Após queixas de estudantes, Justiça de SP determina suspensão do Sisu

Estudantes vêm se queixando do Enem ao longo da semana (Foto: Ilustração)

Depois de uma semana marcada por queixas de estudantes sobre o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), uma decisão liminar da Justiça de São Paulo determinou a suspensão do processo do Sistema de Seleção Unificada (Sisu), assim que as inscrições forem encerradas neste domingo (26).

Ou seja, os resultados não poderão ser divulgados na terça-feira (28). A Justiça ainda exige do Governo Federal a comprovação na correção das provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2019. A decisão tem caráter liminar, obtida em uma ação movida pela Defensoria Pública da União (DPU).

Antes o Ministério Público Federal (MPF) havia solicitado a suspensão do Sisu e também dos calendários do Programa Universidade para Todos (Prouni) e do Financiamento Estudantil (Fies), já que dependem diretamente das notas do Enem.

O problema, segundo o Ministério da Educação (MEC) atingiu 5.974 participantes. A ação solicita medida de urgência diante dos danos irreversíveis que podem ser causados aos estudantes. A única solução apresentada pelo Inep nos últimos dias foi prorrogar as inscrições no Sisu.

Após problemas no Enem, Sisu ficará aberto por mais 2 dias

(Foto: Ilustração)

O Sistema de Seleção Unificada (Sisu) estará aberto de terça-feira (21) até domingo (26), ou seja, por mais dois dias, por causa das falhas ocorridas na correção de algumas provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). O anúncio foi feito pelo ministro da Educação, Abraham Weintraub, nesta segunda-feira (20) pela rede social Twitter.

O ministro afirmou que as inconsistências ocorreram em menos de 6 mil provas dentro das mais de 5 milhões de inscrições feitas para a prova. Segundo o ministro, os problemas foram concentrados em quatro cidades: Alagoinhas, na Bahia, e Ituiutaba, Iturama e Viçosa, em Minas Gerais, no segundo dia de exame.

Estudantes podem se increver no Sisu a partir desta terça

(Foto: Ilustração)

O Sistema de Seleção Unificada (Sisu) abre nesta terça-feira (21) o calendário dos processos seletivos federais que usam o Enem como critério de seleção. Neste semestre, o Sisu vai ofertar 237 mil vagas em 128 instituições de ensino superior públicas. O prazo para se inscrever vai até sexta-feira (24).

Para participar do Sisu, é preciso ter feito o Enem 2019 e ter tirado nota acima de zero na prova de redação. Na hora da inscrição no processo seletivo é preciso informar o número de inscrição do Enem e a senha atual cadastrada na Página do Participante.

Univasf oferece mais de mil vagas via Sisu

(Foto: Internet)

Nesta terça-feira (21) os estudantes que fizeram o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) em 2019 poderão tentar uma vaga nas universidades federais via Sistema de Seleção Unificado (Sisu). Na Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf) serão ofertada 1.610 vagas aos 30 cursos de graduação.

Todos os sete campi – Bahia, Pernambuco e Piauí – serão contemplados com o Sisu. As inscrições no portal poderão ser feitas até o dia 24, exclusivamente pela internet. De acordo com a Univasf, a distribuição das vagas respeitará a Lei de Cotas, devendo-se comprovar a documentação exigida aos cotistas.

Confira a seguir as modalidades de concorrência:

Sisu: IF Sertão-PE oferta 679 vagas em cursos superiores

Nesta sexta-feira (17), após a divulgação das notas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), será dada a largada para candidatos interessados em ingressar nos cursos de graduação ofertados pelo Instituto Federal do Sertão Pernambucano (IF Sertão-PE). Ao todo, estão sendo ofertadas 679 vagas nos campi Petrolina, Petrolina Zona Rural, Floresta, Salgueiro, Santa Maria da Boa Vista e Serra Talhada.

As inscrições ocorrem entre os dias 21 e 24 de janeiro, por meio do site do Sisu. De acordo com o cronograma do Sisu, o resultado da chamada regular deve ocorrer no dia 28 de janeiro e os candidatos que não forem selecionados poderão participar da lista de espera entre os dias 29 de janeiro e 4 de fevereiro. A partir do dia 7 de fevereiro haverá a convocação dos candidatos em lista de espera pelas instituições.

Confira as vagas e os cursos disponíveis

No campus Petrolina, são 60 vagas para os cursos de Licenciatura em Física, Computação e Química e 64 para o curso de Tecnologia em Alimentos. O campus Petrolina Zona Rural oferece 60 vagas em Agronomia e 25 para Viticultura e Enologia. Para o campus Floresta, são 25 vagas disponíveis no curso Gestão de Tecnologia da Informação. Em Salgueiro, os candidatos poderão escolher entre Licenciatura em Física, Sistemas para Internet ou Tecnologia em Alimentos, cada um com 60 vagas disponíveis. Em Santa Maria da Boa Vista, são 40 vagas na Licenciatura em Matemática. Já em Serra Talhada serão 70 vagas para o curso de Licenciatura em Física e 35 para Engenharia Civil.

Sisu 2020 oferece mais de 6 mil vagas para curso de direito; confira a oferta por estado

(Foto: Internet)

Para os interessados em cursar direito, o Sistema de Seleção Unificada (Sisu), edição 2020. 1, terá 6.661 vagas distribuídas em 25 Estados. Somente o Distrito Federal, na Região Centro Oeste, e Rondônia, na Região Norte, não possuem instituições com vagas abertas para esse curso.

Para se inscrever no Sisu, entre os dias 21 e 24 de janeiro, o candidato deve ter participado do Enem ano passado. Como a inscrição no Sisu é online, o estudante pode concorrer a uma vaga em qualquer lugar do Brasil. Minas Gerais, no Sudeste, é o Estado com mais vagas em direito, 1.038. A unidade da federação também tem a maior oferta, no Sisu, para a graduação em medicina. Na capital mineira, Belo Horizonte, são 400 vagas na Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG).

A Paraíba, no Nordeste, tem a segunda maior disponibilidade de vagas em direito, 700, seguida do Rio de Janeiro, no Sudeste, com 671 vagas. Em Tocantis está a menor quantidade de vagas, apenas 20.

Inscrições para o Sisu serão abertas a partir de 21 de janeiro

(Foto: Ilustração)

As inscrições para o Sistema de Seleção Unificada (Sisu) 2020, que reúne vagas de graduações em mais de cem universidades públicas, poderão ser feitas de 21 a 24 de janeiro de 2020. O calendário do processo seletivo do primeiro semestre do ano que vem foi divulgado pelo Ministério da Educação (MEC) no Diário Oficial da União.

O resultado da seleção será divulgado no dia 28 de janeiro e a matrícula dos selecionados deverá ser feita de 29 de janeiro a 4 de fevereiro. Aqueles que não forem selecionados poderão participar da lista de espera também entre os dias 29 de janeiro e 4 de fevereiro.

A seleção é feita com base no desempenho no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Para participar é preciso ter obtido nota acima de zero na redação do exame. No primeiro semestre de 2020 valerão as notas do Enem 2019.

Univasf divulga 12ª lista de remanejamento do Sisu 2019

(Foto: Internet)

A Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf) divulgou a 12ª lista de remanejamento do Sistema de Seleção Simplificada (Sisu) 2019. Os selecionados devem efetuar a matrícula presencialmente ou via procuração das 8h às 11h e das 14h às 17h.

A lista contempla os cursos de Administração, Ciências da Natureza (Senhor do Bonfim), Ciências Sociais (Licenciatura), Engenharia Elétrica, Farmácia e Medicina (Petrolina e Paulo Afonso). Para conferir o nome dos alunos selecionados, a documentação necessária e onde efetuar a matrícula basta acessar o site oficial da Univasf.

Candidatos em lista de espera do Sisu começam a ser convocados

(Foto: Ilustração)

Candidatos inscritos na lista de espera do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) começam a ser convocados a partir de hoje (19). Segundo o Ministério da Educação (MEC), a chamada é feita diretamente pelas instituições de ensino superior.

O estudante selecionado deve conferir o prazo para a matrícula e verificar na instituição de ensino em que foi aprovado os locais, horários e qual a documentação necessária. Os candidatos que não foram selecionados na chamada regular do Sisu em nenhuma das duas opções de curso cadastradas puderam manifestar interesse na lista de espera da seleção.

Prazo de matrícula e de adesão à lista de espera do Sisu termina nesta segunda

O resultado da chamada única do Sisu foi divulgado no último dia 10 e está disponível no site do programa.

Hoje (17) é o último dia para que os estudantes selecionados na chamada regular do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) façam a matrícula nas instituições de ensino superior públicas nas quais foram aprovados.

Aqueles que não foram selecionados têm também até esta segunda-feira para aderir à lista de espera do programa. Cabe aos estudantes verificar os horários e locais de atendimento definidos por cada instituição em edital próprio.

Os estudantes selecionados podem pleitear auxílio para pagar transporte, moradia e outras despesas nas próprias instituições de ensino superior, de acordo com determinados critérios, como renda familiar. Os programas de assistência estudantil são implementados diretamente pelas instituições.

Selecionados no Sisu podem fazer matrícula a partir de hoje

O resultado da chamada única do Sisu foi divulgado segunda-feira (10) e está disponível no site do programa.

Os estudantes selecionados na chamada regular do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) podem, a partir de hoje (12), fazer matrícula nas instituições de ensino para as quais foram selecionados. O prazo vai até o dia 17. Cabe aos candidatos verificar os dias, horários e locais de atendimento definidos por cada instituição em edital próprio.

Os estudantes selecionados podem pleitear auxílio para pagar transporte, moradia e outras despesas nas próprias instituições de ensino superior, de acordo com determinados critérios, como renda familiar. Os programas de assistência estudantil são implementados diretamente pelas instituições.

Lista de espera

As vagas que não forem preenchidas serão ofertadas para os estudantes em lista de espera. Quem não foi selecionado em nenhuma das duas opções de curso feitas na hora da inscrição na chamada única e quiser integrar a lista tem até o dia 17 para fazer a adesão, no site do Sisu.

Resultado do Sisu já está disponível; confira a lista dos selecionados

(Foto: Ilustração)

Os estudantes que estão concorrendo a vagas em instituições públicas de ensino superior podem consultar o resultado do Sistema de Seleção Unificada (Sisu), na página do programa. A lista dos selecionados na chamada única foi divulgada na tarde desta segunda-feira (10).

Ao todo, nesta edição, são ofertadas 59.028 vagas em 76 instituições públicas de ensino em todo o país. As matrículas devem ser realizadas de 12 a 17 de junho.

Inscrições para Sisu do 2º semestre terminam hoje

Os alunos devem correr contra o tempo, já que essa sexta-feira (7) é o último dia para se inscrever no Sistema de Seleção Unificada (Sisu) para o segundo semestre de 2019. O prazo se encerra às 23h59 e a inscrição deve ser feita exclusivamente pela internet.

De acordo com o Ministério da Educação (MEC), o resultado será divulgado na segunda-feira (10). Nesta edição, são 59 mil vagas em 1,7 mil cursos de 76 instituições de ensino, o maior número de vagas ofertado para o segundo semestre desde a criação do programa.

O aluno pode optar por dois cursos no momento da inscrição. O último balanço do MEC, realizado na tarde de ontem (6) aponta que mais de 530 mil candidatos haviam se inscrito no Sisu. Os estados com mais candidatos eram Rio de Janeiro, Minas e Bahia. (Com informações do G1).

Estudantes já podem se inscrever no Sisu

Até o fim do período de inscrição, os candidatos podem alterar as opções de curso. Será válida a última opção confirmada. (Foto: Internet)

Começaram nessa segunda-feira (3) as inscrições para a segunda edição do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) deste ano. Ao todo, serão ofertadas 59.028 vagas em 76 instituições públicas de ensino em todo o país. As inscrições podem ser feitas até sexta-feira (7), na página do programa.

Podem participar do Sisu os estudantes que fizeram prova do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) em 2018 e obtiveram nota na redação acima de zero.

O resultado da chamada regular será divulgado no próximo dia 10. As matrículas devem ser realizadas de 12 a 17 de junho. Aqueles que não forem selecionados poderão participar da lista de espera de 11 a 17 de junho. A convocação desses estudantes ocorrerá após o dia 19 deste mês.

O candidato do Sisu pode solicitar até duas opções de vaga, especificando, em ordem de preferência, as suas opções em instituição de educação superior participante, com local de oferta, curso e turno, e a modalidade de concorrência.

Sisu ofertará 59 mil vagas no segundo semestre

O Sistema de Seleção Unificada (Sisu) vai ofertar 59.028 vagas em 76 instituições públicas de ensino em todo o país no segundo semestre deste ano. As inscrições começam amanhã (4) e podem ser feitas até sexta-feira (7), na página do Sistema.

O número de vagas aumentou em relação ao ano passado, quando foram ofertadas, no segundo semestre, 57.271. O número de instituições participantes também cresceu, eram 68. De acordo com o Ministério da Educação, nesta edição estão disponíveis 64 cursos a mais para os candidatos. Os estados com mais vagas são Rio de Janeiro, com 12.937, Minas Gerais, com 8.479, Bahia, com 6.745, e Paraíba, com 5.990.

123