político com o Requerimento. Todo e qualquer pedido que vier aqui com cunho político nós vamos derrubar. Todas as informações estão no Portal da Transparência”, justificou Aero.

Sem fim político

Valgueiro rebateu, alegando que é dever dos vereadores serem fiscais dos Poderes. “Não tem nenhum cunho político. Até 15 de agosto a gente faz é legislar, a partir de 15 de agosto que se inicia a campanha é que a gente vai a palanque, mas não aqui“, disse em relação às colocações de Aero.

O líder da Oposição ironizou o Portal da Transparência. “O Portal da Transparência é portal da obscuridade e não apresenta as informações, a gente solicita informações referentes de todos os contratos de contratação de veículos, para suprir a necessidade das secretarias e autarquias de Petrolina“, destacou.

Após longa discussão, Situação derruba Requerimento apresentado pela líder da Oposição

Sessão de hoje teve clima tenso (Foto: Blog Waldiney Passos)

Como era de se esperar, a sessão de hoje (13) na Câmara de Vereadores de Petrolina teve uma longa e acalorada discussão em torno dos pedidos da Bancada de Oposição. O que mais gerou bate-boca foi o de número 031/2020, do líder Paulo Valgueiro (MDB). Ele solicitava informações acerca dos contratos de locação dos veículos utilizados nas secretarias e autarquias da Prefeitura.

LEIA TAMBÉM

Requerimentos da Oposição esquentam debate na Câmara de Petrolina

Valgueiro já fez esse mesmo pedido em outras ocasiões e sempre foi voto vencido, porém tornou a trazer o tema ao conhecimento dos colegas, alegando que há irregularidades nesses contratos. A acusação não soou bem para a Situação, que rebateu chamando o pedido de “politicagem”.

Foi quase uma hora discutindo a reivindicação de Valgueiro e por 15×5 o pedido novamente foi derrubado. Já o Requerimento n° 008/2020 de Cristina Costa (PT) passou. Ela solicitava informações sobre os contratos dos professores da rede municipal.

Nesse momento os edis estão iniciando a discussão dos projetos de lei colocados em pauta. A expectativa é de maior atenção ao do FUNDEB, já que os professores da rede municipal, contratados, demitidos e efetivos, se fazem presente no plenário da Casa, bem como representantes do Sindicato dos Servidores Municipais de Petrolina (SINDSEMP).

Requerimentos da Oposição esquentam debate na Câmara de Petrolina

(Foto: Jean Brito/Ascom CMP)

A sessão dessa quinta-feira (13) na Casa Plínio Amorim promete ser quente. Isso porque entre as Indicações e Requerimentos, a Bancada da Oposição apresentou uma série de pedidos de informação à Prefeitura de Petrolina.

A primeira delas é de autoria de Cristina Costa (PT), o Requerimento n° 008/2020, no qual ela pede informações sobre os contratos de professores que foram rescindidos antes do término do prazo. Segundo Costa, o pedido está “zelando pela transparência e pela lisura do processo”.

Em seguida o líder da Oposição, Paulo Valgueiro (MDB) cobra informações acerca dos contratos de locação dos veículos utilizados pela gestão municipal. Segundo o edil, o “Portal da Transparência não apresenta informações”.

Outro ponto que deve esquentar o debate é o Projeto de Lei n° 001/2020 para debater a concessão do abono salarial por parte do Poder Executivo.

Valgueiro acredita em candidatura de Lóssio e afirma que ex-prefeito “vai estar jogando para ganhar”

Valgueiro caminhará ao lado de Lóssio, antigo aliado político (Foto: Blog Waldiney Passos)

Os trabalhos na Câmara de Vereadores foram retomados na última terça-feira (4), com a primeira sessão do ano. Em meio às expectativas de debates acalorados, por ser ano eleitoral, as conversas nos bastidores da Casa Plínio Amorim giram em torno das possíveis candidaturas em outubro.

LEIA TAMBÉM

Líderes afirmam que bancadas de Oposição e Situação não vão mudar postura em 2020

Líder da Oposição e aliado político de Julio Lóssio, Paulo Valgueiro (MDB) disse acreditar na candidatura do ex-prefeito, apesar de Lóssio. “Ele deixou mais ou menos claro no café da manhã, respondeu através da imprensa. Ele perguntava se o pessoal acreditava se Miguel ia disputar em 2020, se Odacy [Amorim] ia e a mesma coisa servia para ele também. Com certeza a gente vai estar no jogo, vai estar jogando para ganhar, não só para disputar”, disse.

Saída do MDB

Com a chegada de Miguel Coelho ao MDB, Valgueiro já havia dito que deixaria o partido no qual estava há anos. O próximo partido deve ser o PSD, atual casa de Lóssio. “A gente vai ter esse mês de fevereiro para aprofundar as conversas e em março a gente busca a nossa agremiação para disputa das eleições, que deverá ser a mesma em que milita o ex-prefeito Julio Lóssio”, destacou.

Petrolina: Situação começa ano legislativo derrubando Requerimento apresentado pelo líder da Oposição

Valgueiro é líder da Oposição e só recebeu apoio dos colegas na votação (Foto: Jean Brito/Ascom CMP)

2020 começou como 2019 foi na Câmara de Vereadores de Petrolina: a bancada de Situação derrubando pedidos da Oposição. Na primeira sessão do ano, na terça-feira (4), o vereador Paulo Valgueiro (MDB) apresentou o Requerimento n° 004/2020 e viu os adversários barrarem a reivindicação.

LEIA TAMBÉM

Líderes afirmam que bancadas de Oposição e Situação não vão mudar postura em 2020

Valgueiro, que é líder da Oposição, solicitou da Prefeitura cópia de todos os processos referentes à contratação de dos serviços de pavimentação asfáltica, na sede e interior. Após ver seu pedido rejeitado, ele criticou a falta de transparência da gestão. “A gente tem visto desde 2017 que o governo teima cada vez mais em não ter transparência”, afirmou.

LEIA MAIS

Líderes afirmam que bancadas de Oposição e Situação não vão mudar postura em 2020

Líderes falam da expectativa para 2020 na Casa Plínio Amorim (Foto: Blog Waldiney Passos)

Nem bem começou o ano e a bancada da Situação já derrubou um Requerimento da Oposição. E os embates entre a Oposição e Situação devem se intensificar em 2020, já que é ano eleitoral. O Blog Waldiney Passos conversou com os dois líderes para saber a expectativa de cada um acerca dos colegas.

Secretário de Governo e Agricultura levou mensagem do prefeito

Oposição fiscalizadora

Segundo Paulo Valgueiro (MDB), a Oposição não vai mudar sua forma de atuar. “A gente vai continuar com a mesma forma de trabalhar do três anos anteriores, apresentando propostas importantes, pedidos de informação, projetos que possam melhorar a condição de vida dos trabalhadores. Lógico que esse ano é diferenciado, porque a gente busca a renovação dos nossos mandatos e isso pode deixar os debates mais acalorados“, afirmou.

Valgueiro quer, mesmo nas proximidades das eleições, que o debate seja produtivo e não vá para o campo pessoal. “Que não parta para o pessoal. A gente espera um ano um tanto acalorado, mas que a gente possa mesclar: o trabalho legislativo, com o período eleitoral”, antecipou.

Situação não quer confusão

Assim como na Oposição, a Situação deve-se manter fiel à sua postura vista anteriormente. “A gente vai procurar de uma certa forma fazer o que nós fizemos em 2019, que é trabalhar em prol da população com as Indicações e Requerimentos e os projetos do Executivo. A gente sabe que em ano eleitoral os ânimos ficam mais acirrados”, disse.

Aero prevê a “Oposição vindo pra cima”, mas espera respeito ao debate. “A gente vai procurar o foco do trabalho, de continuar trabalhando e continuar apoiando o prefeito Miguel Coelho nos seus projetos. A gente tem certeza que fazendo isso a gente vai ter o reconhecimento da população na hora certa”, finalizou.

Líderes avaliam 2019 como ano positivo na Câmara de Petrolina

2019 termina de forma satisfatória para as lideranças (Foto: Blog Waldiney Passos)

O ano legislativo de 2019 chegou ao fim hoje (19) na Câmara de Petrolina em clima de paz e harmonia. Logo mais às 13h Oposição e Situação se reúnem para a confraternização de final de ano, mas o tom de tranquilidade já pôde ser sentido nas entrevistas dos dois líderes.

Paulo Valgueiro (MDB) elogiou a atuação da Oposição e disse que em 2020, último ano do mandato dos atuais vereadores, nada mudará. “É uma avaliação positiva, apesar dos embates muitas vezes acalorados, apesar de sermos minoria na Casa Plínio Amorim. A gente buscou cumprir nosso papel enquanto vereador e a Bancada de Oposição tem feito esse papel. Apesar das perdas que tivemos em 2019, consideramos o ano positivo”, afirmou ao Blog.

Na visão do edil, a Oposição faz de fato um trabalho de legislador. “A gente considera que assim como em 2017 e 2018 a gente conseguiu cumprir esse papel [de ser legislador]. Essa União da Oposição começou em 2017 e permaneceu até agora. Embora temos partidos diferentes, o objetivo maior nosso é fazer de Petrolina uma cidade cada vez melhor“, concluiu.

LEIA MAIS

Petrolina: líderes divergem sobre projeto que altera regime previdenciário dos servidores municipais

Líderes dão opinião sobre regime previdenciário (Foto: Blog Waldiney Passos)

Às vésperas de encerrar o ano, a Câmara de Vereadores de Petrolina analisa nessa manhã diversos projetos de Lei do Poder Executivo. Entre eles, o de número 025/2019, cuja proposta é reestruturar o Regime Próprio de Previdência dos servidores municipais, ativos e inativos.

LEIA TAMBÉM:

Assim como Alepe, Câmara de Petrolina discutirá projeto do novo regime previdenciário em Petrolina

Antes da votação o Blog Waldiney Passos ouviu os dois líderes que divergem sobre a proposta. Paulo Valgueiro (MDB) vê a matéria como um “presente de grego” aos petrolinenses. Já Aero Cruz (PSB) afirma que o município segue o que o Governo Federal já fez.

LEIA MAIS

Paulo Valgueiro pede vistoria em residenciais para evitar novos incêndios

Já foram oito casas incendiadas no Nova Vida (Foto: Reprodução/WhatsApp)

Além de apresentar um Requerimento solicitando informações sobre o Renova Casa, o vereador Paulo Valgueiro (MDB) pediu mais segurança aos conjuntos habitacionais do programa Minha Casa, Minha Vida, em Petrolina.

LEIA TAMBÉM:

Campanha arrecada doações para moradora do Residencial Nova Vida I que perdeu casa em incêndio

Através da Indicação n° 1553/2019 o edil cobrou do Poder Executivo vistorias nos residenciais, tendo em vista os recorrentes casos de incêndio nas casas populares. “O Nova Vida a gente já teve oito casas pegando fogo, se faz necessário que a municipalidade possa fazer uma vistoria nesses condomínios e acionar as empresas que construíram os conjuntos habitacionais”, destacou.

Para os bairros Mandacaru, Antônio Cassimiro e Terras do Sul, Valgueiro pediu mais policiamento. “A gente está pedindo que a Guarda Municipal possa intensificar rondas, bem como a nossa Polícia Militar, através do 5º BPM e do 2º BIEsp que possam também”, explicou.

Valgueiro volta a cobrar informações sobre Renova Casa

Vereador voltou a cobrar informações sobre programa (Foto: Blog Waldiney Passos)

Na sessão de terça-feira (10), na Câmara de Petrolina, o líder da Oposição, Paulo Valgueiro (MDB) voltou a cobrar um pedido antigo já feito por ele nesse ano ao Poder Executivo. Através do Requerimento n° 421/2019, o edil busca informações sobre o programa Renova Casa.

A intenção de Valgueiro é saber se o programa já foi colocado em prática e o recurso utilizado. “Não houve nenhum retorno, a gente está solicitando novamente para ver se chega essa informação. Algumas pessoas nos têm cobrado, porque tem a necessidade dessa ajuda para melhorias em suas residências, mas até o momento não se tem conhecimento de ninguém que tenha sido agraciado com o Renova Casa“, comentou ao Blog.

O Renova Casa foi apresentado em 2018, pela Prefeitura. A expectativa era que cerca de 500 famílias fossem beneficiadas com recursos para executarem melhorias em suas residências. O Requerimento de Valgueiro foi aprovado por 14×0.

Paulo Vagueiro afirma que Julio é candidato a prefeito e que não avalizou ida de Raimunda Sol Posto ao grupo de Miguel Coelho

Ex-vereadora Raimunda Sol Posto e o ex-prefeito Julio Lossio. (Foto Arquivo)

Em meio aos burburinhos de que a ex-vereadora Raimunda Sol Posto (MDB) estaria mesmo desembarcando no grupo do prefeito Miguel Coelho (MDB), o vereador Paulo Vagueiro (MDB), líder da bancada da oposição na Casa Plínio Amorim, afirmou nesta quinta-feira (05), que desconhece esta informação e que sabe da proximidade que ela tem com com Julio e com o deputado Lucas Ramos.

“Na última eleição Dona Raimunda marchou com Julio para governador e Lucas Ramos como deputado estadual . Eu não vi nada oficial, eu não vi um posicionamento de dona Raimunda e é uma pessoa que eu tenho enorme respeito, eu não quero fazer conjunturas aqui se ela aceitou ou não se é boato ou não”, salientou.

LEIA MAIS

Vereadores de Petrolina apresentam pedidos voltados a nova empresa de transporte coletivo

A nova empresa de transporte coletivo de Petrolina começou a operar no domingo (1°), mas já rende debates na  Câmara de Vereadores. Nessa manhã de quinta-feria (5) a vereadora Cristina Costa (PT) apresentou o Requerimento n° 404/2019, no qual solicita cópias do processo licitatório para contratação da Atlântico Transportes Ltda.

Ao justificar seu pedido, Costa argumentou que “é papel nosso enquanto vereadora fiscalizar e cobrar um melhor transporte público”. O pedido foi aprovado por 16×0, assim como as Indicações n° 1529/2019 e 1530/2019, de Paulo Valgueiro (MDB).

O edil, líder da Oposição, chamou atenção ao fato de que a licitação manteve as mesmas linhas e quantidade de ônibus, mantendo os problemas antigos no transporte coletivo. “Foi feito o Plano Municipal de Mobilidade, fez-se a licitação, colocou ônibus novos e o sistema é o mesmo. As linhas permanecem as mesmas. É preciso que se renove a frota e se renove o sistema”, argumenta.

Paulo Valgueiro quer sinalização em rua onde motoboy foi atropelado e morto

Rua 16 é acesso a diversos condomínios e residenciais (Foto: Reprodução/Google Maps)

Uma das vias mais movimentadas na periferia de Petrolina, a Rua 16 do bairro Jardim Guararapes ganhou notoriedade nas últimas semanas devido ao acidente de trânsito que vitimou um motoboy. Na sessão da última terça-feira (25), o vereador Paulo Valgueiro (MDB) chamou a atenção para o local.

LEIA TAMBÉM:

Plantão policial: motorista que colidiu veículo com entregador de pizza está sob custódia

Feriado termina com motociclista morto em Petrolina

O edil cobrou melhorias na via e outro ponto importante, a sinalização. “Solicitamos do chefe do Executivo, o recapeamento da via e bem como a construção de redutores de velocidade na Rua 16, no bairro Jardim Guararapes. Rua que dá acesso a muitos Vales, é uma rua longa, reta e que está com o asfalto bastante estragado“, destacou Valgueiro.

Ele também lembrou do acidente do motoboy, mas há poucos dias um novo caso foi registrado próximo à uma borracharia, sem muita gravidade. “Estão acontecendo constantes acidentes, inclusive com vítimas fatais, como foi o caso do motoboy atropelado e morto”, lembrou.

Paulo Valgueiro apresenta pedido para duplicação da Avenida Perimetral

Em meio a tantas duplicações de avenidas em Petrolina, o vereador Paulo Valgueiro (MDB) apresentou o Requerimento n° 382/2019, solicitando do Poder Executivo que analise a viabilidade de fazer melhorias na Avenida Perimetral.

O pedido foi apresentado na sessão de quinta-feira (28) e seguirá para análise do prefeito Miguel Coelho (MDB). “Que possa providenciar a duplicação asfáltica da Avenida Perimetral, com a implantação de ciclovia e não ciclofaixa, bem como a iluminação em LED em toda a extensão da Perimetral”, justificou Valgueiro.

Segundo bem lembrou o edil, a via é uma das mais importantes da cidade. “Ela liga as BR 407 e 428, essa Avenida margeia diversos bairros da nossa periferia, que já não dá conta do fluxo de veículos. Já se faz necessário uma ação de melhoria, colocando a Avenida Perimetral no patamar que ela merece”, concluiu.

1234