Após cobrança de Antonio Coelho, Governo do Estado mantém benefício para produtores rurais

Antonio Coelho na Alepe.

Após o vice-líder da bancada de oposição da Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe), Antonio Coelho, cobrar o governo estadual para manter o benefício de isenção de ICMS para produtores rurais, a governadora em exercício Luciana Santos (PCdoB) acatou a solicitação e voltou atrás da decisão que retirava o benefício.

LEIA TAMBÉM

Deputado Antonio Coelho cobra governo sobre fim de benefício de trabalhadores rurais

O decreto que mantém a isenção foi publicado nesta quinta-feira (21), no Diário Oficial do Estado. Em março, o governador Paulo Câmara assinou um decreto em que limitava a concessão do benefício para produtores rurais que consumissem até 300 quilowatts/hora por mês na conta de energia. Essa medida entraria em vigor a partir de 1º de janeiro de 2020.

LEIA MAIS

Cadastramento do Chapéu de Palha começa na próxima semana em Petrolina

Cadastro segue até fevereiro (Foto: Divulgação/Ascom)

Os trabalhadores e trabalhadoras rurais de Petrolina devem ficar atentos ao cadastramento no programa Chapéu de Palha. O processo começa na próxima segunda-feira (21), na Agrovila Massangano, zona rural do município e segue até a primeira quinzena de fevereiro.

É possível fazer o cadastro em algumas comunidades, mas também haverá atendimento no Centro de Convenções da cidade, a partir de fevereiro. Assim como no ano passado o Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais Assalariados (STTAR) de Petrolina vai emitir o comprovante de residência aos trabalhadores.

“Pode fazer o cadastro o trabalhador que trabalhou do segundo semestre de 2018 a fevereiro desse ano, para isso o Sindicato emite o comprovante de residência para aquele trabalhador que não tem. A maioria dos nossos trabalhadores vêm de outras cidades no período de safra e o sindicato legitima isso, por saber onde o trabalhador está localizado“, explica a presidente do STTAR, Lucilene Lima, a Leninha.

LEIA TAMBÉM:

Sindicato patronal adia negociação coletiva, mas STTAR afirma que data base está assegurada

Em 2018 mais de sete mil trabalhadores foram cadastrados no Bolsa Família, uma queda considerável desde o início do programa. Os números são consequência das exigências impostas no programa e para esse ano é possível uma nova queda. “Tem o e-Social, talvez possa aumentar ou possa diminuir”, disse Leninha. O STTAR que fica localizado na Avenida das Nações, 280, Vila Mocó.

LEIA MAIS

Tum, candidato a deputado estadual, recebe apoio dos trabalhadores da fruticultura irrigada

(Foto: ASCOM)

Reafirmando seu compromisso na defesa dos direitos dos trabalhadores da Bahia e na geração de emprego e renda, Tum (PSC), candidato a deputado estadual, esteve reunido com os agricultores que trabalham na fruticultura irrigada do distrito de Santana do Sobrado, em Casa Nova (BA). Atividade que emprega mais de cinco mil pessoas na localidade.

Na ocasião, Tum recebeu o apoio e o reconhecimento dos trabalhadores pela sua história de luta e as propostas apresentadas. “Foi um momento muito importante, pois selou, de fato, nosso compromisso com essa categoria que é responsável pelo crescimento e desenvolvimento regional”, salientou o candidato.

Tum ainda garantiu que em seu mandato as suas bandeiras de luta em favor da categoria serão prioridade. “Vou trabalhar sempre por mais respeito e dignidade  nas condições de vida e de trabalho desses homens e mulheres, além de  incentivar políticas públicas de geração de emprego e renda para ampliar o número de postos de trabalho “, comentou.

Integrantes do MST ocupam fazenda de Geddel na Bahia

(Foto: Divulgação MST)

Uma fazenda de gado de corte pertencente ao ex-ministro Geddel Vieira Lima no município de Maiquinique, no Médio Sudoeste baiano, foi ocupada por integrantes do Movimento dos Trabalhadores Sem Terra.

Conforme a Polícia Militar, cerca de 40 pessoas entraram na propriedade Acaraí, entre a noite de sábado (28) e madrugada deste domingo (29). Os ocupantes reivindicam a desapropriação da área para efeitos de reforma agrária.

Ainda segundo a Polícia, não há registro de depredação de patrimônio. A fazenda, especializada na criação de gado Nelore, fica a oito quilômetros da sede do município. Homens do 5° Pelotão da 8ª CIPM (Companhia Independente de Polícia Militar) monitoram a área.

O ex-ministro Geddel Vieira Lima segue preso no Presídio da Papuda em Brasília. Ele foi detido em setembro do ano passado, durante a Operação Tesouro perdido, no caso do bunker em que foi descoberto cerca de R$ 51 milhões em um apartamento de um amigo do político baiano.

Grilagem de terra em Campo Alegre de Lourdes pode expulsar famílias de seu território

Desde o final de janeiro, as comunidades, que já são impactadas pela mineradora Yara/Galvani, estão vivendo um clima de tensão e insegurança. Segundo os integrantes da Associação de Fundo de Pasto das comunidades de Angico dos Dias e Açu, no município de Campo Alegre de Lourdes (BA), pessoas sem autorização estão medindo a área coletiva e ameaçando os trabalhadores rurais, dizendo que estes não têm terras e que serão expulsos do local.

Famílias camponesas da região do Angico dos Dias, formada por oito comunidades e localizada a cerca de 70 Km da sede de Campo Alegre de Lourdes, são alvo, mais uma vez, de ameaças de expulsão do território. Uma grilagem de terras de 83 mil hectares, que abrange a região noroeste do município e parte de Pilão Arcado, está colocando em risco o jeito de viver tradicional das comunidades de fundo de pasto que vivem há várias gerações no local.

“Tão medindo as terras, eles vão de dia e de noite fazer o variante”, diz Dona Maria de Souza, 70 anos, que nasceu e foi criada na comunidade do Angico dos Dias junto com dez irmãos. Com as ameaças constantes, a rotina na comunidade não é mais a mesma. “Eu não tô conseguindo mais ir trabalhar por causa do medo de ir sozinho pra roça”, afirma Seu Salvador Mendes, membro da Associação.

De acordo com relatos dos associados, as pessoas que estão ameaçando a comunidade dizem estar a mando de José Dias Soares, conhecido como Zé do Salvo e que mora na região, e do empresário português Carlos Manuel Subtil Duarte.

LEIA MAIS

MST ocupa a sede do INCRA em Petrolina

(Foto: Arquivo)

Trabalhadores Rurais ligados ao Movimento Sem Terra ocuparam a sede do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (INCRA), em Petrolina (PE), na manhã desta terça-feira (20). Eles chegaram ao prédio por volta das 10h30 da manhã e “tomaram” as dependências da unidade.

Estamos em contato com os manifestantes para informarmos o motivo da ocupação. Também entraremos em contato com a assessoria do INCRA, para saber que providências serão tomadas. Em breve mais informações.

Deputado Federal Adalberto Cavalcanti entrega equipamentos agrícolas em Santa Maria da Boa Vista

(Foto: ASCOM)

Acompanhado de sua esporta, Lúcia Mariano, o Deputado Federal Adalberto Cavalcanti, esteve nesta sexta-feira (29), no Município de Santa Maria da Boa para presentear as Associações dos Trabalhadores Rurais com a entrega de seis tratores de pneus com implementos e 5 ensiladeiras.

O evento foi realizado com as presenças da população, de lideranças políticas locais: o Sr. Cidinho, o Sr. Luciano, os Vereadores Gil do Gás, Guido Nunes, Ericles Costa, os Suplentes de Vereador Bebeto do Maracujá e Antônio Guimarães Rosa e o ex-vereador Gil do Salão.

“O povo de Santa Maria da Boa Vista merece tudo isso e muito mais. Continuarei trabalhando por essa gente batalhadora e, principalmente para os que mais necessitam desse apoio”, disse Adalberto Cavalcanti.

Deputado Federal Adalberto Cavalcanti faz a entrega de equipamentos em Santa Filomena

Trabalhadores aprovam iniciativa e comemoram chegada de equipamentos. (Foto: ASCOM)

O Deputado Federal Adalberto Cavalcanti esteve em Santa Filomena (PE) nessa quinta-feira (28) para realizar a entrega de equipamentos para Associações Rurais de Trabalhadores. Ao todo, foram entregues três tratores de pneus com implementos e de cinco ensiladeiras.

Os equipamentos são provenientes de recursos das emendas parlamentares indicadas por Adalberto Cavalcanti ao Orçamento Geral da União/2017. O deputado foi bastante aplaudido durante a entrega do material.

Estavam presentes na entrega, o Presidente da Câmara Municipal Vereador Walace Mororó, os Vereadores Adelvan Damasceno, Danúbio Macedo, Erin de Cícero Henrique, Xixico Coelho,  além de muitas pessoas que estiveram prestigiando o evento.

Em Brasília, trabalhadores rurais fazem greve de fome contra a Reforma da Previdência

(Foto: Internet)

Um grupo de trabalhadores rurais, ligados ao Movimento de Pequenos Agricultores (MPA) está em greve de fome desde a última terça-feira (5).

Eles protestam contra a proposta de reforma da Previdência do governo Temer. Os grevistas, que estavam abrigados na sede da Federação Nacional dos Jornalistas (Fenaj), em Brasília, voltaram a ocupar o Salão Verde, da Câmara dos deputados.

Em protesto há 8 dias, o grupo ganhou a adesão e apoio de duas representantes do Movimento de Mulheres Camponesas (MMC), do militante do Movimento das Trabalhadoras e Trabalhadores por Direitos (MTD), Fábio Tinga, e de diversas entidades como a Cáritas Brasileira, entidade ligada à igreja católica, Central Única dos Trabalhadores (CUT) e Trabalhadores Metalúrgicos do Rio Grande do Sul.

Os líderes do movimento afirmam que, apesar do discurso oficial do governo Temer, de que os trabalhadores rurais não seriam afetados pelas novas regras das aposentadorias, o novo texto da reforma irá prejudicar quem trabalha na agricultura por diversos dispositivos que aparecem em versões do projeto.

Segundo o MPA, além de idade mínima e do tempo de contribuição, a obrigatoriedade de 180 contribuições mensais individuais (ou 15 anos) para alcançar os benefícios, alcançaria também os trabalhadores rurais.

Prefeito de Juazeiro se reúne com representantes do BNB para tratar de Renegociação de Dívidas dos Produtores Rurais

(Foto: ASCOM)

O prefeito Paulo Bomfim esteve reunido na manhã desta quarta-feira, 13, com representantes do Banco do Nordeste (BNB), onde lhe foi apresentada a Lei de Renegociação das dívidas dos produtores. O secretário de Desenvolvimento Econômico, Agricultura e Pecuária, Tiano Felix, e o Assessor de Planejamento e Parcerias Estratégicas, Isaac Carvalho, acompanharam a reunião.

A Lei 13.340/2016, que dá descontos e facilita a renegociação de dívidas de produtores rurais do Norte e Nordeste prejudicados pela seca, está em vigor até dezembro próximo. Diante deste prazo final, o Gerente Geral da agência do BNB em Juazeiro, Vanielson Neves e o agente de Desenvolvimento, Jorge Murilo, solicitaram apoio do município na publicidade e mobilização para que os produtores procurem o Banco para que tenha acesso aos benefícios da lei.

LEIA MAIS

Presidente do STR de Petrolina rebate declarações de ex-presidente do sindicato

 

(Foto: Internet)

Após o ex-presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais (STR) de Petrolina (PE), José Tenório, acusar o atual presidente do sindicato, Francisco Pascoal, “Chicô”, durante o programa ‘Super Manhã, com Waldiney, de estar ‘esquentando’ a carteira, Chicô rebateu as críticas recebidas e informou que sempre agiu dentro da legalidade.

“Eu quero dizer que não existe isso de esquentar carteira. Ele poderia vir aqui e falar que está apoiando o projeto que a gente está fazendo, que a gente vem trabalhando. Eu sai do sindicato da agricultura para o de assalariado porque a lei me permite, se a lei permite, não há ilegalidade. O que eu fiz foi requisitar a empresa a permanecer no sindicato. Então o dono da empresa concedeu esse direito, que está na lei. A gente está tranquilo, estamos fazendo tudo de acordo com a lei.”, afirmou Chicô.

O atual presidente do STR informou que a intenção de Tenório é antecipar as eleições do sindicato dos assalariados e tentar colocar alguém no poder para comandar o sindicato. Chicô criticou inclusive o partido ao qual Tenório era filiado, o Partido dos Trabalhadores.

LEIA MAIS

Trabalhadores rurais lançam chapa para concorrer a eleição do Sindicato

(Foto: ASCOM)

Nesta quarta-feira (12), foi realizado o lançamento da chapa ‘Unidade e Luta’ do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Juazeiro (STRJ), que concorrerá à eleição sindical para o quadriênio 2017-2021. O evento aconteceu no Raport Hotel e contou com as presenças dos membros da chapa e dos trabalhadores rurais.

A eleição sindical acontecerá no dia 05 de maio de 2017 e haverá urnas fixas e itinerantes distribuídas na sede e interior. De acordo com o presidente da Comissão Eleitoral, Waldenir Brito, não houve manifestação de mais de uma chapa para concorrer ao pleito, sendo chapa única, denominada ‘Unidade e Luta’, a chapa do Sindicato.

A chapa Unidade e Luta é formada por 22 membros, sendo oito efetivos, oito suplentes, seis membros do conselho fiscal, sendo três efetivos e três suplentes. Segundo o presidente do Sindicato e candidato à reeleição, Emerson José da Silva (Mitú), o lançamento representou um momento importante para que todos os trabalhadores conheçam os novos integrantes e o compromisso da chapa.

Conquistas

O dirigente sindical também explicou que tem lutado de forma incansável para a conquista de direitos imprescindíveis aos trabalhadores. Segundo Mitú, o Sindicato tem realizado ações importantes como: negociações de convenção e acordos coletivos de trabalho para os assalariados e assalariadas rurais; revitalização dos perímetros irrigados; acesso ao crédito rural, entre outros.

LEIA MAIS

Trabalhadores rurais deflagram greve em Petrolina

(Foto: Divulgação/Ascom)

Com dificuldade nas negociações, os trabalhadores rurais da hortifruticultura do Vale do São Francisco deflagraram greve nesta quarta-feira (15). O movimento grevista começou durante coletiva de imprensa realizada no Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Juazeiro (STRJ).

Os trabalhadores têm lutado para manter antigos diretos e pela conquista de novos. O que a classe patronal tem apresentado, segundo o presidente do STRJ, Emerson José da Silva (Mitu) é a retirada de direitos conquistados.

” Esta é a vigésima terceira convenção coletiva unificada e não foi concretizada porque a classe patronal se mostra intransigente. Então vai acontecer a paralisação depois de treze anos que houve a última greve” pontuou o dirigente sindical.

Começou nesta sexta-feira a mobilização para renegociação de dívidas dos trabalhadores e empreendedores do campo em Petrolina

(Foto: Divulgação/Ivaldo Reges​)

Começou nesta sexta-feira (03) a mobilização que dá início ao mutirão de renegociação de dívidas dos trabalhadores e empreendedores do campo. O mutirão conta com uma parceria entre a prefeitura de Petrolina e o Banco do Nordeste.

O evento contou com a participação do prefeito Miguel Coelho, o presidente do Banco do Nordeste, Marcos Holanda, e o senador Fernando Bezerra, além de outros políticos da região.

O mutirão foi motivado pela baixa procura dos produtores após a regulamentação da Lei 13.340 que prevê descontos de até 95% nas dívidas contraídas por produtores da região até o ano de 2011. De um total de 10 mil produtores em débito com o Banco do Nordeste, apenas 115 procuraram a agência de Petrolina para renegociar ou liquidar as dívidas, ou seja, 1% do público que poderia ser beneficiado.

LEIA MAIS

Trabalhadores rurais ocupam sede do Incra em Petrolina

A ocupação iniciou na manhã desta quarta-feira (17)./ Foto: divulgação

A ocupação iniciou na manhã desta quarta-feira (17)./ Foto: divulgação

Trabalhadores rurais ligados a Fetape e aos movimentos sindicais de várias regiões do estado de Pernambuco, acamparam nesta quarta-feira na sede do Incra em Petrolina, Sertão pernambucano. Os trabalhadores reivindicam do governo federal a manutenção de conquistas obtidas no governo anterior.

Pela manhã os trabalhadores se reuniram com o superintendente do Incra em Petrolina, Bruno Medrado, para conversarem sobre a pauta de reivindicações. Agora a tarde, deve acontecer outra reunião para analisarem pontos específicos.

12