Maconha é apreendida dentro de parachoque de carro em São Caetano (PE)

(Foto: Polícia Rodoviária Federal)

Uma fiscalização realizada  na madrugada desta quarta-feira(02) resultou na apreensão de oito quilos de maconha, que eram transportados no parachoque de um carro. O motorista do veículo, de 59 anos, foi detido pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) na BR 232, em São Caetano, no Agreste de Pernambuco.

O flagrante foi realizado no Km 145 da rodovia, durante a abordagem a um carro com placas de São Lourenço da Mata, no Grande Recife. A equipe percebeu que o motorista estava nervoso e realizou uma busca no veículo até encontrar a droga escondida.

Quando o motorista percebeu que seria flagrado, saiu do carro e correu para uma área de mata, mas caiu em um barranco e foi alcançado. Ele disse que havia adquirido a droga em Cachoeirinha, também no Agreste, para consumo próprio.

O homem foi encaminhado junto com a maconha à delegacia de Polícia Civil de Belo Jardim, para a adoção dos procedimentos legais.

Agreste: PRF apreende 8kg de maconha na BR-232

Homem tentou fugir, mas foi capturado (Foto: PRF/Divulgação)

Um homem de 59 anos foi preso durante uma fiscalização da Polícia Rodoviária Federal (PRF) na madrugada dessa quarta-feira (2), na BR-232, em São Caetano, Agreste de Pernambuco. De acordo com a PRF o condutor foi parado em uma blitz no km 145 e se mostrou nervoso.

Desconfiados, os agentes fizeram uma busca mais apurada e encontraram oito quilos de maconha sendo transportados no para-choque do carro, cuja placa era de São Lourenço da Mata, no Grande Recife. Ao perceber que seria detido em flagrante o motorista tentou fugir à pé.

Porém acabou caindo em um barranco e foi alcançado pelos policiais rodoviários. O homem disse que havia adquirido a droga em Cachoeirinha, também no Agreste, para consumo próprio. O condutor foi encaminhado à Delegacia de Polícia Civil de Belo Jardim, juntamente com a droga apreendida.

Tremor de 3,8 abala Caruaru e São Caetano

Caruaru

Um tremor de 3.8 de magnitude foi registrado na tarde desta terça-feira (23) em São Caetano, no Agreste de Pernambuco. De acordo com Eduardo Alexandre Menezes, sismólogo do Laboratório Sismológico (LabSis) da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), “foram registrados mais de 30 tremores até às 16h na região Agreste”.

Ainda segundo o sismólogo, municípios vizinhos a São Caetano também sentiram o tremor. “O fenômeno atingiu um raio de 50 quilômetros”, disse. O internacionalista Renan Lima mora em Caruaru, também no Agreste, e é uma das pessoas que sentiu o abalo. “Foi o mais forte que já presenciei”, contou ao G1.