Mototaxistas de Uauá recebem kit alimentação e de proteção contra o novo coronavírus

(Foto: Ascom/PMU)

A Prefeitura de Uauá, através da Secretaria de Desenvolvimento Social, realizou nesta quinta-feira (02), a entrega de kits de higiene e proteção à Covid-19 e kits de alimentos para os mototaxistas do município.

A ação visa ajudar as famílias dos profissionais que tiveram atividades afetadas pelas consequências da pandemia. Mais de 30 mototaxistas foram beneficiados na ação governamental.

Ao ser contemplado com os kits, o mototaxista André Paixão parabenizou a gestão municipal pela iniciativa. “Em nome de todos os mototaxistas quero agradecer ao prefeito e toda sua equipe. E que continue assim sempre pensando na gente, ajudando. Estamos agradecidos de todo coração”, exaltou André.

O kit de higiene contém máscaras, um sabonete e álcool em gel. Já o kit alimentar, que faz parte do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), é composto por produtos adquiridos da Agricultura Familiar, como forma de valorizar os produtores rurais do município.

Prefeito de Uauá recebe título de gestor Amigo da Criança

(Foto: Ascom/PMU)

O Prefeito de Uauá, Lindomar Dantas, foi reconhecido pela Fundação Abrinq como Prefeito Amigo da Criança, título referente ao exercício 2017-2020. Essa é a primeira vez que um gestor uauaense recebe o prêmio concedido pela fundação.

Segundo a Abrinq, a premiação é resultado da atuação efetiva do gestor e de sua equipe em ações e projetos que promovem melhorias na qualidade de vida de crianças e adolescentes. Dos 5. 570 municípios brasileiros, apenas 125 foram premiados.

LEIA MAIS

Depois de registrar 5 casos do novo coronavírus em 24 horas Uauá adota toque de recolher e fechamento do comércio

Cidade de Uauá. (Foto: Divulgação)

O prefeito de Uauá, no norte da Bahia, Lindomar Dantas, anunciou uma série de medidas restritivas com o objetivo de conter o avanço da pandemia do novo coronavírus no município.  O decreto foi publicado nesta segunda-feira (22) e as medidas serão adotadas até o dia 30 de junho.

A decisão foi tomada, após a Secretaria Municipal de Saúde ter anunciado, na última sexta-feira (19), a identificação de cinco novos casos de Covid-19 em menos de 24 horas.

De acordo o decreto nº 1.119/2020, entre as determinações estão a suspensão de todas as atividades não essências;  proibição da circulação de pessoas entre às 21h e 06h (salvo para motivos como deslocamento para aquisição de medicamentos e produtos médico-hospitalares, consultas ou realização de exames); proibição da circulação de transportes  intermunicipais; suspensão da feira livre e também a proibição de aglomerações de pessoas em locais públicos ou particulares, bem como a realização de eventos de caráter cultural, religioso, político ou comemorativo, independentemente do número de pessoas.

Até o momento, Uauá contabiliza nove casos confirmados do novo coronavírus, com quatro pacientes clinicamente curados. Ao todo, quatro casos estão em investigação, sendo que um está aguardando resultado de exame do Laboratório Central de Saúde Pública da Bahia (Lacen) e três estão em isolamento domiciliar.

Governo da Bahia reconhece Situação de Emergência em Uauá

Além da covid, municípios do interior enfrentam longa estiagem (Foto: Divulgação)

O Diário Oficial da Bahia dessa quinta-feira (4) trouxe o Decreto n° 19.741/2020 no qual o Estado reconhece Situação de Emergência em Uauá, por conta da seca no município. De acordo com a publicação, o decreto é retroativo a 25 de maio.

Nessa data a Prefeitura havia publicado um decreto pedindo apoio por conta da estiagem. A Situação de Emergência tem validade de 180 dias. Com isso o Estado deve dar suporte a Uauá no enfrentamento da seca, através da Defesa Civil e da Superintendência de Proteção e Defesa Civil (SUDEC).

Prefeitura de Uauá inicia desinfecção de locais com grande circulação de pessoas

(Foto: Ascom/PMU)

A Secretaria de Saúde, iniciou na última quinta-feira (21), as ações de desinfecção de espaços públicos e locais com grande circulação de pessoas. A medida tem o objetivo de intensificar o combate ao coronavírus no município.

A atividade será realizada sempre de segunda a sábado, a partir das 16h. O trabalho é executado por cinco profissionais que realizam a borrifação de locais como agências bancárias, lotérica, estabelecimentos comerciais, bancos de praças e outros ambientes.

Até o momento, Uauá contabiliza dois casos confirmados de Covid-19, com um deles já curado, dois aguardando resultados de exames e dois em isolamento domiciliar. A secretaria ainda segue aguardando o resultado de uma suspeita de H1N1.

O governo municipal recomenda que as pessoas permaneçam em casa para evitar aglomerações. Se precisar sair, use máscara.

Campo Alegre de Lourdes. Curaçá e Uauá celebram curas de pacientes com covid-19

Notícias dão esperança na batalha contra o vírus (Foto: Ilustração)

Enquanto os números de casos confirmados do coronavírus cresce, também sobe o total de pessoas curadas da doença. Três cidades baianas celebraram na segunda-feira (18) a recuperação de pacientes. Em Campo Alegre de Lourdes, de 14 contaminados, oito já se curaram.

A história mais marcante até o momento é de Sheila da Luz Sousa, de 32 anos. Diabética, ela precisou ser internada, posteriormente intubada e conseguiu superar a covid-19. Sheila apresentou os primeiros sintomas dia 21/04, passou por três hospitais e ficou 10 dias em estado grave.

Os médicos me indicaram continuar em isolamento social, para que eu não corra o risco de pegar o vírus novamente, e é o que eu estou fazendo, e indico para todos, se cuidem”, disse a paciente que já está em casa.

De Curaçá vem outra boa notícia: das 29 confirmações da doença, 27 estão curadas. A cidade tem ainda 23 pacientes em investigação, com sintomas da covid-19. Uauá, que ontem confirmou os dois primeiros casos da doença, hoje (19) informou que o primeiro paciente já está curado.

Por falta de uso de máscaras por parte de clientes, lotérica de Uauá deixa de pagar auxílio emergencial

Cidade de Uauá. (Foto: Divulgação)

Mesmo com os resultados negativos dos exames de suspeitos de terem contraído a Covid-19 no município, uma casa lotérica da cidade de Uauá, na região norte da Bahia, tomou uma decisão radical para prevenir a transmissão do novo coronavírus.

Por causa da aglomeração de pessoas e a falta do uso de máscaras, o proprietário deixou de pagar o auxílio emergencial do Governo Federal, na última quinta-feira (30) e disse que só volta a fazer o pagamento quando os clientes usarem máscaras e manterem a distância mínimo de 1,5 ou 2 metros entre si.

Segundo o proprietário do estabelecimento, identificado apenas por Toinho, os serviços de recebimentos de contas, depósitos, jogos continuarão funcionando normalmente nos próximos dias, mas o pagamento do auxílio emergencial disponibilizado pelo o Governo Federal, por causa da pandemia do novo coronavírus, só voltará a ser pago na sua lotérica quando os clientes adotarem as medidas orientadas.

Dessa forma, quem já teve seu benefício aprovado, só poderá retirá-lo na agência da Caixa Econômica da cidade, que fica na praça São João Batista, no centro de Uauá.

Tribunal de Contas do Estado da Bahia condena ex-prefeito de Uauá a devolver mais de 170 mil aos cofres públicos

Cidade de Uauá. (Foto: Divulgação)

A Primeira Câmara do Tribunal de Contas do Estado da Bahia (TCE/BA), em sessão ordinária (realizada por teleconferência e transmitida online) desta terça-feira (28), condenou o ex-prefeito de Uauá, Olímpio Cardoso Filho a devolver aos cofres públicos a quantia de R$ 174.640,44, além de pagar multa sancionatória de R$ 1 mil, pela não aplicação regular de parcelas do convênio 016/2009, que teve como objeto a construção e reforma de unidades habitacionais, visando à erradicação da Doença de Chagas.

Por fim, apesar das irregularidades comprovadas terem levado à desaprovação da prestação de contas do convênio 103/2015, firmado pela Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional da Bahia (CAR)/Secretaria de Desenvolvimento Rural do Estado da Bahia (SDR) Cooperativa Regional de Reforma Agrária da Chapada Diamantina Ltda, os conselheiros decidiram pela não responsabilização financeira do responsável pela entidade, Edson Jesus da Silva, mas aplicaram multa no valor de R$ 1 mil.

Além de desaprovar a prestação de contas no julgamento de três convênios, O TCE decidiu pela responsabilização financeira de ex-prefeitos, imputando-lhes débito no valor total de R$ 281.307,44, quantia que deverá ser ressarcida aos cofres públicos estaduais após atualização monetária e aplicação de juros de mora.

No julgamento da prestação de contas do convênio 184/2010, firmado pela Companhia de Desenvolvimento Urbano do Estado da Bahia (Conder) com a Prefeitura Municipal de Mascote, tendo como objeto a pavimentação de ruas em paralelepípedos, a Primeira Câmara decidiu, por unanimidade, pela desaprovação e imputação de débito de R$ 106.666,67 ao responsável pelo ajuste, o então prefeito Rosivaldo Ferreira da Costa, além da aplicação de multa, no valor de R$ 3 mil ao mesmo.

Paciente de Uauá testa negativo para a gripe H1N1

(Foto: Ilustração)

Um alívio para a comunidade uauaense. A Secretaria de Saúde do Município divulgou na tarde desta terça-feira (31), que deu negativo o resultado do exame de um paciente que apresentou sintomas da gripe H1N1. A ocorrência foi registrada no Hospital Municipal Dr. Jair Braga no início deste mês de março, quando o paciente, que não teve a identidade revelada, apresentou sintomas graves com possível quadro infectocontagioso, o que causou preocupação entre as autoridades de saúde.

A mostra do sangue da pessoa internada no Jair Braga, foi enviada para análise no Laboratório Central de Saúde Pública (LACEN) em Salvador, onde ficou constatado que o paciente não é portador da Influenza.

Até o momento, Uauá continua sem casos confirmados de H1N1 ou do novo coronavírus, uma vez que todos os casos suspeitos foram descartados. Para que o quadro não sofra alterações, o município vai continuar adotando as medidas de prevenção e distanciamento social, recomendadas pelo Comitê de Gestão da Crise do Novo Coronavírus.

Prefeitura de Uauá monta barreiras sanitárias para fiscalizar motoristas e passageiros que entram na cidade

(Foto: ASCOM/PMU)

Quem precisar ir a cidade de Uauá, no norte da Bahia, provavelmente será parado em uma das barreiras sanitárias montadas pela prefeitura municipal para fiscalizar quem entra ou sai do município. A operação faz parte de um conjunto de medidas divulgadas pelo prefeito Lindomar Dantas, através de decreto municipal, para conter o avanço do novo coronavírus (covid-19). A intervenção é realizada por equipes da Guarda Civil e equipes da Secretaria de Saúde, com o apoio das forças policias do município.

LEIA MAIS

Uauá registra primeiros casos suspeitos de coronavírus

O município de Uauá (BA) é mais uma cidade da região a registrar casos suspeitos do novo coronavírus. De acordo com a Prefeitura, na noite de sábado (21) foram notificados três casos e todos os pacientes já tiveram seus materiais coletados.

LEIA TAMBÉM

Uauá tem primeiro caso suspeito de H1N1

Tratam-se de dois adultos e uma criança. Um homem de 42 anos foi o primeiro a dar entrada no Hospital Municipal Dr. Jair Braga. Ele apresentava sintomas como tosse, febre e garganta inflamada e disse ter visitado Feira de Santana, cidade que já teve casos confirmados da doença. Ele está em quarentena domiciliar.

Os demais pacientes são sua esposa e filho, que apresentaram os mesmos sintomas do homem. Dessa forma toda família está em quarentena e segue monitorada pela Vigilância Epidemiológica da cidade. Os resultados dos exames deve sair nos próximos dias.

Uauá tem primeiro caso suspeito de H1N1

Em Uauá há primeiro caso suspeito (Foto: Reprodução/ Internet)

O município de Uauá, na Bahia, registrou o primeiro caso suspeito de H1N1, na terça-feria (17). De acordo com a Secretaria de Saúde, trata-se de um paciente de 23 anos com histórico de internamento cirúrgico, tosse e febre. Ele foi transferido para o Hospital Regional de Juazeiro e está na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI).

Seguindo o protocolo de saúde, o material do paciente foi coletado e encaminhado ao  Laboratório Central de Saúde Pública da Bahia (Lacen-BA). O resultado final deve sair nos próximos dias. Diante desse cenário, a Prefeitura pede calma à população.

“Neste momento é importante atenção e o compromisso firme com as medidas de isolamento familiar e precauções sanitárias contra as formas de exposição comunitária ou individual exigidas neste atual momento de disseminação do H1N1 e da grave pandemia de coronavirus“, destaca a gestão.

LEIA MAIS

Uauá: vereador responde na Justiça após difamar prefeito nas redes sociais

(Foto: Reprodução/ Internet)

O clima político em Uauá, no Norte da Bahia, esquentou nessa semana. O vereador Zé Mario foi denunciado na Justiça pelo prefeito Lindomar Dantas (PCdoB). Segundo a denúncia, o edil usou suas redes sociais para proferir insultos e acusações contra o atual gestor da cidade. Numa decisão proferida no final de janeiro, o Juizado Especial Criminal de Uauá impôs uma multa diária de R$ 500,00 a Rodrigo.

No relato do Juiz de Direito José Carlos do Nascimento, o vereador havia escrito em uma publicação no Facebook, no mês de agosto de 2019,  que o prefeito “mete a mão no bolso” da população e ainda classificou Lindomar de “usurpador”.

O prefeito celebrou a decisão da justiça. “É a vitória do bom senso, do respeito e da educação digital sobre as mentiras e agressões da politicagem local. Aqui temos a prova de que internet não é terra sem lei. E quem praticar crimes nas redes sociais vai responder por seus atos”, disse ao Portal Uauá. Além da imposição de multa, o Juiz marcou uma audiência preliminar para o dia 19 de fevereiro.

Vítimas de duplo homicídio são sepultadas em Uauá

Vítimas tinham 26 anos (Foto: Reprodução/WhatsApp)

Os dois homens que foram mortos em Uauá, interior da Bahia em uma execução foram sepultados na manhã de quarta-feira (15), no Cemitério Municipal da cidade. O crime aconteceu no começo da semana, dentro de uma lanchonete.

LEIA TAMBÉM

Uauá: homens são mortos a tiro dentro de lanchonete

Dois homens encapuzados entraram estabelecimento, por volta de 16h30 e efetuaram vários os disparos de arma de fogo contra Pedro Henrique Vieira Ribeiro e Welton Antônio Oliveira dos Santos, ambos de 26 anos. As vítimas morreram no local.

A Polícia Civil ainda não tem pistas sobre o paradeiro dos executores, que tiveram apoio de um terceiro homem que estava em veículo. Uma das hipóteses é que o duplo homicídio possa ter relação com o tráfico de drogas.

Uauá: homens são mortos a tiro dentro de lanchonete

Vítimas estavam em uma lanchonete (Foto: Reprodução/WhatsApp)

Dois homens foram mortos a tiro na tarde de segunda-feira (13), em Uauá (BA). De acordo com o radialista Adailton Santana do Portal Uauá, três pessoas ainda não identificadas chegaram em um veículo, dois deles desceram do carro, entraram na lanchonete onde as vítimas estavam e efetuaram disparos.

As vítimas morreram no local. A Polícia Civil está investigando o crime. Os executores ainda não foram identificados e localizados. Quem tiver informações que possam ajudar na elucidação do duplo homicídio deve procurar a delegacia local.

12345