Codevasf lança 50 mil alevinos de piau e curimatã no rio São Francisco

A Codevasf realizou nesta quinta-feira (4) um peixamento com 50 mil alevinos das espécies piau e curimatã, na orla do Rio São Francisco em Petrolina (PE). O diretor-presidente da Companhia, Marcelo Moreira, participou do peixamento, um ato simbólico em celebração à Semana do Meio Ambiente. As espécies usadas no evento são nativas do São Francisco e foram produzidas no Centro Integrado de Recursos Pesqueiros e Aquicultura de Bebedouro, da Codevasf.
“Participar desse ato de soltura de peixes no Rio São Francisco não é só um gesto simbólico nesse período, mas a confirmação do nosso compromisso com a revitalização e o cuidado com esse importante manancial”, afirmou Moreira. “A Codevasf continuará cumprindo sua missão institucional de desenvolver bacias hidrográficas de forma sustentável, com ações como as de oferta de alevinos, de equipamentos e de orientação técnica, para que o meio ambiente seja sempre compreendido como um ativo renovável que merece sempre nossa atenção”, acrescentou.
O Centro Integrado de Recursos Pesqueiros e Aquicultura de Bebedouro tem capacidade de produção anual de oito milhões de alevinos de diversas espécies. De acordo com o superintendente regional da Codevasf em Pernambuco, Aurivalter Cordeiro, a expectativa para 2020 é de que sejam produzidos no centro cerca de quatro milhões de alevinos.
“No primeiro semestre deste ano nós entregamos algo em torno de dois milhões de alevinos para povoamento de diversos corpos d’água, como açudes, barreiros e barragens nos municípios pernambucanos da nossa área de atuação no estado”, informou Cordeiro.
Produção rural
Após o peixamento, diretor-presidente e superintendente seguiram para o setor 15 do Projeto de Irrigação Pontal – primeiro setor do empreendimento a ser ocupado por produtores. Na ocasião houve acionamento da bomba que leva água aos lotes familiares da área sul do projeto. Atualmente os agricultores estão preparando suas áreas para produção. São 77 lotes individuais, cada um de seis hectares.
Ainda no Pontal, Marcelo Moreira participou da entrega de equipamentos que devem fortalecer a agricultura familiar em seis municípios pernambucanos. No ato foram entregues cinco retroescavadeiras, quatro tratores agrícolas, três grades aradoras, três arados reversíveis e quatro sulcadores, distribuídos aos municípios de Bodocó, Parnamirim, Carnaubeira da Penha, Belém de São Francisco, Barra de Guabiraba e Orocó,  investimento de mais de R$ 1,3 milhão.

Prefeitura inicia repovoamento de peixes em barragens de Petrolina  

(Foto: ASCOM/PMP)

Aproveitando o momento das recentes e abundantes chuvas que caíram em Petrolina desde janeiro e que tiraram muitas barragens e barreiros da situação de colapso devido às épocas de forte estiagem, a prefeitura tem realizado o repovoamento de peixes destes reservatórios em Cristália, Uruás, Caititu, Simpatia e Atalho – todas localidades da zona rural de Petrolina.

Em localidades como Poço Dantas, Uruás, Lajedo, Capim, Pau Ferro, Angico – região de Rajada entre outras localidades, os índices pluviométricos foram maiores do que o esperado para a região e para aproveitar esse aumento do nível das barragens. Desde o início desta gestão municipal, sempre preocupada em realizar ações que visam a sustentabilidade e o equilíbrio entre comunidade e meio ambiente, tem realizado o peixamento de diversos barreiros com alevinos de espécies como tilápia, curimatã, carpa e tambaqui para que assim, em cada ano, haja peixes em abundância.

A ação é desenvolvida pela Secretaria de Governo e Agricultura (Segoa), em parceria com instituições locais e federais a exemplo da 3ª Superintendência Regional da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf). Por meio do Centro Integrado de Recursos Pesqueiros da Companhia é possível produzir, por ano, até 8 milhões de alevinos em tanques escavados e realizar um efetivo repovoamento do Rio São Francisco, como também de barragens e açudes da região.

Codevasf realiza peixamento em Petrolina para celebrar aniversário do Velho Chico

O evento contou com a participação de estudantes do município.

Para comemorar o Dia do rio São Francisco, celebrado nesta sexta-feira (04), a Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf), por meio da Superintendência Regional em Petrolina (PE), realizou peixamento com de cerca de 50 mil alevinos de espécies de peixes nativas do Velho Chico, como piau verdadeiro e pacamã, produzidos no Centro Integrado de Recursos Pesqueiros e Aquicultura de Bebedouro, localizado em Petrolina.

O peixamento foi realizado por 25 alunos do colégio municipal Anézio Leão. Durante a soltura dos alevinos nas margens do rio São Francisco em Petrolina, eles ouviram uma breve explanação da equipe técnica da Codevasf a respeito dos cuidados com o meio ambiente.

A estudante Ana Júlia Pereira, 13 anos, disse que foi um dia especial para ela. “Fiquei bastante emocionada. Eu conheço o rio desde que nasci e estar aqui, no dia do seu aniversário, colocando vidas nele, é muito legal. Foi emocionante”, disse.

LEIA MAIS

Programa de peixamento beneficia comunidades rurais de Petrolina

(Foto: Jonas Santos)

Comunidades da zona rural de Petrolina têm vivenciado uma época farta com as barragens que sangraram, graças às recentes chuvas que ocorreram nos últimos dois meses. Para aproveitar o momento, o prefeito Miguel Coelho lançou, na manhã de terça-feira (7), o programa para entrega de cerca de 60 mil alevinos de tambaqui, tilápia e curimatã nas comunidades de Pau Ferro e Rajada, as primeiras a serem contempladas com a ação.

O peixamento integra o programa ‘Novo Tempo no Interior’, desenvolvido pela Secretaria de Governo e Agricultura, executado em parceria com instituições locais e federais. Nesta ação, a prefeitura contou com a parceria da 3ª Superintendência Regional da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf) que através do Centro Integrado de Recursos Pesqueiros chega a produzir, por ano, até 8 milhões de alevinos em tanques escavados, como informou o gerente de Revitalização, Maxwell Tavares.

LEIA MAIS

Rio São Francisco ganha mais 40 mil alevinos

(Foto: ASCOM/PMP)

Como parte das comemorações pelo Dia Mundial do Meio Ambiente, a Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf) promoveu, nesta quarta (6), um peixamento simbólico na Orla de Petrolina (PE), com inserção de 40 mil alevinos.

Os 33 mil curimatãs e 7 mil pacamãs inseridos no rio São Francisco são frutos de trabalho realizado no Centro Integrado de Recursos Pesqueiros e Aquicultura de Bebedouro. De acordo com Rozzanno Figueiredo, engenheiro de pesca e chefe do centro, há boas perspectivas para o ano de 2018, tudo isso graças às chuvas que ocorreram no sertão pernambucano no primeiro semestre e, também, ao novo contrato que permitiu a Companhia contratar uma nova equipe de atuação.

LEIA MAIS

Peixamento celebra Dia Mundial da Água em Petrolina

(Foto: ASCOM/PMP)

Para comemorar o Dia Mundial da Água, nesta quinta-feira (22) a Prefeitura de Petrolina realizará um peixamento no rio São Francisco. 50 mil alevinos serão inseridos no Velho Chico, na Orla I.

O peixamento acontece às 8h30 da manhã e está inserido na programação da Semana da Água. Na terça-feira (20) 5 mil peixes foram inseridos no Velho Chico, no Projeto Bebedouro. Também foram plantadas 200 mudas de árvores no Distrito de Izacolândia.

A Semana da Água termina na sexta-feira (23), quando será inaugurado o Viveiro Municipal, localizado no Parque Municipal Josepha Coelho, às 16h30. O espaço vai abrigar até 50 mil mudas.

Peixamento simbólico marca Semana do Meio Ambiente em Cabrobó

(Foto: ASCOM)

Uma manhã ecológica com direito a ações de preservação da natureza e peixamento simbólico no rio São Francisco com a soltura de 10 mil alevinos. Foi assim nesta quinta-feira (8) o ponto alto das comemorações da Semana do Meio Ambiente em Cabrobó, sertão de Pernambuco.

A ação de repovoamento de peixes no rio, coordenada pela Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf), aconteceu à sombra da ponte de acesso a ilha de Assunção e movimentou representantes de praticamente todos os segmentos produtivos da cidade.

Estiveram presentes professores e alunos da rede pública municipal e estadual, vereadores e os secretários de Educação, Lorena Sampaio; Saúde, Michelli Caldas e de Planejamento, Turismo e Desenvolvimento Econômico, Elionai Filho.

De acordo com o superintendente da 3ª Superintendência da Codevasf, Aurivalter Cordeiro, a preservação do meio ambiente é um compromisso de cada um dos cidadãos que deve ser compartilhado com as novas gerações.

LEIA MAIS

20 mil alevinos são soltos no rio São Francisco, em Petrolina

(Foto: Jonas Santos​/ Divulgação)

Para celebrar o Dia do Meio Ambiente e dar sequência as atividades do projeto ‘Nossa Orla’, a prefeitura de Petrolina e a Codevasf promoveram, nesta segunda-feira (05), a soltura de 20 mil peixes da espécie nativa piau “Velho Chico”.

Os peixes foram lançados pelo prefeito Miguel Coelho (PSB), o superintendente da Codevasf, Aurivalter Cordeiro, e por pescadores da região. “O rio estava doente, com nível crítico de poluição e tomado por baronesas. Hoje, essa realidade está mudando, mas é necessário continuar defendendo o rio, não apenas a prefeitura e os parceiros, mas toda a população, pois é um patrimônio de toda a sociedade e que deve ser preservado todos os dias”, defendeu o prefeito no ato ambiental.

LEIA MAIS