Restaurante Popular de Petrolina retornou atendimento presencial nesta segunda

(Foto: Ascom/PMP)

O Restaurante Popular de Petrolina retornou os atendimentos presenciais no estabelecimento nesta segunda-feira (08). Devido à pandemia da Covid-19, o serviço estava funcionando somente com a entrega das refeições no sistema de marmitex.

Elisângela Alves de Andrade, frequentadora do Restaurante Popular há cinco anos, estava ansiosa para o retorno das refeições dentro do local. “A qualidade da comida aqui é maravilhosa, assim como o atendimento, todos muito atenciosos. Só tenho a agradecer a Deus por este equipamento“, disse.

De acordo com a secretária executiva de Administração, Finanças e Segurança Alimentar da Secretaria de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos (SEDESDH), Rubia Medeiros, o retorno foi bastante tranquilo. “Na entrada, estamos realizando o controle da fila, para não haver aglomeração dentro do estabelecimento. Também estamos disponibilizando álcool em todas as mesas. O primeiro dia transcorreu com tranquilidade e elogios dos usuários“, destacou.

LEIA MAIS

Restaurante Popular de Petrolina retorna atendimento presencial a partir de hoje

(Foto: Ascom/PMP)

A partir desta segunda-feira (08), o Restaurante Popular de Petrolina voltará com os atendimentos presenciais dentro do estabelecimento.

Devido à pandemia da Covid-19, o serviço estava funcionando somente com a entrega das refeições no sistema de marmitex. O atendimento continuará sendo de segunda a sexta-feira, das 11h às 13h30 para o almoço, e das 16h às 17h30 para o jantar. As refeições permanecem com o mesmo valor: R$ 1,50 (almoço) e R$ 0,50 (jantar).

O prefeito Simão Durando explicou que a decisão pela retomada do atendimento presencial foi bastante planejada. “Priorizando a comodidade dos nossos usuários para fazerem suas refeições, optamos pelo retorno presencial, seguindo o exemplo de diversos órgãos públicos e privados que estão em funcionamento normal desde o ano passado. Iremos continuar seguindo todos os protocolos de higiene e segurança, reforçando a sanitização do local, assim como antes da pandemia“, destaca o gestor.

Restaurante Popular de Petrolina retorna atendimento presencial a partir da próxima segunda

(Foto: Ascom/PMP)

Após reunião com a equipe da Secretaria de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos (SEDESDH), nesta sexta-feira (5) o prefeito de Petrolina, Simão Durando, anunciou que o Restaurante Popular de Petrolina voltará com os atendimentos presenciais dentro do estabelecimento na próxima segunda-feira (08).

Devido à pandemia da Covid-19, o serviço estava funcionando somente com a entrega das refeições no sistema de marmitex. O atendimento continuará sendo de segunda a sexta-feira, das 11h às 13h30 para o almoço, e das 16h às 17h30 para o jantar. As refeições permanecem com o mesmo valor: R$ 1,50 (almoço) e R$ 0,50 (jantar).

LEIA MAIS

Juazeiro: Restaurante Popular do João Paulo II terá atendimento suspenso temporariamente para reforma

Como foi informado pela Prefeitura de Juazeiro na semana passada, o Restaurante Popular do bairro João Paulo II passará por uma importante reestruturação que trará diversas melhorias para os usuários do espaço.

Por conta das obras no local, o restaurante terá seus serviços suspensos nesta quinta (20) e sexta-feira (21). Com isso, a prefeitura informa que só retomará a distribuição das refeições na próxima segunda-feira (24).

O Restaurante Popular do João Paulo II foi encontrado no ano passado com sua estrutura física desgastada e precisando passar por melhorias. A reforma prevê a recuperação completa da parte estrutural do equipamento, bem como dos locais de acesso e onde fica o pessoal de apoio.

Prefeitura de Juazeiro suspende temporariamente o funcionamento dos Restaurantes Populares para promover melhorias

A Prefeitura de Juazeiro, através da Secretaria de Desenvolvimento Social, Mulher e Diversidade (SEDES), informa a suspensão temporária das atividades dos Restaurantes Populares do município.

As unidades serão fechadas, nesta segunda-feira (31), devido a razões operacionais e para que a prefeitura realize ajustes para melhor atender aos juazeirenses nesse período de pandemia. As unidades serão reabertas na próxima semana, com a distribuição diária de 700 marmitex gratuitamente para a população.

Miguel quer construir Restaurante Popular no José e Maria para atender população da zona leste

O candidato a reeleição para prefeito de Petrolina (PE), Miguel Coelho (MDB), anunciou proposta nesta quarta-feira (14) de instalar um novo Restaurante Popular no município. Dessa vez, o estabelecimento seria construído no José e Maria, para atender a população da zona leste, já que o bairro é o mais populoso da cidade.

Assim como o Restaurante Popular do Centro, o da região leste serviria duas refeições: almoço e jantar. Segundo Miguel, a ideia é beneficiar a população em situação de vulnerabilidade social e os trabalhadores do comércio local. “A comunidade do José e Maria somada aos dos bairros mais próximos, como o Santa Luzia, é superior ao número de habitantes de muitas cidades do interior de Pernambuco. A região tem um grande polo comercial que, pela nossa experiência, é o principal público do Restaurante Popular do Centro. Sentimos que este é o momento certo para expandir o serviço”, explicou o candidato.

Atualmente, o Restaurante Popular do Centro serve almoço por R$ 1,50 e jantar por R$ 0,50. As pessoas em situação de rua acompanhadas pelo município recebem as refeições de graça. O cardápio é balanceado e feito por nutricionista.

Vereador solicita abrigos na parte externa do Restaurante Popular

Vereador apresentou pedido na sessão de ontem

Entre as mais de 20 Indicações apresentadas na sessão de quinta-feira (24), na Câmara de Vereadores de Petrolina, esteve a de número 963/2020. De autoria do vereador Paulo Valgueiro (PSD), a demanda diz respeito à instalação de abrigos com coberturas na área externa do Restaurante Popular da cidade.

Cobertura ajudará usuários (Foto: Ascom PMP)

Ao justificar sua demanda, Valgueiro lembrou que os usuários do Restaurante Popular são obrigados a aguardar pela entrada no estabelecimento sob o forte sol da nossa região na hora do almoço.

Solicitamos que possa providenciar a instalação de abrigos com cobertura na área externa do Restaurante Popular. A gente tem acompanhado a situação da pessoas que frequentam e agora que o clima esquentou de vez, ela estão esperando no meio do sol escaldante”, destacou.

A Indicação foi aprovada por 16×0 e segue para a análise do prefeito Miguel Coelho (MDB). “Que [o prefeito] possa providenciar a instalação de coberturas permanentes para dar melhores condições das pessoas que precisam respeitar a fila“, ressaltou o edil.

Prefeitura de Juazeiro inicia distribuição gratuita de refeições nos Restaurantes Populares

(Foto: Ascom/PMJ)

A Prefeitura de Juazeiro, através da Secretaria de Desenvolvimento Social, Mulher e Diversidade (SEDES), iniciou nesta terça-feira (07), a distribuição gratuita de almoços nos Restaurantes Populares do Centro e do João Paulo II das 11h30 às 14h. Cada unidade vai distribuir 500 almoços por dia.

O objetivo da ação é amenizar os efeitos sociais da pandemia da Covid-19 para a população vulnerável socialmente. Anunciada no dia 06 de julho pelo Prefeito Paulo Bomfim, a nova medida está funcionando nas duas unidades do município, atendendo a população também aos sábados e domingos.

De acordo com o gerente de Segurança Alimentar, Carlos Santana, essa mudança tem como objetivo auxiliar a população nesse momento de pandemia. “A receptividade tem sido boa. São quentinhas servidas de maneira segura e que também atenderá a população nos finais de semana”, afirma. Antes da nova medida, as refeições eram servidas pelo valor de R$1,50. Para não haver aglomeração no local, as refeições serão entregues em marmitas e talheres descartáveis.

Mesmo com o início da pandemia, o Restaurante Popular permaneceu em funcionamento e atendeu aos cuidados e medidas de prevenção recomendadas pelas organizações de saúde e pela Prefeitura de Juazeiro. “A equipe passou a utilizar marmitas e talheres descartáveis em março para que fossem distribuídas à população e, assim, evitar aglomerações nesses locais. O quantitativo é o mesmo que já fornecíamos anteriormente, mas dessa vez de forma gratuita”, explica a superintendente de Políticas Públicas Sociais do município, Maria Gorete Castro.

Após reclamação, prefeitura explica sobre entrega de marmitas no restaurante popular

(Foto: Blog Waldiney Passos)

Um leitor entrou em contato com o blog Waldiney Passos questionando a limitação da uma marmita por pessoa no restaurante popular de Petrolina (PE). De acordo com o leitor, a procura tem sido baixa e estaria sobrando alimento.

No entanto, a prefeitura municipal, em nota, afirmou, através da Secretaria de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos, que “a norma de uma refeição por pessoa é praticada há anos”.

LEIA MAIS

Restaurante Popular de Petrolina passa a fornecer marmitas mantendo preços das refeições

(Foto: Ascom/PMP)

A prefeitura anunciou uma série de mudanças no funcionamento dos serviços públicos municipais, a fim de proteger a população do novo coronavírus. Entre elas, está a suspensão do acolhimento e das atividades realizadas no Centro Pop e a alteração no funcionamento do Restaurante Popular, que deixa de ser no formato “bandeijão” e passa a distribuir marmitas aos clientes. O decreto municipal tem vigência de 15 dias, prorrogáveis por igual período.

Apesar das recomendações, não haverá mudanças nos preços das refeições. O almoço, servido das 11h às 13h30, custa R$ 1,50 e a sopa, servida das 16h30 às 18h, continua saindo por R$ 0,50. O Restaurante Popular funciona na Rua Januário Alves, área central de Petrolina.

Centro Pop

De acordo com o secretário de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos, Jorge Assunção, o público que utiliza os serviços do Centro Pop faz parte do grupo de risco. “São moradores de rua que, em muitos casos, apresentam doenças respiratórias entre outros problemas de saúde. Visto que eles frequentam o serviço apenas de passagem, como um ponto de apoio, não achamos prudente reuni-los em ambiente fechado, pois isso poderá aumentar as chances de contágio”, explica.

Os usuários do Centro Pop terão acesso a refeições ofertadas pelo Restaurante Popular, no almoço e jantar. As fichas serão distribuídas conforme orientação dos servidores aos beneficiados. Além disso, o público do Restaurante Popular também terá que se adequar à nova forma de servir as refeições, que serão servidas em marmitas, junto com talheres descartáveis. Não será autorizado fazer refeições dentro do equipamento.

Homem furta ventilador do Restaurante Popular de Juazeiro e acaba detido pela Guarda Municipal

(Foto: Reprodução/WhatsApp)

Um homem foi preso pela Guarda Civil Municipal, no final da manhã do último domingo (23), suspeito de furtar um ventilador do Restaurante Popular de Juazeiro (BA).

Por meio do sistema de videomonitoramento, a Guarda Municipal de Juazeiro flagrou um homem saltando a janela do Restaurante Popular portando um ventilador. De imediato, uma guarnição da Guarda foi encaminhada para averiguar a situação.

LEIA MAIS

Restaurante Popular de Petrolina tem feijoada no cardápio das sextas-feiras

(Foto: Jonas Santos)

Dia de sexta-feira já é tradição no Restaurante Popular de Petrolina: o prato do dia é uma deliciosa feijoada, acompanhada de arroz, farofa e salada vinagrete. O equipamento, mantido pela prefeitura, oferece diariamente uma alimentação saudável e equilibrada que está disponível à população por apenas R$ 1,50.

Todos os dias, são servidas mais de mil refeições. De pratos regionais como bode e baião de dois, até a comida caseira e os sucos naturais. Muita gente passa pelo local coordenado pela Secretaria de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos.

LEIA MAIS

Guarda Municipal prende três pessoas após briga com faca próximo ao Restaurante Popular, em Petrolina

Material apreendido com os suspeitos.

A Guarda Municipal foi solicitada, nessa quinta-feira (03), por populares próximo ao Restaurante Popular de Petrolina, localizado no centro da cidade, após uma confusão envolvendo dois homens e uma mulher que vivem em situação de rua.

Os três estavam brigando, sendo que a mulher, M.C.S.S., de 23 anos, e um dos homens, C.S.L., de 26 anos, estavam armados com uma faca. L.C.N, de 23 anos, já havia sido atingido com um golpe de faca quando os guardas chegaram ao local.

De acordo com informações da Guarda, os envolvidos estavam muito agressivos e se ameaçando. Foi dada voz de prisão aos três e foram conduzidos, com o apoio da VTR Central pelos GCMs, para a 213 DP para prestarem esclarecimentos.

Um fato inusitado chamou a atenção após a prisão. Um dos homens e a mulher envolvida na confusão chegaram a dormir na delegacia enquanto estavam presos.

Restaurante Popular de Juazeiro não funcionará hoje (4), informa SEDES

(Foto: ASCOM)

A morte de um servidor levou a Prefeitura de Juazeiro a não realizar o expediente nos restaurantes populares da cidade. De acordo com a Secretaria de Desenvolvimento Social, Mulheres e Diversidade (SEDES), não funcionarão as unidades localizadas no Centro e no bairro João Paulo II.

Na nota, a Prefeitura de Juazeiro se solidariza com familiares e amigos de João Frobes “pela grande perda e agradece à dedicação e trabalhos prestados ao município”. O atendimento deve ser normalizado nesta sexta-feira (4).

Emício Junior desmente construção de novo Restaurante Popular no prédio Biblioteca Municipal

Ao longo da semana uma especulação de que a Prefeitura de Petrolina transformaria o prédio da Biblioteca Municipal em um nova Restaurante Popular causou estranheza na comunidade. No entanto, o secretário de Cultura, Turismo e Esportes (SECULTE), Emício Júnior desmentiu o fato.

“Eu desconheço a ideia, isso nunca esteve na mesa, nunca esteve em nenhuma discussão fazer um restaurante popular na Biblioteca até porque o próprio Centro de Petrolina já tem um e tem outros e diversos bairros que precisam dessa demanda”, revelou aos jornalistas durante a coletiva de imprensa do São João, realizada na quarta-feira (13).

O secretário admitiu os problemas estruturais no prédio da Biblioteca Cid Carvalho e assegurou que após o processo licitatório, a obra deverá ser executada em quatro meses. Enquanto isso, parte dela funciona no prédio ao lado da rádio Emissora Rural, no Centro da cidade.

“A Biblioteca ela tem problemas estruturais, a gente pediu para fazer um levantamento assim que assumiu e foi detectado necessidade de climatização, móveis e foi apresentado a um comitê para fazer a licitação. A Biblioteca não está totalmente fechada, ela funciona num prédio improvisado. O prazo depende da licitação, após terminado o processo licitatório o prazo é de quatro meses”, afirmou.

12