Covid-19: 669 mil doses de vacina foram distribuídas, diz Saúde

O Ministério da Saúde informou que ontem (25) foram distribuídas 669 mil doses de vacinas Coronavac contra a covid-19. O imunizante foi desenvolvido pela farmacêutica chinesa Sinovac, que possui parceria com o Instituto Butantan, de São Paulo.

As doses foram transportadas por aviões da Força Aérea Brasileira (FAB) e de companhias aéreas comerciais, como Latam. As substâncias foram encaminhadas aos estados, que farão o repasse aos municípios para a aplicação.

LEIA MAIS

Com doses da vacina da AstraZeneca Juazeiro amplia vacinação nos profissionais da Saúde

(Foto: CDC/Unsplash)

Juazeiro recebeu nesta segunda-feira (25), 2.070 doses da vacina AstraZeneca/Oxford, em parceria com a brasileira Fiocruz. Essa remessa será destinada exclusivamente para a imunização dos profissionais de saúde que atuam na linha de frente de combate à pandemia. A imunização começou com profissionais da rede hospitalar, Samu e idosos em casas de longa permanência.

Com as novas doses, a partir desta terça-feira (26), a vacinação se estenderá aos profissionais da Atenção Básica em atividades nas unidades de saúde da zona rural e da sede. Nesta terça, serão encaminhadas vacinas para 25 postos no interior.

LEIA MAIS

Idosos do Lar São Vicente de Paulo em Juazeiro recebem vacina contra Covid-19

Nesta quinta-feira (21), a Secretaria de Saúde de Juazeiro, seguindo o plano municipal de imunização, começou a vacinar idosos acima de 75 anos que vivem em instituições de longa permanência. Os idosos do Lar São Vicente de Paulo receberam a primeira dose da vacina CoronaVac, fabricada pelo Instituto Butantan. Foram vacinados 26 idosos, seguindo os critérios da Fase 1 do Plano Nacional de Imunização.

No período da tarde, a equipe de vacinadores esteve no Hospital Regional de Juazeiro (HRJ). Médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem e auxiliares receberam a primeira dose da vacina. Foram 213 profissionais de saúde.

LEIA MAIS

Idosa de 104 anos recebe vacina e marca início da imunização contra covid-19 em abrigos de Petrolina

A aposentada Elvira de Jesus, de 104 anos, foi a primeira de milhares de idosos que serão vacinados em Petrolina contra a covid-19. Nesta quarta-feira (20), a sertaneja foi imunizada em um ato simbólico num abrigo da cidade.

Além de dona Elvira, cerca de 200 idosos atendidos em casas de longa permanência receberão doses da CoronaVac nessa primeira etapa da campanha de vacinação.

A Prefeitura de Petrolina também imunizará as cuidadoras e demais profissionais dos abrigos da cidade. Serão atendidas seis instituições de longa permanência do município nesta quarta-feira. Depois disso, as equipes da prefeitura darão continuidade à imunização dos profissionais de saúde.

LEIA MAIS

China acelerará envio da matéria-prima de vacina de covid-19, diz Maia

(Foto: Divulgação/Instituto Butantan)

O presidente da Câmara, deputado Rodrigo Maia (DEM-RJ), afirmou nesta quarta-feira (20), após reunião virtual com o embaixador chinês no Brasil, Yang Wanming, que o atraso na liberação de insumos chineses para a produção da CoronaVac no Brasil se deve a razões técnicas e não políticas.

Maia destacou que o embaixador deixou claro que não há obstáculo diplomático para entrega do material para os imunizantes. Segundo o presidente da Câmara, o governo chinês se comprometeu em trabalhar para acelerar a exportação dos insumos para a fabricação de vacinas contra a covid-19 no Brasil.

LEIA MAIS

Pernambuco: fotógrafo viola regras de vacinação e recebe dose contra Covid-19 em Jupi

Em uma atitude irresponsável e antipática, um fotógrafo da cidade de Jupi, interior de Pernambuco, aparece em imagens recebendo uma das doses da vacina contra Covid-19 que deveria ser aplicada somente em profissionais da saúde, que estiveram na linha de frente contra a doença durante toda pandemia. Ele não integra os grupos prioritários de imunização.

Identificado como Guilherme, o fotógrafo, em entrevista à Rádio Jornal, admitiu que havia recebido a vacina e afirmou não ter coragem de tomar a segunda dose. No entanto, posteriormente, ele negou ter recebido o imunizante e pediu que o assunto fosse esquecido. Ele e a secretária de saúde foram afastados dos seus cargos, segundo a prefeitura.

MPPE abre investigação

O Ministério Público de Pernambuco (MPPE) afirmou que recebeu a denúncia de que não só o cidadão em questão, mas também a secretária de Saúde de Jupi, tomaram a vacina sem fazer parte do grupo prioritário. “Estamos investigando porque ainda não temos a certeza de que  eles não fazem parte do grupo prioritário, mas provavelmente não fazem”, disse a promotora de Jupi, Adna Vasconcelos.

Fiocruz admite possível atraso na produção da vacina

(Foto: Dado Ruvic/Reuters)

A Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) admitiu que poderá haver atraso na produção da vacina contra a covid-19 causado pela falta do Ingrediente Farmacêutico Ativo (IFA). Em nota divulgada nesta terça-feira (19), a Fiocruz explicou que ainda aguarda a confirmação do insumo-base para a fabricação das vacinas.

Embora ainda dentro do prazo contratual em janeiro, a não confirmação até a presente data de envio do Ingrediente Farmacêutico Ativo (IFA) poderá ter impacto sobre o cronograma de produção inicialmente previsto de liberação dos primeiros lotes entre 8 e 12 de fevereiro“, informou a Fiocruz.

LEIA MAIS

Moradora de lar de idosos de 71 anos é a primeira vacinada contra a Covid-19 em Salgueiro

Joaquina Gomes dos Santos mais conhecida como ‘Dona Juju’ foi a primeira a se vacinar em Salgueiro.

Começou nesta terça-feira (19), por volta do meio-dia, a vacinação contra a Covid-19, em Salgueiro, no Sertão de Pernambuco. A primeira a se vacinar na cidade foi a Joaquina Gomes dos Santos, mais conhecida como ‘Dona Juju, de 71 anos, que vive no lar de idosos São Vicente de Paula. O imunizante foi aplicado pelo prefeito, que também é médico, Dr. Marcones Sá.

O município recebeu 2.298 doses da vacina coronavac. Serão vacinados 100% dos idosos do lar São Vicente, 30% dos profissionais de saúde que atuam na linha de frente da Covid-19 no Hospital de Campanha do município, no Hospital Regional Inácio de Sá e na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Pronto Socorro São Francisco e 100% dos indígenas que vivem na tribo Atikum.

LEIA MAIS

Secretária de Saúde, que é enfermeira, aplica primeira vacina contra Covid-19 em Petrolina

Petrolina inicia vacinação contra Covid-19.

Petrolina acaba de ter a primeira pessoa imunizada contra a Covid-19. Depois de Juazeiro, foi a vez da cidade pernambucana iniciar sua campanha de vacinação. A primeira dose foi aplicada pela própria secretária de Saúde do município, Magnilde Albuquerque, em Edineide Souza, técnica de enfermagem, de 37 anos, que atua na linha de frente desde o início da pandemia.

Com isso, os cidadãos petrolinenses podem comemorar a chega da vacina contra a Covid-19. Ao todo, foram enviadas, nesta terça-feira (19), 7.900 doses. No entanto, na próxima quinta-feira (21), a cidade irá receber mais 800 doses da vacina, totalizando 8.500 doses.

LEIA MAIS

Covid-19: Primeira vacinada em Juazeiro é enfermeira

A primeira pessoa a receber a vacina contra o Covid-19 em Juazeiro (BA) foi a enfermeira Enilde Pereira Campos. Ela estava atuando no hospital de campanha da cidade, criado para tender casos de pessoas infectadas com o novo coronavírus.

Enilde, que representou todos os profissionais de saúde que serão vacinados, disse estar lisonjeada por essa vitória contra a doença. “Estamos na linha de frente e sabemos a gravidade da doença em si do vírus em si e agora temos uma arma para lotar bem de frente contra o coronavírus”, disse.

Técnica de Enfermagem do Hospital Oswaldo Cruz é a primeira pessoa vacinada em Pernambuco

Um momento histórico, que reacende a esperança dos pernambucanos. A técnica de Enfermagem Perpétua do Socorro Barbosa dos Santos, de 52 anos, foi a primeira pernambucana vacinada contra a Covid-19 no Estado. O ato aconteceu nesta segunda-feira (18.01), no auditório da faculdade de Ciências Médicas do Hospital Universitário Oswaldo Cruz (HUOC), em Santo Amaro, no Recife.

As 270 mil doses da CoronaVac – Instituto Butantan chegaram à capital às 19h40, vindas de São Paulo, e seguiram para a sede do Programa Estadual de Vacinação, no bairro de Casa Amarela, onde foram separadas para serem enviadas às 12 Gerências Regionais de Saúde do Estado nas próximas 24 horas.

É um momento histórico, que vai ficar marcado nas nossas mentes. É fruto de um trabalho de articulação que, hoje, se torna realidade no Brasil e em Pernambuco. Mas sabemos que ainda precisamos de definições sobre os próximos lotes de vacina a serem enviadas aos Estados e municípios brasileiros. Isso faz parte do Plano Nacional de Imunização e temos que ter esse plano na sua completude, com prazos e datas, para que a gente possa vacinar todos“, afirmou Paulo Câmara, após o ato de imunização.

LEIA MAIS

Covid 19: Primeiro lote de vacinas chega a Petrolina nesta terça, imunização começa assim que o material estiver na cidade

Imagens: Alexandre Justino

Petrolina está prestes a iniciar a vacinação contra o coronavírus. Após se reunir com o comitê de enfrentamento ao coronavírus, o prefeito Miguel Coelho anunciou que o primeiro lote de vacinas chega nesta terça-feira (19) a Petrolina. As doses serão transportadas, na madrugada, pelo Governo de Pernambuco para distribuição aos municípios da região do Vale do São Francisco.

O total de vacinas repassado para Petrolina só será divulgado pela Secretaria de Saúde do Estado nesta terça. Mas, segundo o prefeito, assim que o material estiver em Petrolina, será iniciada, imediatamente, a vacinação com prioridade para os profissionais de saúde e pessoas atendidas por abrigos de idosos.

A estrutura de abastecimento, conservação e as equipes de saúde já estão prontas para o início da campanha de imunização em Petrolina. “Independente de quantas doses chegarem, vamos começar a vacinação imediatamente. Começaremos pelos profissionais de saúde e idosos das casas de acolhimento. É uma boa notícia que renova nossa esperança e mostra que o planejamento de Petrolina está no rumo certo para que possamos vencer juntos esse vírus”, disse o prefeito após a reunião.

VEJA VÍDEO!

 

Pernambuco deve imunizar 129 mil pessoas contra Covid-10 nessa primeira fase

(Foto: Ascom)

O governador Paulo Câmara vai acompanhar do Recife a cerimônia de entrega das primeira doses da vacina contra a Covid-19, marcada para o início da manhã desta segunda-feira (18), em São Paulo. O Gabinete de Enfrentamento ao Novo Coronavírus do Estado estará mobilizado a partir das 7h, no Palácio do Campo das Princesas, para coordenar o início da imunização em Pernambuco.

A expectativa é que, das 4,3 milhões de doses que serão compartilhadas entre os estados brasileiros, Pernambuco receba, nesse primeiro lote, cerca de 270 mil vacinas que garantirão as duas doses da imunização para 129 mil pessoas, entre profissionais de saúde, idosos acima de 60 anos que vivem em asilos e indígenas aldeados.

Vacinação contra covid-19 começa na quarta-feira, anuncia Pazuello

(Foto: Dado Ruvic/Reuters)

A vacinação contra a covid-19 começa na próxima quarta-feira (20), às 10h, em todo o país, para os grupos prioritários. O anúncio foi feito neste domingo (17), pelo ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, durante coletiva no Rio de Janeiro.

Segundo o ministro, serão inicialmente 3 milhões de pessoas a serem vacinadas, com duas doses cada uma, totalizando 6 milhões de doses da CoronaVac, produzida pela empresa chinesa Sinovac e o Instituto Butantan. O uso emergencial da CoronaVac foi aprovado hoje (17) pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

O ministro abriu a coletiva se solidarizando com as famílias das vítimas e agradecendo aos profissionais de saúde na linha de frente da pandemia.

Vacinação da Covid-19 no Brasil pode não começar na quarta-feira conforme anunciou Ministério da Saúde

Previsto para iniciar na próxima quarta-feira (20), o calendário da vacinação contra Covid-19 pode sofrer alterações. A informação foi confirmada na manhã desta sexta-feira (15), pelo Ministério das Relações Exteriores (Itamaraty). O cronograma de entrega dos dois milhões de doses da vacina da AstraZeneca/Oxford contra a Covid-19 que o Ministério da Saúde afirma ter adquirido do laboratório indiano Serum Institute sofrerá atraso.

Segundo a pasta, o ministro Ernesto Araújo telefonou para o chanceler indiano Subrahmanyam Jaishankar na quinta-feira (14), dia em que o site Hindustan Times publicou uma notícia informando que, segundo fontes do governo indiano não identificadas na matéria, ainda não há previsão de quando a Índia autorizará o fornecimento dos imunizantes a outros países, incluindo o Brasil.

LEIA MAIS
123