Paulo Afonso: suspeito de forjar suicídio de companheira é preso

O homem apontado como autor de um feminicídio registrado em Paulo Afonso (BA) no final do ano passado foi preso pela polícia nessa semana. Ele, que não teve sua identidiade divulgada pelas autoridades, é o principal suspeito de forjar um suicídio em novembro de 2020 e estava foragido desde então.

LEIA TAMBÉM

Polícia procura suspeito de feminicídio em Paulo Afonso

Ele foi preso na quarta-feira (13). No dia 20 de novembro de 2020 Cínthia da Silva foi morta pelo ex-companheiro, que chegou a acionar a polícia relatando o suposto suicídio. Entretanto, as provas periciais obtidas ao longo da investigação comprovaram que a vítima não havia tirado a própria vida.

LEIA MAIS

Mulher é morta a facadas na zona rural de Sobradinho

Mais um feminicídio foi registrado na região no mês de janeiro. Uma mulher foi morta a golpes de faca na madrugada dessa terça-feira (12), em Sobradinho, região Norte da Bahia. A vítima foi identificada como Mislene de Souza, de 34 anos.

Mislene foi morta no Povoado de Correnteza, zona rural do município. O principal suspeito de cometer o crime é um homem apontado como companheiro da vítima. Segundo relatos, ele já teria sido violento outras vezes. Ele fugiu após cometer o feminicídio. A Polícia Civil da Bahia investiga o crime.

Prefeita Suzana Ramos quer agilidade na resolução de crimes de feminicídio em Juazeiro

(Foto: Pedro Ângelo/PMJ)

Em reunião nesta quarta-feira (6) com a equipe da Secretaria de Desenvolvimento Social, Mulher e Diversidade (Sedes), a prefeita de Juazeiro (BA), Suzana Ramos (PSDB), mostrou-se preocupada com os casos de feminicídio que vem ocorrendo no município e disse que vai solicitar agilidade na resolução dos casos.

“Vou pedir o apoio do governador do estado para fortalecer a Delegacia da Mulher de Juazeiro, sei que ele será atencioso a nossa solicitação. Também irei conversar com a delegada responsável e oferecer o apoio do município no que for necessário”, destacou. A prefeita ressaltou ainda a importância da integração entre as instâncias Federal, Estadual e Municipal no combate à violência contra a mulher.

O secretário da pasta Pastor Teobaldo Pedro de Jesus também reforçou a relevância da parceria com a Polícia Militar da Bahia e informou que a Sedes irá desenvolver ações que promovam mais segurança para as mulheres. “Iremos traçar metas e buscar parcerias, tanto com o governo do estado, quanto com o Federal, a fim de fortalecer os equipamentos que já temos. Também iremos desenvolver políticas públicas que tragam mais proteção para essas mulheres”, afirmou.

Mulher é morta a facadas em Petrolina

Mais um feminicídio foi registrado em Petrolina. Uma mulher de 28 anos foi morta a golpes de faca na noite de quarta-feira (30), na região da Ponta da Serra, zona rural de Petrolina. Segundo a Polícia Civil de Pernambuco, Nilda Pinheiro foi golpeada pelo ex-companheiro.

Valdir da Costa, de 80 anos, desferiu golpes com canivete na vítima. A polícia acredita que o crime tenha sido motivado por ciúmes. Nilda chegou a ser socorrida com vida ao Hospital Universitário de Petrolina, mas não resistiu e morreu na unidade.

A Polícia Civil prendeu Valdir em flagrante delito e também apreendeu a arma utilizada no feminicídio. Não há informações sobre velório e sepultamento da vítima.

Patrulha da Mulher divulga balanço das ocorrências registradas em Petrolina

Patrulha da Mulher tem sido importante no combate a violência (Foto: Ascom PMP)

Em 2018 a Câmara de Vereadores de Petrolina aprovou um projeto de lei instituindo a Patrulha da Mulher. Desde então, a cidade tornou-se pioneira na proteção às vítimas de violência no Sertão pernambucano. E nessa semana, mais precisamente na quarta-feira (25) celebra-se o Dia Internacional da Não Violência contra as Mulheres.

LEIA TAMBÉM

Criada através de lei municipal, Patrulha da Mulher reforça combate à violência no município

Esse momento reforça a necessidade das políticas públicas municipais. Como forma de transparência pelos serviços prestados, a Guarda Civil Municipal de Petrolina divulgou as estatísticas de atendimento da Patrulha. Desde o início de 2020, 61 homens foram detidos ou conduzidos à Delegacia em decorrência de algum tipo de violência contra elas.

LEIA MAIS

Homem é detido após ameaçar companheira com uma foice na zona rural de Lagoa Grande

(Foto: Ilustração)

Um homem foi preso pela Polícia Militar de Pernambuco, após ameaçar a companheira com uma foice. De acordo com a 7ª CIPM, uma equipe foi acionada na tarde de sexta-feira (6) para verificar uma suposta ameaça no Assentamento Vila Nova, no Distrito de Vermelhos, em Lagoa Grande.

Chegando ao local, os policiais foram recebidos pela vítima. Ela contou a PM que o companheiro estava com uma foice ameaçando à vida da mesma. O homem, ao perceber a chegada do policiamento, se escondeu na casa da mãe, mas foi localizado e levado à Delegacia de Polícia Civil.

Na residência da mãe, a PM apreendeu a foice. A vítima também compareceu à delegacia e assinou um Termo de Renúncia ao Direito de Representação contra o companheiro.

Homem é preso após agredir companheira em Petrolina

(Foto: Ilustração)

Um homem, de idade não revelada, foi preso na madrugada desse sábado (19), no bairro Vila Eduardo, em Petrolina. Segundo o 5º BPM, ele teria agredido a companheira.

A vítima relatou à Polícia Militar de Pernambuco que o agressor chegou em casa por volta de 4h sob efeito de drogas. Ele começou a dar tapas no rosto da mulher e a quebrar itens da residência.

O homem ainda chegou a ameaçar a mulher, que conseguiu acionar a PM. O agressor foi detido e encaminhado à Delegacia de Polícia Civil, para adoção das medidas cabíveis.

UNEB discute sobre violência contra a mulher e a atuação do Centro de Referência à Mulher em Senhor do Bonfim (BA)

O Grupo de Estudo em Gênero e Cuidado do Departamento de Educação do Campus VII da UNEB realiza o “GEGC Convida”, um bate papo sobre Violência contra a mulher e a atuação do Centro de Referência à Mulher em Senhor do Bonfim-BA, nesta terça-feira (25), às 19h. Com transmissão pelo perfil do [email protected]_uneb.

A discussão visa informar a população sobre o Agosto Lilás, os tipos de violência e divulgar como o Centro de Referência à Mulher- Mãe Sulinha (CRM) está funcionando neste período de distanciamento social. Para isso, a live conta com a participação da especialista em Gestão Pública Municipal e coordenadora do CRM em Senhor do Bonfim, Geórgia Oliveira, com mediação da coordenadora do GEGC e professora do curso de Enfermagem do Campus VII da UNEB, Milca Carvalho.

Neste período de distanciamento social, muitas mulheres têm vivenciado a ampliação da violência conjugal, algumas, inclusive, em risco de feminicídio. Portanto, “a proposta da live é fazer com que toda a comunidade de Senhor do Bonfim, desperte do medo, do silêncio e da negação, pois temos muitas mulheres que estão em situação de violência conjugal. Por isso, é preciso informar que existe no território um serviço especializado que deve ser buscado para dar suporte com o objetivo de romper o ciclo da violência”, explica Milca.

Violência contra a mulher recua em Pernambuco

(Foto: SDS Pernambuco)

Em julho, as forças de segurança pública de Pernambuco notificaram queda nos registros dos principais crimes que atingem as mulheres, como feminicídio, estupro e violência doméstica

Pernambuco teve uma queda de 50% nos feminicídios, quando a mulher é morta pela condição de gênero. Em julho de 2020, houve três casos, contra seis no mesmo mês do ano passado. Os estupros também tiveram um declínio significativo nos registros: -40,18%, passando de 219 queixas, em julho do ano passado, contra 131 no mês passado.

LEIA MAIS

Prefeitura de Petrolina usa carro de som para incentivar denúncia de violência contra a mulher

(Foto: Alexandre Justino/PMP)

“Mulher, ficar em casa não é ficar calada”, esta é a mensagem que circula por diversos bairros de Petrolina em carros de som. Com o isolamento social, a prefeitura acendeu o alerta para o possível aumento dos casos de violência doméstica, visto que as mulheres podem passar mais tempo confinadas com os companheiros. A iniciativa visa informar à população sobre os canais de denúncia.

A ação está sendo promovida pela Coordenadoria de Imprensa da prefeitura, em parceria com a Secretaria Executiva da Mulher. O carro de som começou a circular nesta quinta-feira (23) e passou pelos bairros: Pedro Raimundo, Alto do Cocar, Nova Petrolina e Residencial Brasil.

O recado é direto e fala abertamente com as vítimas. “Em caso de violência doméstica, peça ajuda pelo telefone e vale pedir ajuda, também, aos amigos, vizinhos e familiares. Não isole sua voz nesse tempo de pandemia”.

A mensagem também informa os telefones que servem como canais de denúncia (Guarda Civil Municipal, Polícia Militar e Disk Mulher) e o de assistência psicossocial e jurídica (Centro de Atendimento à Mulher). “Anota aí os números: a Patrulha da Mulher é 153 e atende 24h por dia. Tem ainda a Polícia Militar, pelo 190, e o Disk Mulher, no 180. Você pode procurar também o Centro de Atendimento à Mulher, no telefone 3867-3516. Denuncie qualquer tipo de violência doméstica, seja física, psicológica ou verbal. Ficar em casa não é ficar calada”, encerra o recado.

Homem invade residência, agride ex, mas é preso pela Guarda Civil de Juazeiro

Agressor também forçou vítima a ter relação sexual em outra ocasião (Foto: Ilustração)

Equipes da Guarda Civil Municipal de Juazeiro (BA) prenderam em flagrante um homem na madrugada dessa quinta-feira (16), no bairro Jardim Flórida. Ele desferiu golpes de martelo na ex-companheira e no atual namorado dela.

Os agentes da GCM faziam rondas na Avenida São João, quando por volta de 1h40 avistaram o namorado com sangramento na cabeça e pedindo socorro. O agressor vinha em seguida, correndo atrás da vítima. Ao perceber a presença da Guarda ele então correu para atacar a ex-companheira que vinha logo atrás.

Invasão de domicílio e violência sexual

A mulher relatou aos agentes que o agressor pulou o muro da residência e ficou aguardando o namorado chegar ao imóvel, quando começou a desferir os golpes de martelo contra ele. Ela também foi agredida nos braços e cintura e denunciou um outro episódio de violência sexual sofrida por ela, praticada pelo ex-companheiro.

O namorado da vítima foi socorrido ao Hospital Universitário de Petrolina, com um sangramento na cabeça. O agressor foi encaminhado à Delegacia de Polícia Civil e ainda ameaçou a guarnição da GCM.

Campo Formoso: filha acusa presidente da Câmara de Vereadores de agressão

Filha disse que pai sempre foi violento (Foto: Reprodução)

José Alberto de Carvalho, mais conhecido como Zé Lambão é presidente da Câmara de Vereadores de Campo Formoso (BA) e foi acusado de agressão. A denunciante é sua própria filha, Rafaella Carvalho, de 18 anos. No final de semana a jovem utilizou sua rede social para denunciá-lo e revelou ter registrado um Boletim de Ocorrência contra o agressor.

Rafaella afirmou que o pai sempre foi violento. Nessa segunda-feira (13) a jovem fará exame de corpo delito.  “Hoje eu fui agredida, na verdade, eu esperava, né? Porque eu vivo há 18 anos vendo ele fazer isso com minha mãe. Porque ele é um monstro, ele sempre foi isso, ele é um lixo”, disse.

Vítima chama pai de “assassino”

A filha também disse que Zé é “assassino”, lembrando da acusação de homicídio contra o pai no ano de 2016. O vereador foi preso em flagrante por atirar e matar um homem após uma briga em um bar da cidade. A violência sofrida por ela teria acontecido após um desentendimento provocado pela faculdade de Rafaella.

“A gente tava na roça com toda minha família e ele foi comentou sobre a faculdade. Ele falou que eu não iria conseguir terminar. Com isso, eu fiquei muito chateada. Comecei a chorar e pedir pra uma amiga me buscar. Nisso eu falei com minha madrasta  pra me deixar na cidade do lado. Ele se estressou porque eu tava chorando, me trancou no quarto e fez isso comjgo. Eu tô toda vermelha, toda roxa. Nem tinha muito que esperar muito dele né? Porque vocês sabe, ele é um assassino, um agressor, um monstro. Tava todo mundo me mandando mensagem. Ele fez isso a vida inteira com minha mãe, e eu decidir não me calar. De não deixar fazer comigo o que ele fez com outras pessoas”, disse. Zé Lambão não se pronunciou sobre o fato. (Com informações do Bahia Notícias).

Araripina: mulher é morta a facadas, ex-companheiro é o principal suspeito 

Uma mulher foi morta a facadas no domingo (24), no bairro Alto da Boa Vista, em Araripina, Sertão de Pernambuco. O principal suspeito de cometer o feminicídio é ex-companheiro da vítima.

De acordo com a 9ª CIPM, uma equipe foi acionada por volta de 8h30 e encontrou a vítima já sem vida, com várias perfurações de faca no corpo.

Testemunhas relataram que o ex-companheiro dela teria cometido o crime, fugiu em seguida e até o momento não foi localizado. A Polícia Civil investiga o caso.

Lagoa Grande: homem é preso em flagrante após estupro

Ele já havia estuprado outra pessoa em Petrolina (Foto: Ilustração)

Um homem de 22 anos foi preso na noite da última quinta-feira (21), após estuprar uma mulher de 44 anos. O fato foi registrado no bairro DER, em Lagoa Grande (PE). A vítima relatou a Polícia Militar que o agressor invadiu a residência, se trancou com ela e a ameaçou com uma faca antes de cometer o ato.

Após o estupro ele tentou fugir pulando muros de outras residências, mas foi detido ao final da rua. Os policiais não conseguiram localizar a faca utilizada por ele. A violência sexual foi constatada através de um exame sexológico.

Ainda segundo a 7ª CIPM, o preso já havia estuprado uma outra mulher no mês de abril, na zona rural de Petrolina. Ele foi autuado em flagrante e encaminhado à Delegacia de Polícia Civil de Cabrobó, onde ficará à disposição da Justiça.

Paulo Afonso: homem é preso após torturar e esfaquear ex-companheira

Vítima foi mantida trancada em casa, torturada e esfaqueada (Foto: Ilustração)

Um homem foi preso a noite de sábado (16), suspeito de tentar matar a ex-companheira em Paulo Afonso (BA). Segundo a Polícia Civil, ele não aceitava o fim do relacionamento, a manteve trancada em casa e a esfaqueou com um punhal.

A polícia foi acionada por vizinhos e conseguiu impedir o feminicídio. A vítima relatou que o agressor utilizou spray de pimenta e aparelhos de choque para feri-la. O homem ainda cortou o cabelo dela com o punhal usado para esfaqueá-la.

Ele foi autuado em flagrante por tortura e tentativa de homicídio. A vítima foi encaminhada ao hospital, mas até o momento não há informações sobre seu estado de saúde. (Com informações de A Tarde).

123