Governo de Pernambuco envia 40 respiradores ao Hospital Universitário de Petrolina

Governador Paulo Câmara faz vídeo conferência com os secretários estaduais André Longo, Alexandre Rebelo e o reitor de Univasf Paulo César Fagundes Neves

O governador Paulo Câmara participou de videoconferência, nessa quinta-feira (25), juntamente com o secretário estadual de Saúde, André Longo, com o reitor da Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf), Paulo César Fagundes Neves, na qual foi pactuado o envio de 40 respiradores pulmonares e 40 monitores multiparamétricos ao Hospital Universitário da Univasf (HU), localizado em Petrolina, no Sertão do São Francisco. Os equipamentos serão fundamentais para garantir a abertura de novos leitos de terapia intensiva para o tratamento de pacientes com a Covid-19 na região.

Além dos aparelhos, também serão encaminhados ao hospital – uma unidade federal, administrada pela Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh) – 45 mil unidades de equipamentos de proteção individual (EPIs), entre máscaras cirúrgicas, capotes cirúrgicos e luvas de procedimento, para garantir a proteção e segurança dos profissionais de saúde que atuam no atendimento aos pacientes com o novo coronavírus. Os insumos, monitores e ventiladores pulmonares devem chegar a Petrolina até o início da próxima semana.

LEIA MAIS

Prefeito de Lagoa Grande participa de reunião para criação de Instituto de Ciência, Pesquisa e Inovação com parceria da Univasf

(Foto: Isael Cordeiro)

Com objetivo de facilitar a parceria entre Prefeitura de Lagoa Grande e o Centro de Estudos Científicos da UNIVASF visando apoio nas iniciativas de desenvolvimento da cidade e de todo o Vale do São Francisco, o prefeito Vilmar Cappellaro participou nesta terça-feira de um encontro no Campus sede da UNIVASF com o Reitor pró-tempore, prof. Paulo César Fagundes, para tratar das diferentes vertentes da criação de um Instituto de Ciência, Pesquisa e Inovação do Vale do São Francisco, uma organização social sem fins lucrativos, que facilitará estudos, pesquisas e o fortalecimento do setor do agronegócio e agroindústria além de tornar os processos menos burocráticos tanto na captação e execução de recursos.

Na reunião que foi presidida pelo Dr. Paulo Sérgio, o prefeito falou sobre os benefícios para a cidade de Lagoa Grande com a implantação deste Instituto, “Será uma ação inovadora que une na mesma mesa instituições públicas das áreas da pesquisa e inovação tecnológicas e privadas nos mesmos objetivos. Inclusive tendo a oportunidade, através das pesquisas e investimentos, revolucionar a economia de nossa cidade. Estamos muito otimistas e o povo de Lagoa Grande será muito bem representado”, enfatizou Vilmar Cappellaro.

O evento também foi divulgado ao vivo por videoconferência com a participação de diversos representantes de Instituições Públicas e de pesquisadores da Instituição.

Reitor pro tempore da Univasf afirma que sua nomeação pelo MEC não pode ser classificada como “antidemocrática”

Em nota, Paulo César Fagundes Neves rebateu críticas  (Foto: Arquivo)

O reitor pro tempore da Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf), Paulo César Fagundes Neves, emitiu uma nota onde nega ocupar o cargo de forma indevida. De acordo com Neves, sua nomeação foi consequência de problemas na elaboração da lista tríplice do Conselho Universitário (CONUNI).

LEIA TAMBÉM

Vencedor na eleição da Univasf, Telio Leite afirma que reitor temporário não tem respaldo da comunidade acadêmica

DCE da Univasf critica intervenção do MEC e faz abaixo-assinado contra reitor pro tempore

Nos imbróglios da eleição interna, uma das chapas acionou a Justiça, postergando a nomeação dos vencedores na votação interna. “Não se pode entender como antidemocrática a atitude do MEC, ao revés, agiu-se nos estritos limites da lei, buscando evitar descontinuidade dos relevantes serviços públicos prestados pela Universidade em educação, assistência estudantil, pesquisa, extensão e, ainda, permitir o regular funcionamento do Hospital Universitário“, destaca a nota.

Leia a seguir a íntegra do documento:

LEIA MAIS

Pesquisadores da Univasf desenvolvem respiradores mecânicos para ajudar no tratamento de pacientes com covid-19

Respirador foi desenvolvido na instituição (Foto: Reprodução)

Um grupo de pesquisadores da Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf) desenvolveu uma tecnologia que automatiza um respirador manual criado por eles. O material pode ajudar no tratamento dos pacientes com a covid-19, internados no Hospital Universitário de Petrolina.

Essa automatização transforma o respirador criado por eles em mecânico, fortalecendo a rede de atendimento aos contaminados. A equipe é formada por nove pessoas, entre professores dos cursos de Medicina, Engenharia Mecânica e Engenharia da Computação e funcionários do Hospital Universitário (HU-Univasf).

De acordo com a equipe, o “ambu é um aparelho utilizado no transporte de pacientes até o acoplamento de um respirador mecânico nas unidades de saúde. Este instrumento funciona como uma espécie de bolsa de ar que, para ventilar, exige que os profissionais da área de saúde realizem, manualmente, o constante movimento de pressionar e, em seguida, soltar o balão de ar do aparelho, de acordo com uma frequência específica”.

Petrolina tem até hoje 253 casos confirmados do novo coronavírus. O HU tem sido utilizado como referência no tratamento dos pacientes e com essa tecnologia desenvolvida os profissionais esperam dar mais suporte a quem precisa do respirador no tratamento da covid-19.

Inscrições do 1º CINEAI são prorrogadas até 20 de junho

As inscrições para o 1º Congresso Internacional de Educação Ambiental Interdisciplinar (CINEAI), previsto para acontecer em novembro desse ano em Natal (RN) foram prorrogadas para 20 de junho. Com isso, estudantes, professores e pesquisadores da área ganharam mais um mês para submeter seus trabalhos no site evento.

“Em função dessa situação que estamos passando, tivemos que fazer a prorrogação das inscrições para 20 de junho. O Congresso está previsto para acontecer em Natal, no Instituo Federal. Esperamos que daqui setembro tenha passado esse vendaval para que possamos ter esse congresso“, disse o professor da Univasf, Celso Franca no programa Super Manhã com Waldiney Passos, na Rádio Jornal Petrolina.

O CIENAI é promovido pelo Projeto Escola Verde (PEV), desenvolvido na Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf). Os participantes locais terão acesso a ônibus para o transporte até o evento em Natal (RN).

O Projeto Escola Verde nasce aqui e hoje está espalhada por várias instituições, como FACAPE, Univasf onde nasceu o projeto, a UNEB de Juazeiro, o IF-Sertão de Petrolina e Santa Maria. Em cada local temos os coordenadores e estamos com reuniões onlines“, finaliza.

Univasf conquista primeira patente por invenção científica

(Foto: Internet)

A Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf) recebeu este ano a sua primeira Patente de Invenção, concedida a uma fórmula com ação bactericida desenvolvida por pesquisadores da Instituição. A tecnologia possui baixo custo de produção e poderá ser usada para elaboração de curativos inteligentes, destinados a impedir a proliferação de bactérias em feridas e lesões.

A Patente de Invenção é um título de propriedade, concedido pelo Instituto Nacional de Propriedade Intelectual (INPI), órgão do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, às soluções técnicas inovadoras para determinados problemas, que sejam inventivas e possuam aplicação industrial.

LEIA MAIS

Univasf realiza colação de grau antecipada do curso de Medicina

Trinta e dois estudantes de Medicina da Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf) colaram grau na tarde da última sexta-feira (24). A cerimônia de antecipação de colação de grau foi realizada com base na Medida Provisória Nº 934/2020 do Governo Federal e na Portaria Nº 383/2020 do Ministério da Educação (MEC) e aconteceu via web conferência pela Rede Nacional de Ensino e Pesquisa (RNP), devido à suspensão das atividades presenciais na instituição desde o dia 19 de março, em virtude da pandemia do novo coronavírus.

A solenidade foi presidida pelo pró-reitor de Ensino, Manoel Messias, que concedeu o grau aos formandos. Também estiveram presentes a vice-coordenadora do Colegiado de Medicina do Campus Sede, Dinani Matoso Fialho de Oliveira Armstrong; o presidente da Comissão responsável pela elaboração, acompanhamento e monitoramento de ações de prevenção do Coronavírus – Covid-19, Anderson Armstrong; o pró-reitor de Extensão, Itamar Santos; e a estudante Eveline Cerqueira, que representou a 20ª turma de Medicina do Campus Sede a se formar. Após a solenidade, os formandos compareceram à Reitoria, em horários marcados, para assinar a ata de colação de grau.

LEIA MAIS

Paciente que dançou com médico ao som de ‘Asa Branca’ recebe alta

Nesta semana o vídeo de uma paciente dançando com o médico em Petrolina, Sertão do São Francisco, ganhou a internet. A paciente, que foi a primeira vítima da covid-19 a dar entrada na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) por conta do novo coronavírus, recebeu alta nesta quarta-feira (22).

Ao som de ‘Asa Branca’,  a paciente dançou com o médico Pedro Diniz, que atua no Hospital Universitátio da Universidade Federal do Vale do São Francisco.

O anúncio da cura clínica foi feito pela Prefeitura de Petrolina nesta quinta-feira (23). A mulher, teve alta hospitalar nesta quarta-feira (22). Ela também teve H1N1. Antes da alta, a paciente fez um teste rápido e deu negativo para o novo coronavírus. Com isso, Petrolina agora tem 5 casos considerados curados clinicamente.

A paciente que tem 29 anos, foi internada no dia 2 de abril e passou 14 dias entubada.

Covid-19: Médico de Petrolina comemora recuperação de paciente dançando com ela no hospital

(Foto: Internet)

Um vídeo publicado na internet pelo médico Pedro Carvalho Diniz trouxe esperança e quebrou o clima de tensão em relação a covid-19 em Petrolina, cidade do Sertão de Pernambuco.

Nas imagens que aparecem no perfil do Doutor Pedro no twitter, ele aparece dançando, ao som da música Asa Branca, de Luiz Gonzaga e palmas de outros profissionais do hospital, com uma paciente que se recuperou da covid-19, depois de ser entubada na UTI do Hospital Universitário de Petrolina (PE).

Também na publicação do vídeo, o Doutor escreveu: “No primeiro dia de UTI eu a intubei. No 14°, a extubei. No 18°, a chamei para dançar. A primeira paciente da UTI COVID. Uma mensagem de esperança para pacientes, familiares e profissionais que combatem a doença #COVID-19 #VaiPassar #FicaEmCasa”.

A mulher é a primeira paciente atendida na unidade exclusiva para coronavírus montada pela prefeitura de Petrolina.

Reitor Protempore da Univasf se reúne com prefeitos de Petrolina e Juazeiro para debater ações de combate ao coronavírus

(Foto: Ascom/PMJ)

A reunião aconteceu nesta segunda-feira (20) e foi rápida. Tão rápida que o release enviado pela assessoria de imprensa aos meios de comunicação, rendeu apenas oito linhas. Mas, pelo o jeito foi o suficiente para o reitor indicado pelo o Ministério da Educação, para intervir na disputa pela reitoria da UNIVASF, tomar conhecimento das ações que os dois municípios estão colocando em prática para evitar a proliferação do novo coronavírus.

Além do reitor protempore, professor Paulo Fagundes, os prefeitos de Juazeiro e Petrolina, Paulo Bomfim e Miguel Coelho, também estiveram presentes na reunião equipes das secretarias de Saúde das duas cidades.

Na pauta, troca de informações, campanhas de vacinação e coleta de material para testagem rápida em pacientes com sintomas de Covid 19, dentre outros pontos. “Ainda é cedo para definirmos algo, mas as nossas equipes irão se debruçar para que possamos planejar em conjunto estas ações e garantir proteção para a nossa população”, declarou Paulo Bomfim.

Vencedor na eleição da Univasf, Telio Leite afirma que reitor temporário não tem respaldo da comunidade acadêmica

Votação interna foi colocada em segundo plano pelo MEC (Foto: Arquivo)

A nomeação de um reitor pro tempore à Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf) é mais um capítulo na escolha da nova autoridade da instituição. Vencedor no processo eleitoral, o professor Telio Nobre Leite foi entrevistado no programa Super Manhã com Waldiney Passos nessa sexta-feira (17) e voltou a defender a validade da seleção interna.

LEIA TAMBÉM

DCE da Univasf critica intervenção do MEC e faz abaixo-assinado contra reitor pro tempore

UNIVASF sofre intervenção do MEC em sua reitoria

“Foi um processo bastante democrático, ganhamos tanto na consulta da comunidade e dos professores. A questão foi que, quando se encerrou o processo no Conselho Universitário, uma das chapas que perdeu inconformados com o resultado desfavorável entraram na justiça“, afirmou à Rádio Jornal Petrolina.

LEIA MAIS

DCE da Univasf critica intervenção do MEC e faz abaixo-assinado contra reitor pro tempore

Estudantes fazem abaixo-assinado contra reitor pro-tempore (Foto: Arquivo)

O anúncio de um reitor pro tempore à Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf) provocou reação da comunidade acadêmica. O Diretório Central Estudantil (DCE) emitiu uma nota criticando a intervenção do Ministério da Educação (MEC) que passou por cima da eleição interna.

De acordo com o DCE, o Governo Federal nomeou um “interventor”, favorecendo a chapa perdedora na eleição de 2019. “A Univasf está sofrendo um ataque à sua autonomia e à sua democracia. Um grupo de professores que tem alinhamento político com o governo Federal e com o ministro da Educação está tentando sujar de todas as formas o processo eleitoral de escolha de reitor da Univasf”, afirmou o diretor do DCE, Bruno de Melo.

LEIA TAMBÉM

UNIVASF sofre intervenção do MEC em sua reitoria

Telio Leite encabeçará lista tríplice para reitor da Univasf e Lúcia Marisy a de vice

Segundo o DCE, mesmo os estudantes não sendo apoiadores da candidatura de Télio Leite, vencedor do pleito, a decisão da maioria deve ser respeitada. “O candidato Télio venceu em todas as categorias, o professor Télio venceu novamente na lista-tríplice e a chapa perdedora impetrou uma ação na Justiça. No atual momento a lista-tríplice está suspensa”, destacou o presidente.

Indignados com a intervenção do MEC, o DCE criou um abaixo-assinado virtual para que o nome indicado pelo Governo Federal seja removido. Leia a seguir uma nota emitida pelos estudantes:

LEIA MAIS

UNIVASF sofre intervenção do MEC em sua reitoria

(Foto: Arquivo)

O Ministério da Educação (MEC) publicou no Diário Oficial desta segunda-feira (13) a portaria nº 384, de 9 de abril de 2020 que designa o professor Paulo Cesar Fagundes Neves para o cargo de reitor pro tempore da Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf). O ato ampara-se na Medida Provisória nº 914/2019 que trata sobre o processo de escolha de dirigentes das Instituições Federais de Ensino Superior (Ifes).

No caso específico da Univasf, a designação de reitor pro tempore ocorre em virtude do pedido de suspensão da lista tríplice à Reitoria da Univasf, elaborada pelo Conselho Universitário (Conuni), em novembro do ano passado, e que está sub judice por decisão liminar do Tribunal Regional Federal da 5ª Região (TRF-5).

LEIA MAIS

Univasf autoriza início das obras de urbanização do Campus Senhor do Bonfim

Campus Senhor do Bonfim receberá um novo acesso, vias e estacionamento, central de lixo e uma quadra poliesportiva.

O projeto de urbanização prevê a construção de um novo acesso, a pavimentação de passeios, vias e estacionamento, uma central de lixo e uma quadra poliesportiva. As obras serão realizadas na atual área e no terreno doado pela prefeitura de Senhor do Bonfim à Univasf, no último dia 23 de março, por meio da Lei N° 1.522/2020, que visa possibilitar a ampliação do campus.

O terreno tem aproximadamente 19,3 mil metros quadrados de área e está localizado ao lado do campus. Conforme consta na Ordem de Serviço, a empresa vencedora do processo licitatório e contratada para executar a obra é a AB Engenharia Ltda. Serão destinados R$ 759.676,77 para a realização do projeto, elaborado pela equipe da Assessoria de Infraestrutura da Univasf.

LEIA MAIS

Univasf mantém suspensão do calendário acadêmico devido à pandemia da Covid-19

(Foto: Arquivo)

A Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf) suspende por tempo indeterminado, a partir desta quarta-feira, 1º de abril, o calendário acadêmico de graduação e de pós graduação em todos os campi da instituição.

A medida adotada pelo Conselho Universitário (Conuni), por ato ad referendum do presidente do órgão, reitor Julianeli Tolentino, foi motivada em parecer da Pró-Reitoria de Ensino (Proen) manifesto por meio do Oficio nº 5/2020, no qual destaca o avanço da pandemia do novo coronavírus (Covid-19) na região, as restrições impostas pela legislação vigente e medidas de contenção de disseminação da doença que impõem o isolamento social, como principal estratégia de enfrentamento à pandemia.

123