Guarda Municipal apreende linha com cerol no João de Deus

Material apreendido pelos guardas.

A Guarda Municipal de Petrolina, durante a Operação Convivência, a qual envolve diversos órgãos para averiguar o cumprimento dos decretos em vigor contra a COVID 19, avistou, nessa quarta-feira (17), diversos jovens empinando pipas na Praça da Juventude do bairro João de Deus, em Petrolina (PE).

Todos os jovens avistados foram imediatamente abordados pelos agentes da operação e, ao final, foram recolhidos seis tubos de linha, pois foi constatado que continham cerol (nome dado ao vidro misturado com cola passado na linha). A ação visou impedir acidentes, que geralmente envolve motociclistas e ciclistas que sofrem ferimentos graves quando ao transitar colidem com as linhas.

Governo Federal reconhece emergência e carros pipas continuam atuando em Casa Nova

(Foto: Ilustração)

Com 50 carros pipas administrados pelo Exército e mais 10 custeados pela Prefeitura, o município de Casa Nova (BA) recebeu, nessa quinta-feira (18), cópia do Dário Oficial da União, edição 136/2019, de 17/07/2019, com a Portaria 1721, datada de 16/07/2019 reconhecendo a “situação de emergência na área descrita no Formulário de Informações do Desastre – FIDE”, atendendo Decreto 540 de 09 de Maio de 2019.

O reconhecimento da situação de emergência capacita o Município de Casa Nova a continuar recebendo recursos para o abastecimento por carros pipa nas localidades que sofrem com estiagem e a receber recursos oriundos do Governo Federal e destinados a diminuir os danos causados pela seca.

Em Casa Nova os únicos recursos disponibilizados em função da seca são os destinados ao pagamento dos carros pipa. A informação foi prestada pelo coordenador adjunto de prevenção e preparação da Defesa Civil da Bahia, Vitor Alexandre Gantois.

Miguel Coelho anuncia nova etapa do programa de carros-pipa para zona rural

Na primeira etapa o programa da Prefeitura de Petrolina atendeu cerca de 400 famílias.

Lançado no ano passado, o programa “Água Boa” será retomado a partir desta semana em Petrolina (PE). O prefeito Miguel Coelho deve anunciar, nesta quinta (04), a programação de abastecimento com carros-pipa em comunidades da zona rural, que receberá um investimento de R$ 720 mil. O lançamento da segunda etapa do Água Boa ocorre a partir das 9h, na comunidade de Rajada, distrito de Petrolina.

Ao todo, serão atendidas cerca de 800 famílias em dezenas de localidades do interior petrolinense. Nesta fase, o “Água Boa” terá o serviço dobrado, passando de 10 carros-pipa para 20 veículos para abastecer os moradores da zona rural.

O programa municipal de abastecimento hídrico vem suprir a ausência do trabalho de responsabilidade do Governo do Estado, que há quase dois anos passa por seguidas suspensões. Para isso, a Prefeitura de Petrolina fez um novo contrato com os pipeiros por seis meses.

Programa Água Boa

O Água Boa foi lançado, no ano passado, em caráter emergencial por conta da necessidade de comunidades castigadas pela seca e falta de abastecimento. Na primeira etapa o programa da Prefeitura de Petrolina atendeu cerca de 400 famílias em mais de 50 comunidades do interior. A cidade é uma das que estão sob decretos estadual e municipal de emergência pela estiagem.

Celpe alerta para contra riscos de acidentes e interrupções de energia provocadas por pipas

O ideal é que a brincadeira aconteça em locais como praias e campos. (Foto: Ilustração)

O mês de agosto chega trazendo os ventos de maior intensidade e abre temporada para uma diversão também característica da época. As pipas, muito comuns nesse mês, podem se tornar perigosas, especialmente se forem empinadas próximo à rede elétrica.

A Companhia Energética de Pernambuco (Celpe) reforça o alerta contra os riscos de empinar papagaio perto da fiação. Além de colocar a vida de pessoas em perigo, a brincadeira prejudica o fornecimento de energia. Entre os meses de janeiro a julho deste ano, a concessionária contabilizou 309 desligamentos provocados por pipas, no Estado. Em todo o ano passado, foram registradas 903 interrupções.

O risco de empinar pipas próximo de rede elétricas é acentuado pelo uso do cerol aplicado à linha, que se torna um condutor por conter raspas de vidro e pó metálico adicionado à cola. O produto aumenta o risco de choque elétrico. Por ser condutor de energia, o cerol acaba energizando a linha em contato com a rede elétrica. As pipas também, ao se enroscarem nos fios elétricos, podem provocar curto-circuito, ocasionando, inclusive o rompimento de cabos.

LEIA MAIS

Prefeitura de Petrolina inicia programa de carros-pipa na Zona Rural

(Foto: ASCOM)

Com o registro da falta de água devido à longa estiagem e as constantes falhas no abastecimento de água por conta do governo estadual, a Prefeitura de Petrolina inicia nesta quarta-feira (15), o abastecimento de água em diversas localidades da zona rural do município. O prefeito Miguel Coelho lançará o programa ‘Água Boa’, às 9h, no clube da comunidade de Uruás.

A medida está sendo possível graças à contratação emergencial de 10 caminhões-pipa. Além deles, mais um caminhão que estava em manutenção da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Agrário também estará se somando ao programa, totalizando 11 veículos, beneficiando assim, mais de 350 famílias que sofrem com a seca.

A iniciativa, coordenada pela Secretaria Municipal, tem como propósito atender às comunidades da zona rural que não são contempladas pela Operação Carro-Pipa e nem outro tipo programa.

“O prefeito Miguel Coelho mostra o seu compromisso com as comunidades rurais e tem buscando alternativas para amenizar o sofrimento do homem do campo. Hoje sim, o interior tem atenção especial devido a essa gestão”, disse o secretário de Desenvolvimento Econômico e Agrário, José Batista da Gama.

LEIA MAIS

Pipeiros interditam rodovias em Pernambuco por melhorias de salário

(Foto: Ilustração)

Durante a manhã desta sexta-feira (10), motoristas dos caminhão-pipa do Sertão de Pernambuco realizaram uma paralisação por melhorias dos salários e contra a precariedade do Sistema Gpipa.

Os pipeiros, que prestam trabalham para o Exército Brasileiro, bloquearam as Br’s 428, 316 e 116, no Trevo do Ibó, impedindo as passagens que dão acesso às cidades de Salgueiro, Cabrobó e Belém do São Francisco

Sistema Gpipa

O sistema de monitoramento Gpipa é usado para controlar as entregas de água feitas por cada caminhão. Os veículos recebem um equipamento que registra data, hora e a rota usada. Cuntudo, segundo os pipeiros, o equipamento não está registrando as viagens de forma correta.