Ação inédita da Prefeitura levará água tratada ao Projeto Maria Tereza

Foto: Prefeitura de Petrolina

Em breve a comunidade do Projeto Maria Tereza, mais precisamente nos KMs 22 e 25, serão contemplados com o sistema de abastecimento de água tratada. O projeto é liderado pela Prefeitura de Petrolina, numa iniciativa inédita em lavar esse bem precioso ao homem e mulher do interior.

A estimativa da Prefeitura é contemplar 1.500 famílias com o sistema. O projeto está em fase de elaboração e o próximo passo é iniciar a licitação. Na semana passada o grupo técnico visitou o local, para conhecer a realidade das comunidades.

O trabalho é coordenado pela Secretaria de Infraestrutura e Mobilidade (Seinfra). A obra será composta pela automação do sistema; sistema de bombeamento de água; adutora para o KM-25; adutora para o KM-22; reservatório elevado e nova rede de distribuição nas comunidades do KM-25 e KM-22.

A ação é resultado de um convênio firmado entre a Prefeitura de  Petrolina e a Fundação Nacional de Saúde (Funasa). O projeto deverá ser finalizado em até quatro meses e encaminhado para aprovação da Funasa, para enfim ser licitado.

Prefeitura de Petrolina disponibiliza número de telefone para emergência em caso de falta de energia

“Mais Luz” é o novo serviço de Call Center da prefeitura de Petrolina. A central está funcionando para atender moradores que fiquem sem energia elétrica, em caso da ausência dela, durante chuvas na cidade. E é bom anotar e deixar em local visível, porque de acordo com o Instituto Climatempo, a previsão é de precipitação até o final de semana no município.

Sempre que a população perceber lâmpadas apagadas, piscando ou postes de iluminação pública – aqueles de ferro – com algum tipo de problema, seja estrutural ou que possam causar dano à segurança, deve acionar a Secretaria de Infraestrutura e Mobilidade (Seinfra).

LEIA MAIS

Após chuvas, moradores registram alagamentos em Petrolina

Moradores do São Gonçalo, Dom Avelar e Jardim Maravilha registraram problemas nos bairros

A chuva é sempre bem-vinda no Sertão. Mas ao passo que traz alívio ao sertanejo, agrava problemas antigos na infraestrutura de Petrolina e desde a quinta-feira (18) o Blog tem recebido fotos e vídeos de leitores chamando atenção da Prefeitura para pontos de alagamentos na periferia.

Rua do Dom Avelar virou lama

No bairro São Gonçalo o problema é na Rua Por do Sol. “É uma rua que não tem escoamento de água. Ela também recebe água de outras ruas, porque é baixa”, explicou a nossa equipe.

A Rua da Sensações, bairro Dom Avelar, virou um lamaçal e para completar, os ônibus estão usando a via como itinerário de ônibus. Por fim, na Rua Caatinguinha, no bairro Jardim Maravilha a via é pavimentada, porém a água não está escoando e acumulou na frente de algumas residências.

LEIA MAIS

Morador cobra solução para lagoa de esgoto no São Jorge e Prefeitura explica situação

Esgoto está assim há uma semana

Uma lagoa de esgoto se formou na Rua Cinco do bairro São Jorge, em Petrolina. Um leitor do Blog relata que a água suja está retornando para dentro das residências. O comunitário relatou ter acionado a Prefeitura através dos canais oficiais, porém, nenhuma equipe foi até o local.

“Já entramos em contato com o canal que é responsável pela solicitação das demandas e até o momento, nem eles dão resposta a gente, nem manda uma equipe pra solucionar o problema. O São Jorge faz parte das obras da Bacia do Dom Avelar e a Prefeitura disse que quem seria responsável pela manutenção da rede seria a própria Prefeitura“, relata.

A Secretaria de Infraestrutura e Mobilidade do município emitiu uma nota e explicou o que está acontecendo no bairro. “Não há como solucionar o problema do São Jorge sem conseguir desobstruir por onde passa o fluxo da água de esgoto. No caso, a equipe da Secretaria de Infraestrutura e Mobilidade está trabalhando na Avenida do Petróleo para que consiga liberar a rede”, diz a nota.

Leia a seguir a resposta da pasta:

LEIA MAIS

Prefeitura inicia processo licitatório para duplicação da Avenida João Campos, no Caminho do Sol

(Foto: Jonas Santos/Ascom PMP)8

A Avenida João Campos, no bairro Caminho do Sol em breve passará por mudanças. A Prefeitura de Petrolina anunciou nessa quinta-feira (21) que está licitando a obra para duplicar a via, melhorando assim o deslocamento de quem precisa utilizar a avenida.

O projeto inclui ainda a implantação de um canteiro central, ciclovia e arborização. A expectativa da Prefeitura é que em até três semanas a empresa vencedora seja anunciada. Contudo, se alguma das participantes entrar com recurso, esse prazo pode ser estendido.

O titular da Secretaria de Infraestrutura, Mobilidade e Serviços Públicos (Seinfra) planeja iniciar as obras em cerca de um mês. “A equipe da Seinfra tem se desdobrado para apresentar projetos ainda mais completos, para que possamos tornar a vida dos petrolinenses ainda melhor. A nossa felicidade é que, além da liberdade de trabalho, contamos com uma força política que está em constante movimento para trazer recursos e fazer com que Petrolina se torne a melhor cidade para se viver“, explica Fred Machado.

Morador do Dom Avelar pede drenagem de rua; Prefeitura já está com equipes no bairro

Rua da Oração amanheceu alagada

Apesar de a Defesa Civil não ter registrado nenhuma ocorrência grave em Petrolina nessa quarta-feira (13), alguns velhos problemas surgiram no município. Um morador do bairro Dom Avelar, mais precisamente na Rua da Oração fez a foto mostrada acima e pediu atenção da Prefeitura.

LEIA TAMBÉM

Chuva: Defesa Civil de Juazeiro e Petrolina não registra ocorrências graves nessa manhã

Apac registra mais de 60mm de chuva em Petrolina

Ela mostra a água empoçada e reforça a necessidade da drenagem. “É a mesma situação de sempre: ruas alagadas e esta é a situação dos moradores aqui no bairro Dom Avelar. Estamos com muito medo de água entra em nossas casas”, contou o morador.

LEIA MAIS

Morador chama atenção para problema na rede de esgoto do bairro São Jorge, em Petrolina

Morador reclama do esgoto na rua

Um morador do bairro São Jorge entrou em contato com o Blog para relatar uma situação incômoda na Rua 5. Há um esgoto estourado, que transformou a vida num lamaçal. Inicialmente ele entrou em contato com a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa).

Mas a Compesa informou que o bairro está contemplado na bacia do Dom Avelar, cuja responsabilidade é da Prefeitura de Petrolina. Foi então que registrou a demanda na Ouvidoria municipal e não obteve resposta positiva. Mas após ser solicitada pelo Blog, a Prefeitura esclareceu a situação.

LEIA MAIS

Licitação para duplicação de trecho da BA-210 em Juazeiro será iniciada nesta terça-feira

(Foto: Ascom/PMJ)

A boa notícia foi anunciada pela a assessoria do prefeito Paulo Bomfim que se reunião, nesta segunda-feira (23), em Salvador, com o Secretário de Infraestrutura da Bahia, Marcos Cavalcanti. O Secretário baiano informou ao gestor juazeirense, que a licitação para a duplicação de pavimentação do trecho urbano da BA-210, entre o Mercado do Produtor e o contorno para Sobradinho, será iniciada nesta terça-feira (24).

Esse “pedaço” da rodovia apresenta diversos buracos no asfalto, a iluminação é ruim, não tem acostamento e fica localizado todo na área urbana de Juazeiro (BA). A obra é esperada há meses por quem precisa trafegar todos os dias por essa estrada.

LEIA MAIS

Leitor reclama de lixão no Centro de Petrolina, mas Prefeitura esclarece situação

A foto dessa matéria foi tirada no terreno localizado entre o Cemitério Campo das Flores e a Praça dos Carros, numa área central de Petrolina. Segundo o leitor, diariamente os moradores observam lixo, resto de obras e podas jogados E isso não é de agora.

“É um lixão a céu aberto no Centro de Petrolina. Todo dia isso está assim”, contou. Nossa equipe entrou em contato com a Prefeitura de Petrolina. Em nota, a Secretaria de Infraestrutura, Mobilidade e Serviços Públicos (Seinfra) explicou que a área em questão é um dos cinco pontos de descarte autorizado pela gestão municipal.

“No local, podem ser despejados restos de poda e de pequenas obras – o equivalente a um carrinho de mão. O ponto de descarte é limpo pela prefeitura a cada 15 dias ou conforme a necessidade”, destaca a Seinfra.

Leitor flagra seringas descartadas em terreno; Prefeitura de Petrolina orienta pacientes

Material foi descartado sem o devido cuidado

Um leitor do Blog procurou nossa equipe através do WhatsApp. Ele relata que na Rua Vitória Régia, no bairro Jardim São Paulo há material hospitalar descartado em um terreno. A situação foi flagrada no fundo do prédio de uma empresa de telefonia. Conforme a imagem mostra, dentro da garrafa há várias seringas.

Procurada pelo Blog, a Secretaria de Saúde do município informou que as seringas em questão são de insulina. Há um procedimento utilizado na rede pública: os pacientes assistidos pela pasta são orientados a entregar esse tipo de material nas Unidades Básicas de Saúde (UBS). De lá, a empresa responsável pela coleta desse tipo de material faz o descarte correto das seringas.

Por fim, é importante frisar que além do descumprimento das orientações repassadas pela Secretaria de Saúde, o usuário em questão também agiu de forma pouco cidadã. Afinal, está sujando a comunidade em que vive.

Requalificação do Bodódromo entra na segunda fase

Obra entrou em nova fase (Foto: Ascom/PMP)

A obra de revitalização do Bodódromo, um dos principais pontos turísticos de Petrolina, foi retomada. O centro gastronômico situado no bairro Areia Branca recebeu um novo investimento de R$ 1,7 milhão e as obras já foram iniciadas.

A segunda etapa da obra prevê melhorias na entrada, com instalação de letreiro indicativo e revitalização do canteiro central de acesso. Na Avenida São Francisco também será colocado um food park com quiosques. O projeto prevê ainda a implantação de um espaço dedicado ao artesanato e bicicletário.

Obra conjunta

A Prefeitura estima que essa parte da obra seja concluída em até sete meses. O serviço é executado pela Secretaria de Infraestrutura, Mobilidade e Serviços Públicos (Seinfra) e o Ministério do Desenvolvimento Regional, por meio da Codevasf.

Leitora relata paralisação em obra no Parque Massangano; Prefeitura de Petrolina afirma que serviço está seguindo o cronograma

Serviço foi iniciado, ma segundo moradora foi paralisado

Uma moradora do bairro Parque Massangano, em Petrolina, procurou o Blog para buscar mais informações sobre um serviço não concluído na Avenida Altino Coelho que é corredor de ônibus. Ela relata que há duas semanas a obra de pavimentação daquela via foi paralisada e até hoje nenhuma equipe da Secretaria de Infraestrutura voltou à comunidade.

“Como moradora sinto-me prejudicada porque o trânsito aqui está causando muito perigo através de carros em alta velocidade, trazendo insegurança e promovendo muita poeira dentre outros transtornos“, relatou para nossa equipe.

O que diz a Prefeitura

Em resposta ao questionamento da leitora, a Prefeitura de Petrolina informou em nota que a obra está sim em andamento. “Já foi feita a drenagem, a base da via e estão fazendo o passeio (calçada). A obra segue o cronograma, de acordo com as etapas de execução previstas. O contrato do Avançar possui prazo de até 8 meses para executar 12 ruas e avenidas corredores de ônibus do município”, destaca a nota.

Moradores voltam a cobrar limpeza no Residencial Novo Tempo, Prefeitura de Petrolina responde

Segundo moradores, limpeza ainda não foi feita

No mês de abril o Blog Waldiney Passos publicou uma matéria na qual os moradores do Residencial Novo Tempo, em Petrolina, solicitavam a limpeza dos terrenos públicos. Eles novamente procuraram nossa Redação e afirmaram que a Prefeitura não concluiu a limpeza.

“A limpeza quando chega aqui é só pela metade e a Prefeitura nunca conclui o serviço. Estamos com a frente do bairro, ponto final e uma área verde destinada a arborização toda cheia de lixo e mato“, informou um morador do local.

Outro lado

A Prefeitura informou através de nota que o Novo Tempo está no cronograma de limpeza do município. Ainda de acordo com a Secretaria de Infraestrutura, Mobilidade e Serviços Públicos (Seinfra), os moradores também precisam contribuir com a manutenção dos espaços.

“A Secretaria de Infraestrutura, Mobilidade e Serviços Públicos (Seinfra) atende mais de 80 bairros de Petrolina, de acordo com a necessidade, e por isso, reitera a necessidade de colaboração da população para que não joguem lixo em lugares indevidos, já que, toda cidade é contemplada com a coleta de lixo. Os cidadãos que flagrarem pessoas jogando lixo em área pública podem acionar a Guarda Municipal pelo 153 para denunciar o delito“, diz a nota.

Petrolina: moradores do bairro Dom Avelar cobram melhorias para a comunidade

As fotos foram enviadas a redação do Blog Waldiney Passos por moradores que teem receio de se identificar com medo de retalhações. As imagens são das ruas das Sensações, orações, prudência e rua da crença. E pelo jeito quem mora aqui vai precisar crer muito, ter bastante prudência e fazer muitas orações para poder, quem sabe, sentir alguma sensação boa no futuro.

De acordo com os moradores, basta alguns milímetros de chuva para as lagoas se formarem e o mal cheiro invadir as narinas de quem sente odor.

Eles contam que já comunicaram a demanda a prefeitura, mas nada de previsão de melhoria. “Sim, continua o mesmo problema. Não pode chover que os moradores daqui ficam todos ilhados”, diz uma moradora.

Procurada por nossa reportagem, a prefeitura enviou nota que diz o seguinte: “A Prefeitura de Petrolina informa que está angariando recursos para fazer projetos de macrodrenagem em várias partes do município. A Secretaria de Infraestrutura, Mobilidade e Serviços Públicos reitera que esta é uma localidade de alagamento histórico. A Seinfra realiza todas as medidas para amenizar os danos no período chuvoso, porém a solução definitiva desse problema, que existe há mais de décadas, só será possível após a realização do estudo de drenagem do local”.

Quando será realizada a solução definitiva? Nós não encontramos essa resposta na nota.

Leitor pede resposta sobre construção de UBS no Vale do Grande Rio; Prefeitura afirma que Governo Federal não repassou verba

Obra deveria ter sido concluída em dezembro de 2019

A comunidade do Vale do Grande Rio, em Petrolina aguarda respostas sobre a construção da Unidade Básica de Saúde (UBS) de Porte 1. A previsão de entrega era 27 de dezembro de 2019, contudo, até o momento o prédio está inacabado e abandonado.

O orçamento inicial da obra era de R$ 670.620,24 para uma área de 919,425 m² em um terreno localizado na Rua Cilia Gomes da Silva. “As paredes foram iniciadas em 2019, a previsão de término era dezembro e estamos em abril de 2020. A obra parou, a gente pede que conclua essa obra“, pontuou o líder comunitário Pedro Japão que enviou as fotos ao Blog.

Em nota, a Prefeitura de Petrolina afirmou que a obra foi paralisada por falta de repasse do Governo Federal. “A Prefeitura de Petrolina informa que está aguardando o repasse do Ministério da Saúde para dar andamento a construção da Unidade Básica de Saúde do Vale do Grande Rio. Assim que a verba for liberada, a Secretaria de Infraestrutura, Mobilidade e Serviços Públicos (Seinfra) irá retomar a obra”, justifica.

123